Quantcast
PplWare Mobile

Multibanco: Há uma novidade nas caixas mesmo quando “avariadas”

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Miguel says:

    Acho que é uma forma de obrigar as pessoas a usarem MBWAY, de forma muito subtil…

    • Luis Henrique Silva says:

      E depois? Eu até uso bastante MBway, excepto transferências. Se o meu smartphone tivesse NFC então é que era……

      Nós caminhamos para um futuro digital e quiçá sem notas…..

      • Jorge Ribeiro says:

        +1

        Com tanta tecnologia neste momento, bancos online, carteiras online etc… Não se precisa de todo de moedas ou notas
        Aliás nesta altura já nem devia de existir já que os cartões de debito ou credito existem faz anos
        Eu ja tenho tudo praticamente por NFC menos o cartão de refeição
        Mas de resto e pegar no telemovel e esta pago

        • Rui Silva says:

          sim, entregar todas as nossas transacções a empresas que vão analisar tudo ao pormenor parece-me uma ideia muito boa, alem que de certeza nunca vão censurar os pagamentos a ninguem /s

  2. Algo says:

    Eu juro que eu ia comentar isso! Não é deste mês que isto acontece.

    É exatamente isso que eles querem. Forçar as pessoas a adotar o contactless e acabar com as notas e moedas.

  3. Zezinho says:

    nah ja a algum tempo, fui a um e estava com fita onde se mete o cartao, o funcionario da bomba disse que nao dava para levantar, e eu disse da da queres ver, o gajo ficou parvo hahahaha , acho muito bem, o MBWAY facilita e muito. Para uma das melhores coisas que ja fizeram do genero.

    • Urtencio says:

      é tudo muito bonito mas pensa num futuro próximo caso a gente deixe de usar dinheiro real!
      deixas de ter o teu €€ no bolso ou em casa..
      e podes passar a ter direito a €€ quando eles quiserem e como quiserem!
      já o fazem em outros países em questões de crise e com dinheiro real mais facilmente fazem com dinheiro virtual…
      pensa nisso!

      • Luis Henrique Silva says:

        E…… olha meu amigo….eu é raro andar com dinheiro vivo na carteira……..eu praticamente quando posso uso Contactless revolut…..só tenho pena de não ter NFC no smartphone, pois o QRcode falha um pouco…..
        o futuro vais ser sem notas físicas….vai existir provavelmente algum metedo seguro e digital

  4. Dav says:

    Aconteceu-me duas vezes esta semana. A máquina não puxava o cartão e por isso tive que usar o MBway

  5. JLB says:

    Bom dia. Sim será uma forma de obrigar as pessoas a usarem MBWAY, de forma muito subtil e depois excendem os minimos (no caso das contas de serviços mínimos) e não só, e lá vai o Zé Povinho pagar para usar. Carrega Zé e siga para Bingo !!!
    https://pplware.sapo.pt/informacao/mb-way-isencao-de-comissoes-so-a-partir-de-1-de-janeiro/amp/ # https://pplware.sapo.pt/informacao/sera-o-fim-das-comissoes-bancarias-do-servico-mb-way/

  6. Graça says:

    Eu já é muito raro colocar o cartão no terminal multibanco. Desde que tenho MBWay uso sempre os códigos. Acaba-se o medo da clonagem de cartões. Só uso o cartão em terminais que estejam dentro de edifícios com segurança, e só para operações que não podem ser feitas por MBWay.

    • Jamaral says:

      Mas também é possível activar todas as funcionalidades do terminal com o MBWay.

      • Graça says:

        Sim, é. Essa parte honestamente ainda não testei, faço quase tudo online, só vou mesmo ao multibanco levantar dinheiro, que é o que ainda não se faz à frente de um computador… 🙂

    • Luis Henrique Silva says:

      Eu também uso mais MBway….

      Acho que as pessoas têm medo de pregredir sei lá, parecem os antigos com medo de deixar as coisas antigas para a era de agora…..é a evolução, ou nos adaptamos ou vamos parecer o nossos avós resmungões

      • Graça says:

        Exacto. As novas tecnologias surgiram para melhorar a nossa vida e permitir coisas que dantes nem se sonhava. Eu vou acompanhando as novidades , e enquanto for de borla vou usando.

      • Fernando Oliveira says:

        Serás, algum dia, um avô resmungão?
        Olha o respeito, menino, é velhinho mas actual…!
        Só deves ver “máquinas” e esqueces as pessoas…!

  7. Mário Faria says:

    Existe muita gente que tem telemóvel mas não utiliza o MBway. Até as pessoas com uma certa idade e têm multibanco, é só as operações mais básicas.

    • Luis Henrique Silva says:

      Mas essas pessoas vão desaparecendo…..pois é uma faixa etária mais velha…..e….há alguns que se adaptam, que conseguem mexer nas coisas mais modernas……se fosse assim não saiamos da carroça só porque há muitos analfabetos e não podem conduzir…..

      • Carlos Gonsalves says:

        Caro HSilva
        É lamentável esse comentário e, não se esqueça, que será futuramente uma dessas “duma faixa etária mais velha”. Eu sou técnico e adaptei-me, e no resto do País? Você tem noção do que afirma? Pense nos idosos com mais respeito e naqueles que não tiveram a felicidade de ter o conhecimento “especial que você tem. Era preferível não fazer comentários deste tipo e sim ter respeito e consideração PELOS MAIS VELHOS. eRA PREFERÍVEL NÃO DEZER NADA.

  8. Madalena says:

    A Caixa acabou com as cadernetas, q todos os velhotes sabiam utilizar, agora q foram obrigados a ter cartão e a adaptação está a ser péssima, e toma lá mais uma modernice. Poupem-me…..

    • Joao Ptt says:

      As cadernetas continuam a existir, mas é para saber as movimentações das contas, para operações mais sensíveis de transferências, levantar dinheiro, pagar coisas é que é necessário o cartão bancário porque ofereceria (em teoria apenas) uma segurança mais elevada com o CHIP… em teoria porque na prática com a banda magnética e NFC que alguns (todos?) trazem… a segurança é inferior porque passam a existir 3 formas diferentes de furtarem a informação do cartão em vez de apenas uma… esta coisa da evolução tem destas DESVANTAGENS para quem quer evitar as operações fraudulentas em primeiro lugar em vez de andar a correr atrás do prejuízo e a rezar para que o banco cubra o prejuízo de uma situação que só existiu porque o banco não quis fazer a coisa certa… sem falar nos incómodos que podem significar ficar com o cartão bloqueado e por aí em diante.

      • madalena says:

        João, Eu sei q continuam a existir, mas os levantamentos são obrigatóriamente em cartão ou no balcão com taxa, para pessoas de mais de 80 anos, e com reformas baixissimas todo o centimo conta. E posso dizer q n conseguem fazer levantamentos com o cartão. Tenho o caso de 2 vizinhas que sou eu q tenho de ir ajudá-las, e pode criar aqui algo desagradável, pois até podem pensar q lhes estou a “desviar” dinheiro. Acredite q p eles a situação está horrivel.

  9. Vilna says:

    Portanto se o sistema com cartão falha o próprio sistema sugere uma alternativa. Não é o que acontece com tudo nesta vida?

  10. Abreu says:

    O fim do dinheiro vivo está próximo.. actividade ilícitas tais como o tráfico de drogas vai ter que se adaptar!!!!!

  11. Samuel MG says:

    Pagas para usar o MBWay e quem tem pouco dinheiro na conta ou tem que contar todos os trocos não compensa usar o MBWay.

    • Graça says:

      Nopes, só se paga para transferências e só para quem ultrapassa os limites das isenções. Para levantar dinheiro no multibanco não se paga, bem como outras transacções.

      • JLB says:

        Viva, boa tarde ! Sim, não se paga agora, mas com o andar dos tempos e com o pessoal todo agarrado a este sistema e sem ter alternativas vão começar a pagar. E os Bancos continuam com os seus lucros chorudos e irem à falência e o pobre cliente fica sem as suas poupanças. Eu sempre que existirem alternativas que sejam de borla é por aí que vou !!! Umcaso idêntico é por exemplo agora o caso das operadoras de televisão que vão começar a colocar publicidade no inicio de cada gravação que o cliente fez. Eu não sou contra os avanços tecnológicos até pq trabalho na área das tec.informação, mas este roubar de forma subtil e em que o pessoal de deixa ir, incomoda-me !!!

      • Samuel MG says:

        Já agora qual é o limite?

  12. Luis Henrique Silva says:

    eu acho bem…..eu já uso com bastante frequência…..um dia é tudo sem notas, então com esta coisa da pandemia, surgirá formas de levantar e pagar sem grande contacto……e como agora até vai aparecendo novos smartphones com impressão digital e outras formas de código, seria giro era chegares a um terminal multibanco com NFC e encostares e com a aplicação é só fazeres reconhecimento com qualquer tipo de código e voalá levantar….isso sim seria de génio

    • Jamaral says:

      Podia até já haver algo desse tipo, chegavas ao terminal, carregavas na tecla verde e uma da opções que haveria seria “Gerar QR”, lias o QR com o telemóvel, escolhias o montante a levantar, autenticavas com código ou impressão digital e, Tcharam…

  13. carlos says:

    Não faço tensões de entrar por aí, subtilmente esta gente esta a tentar acabar com o dinheiro físico e isso faz-se devagarinho o que se pretende é capturar as pessoas posteriormente e facilmente ou estás no sistema connosco ou ficas sem acesso ao dinheiro.

  14. Algo says:

    Vejo que certas pessoas nos comentários estão a favor desta medida mas eu não concordo. As pessoas tem o direito de usufruir do dinheiro vivo, de ter as suas economias em casa, em caso de imprevistos.

    Vocês agora estão a louvar, mas depois calha o dia em que sucede uma falha (propositada) de sistema que afetará todas a caixas de multibanco sei lá por quantas horas/dias e vocês ficarão á toa pois nem de dinheiro vivo poderão recorrer.

    Isso é mais uma forma de controlo das massas e eu não vejo nada de benéfico acerca disto.

  15. Napoleão Bonaparte says:

    Oooh!
    Sujeitinhos manhosos e cheínhos de ideias para levar água ao moinho…!

  16. Miguel says:

    Desde que continue a haver forma de usar dinheiro sem deixar rasto…. Ninguém tem que saber o que uma pessoa faz ou deixa de fazer. Não tem nada a ver com ilegalidades, mas sim com privacidade.

    • Joao Ptt says:

      Saber tudo da sua vida… telemóvel/ smartphone, registos internet, registos do que vê através das BOX’s das operadoras, registos de movimentos bancários, registos de movimentos nas vias pagas… o dinheiro vivo ainda estará a atrapalhar um pouco a vigilância mas descanse que se o dinheiro vivo acabar o cerco fica fechado para todos, incluindo os políticos e seus amigos… vai ser uma maravilha de sociedade, vai ver… vai ser até desabar por completo a sociedade, que deve estar por coisa de 10 a 40 anos, é muito tempo, mas muitos ainda serão vivos por essa altura para ver o agora e o depois.

      A privacidade vai à vida, e a sociedade não tarda muito vai junto também à vida, não para uma vida melhor pelo menos na fase inicial… mas as pessoas sempre precisam de viver as consequências na pele e para algumas nem assim é suficiente para quererem mudar.

  17. Joao Ptt says:

    Esta coisa da MBWay e todas as outras aplicações nem seriam muito más se as plataformas e aplicações fossem realmente seguras e privadas, e não são uma coisa nem outra, e pelo andar da coisa nunca serão. São convenientes, sim, mas a segurança e privacidade estão longe de ser verdadeiramente asseguradas.

  18. falcaobranco says:

    É de aplaudir a medida… excelente utilização dos recursos… todos temos telemoveis, o MBWay já deu provas do seu uso ( e a partir de janeiro vai ser ainda melhor ) e assim a pessoa até pode levantar €€€ quando a mesma está a ser actualizada pela SIBS…

    • Aj says:

      É tudo muito bonito mas quando estiver tudo digital podem crer que vamos pagar e bem em comissões. E aí como já não há dinheiro físico não há forma de fugir. Talvez aí mudem de ideias mas já será tarde.

  19. paulo says:

    Quando pergunto a muita gente se têm mbway ou aceitam pagamento por mbway ,as pessoas têm medo. Nunca querem saber do mbway. Com tanta publicidade negativa que houve parece que é um não serviço.

  20. Vitor Amorim says:

    Obrigam pelo menos 50% ou mais dos utilizadores a utilizar uma tecnologia que não dominam.
    Isto porque têm uma parque de caixas velho e sempre avariados. Nao querem gastar dinheiro a reparar ou a substituir um parque altamente velho. Isto da nova funcionalidade é só uma desculpa. Olhem para os nossos vizinhos europeus e vejam se encontram maquinas com 20 ou mais anos. Levantamentos sem cartão tambem não é uma tecnologia inovadora como dizem.

  21. José Moura says:

    Até tenho medo de dar a minha opinião já que o futuro sem dinheiro vai ser optimo ou seja até “os outros vão pagar por nós quando querem, da forma e tmmings que querem é por aí fora”
    Esta democracia com este formato não vai tardar muito que “os outros é que vão decidir a nossa vida” pois até podemos ter disponibilidades mas iremos usar quando alguém dito inteligente ou que democraticamente eleito diz podes usar o dinheiro que é nosso.
    Estranha democracia e nada mais digo, pois sou velho jareta, mas que gostava pelo menos de manter a liberdade do que é meu decidir “QUANDO, AONDE É SEM NINGUÉM SABER O QUE FAÇO”

    Boa noite

    José moura

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.