Quantcast
PplWare Mobile

Para estar seguro no seu Android, tire-lhe a bateria

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Vítor M.


  1. Luis Costa says:

    Fiquei agora na duvida, “Com estas acções já controladas, o malware aplica a si mesmo permissões de root. “, é possivel funcionar em telemoveis rootados e não rootados?

    • rmcrys says:

      Näo há duvida é que as empresas de venda de anti virus e afins injectam uns codigos para criar duvida e vender software como bolinhos quentes

      • A. B. Braga says:

        Duvido que as empresas de anti-vírus pague, ou tenham equipes para desenvolver tais, se há milhares a fazê-lo com outras intenções e dando-lhe lucros sem nada lhe pagar!

      • Artur Oliveira says:

        os segurança da AVG, dizem uma coisa, da Kaspersky dizem outra, do Avast idem, e por aí fora; isso cheira a publicidade barata para convencerem os utilizadores a comprarem os seus pacotes. Compra quem quer, mas no meu smartphone uso um antivírus open source e ainda não tive nenhum problema de segurança. Mas é óbvio que cada um faz as suas opções. Na parte que me toca, raras vezes sigo as opiniões dos especialistas

  2. Ricardo Gaio says:

    Foogoooo, já nem sei que pensar… Se calhar o melhor é deixar de usar todo e qualquer dispositivo ou então deixar de ler…! 😀

    • Vítor M. says:

      Se até nos ferros de engomar, nos cigarros electrónicos e nos frigoríficos já apareceu malware… agora pensa 😀

    • knom says:

      voltar atrás no tempo usar “dumbphones”
      porque os “smartphones” estão cheios de bloatware e malware

      • Luis says:

        ou usar windows phone, que está imune a essa treta toda!

        • Alvaro Costa says:

          Como utilizador muito orgulhoso de WindowsPhone (e os anteriores PocketPC e Windows Mobile), aconselho-te a ter calma!
          Quando o WindowsPhone for considerado de massas vais vê-los a aparecer 🙁
          Aconteceu o mesmo com a Apple e o MacOS!

          • Luis says:

            Não me parece pois o WP é completamente fechado, não permite roots nem acesso indevido ao SO ou ao espaço das outras apps.
            O curioso é que os SOs associados ao Unix/Linux é que tinham essa fama e agora é mais o contrário. Pode-se dizer que a MS aprendeu alguma coisa… (a Google ainda não)

          • int3 says:

            @luis
            chama-se a isso microkernel. Tens SO’s unix-like que sejam microkernel….
            Mas pensa bem, o WP deve ter serviços que corram como administrador certo? por isso deve haver maneiras de correr software como admin, mesmo que seja fechado.

          • Luis says:

            @int3
            Sim, mas esses serviços são do SO exclusivamente e a MS protege-o por hardware (com Hash ou algo parecido) desde o momento em que ele começa a iniciar. Até agora os poucos que conseguiram fazer algo parecido foi com um Samsung (e ela nunca se preocupou minimamente em proibir isso).

        • Antonio Costa says:

          nao sejas fanatico, nao ha nenhum SO isento de malware, queres um telemovel limpo e seguro? compra o NOKIA 3310—-

          • Luis says:

            Não se trata de ser fanático mas sim de compreender como um SO pode ser desenvolvido. A MS testa as apps ANTES delas ficarem disponíveis na loja, ao contrário da Google. Claro que mesmo assim pode passar alguma, mas há-de ser só essa e nunca irá estragar/interagir com as outras ou o SO de forma maligna. Até as modern apps no windows em pc são assim. Investiga.

          • Fernando says:

            Ai está a resposta adequada!cmps.

  3. mzzr says:

    “Com estas acções já controladas, o malware aplica a si mesmo permissões de root. De seguida, injecta o processo system_server para ligar o objecto mWindowManagerFuncs.”

    só quem tem root, né? quem não tem root não precisa tirar bateria

    • Gato Preto X says:

      Basta uma app bem feita, para teres acesso root…

      Por exemplo, towelroot…

      • Vítor M. says:

        Entre outros, mas é por aí claro!

        • mzzr says:

          towelroot não funciona no android 5. só versões anteriores

          • Gato Preto X says:

            Também não interessa…

            Só 1.6% é que tem Android 5…

          • Miguel Clara says:

            Também não funciona em ROMs que estejam atentas a isso…

            Ex. um OnePlus One atualizado (não sei precisar se o mesmo se verifica para outras ROMs CM11 based)
            não é vuneravel ao towelroot.

            Além disso tinhamos primeiro de instalar a app… depois o malware… há sempre ingenuidade do user pelo meio, tal como em nos PCs.. onde a mairia usa contas com acesso admin (Windows) e clica em tudo que vê.

            Mas já agora uma questão quanto ao malware em si…. supostamente ele “da root a si proprio”… mas tendo o SuperSU instalado o mesmo permite fazer o “su” como seria em qq linux, mas avisa do facto… qq app que tente elevar a acesso com o “su” teria de ser permitida 1º.
            Neste caso não?

          • Miguel Clara says:

            P.S. E eu antes do “malware” tinha receio também do próprio AVG e outros do género… é só ver as permissões que pedem.

            Localização… SMS e Chamadas, contactos…. lol

            As pessoas preocupam-se com o acesso root tanto mas dar toda a info do telem de graça e assinando por baixo que concorda a terceiros já é “seguro” 😐

  4. DoContra says:

    A chatice é que há telemóveis que não conseguimos retirar a bateria. Pelo menos sem “rebentar” com o bicho! 🙁

  5. Xtr3m3 says:

    Cada vez mais ando inclinado a comprar um iPhone 6.

    É com estas noticias que leva-me a pensar que o Android com o passar dos anos está cada vez mais perigoso comprar um smartfone com o sistema Android.

    É a realidade.

    • Rui C says:

      Android só em tablet’s e é para BRINCAR , para assuntos sérios, existem outras alternativas.
      iOs claro!

    • Vítor M. says:

      Com o passar dos anos o Android está muito melhor, isso é uma certeza, agora está também a ficar mais fechado, mais controlável, isso também é sinal que estão a aprender alguma coisa.

      Mas de facto há mercados, pela sua falta de regras no controlo das apps, porque não existe a Google Play e porque não há lei que lhes olha mão em cima… fazem de tudo para roubar.

      • int3 says:

        É graças a artigos aqui no pplware que levam muita gente a pensar no contrário Sr Vítor M….

        • Rui C says:

          Os artigos aqui do PPLWARE só elucidam que apesar do android apresentar ao longo dos anos algumas melhorias, ainda não chega aos calcanhares do iOs. E isso tem que ser referido, visto que andam aqui muitos iludidos.

          • Vítor M. says:

            Depende do ponto de vista. Ao nível da segurança nas versões modernas as coisas já não estarão atras de qualquer outro sistema operativo, o mal são as outras versões, o grande mercado do Android. Agora, o Lollipop por exemplo, é só por si um grande avanço.

          • int3 says:

            Rui C.
            Eu tenho um iPhone 5S e um macbook pro retina 11,1. E declaro que o ANDROID a nível do utilizador é muito melhor que o iOS de LONGE. Eu já tive um android e a minha namorada tem um wiko com kitkat. A única coisa que me levou a comprar iPhone foi por facto de ser iOS e eu quero simplesmente explorar o sistema ao maximo, programar etc… o OS X para mim foi como um Linux premium. muito software que usava no Linux (openSUSE na minha workstation) dei port para aqui. Simplesmente tu Rui és mesmo tapado para só ver a maçã á frente. Existe muito mais. alarga os horizontes. Exprimenta tudo.
            Queres que diga o que é mau no iOS? Queres que diga o que é mau no OS X? Estamos a falar do software ou do hardware? existe diferenças.

            iOS: – não podes alterar alguma coisa na UI. Tive que dar jailbreak , que agora nem o tenho para jogar ingress, para alterar um pouco o interface. Isto para mim é muito mau.
            – Ligar os dados para receber MMS’s ….
            – Não posso ler MP3…
            – Não posso aceder aos ficheiros do sistema…
            – Não suporta dual SIM…
            – Não suporta SD externo…
            E outras coisas que vou encontrando pelo dia a dia .
            O meu macbook podia ter umas specs muito melhores. não sei porque não querem por… mas para isso tenho a minha workstation.

    • TheosKratos says:

      Se vais com esse pensamento, deixa que te diga que vais mal entao. Tipo, ios e relativamente mais seguro que android, verdade. Mas nao e imune. Portanto e tudo uma questao do que queres e gosto pessoal, pq se vais fugir do android para ios so por causa disso, tambem tens muito malware para ios por ai. Choose wisely my friend 😉

      Cumps

    • Oliveira says:

      Não tenhas ilusões, a diferença é que a Apple fornece as informações directamente à NSA. Num mundo tão digital, a privacidade é algo no mínimo….relativo

    • Joao says:

      Eh eh, estamos sujeitos a isto tudo em todos os sistema que ligam à Internet e quanto ao IOS, dado a descontracção dos utilizadores e o pensamento de que a mim não vai acontecer, quando acontecer, vai ser bem pior

    • traveller says:

      Depois quero ver como tiras a bateria do iPhone 6 🙂

  6. Carlos Alberto says:

    Vitor M …. e que tal fontes da noticia ?

    Nenhum dos principais canais internacionais de noticias falam do assunto

  7. Carlos Alberto says:

    http://now.avg.com/malware-is-still-spying-on-you-after-your-mobile-is-off/

    Estranho … apenas a AVG fala do assunto com print screens em chinês… hummmmmmmmmm

    Acho isto no mínimo duvidoso!

  8. JJ says:

    Muitas das coisas que aparecem nos filmes, são possíveis de transpor para a realidade… As vezes a malta é que pensa que aquilo é 100% ficção.

  9. J T says:

    A fonte é a própria AVG, mas encontrei vários sites que mencionam a noticia:www.bgr.in/news/new-android-malware-spies-on-you-even-when-phone-is-switched-off/

  10. David Ferreira says:

    é tudo muito giro, mas para o malware já lá estar tem de haver alguem que tenha o root e dê permissoes de root a alguma app que contenha esse malware.

    O café não entorna se o copo estiver vazio 😛

  11. J T says:

    E no ano passado a CNN já tinha lançado uma noticia a propósito da NSA conseguir fazer o mesmo com qualquer smartphone:money.cnn.com/2014/06/06/technology/security/nsa-turn-on-phone/

  12. Ricardo Pontes says:

    Isto está muito mal explicado… Mesmo muito mal…
    E o malware só consegue fazer isto com root!
    Ora com root, nem é preciso isto tudo. Com root qualquer coisa é possivel!
    Basta pensar no Xposed que mete “hooks” no codigo do android. É basicamente o que o malware faz.

  13. DSpinola says:

    Creio que para se estar seguro num Android devemos apenas nao o usar! Simples…

    • Rui says:

      Como tenho android e iPhone posso dizer, para se estar seguro o melhor é não ter 🙂

      • int3 says:

        eu tenho tudo. exepto tudo que seja da microsoft. E digo que nada é seguro mas isto é fazer uma tempestade num copo de água. e eu como estou no ramo da segurança informática (escalando para ter o mestrado disso) acho que as empresas de “segurança AV” fazem de preposito. Assim como a industria farmaceutica iria ganhar muito dinheiro se saísse aí um víruszito…

  14. Rui C says:

    Android’s só para fazer de pisa papeis mesmo.

  15. Nuno Sousa says:

    Imaginem que mesmo que tiremos a bateria ainda existe uma bateria interna para fazer mais “Cenas maradas”.

    O risco de ter tecnologia e paranóia das pessoas está intimamente ligada.

    O melhor mesmo é não ter nada. ou um Nophone.

  16. O Tenro says:

    De certeza que os “especialistas da AVG” já enviaram um fix para os seus clientes pagantes…

  17. e que tal says:

    optar por um Blackberry???
    hein?!?

  18. Abílio says:

    O blog de onde vem a notícia:
    http://now.avg.com/malware-is-still-spying-on-you-after-your-mobile-is-off/
    E terminam com:
    “Luckily, this malware has been detected by AVG. And next time if you want to make sure your mobile is really off, take the battery out.”
    Mais valia dizer para instalar o AVG, e este o detecta para quê sugerir tirar a bateria?
    No battery, No AVG Lol

    • Francisco Pinto says:

      Lol!
      Simples! O AVG a única coisa que consegue fazer é detectar o malware! Não consegue desativá-lo! A única maneira é mesmo tirar a bateria…!

  19. Rui Moreira says:

    Vendo aquilo que li no artigo o Malware nao aplica a si proprio as permissoes de root coisa nenhuma , passo a citar o artigo da AVG “First, it applies for the root permission.” ou seja pede ao utilizador permissões de root, e claro que se o telefone estiver “rooted” isto pode não acontecer , e a app pode obter as tais permissões maléficas. Por outro lado isto parece me um bocado a historia do “comprem os nossos produtos senão coisas mas podem acontecer!!!”

  20. Ricafdo says:

    Nem sei porque ainda nem dou ao trabalho de ler os comentários…

    Parece que há users que são pagos para falar mal do Android em toda e qualquer circunstância.

  21. alex says:

    ficar a carregar no power força o encerramento por hardware! ou estou errado?

    • Vítor M. says:

      Pelo que diz no relatório da AVG o processo é sempre “digital”, vai deslustra sempre um processo, seja ele qual for, pelo que está descrito, há sempre forma de atacarem e subverterem o processo. Seja pelo método do botão fisico seja pelo botão no ecrã… vai dar ao mesmo.

    • Mr.Antunes says:

      Estás certo! Senão a quantidade de pisa-papeis que andava por aí era enorme, era só fazer uma pequena asneira e era brick certo…

  22. Arménio Teixeira says:

    A mais simples solução passa pelos fabricantes passarem a incorporar um interruptor mecânico para o microfone e tampas deslizantes para as câmeras como existiu no passado como por ex. o Sonyericcson 750i.

  23. Ricardo Richman says:

    cada vez mais orgulhoso por ter um iphone 6 plus, ja usei 2 androids e pelos varios problemas de lags, insegurancas e bugs que apresentavam (e nunca lancarem updates para conserta-los) levaram me a trocar o SO da google pelo da apple. Em 3 meses posso dizer que nunca me senti tao bem com o meu tlm como agr pois faz tudo o que preciso, rapido e sem lags.

    • Isso mesmo! says:

      Ricardo, só tenho 2 ou 3 coisas a apontar ao teu raciocinio.
      1 – Lentidão? Comparar um telemóvel de 900€ com um telemóvel de 90€ é uma coisa espectacular, concordo contigo quando dizes que tinhas lags no android de 90€ e não no iOS de 900€, mas um custa 10x que o outro.
      2 – Updates? Compra um Nexus que estes modelos sim, são feitos especialmente para o android, e recebem tantas actualizações como os teus iPhones.
      3 – Segurança? Procura no pplware quantos posts com inseguranças existem no iOS
      4 – Pelos vistos não querias fazer muito com o teu smartphone 😉
      5 – Realmente porque alguém iria querer fazer root e instalar uma aplicação “manhosa” de origem duvidosa, se pode logo fornecer esses dados todos directamente à NSA, como a Apple faz?

      Só me resta dizer uma coisa FacePalm!

      Não sou fanboy de nenhum sistema, acho que cada sistema operativo tem as suas vantagens e desvantagens, agora andar com palas nos olhos é que não!

  24. Artur Oliveira says:

    E os investigadores de outras marcas o que dizem? Só de uma marca é insuficiente para tirar conclusões concretas

  25. Luis says:

    Mais um passo para regressar a comunicação sinais de fumo v1.0

  26. Miguel Sousa says:

    Pelo que percebi da notícia:
    O dito malware instala-se no telemóvel. Consegue permissões de root e cria uma sequência que permite ao telemóvel continuar online (ou ligado) mas que o utilizador vê as imagens como se o telemóvel se estivesse a desligar. Só que, o telemóvel só apaga o ecrân.

    Ora em qualquer telemóvel ou tablet, se o utilizador der um toque no botão de power levemente, o ecran acende-se. Sendo que basta alguém desligar o telemóvel e dar um toque no botão ao arrumá-lo que o ecran volta a acender-se.
    Na verdade, ao ler a notícia no site da AVG fiquei com a ideia que isto funciona é para o acesso local ou se o telemóvel tiver acesso automático via wifi ou 3/4 G. Como a maioria dos telemóveis Android não tem essas ligações ativadas por defeito, é necessário um acesso local.
    Sendo que os maiores utilizadores deste malware possam ser espiões empresariais que possam ter acesso a telemóveis de outras pessoas quando, por exemplo, os participantes vão para uma reunião onde é proibido entrar com o telemóvel (coisa que está a acontecer, cada vez mais, no mundo dos negócios). Ao entrarem, desligam os telemóveis e entregam a alguém que está fora da sala. Se os telemóveis tiverem este malware, a pessoa pode aceder ao telemóvel e obter toda a informação lá contida, remover o malware e desligar o telemóvel. Sendo que o dono, ao recolher o telemóvel não nota nada de estranho.

  27. Ricardo says:

    cada vez mais orgulhoso por ter um iphone 6 plus, ja usei 2 androids e pelos varios problemas de lags, insegurancas e bugs que apresentavam (e nunca lancarem updates para conserta-los) levaram me a trocar o SO da google pelo da apple. Em 3 meses posso dizer que nunca me senti tao bem com o meu tlm como agr pois faz tudo o que preciso, rapido e sem lags.

    • andre says:

      “Tudo” 😉

    • Miaggy says:

      Depende do que compras. A apple tem um “leque” de equipamentos restrito. Android vem em todas as cores e feitios, com mais ou menos alterações no SO, há que saber o que escolher. Por exemplo, há quem use dual-sim. Que eu saiba a maçã não se lembrou desse mercado.
      Tudo isto para dizer, cada utilizador usa o que se adapta melhor. Acredita que já vi muitos equipamentos android superiores a qqualquer equipamento apple por aí em termos de funcionalidades e preço (especialmente no último ponto)

  28. Mário says:

    Sou um granda nabo, mas vejo cada coisa que me faz pensar, que LOL.
    Então quando baixam uma app da playstore ou outro e passam à dita instalação, não lêem condições/permissões da app????
    Qualquer app por mais inútil que seja, estão a dar permissão a que essa app controle chamadas/sms/ficheiros/audio/camera/etc/etc/e tal…
    Ficam espantados com noticias destas?
    Têm confiança nos sistemas…LOLs

  29. Xplouder says:

    Agora metam ai o código fonte do event no iOS semelhante a este… oh wait.

  30. Roger says:

    NOKIA 3310 FTW!!!

  31. Manuel says:

    tire a bateria e não a introduza mais , e pronto livre de malware no android para sempre…

  32. Garcia says:

    Nokia + Windows Phone <3

  33. Miguel says:

    Para quando um sistema NÃO AMERICANO?

    Todos sabemos que nesse Contitente são todos uns sacanas.

    Venha os SO Europeus como o antigo Symbian por favor!

  34. Luis says:

    O Windows Phone está cada vez melhor e continua o mais seguro, imune a essas tretas todas!

  35. andre says:

    Um artigo digno do peopleware.a Jeniffer deve ter lido isto e comprou um iPhone
    ..resultado, bens pessoais todos expostos.

  36. Joaninha says:

    No dia em que aparecer malware no papel higienico tá tudo lixado ha ha ha

  37. Paulo P. says:

    Quando adquiro um equipamento… verifico se há a opção de a bateria ser removivel. Porque às vezes os equipamentos bloqueiam que nem o botão power on/off actuam. Depois, irrita-me ler notícias sobre as vulnerabilidades do Android! Afinal, mas de quem é a culpa? Da Google!!! É permitido que se faça Apps gratuitas, que ficam disponíveis na Google Play, e sabendo que essas Apps violam permissões de acesso a dados pessoais? Uso de cãmaras, de microfones, de contactos, quando por exemplo instalamos um jogo, ou uma app sobre o tempo? Mas estas apps querem os contactos e as mensagens e etc, para quê? Se há um culpado é a Google que ainda não teve um visado à altura de meter um processo em tribunal e que seja reconhecido uma violação grave de confidencialidade!! Na minha opinião, se o que é gratuito obriga a violação de privacidade… então que se acabe com isso e só há Apps pagas que só tem de cumprir a função delas! Se é um jogo… só tem acesso ao hardware, para processar o jogo e se é para jogar online ao Wi-fi ou 3G, mas nada de contactos, cãmara, localização, etc. percebem? acho que não há dúvidas! Se não, volto ao meu Nokia 5110, que ainda trabalha!

    • Isso mesmo! says:

      O problema não está inteiramente nas aplicações o problema quase sempre é o utilizador! Claro que a Google deveria de criar um maior controlo, no entanto é ímpossível verificar tudo e mais alguma coisa.

      Uma analogia rápida é: Se um vendedor qualquer chegar ao pé de ti e dizer “Olha dá-me a chave de casa, para poderes usufruir deste carro” tu dizes “Epá aqui há gato!!!” no entanto se for uma aplicação a pedir o mesmo muita gente dá de bom grado, seja paga ou não! Porque não é por ser paga que justifica pedirem privilégios extras!

      • Paulo P. says:

        Naturalmente, o utilizador é o primeiro a decidir se instala ou não determinada aplicação. Mas a Google, não pode fechar os olhos às aplicações que a troco do “gratuito” violam o acesso a informação privada que nada tem a ver com o que pretendem oferecer. Para mim, só instalo o mínimo dos mínimos. Mas como diz um amigo meu: O que é preocupante não é só as permissões declaradas, mas sim as que estão ocultas.

  38. Luís says:

    É por estas e por outras que uso Windows Phone

  39. Diogo Mendes says:

    Tirar a bateria como, se o meu telemóvel não e possível retirar a bateria. Como poderei fazer?

  40. A verdade says:

    Só para terem uma amostra do que é a AVG:

    “n December 2010, AVG released a mandatory-install update to the 2011 version of its antivirus software which caused thousands of 64 bit Windows Vista and Windows 7 computers to become completely inoperable. AVG has since released a fix which attempts to repair computers bricked after installing the update.”

    “As of 2014, there are numerous reports dating back to 2012 that the AVG SafeGuard Toolbar installs itself without the consent of the user, as a side effect of installing other applications. The toolbar program appears to cause significant RAM issues. Once installed, the toolbar is virtually impossible to remove: Its uninstaller does not function, and it re-installs if manually removed. There are many discussions and blog posts that describe complex procedures for removal of the AVG toolbar, with very mixed results.”

    Agora, escreveram um malware novo para poderem dizer: “olhem, olhem, somos mesmo necessários”

    Resultado:
    “In February 2014, AVG retains position of #1 downloaded Security App on Google Play™ store”

    O meu conselho é este: só se mete com a AVG quem quer… e só deixa instalar malware no seu aparelho quem não tem cuidado nenhum com as “permissões” do Google Play.

    Já agora é bom falar da Google, igualmente pouco inocente, que obriga os utilizadores a fornecerem permissões intromissivas e desnecessárias para determinadas aplicações, quando antes da versão 5 do Android se podia manualmente desligar essas permissões.

    Se estão impedidos de o fazer, é simples, por exemplo se um jogo pede para aceder à lista telefónica, alguma coisa está errada. Se uma aplicação esquisita pede acesso a fotos, se calhar é boa ideia esquecer essa aplicação, etc

  41. Miaggy says:

    Bem, tenho a bateria do meu BQ aquaris embutida, pelo que não é opção retirá-la xD

    e manter o botão desligar premido indeterminadamente até o equipamento ir a baixo? ou deixar descarregar completamente? Ou simplesmente o vírus modifica totalmente as definições do botão desligar?

  42. Marco T. says:

    Isto é só malta com informações classificadas nos telemóveis ; ). Não há panaceias no que concerne a segurançs. Num ecossistema com biliões de utilizadores, num altura em que as apps são desenvolvidas em cima de frameworks que já têm n vulnerabilidades descobertas e por descobrir….. Não parecem fantasiosas aquelas notícias que falam que os serviços secretos russos estão a usar máquinas de escrever e correio convencional para determinados assuntos. Se até as pen USB andam maradas….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.