Quantcast
PplWare Mobile

Portugal: Politécnicos juntam-se para criar ventiladores para hospitais

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. JBC says:

    Atitude de louvar.

    #fiqueemcasa

  2. Avlis says:

    Em alturas em que é preciso passar das palavras à ação, aqui está o problema de Portugal e de muitos outros países.
    Com base num modelo de acesso livre disponibilizado pelo MIT (Massachusetts Institute of Technology), uma equipa, que contou sempre com o acompanhamento de médicos, cria protótipos, mas depois fica-se à espera que alguém lance um concurso ou que uma empresas se mostrem interessadas em avançar com um processo de licenciamento junto do Infarmed para depois haver a disponibilidade de fabricar os ventiladores em série.
    Se é um modelo de acesso livre, contou sempre com o acompanhamento de médicos, não existe a porcaria de um governo nomeie alguém, que crie uma portaria para que seja atribuída a uma empresa a produção imediata dos ventiladores? Se quiserem criem um concurso publico com o prazo de resposta de dois ou três dias, mas passem das palavras à ação.
    Entretanto pode ser tarde de mais.
    Infarmed??? Primeiro que respondam já foi criada a vacina.
    O que digo serve para tudo, para agora e para o futuro, para esta situação, para os ventiladores, para a produção de equipamentos de proteção, batas, máscaras e todos os outros tipos de equipamentos necessários.
    Temos mão-de-obra qualificada, indústrias capaz, agora toca a produzir.
    Portugal e as politiquices as suas, as suas comissões de inquérito, os tachos, o amanha é que vai ser. É por estas e outras que depois não vamos a lado nenhum.

  3. ToFerreira says:

    Ultimamente não parecem faltar ofertas de ventiladores, resta saber é quem é que os vai operar, com a escassez de recurso humanos do SNS.

  4. Elio Nelson Pestana Duarte says:

    ATENÇÂO….

    NESTE site do facebook estão ao concentrar todos os pdfs e planos de elaboração de equipamentos OPEN SOURCE para dispositivos necessarios para o COVID-19

    https://www.facebook.com/groups/opensourcecovid19medicalsupplies/

  5. cakoh says:

    Isto é tudo muito bonito, mas os equipamentos medicos precisam de cumprir certificaçõe rigorosas por algum motivo. E essas certificações não acontecem de um dia para o outro, quando isso não acontece temos casos como o da Boeing.
    A questão que é preciso colocar é: gostavam que um destes equipamentos fosse alocado a um familiar vosso? e se ele morresse como é que iriam reagir?

  6. Zépicas says:

    Impecável

  7. Joao Ptt says:

    Gente, é um vírus, transmite-se pelo ar.

    Malta da indústria fabriquem e distribuam, a pouco mais que o preço de custo:

    – máscaras eficazes para filtrar até ao nível do vírus em si, a toda a população, para os próximos pelo menos 2 anos;
    – luvas descartáveis;
    – óculos de protecção para a vista;
    – desinfectantes para as mãos e material não descartável.

    Se possível utilizar materiais amigos do ambiente.
    Indicar como usar e descartar de forma apropriada.
    Vender tanto em separado, como em conjuntos.

    E parar aquela gente que diz que máscaras não servem para nada, se não servisse para nada os médicos, enfermeiros, etc. não eram aconselhados a usá-las… e se não serve para nada porque é que em Macau onde quase toda a gente usa máscaras só tem aparecido casos novos de pessoas que veem do estrangeiro?

    Distância social não funcionou, e nunca vai funcionar a menos que absolutamente ninguém saia de determinado local durante tipo 40 dias, as pessoas são sociais e vão querer conviver e estar próximas umas das outras… tem de ser pelo lado da protecção individual de todos em simultâneo.

  8. CaptainObvious says:

    Só espero que não comecem com os bairrismos de Universidades vs Politécnicos! É hora de todos se juntarem.

  9. zezinho says:

    milhares morrem de gripes comuns e afins todos os anos, mas só agora é que se dão ao luxo de distribuir ventiladores…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.