PplWare Mobile

Vendas do iPhone abrandaram, mas as perdas da Apple foram menores que o esperado


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. Francisco Pinto says:

    A Apple teve prejuízo?

    • Jorge Carvalho says:

      Nao 🙂

    • Vítor M. says:

      Isso não, e dificilmente terá. Isto porque quando tens um mercado desta dimensão, quando tens uma oferta tão grande de produtos e serviços, dificilmente (só por grande incompetência) não dás a volta aos resultados.

      Claro que vendeu menos, mas ainda assim, como aumentou os preços, o impacto foi menor.

      Dou-te como exemplo o caso das baterias. A Apple baixou uns dólares as baterias, teve um impacto de milhões de dólares. Dinheiro que não entrou. Mas a Apple foi culpada e, por isso, tentou resolver. Mas se amanhã aumentar um dólares nas baterias e num ano vender 3 milhões de baterias, só de aumento são 3 milhões de dólares. Se em cada cabo, acessórios, aumentar 1 dólar, coleciona facilmente dezenas de milhões de dólares em acréscimo.

      Agora, o vermelho ali está na baixa de vendas dos iPhones, que são o produto mais rentável e quem puxa pelos enormes lucros. Mas a culpa é da Apple, que faz questão de explorar novos mercados com conceitos que deveriam ter já alguns anos em cima. Mas funciona? Claro que sim. basta ver que não mexeu nos últimos anos no conceito basilar do iPhone e colocou a China a vender como pipocas.

      Se conseguir, como vão tentar, virar-se para a Índia, novamente venderão como pipocas, mas o mundo está a mudar e eles estão a ser cautelosos. O conflito entre os EUA e a China está a fazer a Apple pagar para ver. O conflito entre a Europa e o RU também está a fazer a Apple pagar para ver.

    • Vítor M. says:

      Pois claro, lá está o poder de jogar com os preços e tentar entrar em mercados que não têm grande relevância, como a Índia ou o Brasil. Que baixem os preços também dos serviços, que hoje o preço do iCloud é só indecente.

      • Dumberdumber says:

        espera…estas a dizer que india nao te relevancia? hahaha tipo reforma-te essa cabeca nao presta para nada.

        • Vítor M. says:

          Se não percebeste o que disse… essa da cabeça foi alguém que te disse, só pode! 😀 Mas eu ajudo.

          Existem fortes entraves, para que estes mercados sejam relevantes hoje.

          De forma muito fácil, a sério, mesmo muito fácil, dou como exemplo o Brasil é as altíssimas taxas aduaneiras e impostos sobre este tipo de produtos. Assim como o fraco o oder de compra, face a um mercado de 200 milhões de consumidores. A Índia o problema é igualmente o poder de compra e a falta de organização interna, quer em operadoras, quer na questão fiscal.

          Acho que fui mesmo muito simplista a ver se percebes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.