PplWare Mobile

IRS: Já conseguiu a dedução de 250€ nas despesas gerais?


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

25 Respostas

  1. Sr. Pedro says:

    A rubrica das Despesas Gerais fica logo preenchida no mês de Janeiro/Fevereiro, porque basicamente vai “quase tudo” para lá (jumbos, continentes, roupas, gasóleo, electrodomésticos, etc.).
    O problema é “encher” as outras rubricas.

  2. Redin says:

    Isso é coisa que se atinge em pouco mais do que 4 meses.

  3. Baresi says:

    Alguém me sabe esclarecer se essas despesas apenas são abrangidas por casais no verdadeiro sentido da palavra ou estende-se também a quem vive junto?

    • Redin says:

      Poderão ser abrangidas por qualquer pessoa que tenha facturas em seu nome, mas somente terá consequência se tiver rendimentos que lhe permita obter essa dedução. Por exemplo, podia-se pensar que ao ultrapassar os 250 euros se poderia pedir facturas em nome dos filhos mas como eles não terão em princípio rendimentos, não vai servir de nada.

    • JJ says:

      Estas despesas é por contribuinte.
      Depois o valor a receber vai variar conforme for feito o IRS.

    • Baresi says:

      Obrigado a ambos, por acaso tinha conhecimento através dos meus pais, mas nunca pedi facturas pois pensei que fosse apenas a casais.

  4. Helio says:

    Controlado semanalmente pela app eFatura (android)

  5. RM says:

    Obrigado pela lembrança!

  6. Lucho says:

    Caso ultrapasse esse valor dos 250€ terei direito a algum tipo de reembolso?

  7. Paulo says:

    E os filhos? cada um deles menor já atingiu os 250 euros de despesas gerais… mas isso conta para alguma coisa? No ano passado não me pareceu…..

  8. AS says:

    Atenção a aplicações não oficiais. Sugiro criarem um “user e password de consulta” apenas para o efeito

  9. Marisa says:

    Normalmente peço as facturas com contribuinte, consigo sem qualquer problema os 250€ em despesas gerais. A minha questão é que não pago taxa de IRS, pois o meu ordenado não atinge essa taxa, o facto de pedir a factura com contribuinte e conseguir ou passar os 250€ de despesas gerais, vai me beneficiar de alguma maneira nos resultados do IRS?

    • João says:

      Olá

      Se nos teus recibos de vencimento não descontas IRS, também não o podes receber de volta. Ou seja, é indiferente se atinges os 250€ ou não. Os rendimentos anuais até 8500€ estão isentos de declaração de IRS.

  10. Albano says:

    Esta rubrica permite a dedução no IRS. Se não tem IRS a pagar… não há qualquer benefício pois não há qualquer reembolso do que… não de pagou!

  11. Nuno says:

    Boa tarde,
    quanto a filhos, também têm que atingir esse valor?

  12. Carlos says:

    Sim… Vamos já gastar 50.000 € em reparações para ter o respectivo desconto…
    Compensa pra caraças….
    Hehhehe

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.