PplWare Mobile

Os militares da Rússia também vão abandonar o Windows e abraçar o Astra Linux


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. Fulano says:

    Antes que os fanboys venham para aqui falar, leiam bem o título… Diz: MILITARES!!! O que por si só diz tudo, ou seja um sistema fechado de acesso restrito.

  2. Pedro says:

    Windows esta bom

  3. iFernando says:

    O mundo da tecnologia nunca voltará a ser igual.

  4. Pedro says:

    Boa sorte…

    • Joaquim Ribeiro says:

      windows e office nada igual.

      • Samuel says:

        O Linux é muito melhor que o Windows em tudo. Em termos de segurança não existe nada melhor que o Linux.

        • Luis Santos says:

          Por isso é que a nivel de PC domésticos é tão utilizado .Se o Linux fosse tão bom como apregoam(há 20 anos ou mais que oiço a mesma lengalenga) ,o Windows e MAC estavam mortos.O Linux ainda é seguro ,porque é pouco usado pelos utilizadores domésticos ,e não compensa o trabalho de desenvolver malware

      • barta says:

        Discordo, há muitos outros bons sistemas ou ferramentas de produtividade, o importante é ter interesse em conhecer e vontade em experimentar. Depois é só uma questão de adptação.

  5. cesar boaaventura says:

    depois do windows existe vida resposta nao e um autentico deserto

  6. AJCS says:

    No lugar deles eu faria o mesmo.

  7. Tim says:

    Porque o Astra em concreto? Há distros bem melhores em tudo. O Astra destaca-se em que?

  8. Paulo Santos says:

    “Esta mudança, bem como a que a China quer fazer, vem provar que é possível ter segurança sem a presença do Windows. ”
    Realmente , sempre é mais fácil instalar sistemas de vigilância sem ter uma empresa ocidental a chatear.
    Mas depois da NSA, nada espanta que os Chineses e Russos queiram o mesmo.

  9. Umpapa says:

    Se tudo fosse assim tão simples … O linux é apenas mais uma distro.
    Estas notícias devem ser vistas numa perspetiva global e no âmbito dos equilíbrios de poder (desequilíbrios ou transferências).
    Em termos geopolíticos o «Ocidente» (Europa incluída) está a perder protagonismo e o Oriente (Leste incluído) está a equilibrar as contas.
    Continua em curso uma (mais uma) viragem de página na história.

  10. Rui says:

    A América era líder no software… Microsoft, Android, ios, etc… Está guerra atual pode vir mudar tudo isto… Será no fim assim tão vantajoso para a América? Acho que monopólios poderão cair devido a medidas em que visavam os proteger… Pode ser algo hilariante…

  11. jaugusto says:

    Tem um window manager tão feioso, ao menos um xfce..

  12. Alexandre Peralta says:

    Como é bom sempre ver uma Guerra disparar aqui nos comentários entre Linux e Windows.

  13. Joao Ptt says:

    Continuo espantado pelo facto das forças armadas de outros países que não os EUA utilizarem sistemas operativos nas forças armadas que não tenham sido desenvolvidas nos seus países, ou que no mínimo tenham de ser de código totalmente aberto e previamente verificado pelas pessoas dentro dos seus países que revelam melhor capacidade para analisá-los.

    E não apenas o sistema operativo, mas tudo o resto incluindo hardware, onde é mais do que conhecido o facto de serem inseridos extras com o objectivo de aceder ou mesmo inutilizar em caso de necessidade por parte de quem os fornece inicialmente.

    Claro que isto é mais fácil de dizer do que fazer em especial porque muitos países não produzem nada na área militar, apenas compram feito.

  14. iFernando says:

    Sede da Linux é em San Francisco, California, EUA.
    Difícil fazer algo em tecnologia sem os EUA.
    No futuro, o desenvolvimento do software de sistemas operativos terá um novo ciclo por parte da China e Rússia. Serão capazes?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.