PplWare Mobile

Serviços de IPTV pirata geram mais de mil milhões euros de lucro na Europa


Fonte: EUIPO

Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. justaguy says:

    Bem,
    Enquanto SportTV cobrar um absurdo de mensalidade para ter os canais, a resposta é o IPTV.

    • Louro says:

      Bem,
      Enquanto a Ferrari continuar a cobrar um absurdo por um Ferrari e pela sua manutencao, a resposta é roubar um e andar com ele enquanto a a policia nao se aperceber.

      Quando se aperceberem, deixo na beira da estrada e roubo outro, tipo GTA.

      • Stélio Ivan Simbine says:

        A diferença é que com IPTV ninguem está a roubar. não está a ser subtraído nada de ninguém

        • GM says:

          Está sim! Está a roubar a possibilidade a outro ladrão de praticar valores obscenos.

        • Hugo says:

          Estás a replicar conteúdo alheio e a lucrar com ele. Se não percebem onde reside o problema deste procedimento não tenho mais nada a dizer.

          • GM says:

            Hugo, os operadores (MEO, ZON, NOWO, VODAFONE) também estão a replicar conteúdo alheio, não o produzem. Apenas pagam para o poder fazer. Ora, quem tem subscrição de tv por cabo, paga a sua subscrição, certo? A que propósito tem de “levar” com publicidade, seja nos canais generalistas seja nos temáticos??? E porque razão a SPORT TV custa a obscenidade que custa? Para encher o XX a FPF, FIFA, UEFA, e mais uns quantos. Não é pelo custo real da transmissão, são os “direitos”. Ora, quem opta por IPTV, fá-lo porque não está para estar a compactuar com esse negócio. É verdade que está a pactuar com outro, eventualmente ilícito, mas apenas porque não está a pagar impostos (razão única pela qual as autoridades se importam com o tema) e por causa das denúncias dos operadores que deixam de vender, e de pagar os respectivos impostos (IVA e IRC). Resumindo, não uso o conceito, mas também não condeno verdadeiramente quem opta por usar.

          • Stélio Ivan Simbine says:

            Sim está, mas não está a subtrair do proprietário, então não é roubo. A sportv continua a fazer milhões mesmo assim

        • Kokas says:

          Façam como eu,não tenho nada disso em casa porque não ando a ganhar dinheiro para engordar porcos exploradores,10 euros todos assinavam e já não piratas e ganhavam bem mais sem andarem a explorar.
          Façam como eu que depois ou baixam ou fecham

    • Filipe Fernandes says:

      Penso da mesma maneira. Não tenho dúvidas nenhumas que os senhores destes canais premium prejudicam muito mais o país do que os utilizadores que pagam 5€ por mês para ver a bola. Preocupem-se com os Salgados, Sócrates, Zeinal Bavas, Berardos, etc, etc. Esses sim roubam o país mas à grande!

    • Kokas says:

      Concordo em absoluto,em Portugal tia a gente quer ganhar muito bem que seja a explorar o próximo e os políticos em nada se preocupam com isso

  2. Gigbola says:

    Só por curiosidade, como conseguem esses serviços funcionar? Aonde vao eles buscar a fonte/sinal/etc de tanto canal e depois multiplicar o serviço?

    • Nuno Monteiro says:

      É simples, por detraz de toda a stream está uma stream verdadeira, alguém que paga por todos os serviços no mundo, seja via pc ou tv. Esse alguém depois recolhe a chave de stream através do browser (“Isto tudo através de um servidor”) e partilha a mesma para os restantes. Obviamente de modo a proteger as chaves que tem na sua posse, cria uma pasta num serviço IPTV e partilha a mesma casa exista pagamento.

  3. DUMDUM says:

    E ainda bem que existem estes serviços, posso criar a minha grelha de canais, os que realmente tenho interesse em ver, tenho oferta de canais de de toda a europa, com melhor programação e diversidade, existe a opção de gravação também, já que os canais em portugal é só palha, a indústria não perde, afinal de contas é preciso de internet, paga-se o serviço de internet e já é muito bom.

  4. Carlos Fernandes says:

    “Cerca de 3,1% da população da União Europeia é adepta da pirataria via IPTV” não é adepta, simplesmente o mercado não está regulado para os interesses dos cidadãos.

    “Há ainda uma atenção especial da EUIPO aos canais onde este tipo de propostas são promovidas. YouTube, Facebook” e aqui está uma oportunidade de mercado, criar uma plataforma de vídeos com acesso encriptado e descentralizado, para publicar vídeos e conteúdos que os Lobbys, não queiram que se conheça.

    Relativamente à Pirataria por IPTV, deveria ser do interesse da U.E. em combate-la tendo em conta que é dos impostos que os Estados se financiam. Mas enquanto governos da U.E. criarem paraísos fiscais para as grandes multinacionais fugirem ao seu dever, todos os cidadãos europeus devem promover o máximo da partilha de serviços.

  5. PN says:

    Conseguem me dizer qual é o melhor serviço de IPTV que neste momento se pode contratar? Ouvi Dizer que existem vários serviços que andam sempre a “crashar”…

  6. Filipe says:

    “Mesmo com serviços de streaming cada vez mais baratos…” OK, mas serviços de filmes e séries, mas 99% das pessoas adere ao IPTV ilegal por causa do futebol, exactamente porque aí não há serviços de streaming baratos.

  7. acf says:

    Então vejamos o orçamento legal para um fã de futebol:
    SportTV (Liga NOS) – 28€
    BTV (se for benfiquista para ver os jogos em casa) – 10€
    Eleven Sports (para ver a Champions) – 10€
    Juntar mais um pacote básico de TV/Voz/NET – 30€
    Total – 78€

    E nem estou a adicionar os custos de outras comunicações como telemóveis.
    E nem estou a adicionar os custos com plataformas de streaming.

    Parece-me que IPTV vem para ficar e so deverá aumentar uma vez que os serviços estão cada vez mais distribuidos por diferentes plataformas e ter de pagar uma mensalidade por cada uma delas torna-se proibitivo.

  8. raminhos says:

    quando a Eleven Sports vai testar “pay-per-view” em Portugal por 5 euros por um jogo de basquet esta tudo dito….

  9. ZeMaro says:

    “Mesmo com serviços de streaming cada vez mais baratos…”

    onde estão esses serviços?

  10. Tvlio Detritvs says:

    Todas as operadoras têm milhões de lucro anuais.
    Lágrimas de crocodilo, valem o que valem.
    Baixem o preço dos serviços, chulos.

  11. Vsousa says:

    “Mesmo com serviços de streaming cada vez mais baratos”? Onde estão esses serviços? O preço elevado dos canais de televisão “convidam” ao uso da pirataria. Para termos a grelha toda disponível são precisos mais de 100€ mensais, e mesmo assim levamos com publicidade! Alem disso é um absurdo não podermos personalizar inteiramente o nosso pacote de canais, podendo assim por um valor justo termos os canais que realmente queremos. É um lobby bastante rentável em Portugal, as operadoras facturam balúrdios, patrocinam equipas de futebol com valores astronómicos, e de um modo geral são péssimas a zelar pelo interesse do cliente. Por isso não tenho pena nenhuma, se tivessem prejuizo podia ser que abrissem os olhos.

  12. Marcio says:

    As operadoras já começaram a fazer bloqueios ( Traffic shaping) nos dias de jogos no IPTV mas a malta com VPN já consegue contornar a situação..

    • Tvlio Detritvs says:

      Parto do princípio que as operadoras analisam o tráfego e se virem que está a ser direccionado para um certo lugar, cortam e não tem acesso.
      Cambada de inúteis, não é assim que se combate a pirataria.
      Há sempre maneira de dar a volta, não há maneira de aprenderem.
      Até ver, com vpn resolve se esse problema, falta saber até quando….

  13. Manu says:

    Se nos europeu, ganhesemos 9.000 euros como os deputados em bruxelas, fora mais uns pozinhos… E ja agora quantos dos que la estam em bruxelas nao vem contiudos na net …

  14. Antidogmata says:

    Muito sinceramente já me mete nojo a quantidade de notícias persecutórias aos serviços de iptv. Não há semana que passe sem que o pplware lance mais uma campanha de desinformação acerca do assunto. Já irrita…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.