Quantcast
PplWare Mobile

Tem um carro marca Volkswagen ou Seat? Há um problema no cinto de segurança

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Pedro says:

    Dentro do grupo VW se fosse só este o problema….

  2. F. F. says:

    E o problema de travagem dos Seat Ibiza novos que a Seat Portugal recusa arranjar e diz ser normal? São cada vez mais e basta pesquisar no youtube para ver videos de clientes a queixarem-se de um ruido intoleravel a travar e só cá, a Seat diz que é caracteristico ter ruidos a travar em 1 de 4 rodas.
    Estas marcas andam a perder alguma qualidade e acima de tudo nota-se uma diferença grande da VW para Seat em que enquanto na VW assumem defeitos e tentam corrigir, na Seat é dizer ao cliente ser tudo normal…

  3. Paulo says:

    Tambem a toyota tem varios defeitos agora ė no airbag e no sistema de travagem traseira que não querem admitir o defeito, comigo foi o fim da marca vou pensar bem quando for comprar carro novo

  4. eu says:

    Que está a acontecer na vw? É só problemas…

  5. João Luís Lopes Neto Brandão says:

    Tenho um toyota yaris diesel 1400,Apesar de ser verdade que o concessionário Toyota procura corrigir,voluntariamente,os problemas técnicas quando eles aparecem, também é verdade que nunca conseguiram eliminar a chiadeira dos travões,especialmente em tempo seco(o modelo que adquiri tem discos às quatro rodas).Dizem sempre que é devida ao facto do amianto ter sido proibido,e as novas ligas não possuírem a mesma eficácia de insonorização daquele,não obstante a eficácia e segurança da travagem.

  6. R!cardo says:

    Estou safo desta porque o meu VW só tem 4 lugares

  7. Ze Costa says:

    Aprecio todos os comentarios, e so tecnicos cada um melhor que outro! Aprendam e saibam do que falam!

  8. Pedro Lucas says:

    Não há stress. Não vos vāo indemnizar nem pedir desculpa, quando muito mandam-vos uma carta a ameaçarem que vos denunciam ao IMT se não forem arranjar o problema mal eles vos ‘mandem’. Digo isto porque foi exactamente o que me aconteceu como vítima do Dieselgate/EA189.

    • Pedro says:

      Ora bem…
      Junte-se o Dieselgate e os testes na EUGT, no qual usaram macacos e seres humanos que inalaram emissões de gases diesel e está tudo dito.

  9. MC says:

    Para além deste problema, há um outro que tem a ver com os contatos dos sensores. No meu Golf tive que desligar a ficha debaixo do banco senão o sino não se calava.

  10. Lixado says:

    Treta de marca .

  11. Mike says:

    A audi pediu para que lá fosse para visita regular fazia parte da garantia aos 210000km… em relação ao assunto aqui é claro que existe defeito em todos as marcas e modelos uns toleráveis outros não, revisões na marca é provável que os defeitos não se encontrem e existe sempre a garantia da reparação… Calços de travão baratos demais trazem constantemente problemas… Em geral as marcas assumem reparações e problemas quando revistos pela marca (garantia após intervenção.

  12. paulo rodrigues says:

    Que saudades do 190… um dos melhores carros produzidos até hoje em relação qualidade/preço. Por isso ainda circulam alguns táxis em Lisboa com este modelo, pese embora que muitos já são o “acumular” de vários outros… por vezes vou atrás de um deste modelos, 0 2.5D com mais de 30 anos… nem ponta de fumo mesmo em aceleramento… o Sportline 2.5TD então… a gasolina, possuindo injecção mecânica, já não me agrada uma vez que a instalação GPL pode ser problemática.

  13. Pedro says:

    Por trabalhar numa compainha de seguros, tenho acesso a todos os pormenores sobre a fiabilidade de todas as marcas e modelos, através das oficinas e serviço de reboques e mais algumas informações que não se pode tornar públicas.
    O analfabetismo de alguns tugas é assustador, escrevem como fossem verdades absolutas. Triste ser tuga sem conhecimentos. Obrigado por alguns comentários, lúcidos e esclarecidos

  14. Wishmaster says:

    VW e marcas do grupo VW.. Apesar de todas as marcas terem problemas, a VW já não é o que era, mas as pessoas continuam a comprar.. Cá por mim, marcas alemãs nem pensar, não porque não sejam bem construídos (porque são), mas precisamente por ser alemão. Forma de embargo económico por eles e os seus comparsas franceses subjugarem os outros países através da aclamada União Europeia que mais não é do que uma forma subtil de domínio que na História sempre tentaram implementar (Império Romano, Napoleão, Hitler, etc…) e continuará a existir, se bem que de forma camuflada.
    Dos milhões que nos dão, cortam-nos as pernas noutras questões (quotas no leite, quotas nas pescas), não dispomos de política monetária, não dispomos e não taxamos a circulação de navios na nossa ZEE, entre muitas outras questões.

  15. Interessado says:

    Tenho uma Renault 4 TL de Nov/1989, não tenho estes problemas!? mas também não tem travões, mas sim abrandadores 🙂

  16. francisco says:

    Boa tarde pretendo saber se têm cintos para carro EOS ano 2007 frente e a tás ,qual o preço, OS meus agradecimentos.

  17. Isabel says:

    Será que aqui alguém me pode dizer que marca e modelo é a melhor, que tenha 5 anos ou menos? É que eu como não entendo nada de carros, a ver se aqui alguém me pode esclarecer. E que o preço não seja Muito elevado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.