Portáteis e tablets proibidos em voos para os EUA


Destaques PPLWARE

25 Respostas

  1. LG says:

    Um dia ainda vão pedir aos velhotes para desligarem os pacemakers deles…

    Tão paranoicos… mas têm razões de terem desde o 9/11

    • Zé Pedro says:

      esquecem-se que os ataques do 11 de setembro foram feitos com voos domesticos.

    • David says:

      11 de Setembro foi encomendado por Americanos…
      As 2 torres derreteram, mas conseguiram recuperar o passaporte de um dos terroristas que ia no avião?… lol

      • Guiomar says:

        Até parece que era preciso na história um passaporte sobreviver para ter os números de passaporte e identificação de todos os passageiros, incluindo terroristas!

        • José Moreira says:

          Concordo plenamente contigo, Guiomar. Eu fui aos EEUU ainda nem se sonhava com terrorismo. Fui CONVIDADO pelas autoridades americanas. Logo à entrada, em NY, fui submetido a um interrogatório tão cerrado, que acabei por perguntar: “Mas vocês ainda não perceberam que VOCÊS é que me convidaram?”. Paranóicos é elogio.

        • jorge santos says:

          Ora nem mais…

    • Xinuo says:

      Isso é teoria da conspiração. Cadê as provas?

      • José Moreira says:

        Há pessoas que, propositadamente ou por ignorância, confundem o impacto dos aviões com a implosão das torres. São coisas distintas, senhores! A implosão foi, naturalmente, provocada. Para não me alargar muito: os edifícios estratégicos (e não só nos EEUU) estão preparados para serem destruídos em caso de guerra, ou catástrofe. Só um exemplo: estava eu na tropa, a tirar o curso de Minas e Armadilhas. Construía-se a Ponte da Arrábida, no Porto. E eu aprendi a destruí-la: onde colocar os explosivos, pesos, etc.

  2. jorgeazevedo1 says:

    Os executivos podem usar os Smartphones HP Elite e os Lumias com W10 que rabalham na mesma.

  3. Alvega says:

    Quem semeia VENTOS, colhe TEMPESTADES. Os EUA foram os grandes IMPULSIONADORES da globalização desenfreada, retiraram disso benefícios enormes, mas estão a perder o CONTROLE da situação, e tal qual a pirataria informática anda sempre um passo a frente das autoridades, quem quiser provocar danos nos EUA tem MONTES de maneiras de o fazer, isto não passa de “cosmética” para desviar atenções. Os países atingidos pela medida e por outras igualmente estúpidas, deveriam RETALIAR, na mesma moeda, bloqueando TUDO o que provenha dos EUA, TUDO MESMO. Fiquem descansados que o Mundo não acabava.
    PS: tal como o meu Sporting nunca passa do Natal (infelizmente), eu prevejo que o Louro (talvez burro), também vai ser CORRIDO num curto prazo de tempo, veremos.

    • jorge santos says:

      Curiosamente é previsamente pelo facto da globalização não existir que os terroristas se podem esconder em países islâmicos. Curioso não!?

  4. Allucard says:

    Não existe razão para tal acção visto que não existe interacção entre o sistema multimédia ou rede com os aparelhos que permitem o bom funcionamento da aeronave e os protocolos de comunicação são diferentes… Logo a razão é porque razões.

  5. Toder says:

    olha que na alemanha houve um crescimento de 50% nas licenças para pose de arma

  6. Pedro says:

    Os ordenados são maiores, aonde? Em Portugal? O salário minimo nos EUA é de 1300 dollars e a economia é sem dúvida mais competitiva e avançada que na europa.

  7. Rui Moritz says:

    Pura “trampa”!

  8. Pai de Burro says:

    Parece que os Ingleses, tal “compagnon de route” decidiram seguir o Exp. dos EUA, somente falta o J.M.Aznar e o Durão Barroso, para a troup estar completa.
    Lembrei-me que há uns tempos Chris Roberts, conseguiu invadir sistema de avião durante voo,desde o seu lugar como passageiro. Foi dito que era TRETA, mas por o que se vê,por estas medidas contra Portáteis na cabine, não deve ser assim tão difícil, invadir e sequestrar um Avião.

  9. 111111a says:

    “Murika…. Fk yeah!”

  10. José Rodrigues says:

    Atenção, o ban dos US é por 96 horas, não é um ban permanente, e o UK seguiu o exemplo, escusado será dizer que a inteligência sobre ameaças é partilhada entre ambos os países e poderá haver algum motivo desconhecido para o público.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.