Quantcast
PplWare Mobile

Filmes de 800 MB em apenas 1 segundo

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Adriano Matos says:

    Com a “política de utilização responsável” praticada em Portugal, isso quer dizer que temos internet para umas horas então.. Caso isto algum dia seja usado em Portugal está claro. Se nem cobertura 3G/4G está completamente implementada em território nacional.

    • João Pereira says:

      Era o que ia dizer, portugal que nem o 3G alcança todas as regiões de portugal 5G nem se vai ouvir falar. Mas depois anda aí um a dizer que portugal é um dos melhores da europa no que toca a distribuição da rede de internet. Em portugal nem a net por cabo chega a todos, alguns lados nem a ADSL deve dar…

      • Pedro Lino says:

        Estas questões são anedóticas. Agora mete-se cabo em todo lado só porque sim… Isto porque muitos dos sítios que se dizem não cobertos, não justificam o investimento por parte das operadoras, que, sublinho, são PRIVADAS! Porque é que não vão reclamar com as câmaras para fazer o investimento e alugar as linhas ás operadoras? Se o investimento depois compensar, certamente que eles pagam aluguer. Quero ver quantas câmaras se dão ao trabalho de abrir alcatrão e fechar só para meter cabo para internet.

        O 4G na minha zona é mais rápido que a linha por cabo por exemplo. E estamos a falar de 13, 14mb reais. Tem vantagens e desvantagens, óbviamente

        • João Pereira says:

          Claro. Não compensa, deves trabalhar para a PT pois já ouvi essa resposta. Ou que não compensa investimentos no momento ou que não são eles e bláblá. Mas se é assim, se por exemplo na minha zona tem serviço adsl, velho, porque não fazem um upgrade da linha? Há, não compensa…

          • Hurley says:

            Joao, claramente nao sabes do que falas.

          • Pedro Lino says:

            Não trabalho para nenhuma empresa de comunicações, mas gostei do comentário. Era bem intencionado certamente.

            A logística é a alma do negócio, e como lhe disse, em muitas zonas, são as câmaras que metem as linhas e alugam-nas às operadoras. Quem acha que tem que fazer o investimento nesse caso? A câmara ou quem aluga?

            As próprias intalações, são feitas por empresas de 3ºos. Apesar de usarem os logótipos da PT(referindo o seu exemplo), as empresas não são do grupo Portugal Telecom. São empresas privadas que atuam como representantes do grupo.

            Sabe que até as antenas no meio das cidades pagam aluguer. Os condomínios dos prédios onde estão as antenas das operadoras recebem(e não é pouco) pelo aluguer do espaço.

            Não é só esticar cabo para lhe chegar a internet a casa. Existe uma panóplia de equipamentos antes disso, e não só o hardware mas também uma infraestrutura central. Tudo isso é investimento, que não se paga do nada.

            E enquanto não existe concorrência, é óbvio que o cliente fica a perder, porque a empresa não tem que disputar mercado com ninguém.

          • João Pereira says:

            Pois não. Muitos de vocês que falam estão bem servidos e depois só vocês é que sabem do que falam…

          • Balmer says:

            Em resposta devido ao seu segundo comentario nesta discussão: E porque não paga você?

            Acho que ainda não se apercebeu que o material usado para fornecer o serviço as pessoas NÃO é à borla! Não há altruismos, estão a estender um serviço para o qual tem de ser pago, mas a mensalidade de um cliente não é lucro, é primeiro de tudo cobrir o prejuizo da instalação inicial.

            Santa terrinha no meio do nada, 5 habitantes querem internet. Qual o custo e quantas decadas até que se pague? Quer pagar 500€/mês por um acesso ADSL talvez para justificar o custo?

            As pessoas choram e choram que querem os serviços no fim do mundo, e dizem que os outros não querem saber porque estão bem, mas parece que não gostam de enfrentar o facto de que a escolha deles de residirem em zonas remotas é de facto um problema.

        • Rui Costa says:

          Certo as operadoras são privadas e como qualquer empresa existem paragerar lucro.
          Mas existem regulações de mercado que devem ser impostas. Não se pode admitir que existindo tantas zonas do país onde não existe fibra e o ADSL não passa dos 4Mbits as operadores apenas tenham tarifários de 12MBits para cima e que só comercializem pacotes que incluem no mínimo Net + Voz.
          Se considerarmos que algumas dessas zonas não exigem grandes investimentos para ligar novos clientes porque até já têm as linhas telefónicas montadas há vários e as mesmas já suportam ADSL!!!
          Juntemos o facto de nessas zonas muitas vezes não existirem alternativas 3G ou 4G decentes ou existindo estão limitadas a 15GB.
          Com as regulações de mercado actuais acontecem coisas lamentáveis como por exemploo meu caso.
          Somos um casal de profissionais de informática, com as consequentes necessidades de comunicações, vivemos a poucos quilómetros de várias cidades (9km, 17km, 22km e 25km) e no local onde residimos não conseguimos ter fibra, nem ADSL a mais do que 1MBbit (na caixa mais próxima a 300 metros) e somos obrigados a usar 3G/4G, limitado a 15GB, que nos bons dias atinge picos de 5Mbits.
          Porque razão se aplicam limites de 15GB na banda larga móvel, em zonas que não têm outra forma decente de comunicação, com o pretexto de uma utilização responsável, mas depois permite-se serviços de streaming de som e vídeo que não contam para tráfego??????

          • uif35 says:

            E para clientes como o senhor existem serviços de internet via satélite como o tooway: http://www.satinternet.com/pt/ os preços começam em €45.95 com 20 GB e no limite pode ter tráfego ilimitado por €99.95 e 20 Mbps/ 6 Mbps. E se precisarem da Internet mesmo pra trabalhar com os portos de comunicação bidireccionais disponíveis os preços começam em €49 e vão até €499.00
            E pronto já não está limitado ao 3G/ 4G.

        • CCCC says:

          Pedro Lino… Você é tipicamente um chupista! Se as operadoras querem instalar nas grandes cidades, o estado devia-as obrigar a instalar nos outros locais. Cada um vê pelo prisma que lhe apetece! Se autorizo a encherem a cidade de antes e merd*s então que venham às aldeias colocar rede também!

          • João Pereira says:

            Pois. falam cheio de cuidados a defender esses tipos pois falam de barriga cheia e se for preciso ainda pagam igual ou menos que o pessoal das aldeias por uns míseros Mbs…

          • Angelo says:

            Calma, ninguém está a dizer que é justo ou certo… Mas é a realidade. E estamos só a falar da internet. IMaginem quando acabarem de privatizar a educação e a saúde.

          • Pedro Lino says:

            Ouçam lá, eu não ofendi ninguém, mas vocês claramente não sabe o que é uma discussão, pois argumentar não é com vocês. Que eu saiba Portugal não vive em ditadura para se obrigar alguém ao que quer que seja.

            Tenho 2 casas com net ADSL, e em nenhuma delas a net chega aos 4mb, e tenho um tarifário de 12MB. Tentei que melhorasse? Tentei. Fiz testes, e comprovo que o serviço 4G aqui é melhor que o ADSL. Fibra nem ver, assim como concorrência. E meus queridos, vivo numa cidade (pequena). Tenho razões de queixa? Não. Quando assinei, sei bem para o que assinei. Assinei para a única empresa privada que me oferece serviço ADSL na minha zona, e é o que temos. Paciência. Preciso, é o que me oferecem, é o que tenho. Quando me derem melhor agradeço.

            Agora, era o que faltava obrigarem-se empresas, assegurarem serviços para “luxos”. Eu estou limitadíssimo à PT! Não tenho concorrência nenhuma para escolher outro. Mas eu percebo o mercado e percebo porque é assim.

            Agora não me venham com tretas, porque a única coisa porque vocês choram, é a velocidade de acesso, porque o serviço, pelo que vocês dizem, tem assegurado. Não tem é a velocidade que vocês querem. Por isso acabem com a choradeira da cobertura, porque a vossa zona é coberta!

          • João Pereira says:

            É cpberta é, pela PT.

          • Balmer says:

            Eu também acho que deviam obrigar – MAS – Quando chegar à altura de pagar a conta será só você a arcar com as despesas pode ser? Assim umas dezenas de milhares de euros.

            Melhor começar a ter dois trabalhos, caro.

        • viperbruno says:

          Sugiro-lhe que investigue como as redes de fibra óptica foram implementadas nos países nórdicos e depois perceberá da barbaridade que está a dizer. O problema de deixar na mão dos privados a expansão sem garantias é que não existe uma garantia de serviço minimo que, devia de ser partilhado entre todos os operadores que operam em Portugal. Foi isso que a União Europeia nos sugeriu mas agora começa a ser muito tarde e o erro vai sair caro (caso haja vontade politica em que haja igualdade nos acessos às novas tecnologias) ao Zé Povinho como de costume. As RNGs estão como estão, ainda por concluir (vamos em 3 anos), e serão novamente um monopólio da PT, os restantes sítios aonde não há ADSL, o 4G é raro ser alternativa.

      • Serginho M says:

        Portugal é só Porto e Lisboa!

      • Nuno Nunes says:

        Eu confirmo eu moro numa zona de portugal o 3G ainda não existe, já querem meter o 4G em cima e já pensam em 5G nossa senhora

        • uif35 says:

          A notícia refere-se à Coreia do Sul, um país onde realmente é possível ver televisão no telemóvel, e funciona bem, por exemplo algo que por cá é mais um sonho na maior parte do país.

          É fácil ao estado em Portugal obrigar as operadoras a colocar uma cobertura de 100% do país (não confundir com população… que é o que eles fazem… que depois significa que muitos não tem serviço) que é dizer: “Meus amigos de agora em diante o “2G” e “3G” são proibidos e o espectro rádio ocupado por este tem de ser libertado para o “4G”, tem de implementar o “4G” no prazo de 6 meses ou perdem a licença de operação em Portugal. Aposto o que quiserem que em 6 meses (ou menos) estava tudo pronto e a funcionar… de outra forma fechavam… logo tinham um bom incentivo. E como a Anacom é uma cambada de comprados (a ver-se pelo insucesso total do TDT), a análise seria feito por esta e por entidades estrangeiras pagas pelo governo para verificar se o sinal, a distribuição e tudo o resto estava feita correctamente e se cobria 100% do território… se não podiam dar mais 90 dias para corrigir eventuais falhas e a seguir retiravam a licença se 100% do território não tivesse coberto adequadamente.

      • Nuno Nunes says:

        Eu confirmo eu moro numa zona de portugal o 3G ainda não existe, já querem meter o 4G em cima e já pensam em 5G nossa senhora

        http://www.speedtest.net/my-result/3254075896

    • Serginho M says:

      Sem falar nos tarifários absurdos que temos m Portugal. 16 euros por 1GB de net. LOL

    • Deus says:

      Tens razão, eu fui enganado estou com um contrato de 2 anos com uma net da MEO que apenas me deixa usar uns 10Gb por mês… Estou a pagar 30€ por mes para isso.
      Fiquei tão fo**** que já convencia a minha avó, 3 tias e os meus sogros a deixar a PT e mal termine o contrato sou mais um a sair.

  2. João Pereira says:

    Respondendo à vossa questão, tenho o serviço, se é que se pode chamar, sapo adsl 8Mb contratados no valor de 25+15 (net+telef). Estes são os resultados que consigo obter: http://www.speedtest.net/my-result/3252849907

    Já tentei mudar para ZON, não tem cobertura, vodafone muito menos. A única solução é a ADSL, esta coisa velha, ou por PEN, que por mal é melhor adsl. Com isto nestas zonas sem concorrência a PT brinca com os clientes.

    • Tal e qual a minha situação, vivo a uns meros 3/4km da cidade de Coimbra e miséria de internet que tenho é de 2mbs (via adsl).

      Nem 3G nem 4G, o meu pai que usa TMN quase não tem rede e eu sendo vodafone só apanho Edge.

      Expliquem-me como é que isto é possível ?

      Já para não falar a estupidez de mensalidade que pagamos de internet ….

    • Tenho exactamente o mesmo… mas estou bloqueado aos 4mb “porque a linha depois tornar-se-ia instável”.

      • Manuel Pereira says:

        +1

        É uma tristeza nos dias de hoje…

        • Manel says:

          Tenho menos que isso e sou feliz com o acesso que tenho. As pessoas queixam-se sem razão na realidade o consumidor normal não precisa mais que 4 mb.

          • Rui Costa says:

            Experimenta trabalhar nas áreas de multimédia, informática, design e afins e depois diz-me que os 4Mb chegam.
            É que nem 8 nem 80. Não se pode obrigar os operadores a suportarem tudo e mais alguma coisa mas temos de nos convencer que a continuar assim nunca criaremos um país com um desenvolvimento minimamente uniforme e isso vaiser mau também para os operadores.

          • Carlos says:

            Isso seria à comentário para 4 anos atrás. Estou enganado ou cada vez mais vais ter serviços que dependem de uma boa ligação como utilizador comum? Cloud, TV, Gaming, etc

      • zane says:

        Aqui é são 6mb, isto com o pacote meo adsl (tv+net+telefone)

    • Pedro says:

      Deixa-me ver se eu percebi, contratas-te um serviço de 8 e tens 5? Qual é a queixa? O valor de € alto ou a velocidade não ser 8?

      Se for pelos € estou de acordo que é um exagero, mas é fácil é ligar e cancelar o serviço e pouco tempo eles ligam a perguntar porque e baixam o valor…

      Se for pela velocidade não vejo onde está a reclamação para essa velocidade contratada ter essa real é muito bom…

      Quanto ao Adsl ser uma coisa velha, eu mudei de de meo fibra 30 Mb para vodafone adsl 24 mb(19mb reais)há muito pouco tempo e não vejo grandes diferenças tirando no preço que passei a pagar o mesmo que a fibra mas passei a ter 100 canais de tv quando com a fibra só tinha net+telf. Obviamente que enquanto a fibra é velocidade garantida o adsl está dependente da sobrecarga da central e da distancia…Mas em muitos sítios do pais nunca vai chegar fibra e para um uso normal o Adsl chega bem, desde que claro não esteja sobrecarregado.

      • CCCC says:

        Pedro…deixe os seus comentários de monopólio noutro blog!! Que mentalidade tacanha a sua!

      • Rui Costa says:

        Desde que não esteja sobrecarregado, as linhas sejam mantidas nas devidas condições e as distancias não sejam enormes.
        O que acontece é que permite-se que os operadores apenas comercializem pacotes no mínimo com Tel+Net, com 8Mbits no mínimo mesmo que o cliente não precise de telefone e não consiga mais do que 1Mbit.
        E sim, eu ameacei cancelar o serviço, tiraram qualquer coisa pouca e acabei por cancelar totalmente porque pagaria no mínimo 24€ por Tel+Net e não ultrapassava os 512Kbits.
        Se, por regulamentação obrigatória, os tarifários estivessem sujeitos a variações consoante a velocidade máxima atingida de certeza que os operadores iriam começar a melhorar as linhas para depois poderem também cobrar mais.

      • Nelson says:

        Por exemplo na zona onde moro/trabalho estou a cerca de 1.5km da central da PT e o máximo que chega aqui são 4mb, eles vendem pacotes no minimo de 16mb. Aqui fica uma questão de reclamarmos o preço do serviço visto ser uma grande diferença de velocidade. Eles certamente baixam o valor senão sempre podem cancelar o serviço por justa causa.

        Esse Pedro tá a dizer o outro ainda se queixa por ter contratado 8 e ter 5. Eu também me queixava e com razão. A história do até é muito vaga e irrita.

        Para quem diz que 4 mb para o consumidor final chega eu digo, não não chega, já chegou mas não nos dias de hoje. Os sites hoje em dia são cada vez mais pesados logo 4 mb vai tar ali a empurrar em muitos sites.

        A ADSL já funcionou melhor do que funciona agora, na altura que toda a gente tinha ADSL funcionava que era uma maravilha, agora muitos têm cabo ou fibra e ADSL tá pior que nunca. As linhas são as mesmas, agora há interesse melhorar a ADSL ?

        PS: Para mim nos dias de hoje 20 mb é o essencial e 200 é um exagero.

    • Pedro says:

      Só como outro exemplo eu tenho 12MB pago 21€, (classificado outra zona pela pt) e tenho isto em casa http://www.speedtest.net/my-result/3252995960

    • Márcio José Andrade Dias says:

      Chama-se serviço de “Vaca Leiteira”, enquanto a vaca der leite a PT não a “mata”…

    • João Valente says:

      tanto, 5 mg
      Eu tenho 2mg e dizem que estou a 4 km dá dá para ter mais..

      e ainda andei com uma avaria quase 1 ano

      a velocidade alterava para as 4mg e quando chegava as 18 horas deixava de funcionar

  3. M.Manuelito says:

    Aqui pelo Alentejo, tenho 16Mbits/1Mbit (teóricos) e considero-me um verdadeiro sortudo, pois conheço algumas pessoas que moram no campo que nem conseguem ter adsl e quando conseguem, os 2 ou 3 Mbits de download já são uma sorte.
    Por uma decisão tomada pelo governo em 2008/2009, iremos ter, brevemente, ligações por “fibra ótica”, mas só na sede do concelho, o que já não é nada mau.
    Quem não mora nas grandes cidades só pode ouvir falar nesta velocidades do 4G ou 5G, como uma espécie de ficção científica.

    • João Pereira says:

      Espera pela fibra espera xD

    • claudio says:

      Pois espera pela fibra eu também ia ter fibra afinal ficou o ultimo PDO a 2000 metros de minha casa logo não ha fiabilidade dizem eles, e tenho dois serviços pt um no porto e outro na zona centro no porto pago 20 euro por 12 megas e tenho 10 reais, na casa dos meus pais pago os mesmos 20 euros e tenho um mega a ultima reclamação que ouve sobre o assunto foi aguente se com o que está ou cancele o serviço …..

      para mudar para redes 3G/4G é alem de caro tem o controlo de tráfego… ricos serviços temos por cá.

  4. Nunes says:

    Alguém não fez bem as contas! A 1Gbit/seg (velocidade pretendida pelo governo coreano), um filme de 800 MB demoraria cerca de 6 segundos (na velocidade máxima), não 1 segundo. A 75Mbit/seg demora cerca de 85 segundos, não 40 segundos!

  5. Hélder Abreu says:

    Velocidades de download a ultrapassar a velocidade de escrita em disco… Fantástico!

  6. Vitor Pêgas says:

    Tenho ZON Fibra, com 125mb/s download e 8mb/s upload em media.
    Sou um cliente da net feliz.

  7. Ruben Mendes says:

    Bem, eu tive 2 anos a pagar á volta de 45€ por um pacote 3P satélite+adsl+voz…a net que pagava era 8 megas e a velocidade que me chegava era de 512kb e mal.
    É uma tristeza isto, dizer-se que somos os maiores na cobertura e fibras e etc quando só há boas coberturas em grandes cidades.

    Obviamente que cheguei ao meu limite, e tive de mudar, e mudei para algo que é estupido. 4G TMN, onde só apanho 3G, e chegando aos 15gb sou capado, enfim fico encurralado porque nao tenho cobertura de mais nada, e pago mais do que quem tem boas velocidades.

    E moro a 5 km do centro de Mafra. É assim, fazer o quê?

    • Márcio José Andrade Dias says:

      Provavelmente tens uma placa 3G..

    • uif35 says:

      Metes tooway http://www.satinternet.com/pt/ que é só Internet via satélite.
      Se for para jogar… não metas via satélite, o tempo que os dados demoram a ir ao satélite e voltar influência os jogos de forma determinante… infelizmente para pior.
      O tráfego mínimo é 20GB sendo depois a velocidade cortada sempre para 256Kbps/128Kbps e vai até ilimitado (neste último e de momento, não há corte de velocidade qualquer que seja o tráfego… mas custa €99,95).

  8. joao says:

    A noticia tem falhas técnicas.
    1Gbit /s permite fazer o download de 800Mbytes em 1s é falso.

    Primeiro porque a velocidade é em bits/s e não bytes/s e depois porque existe algo que se chama de eficiencia de informação no protocolo.

    Se tiver um eficiencia de 90% e se for 1Gb/s então 800Mbytes daria cerca de 7s. Não é nada mau mas não é 1s….

    • Pedro Pinto says:

      João, esquecendo o overhead e considerando que não estamos a falar em 1 Gigabit mas numa grandeza de Gigabits, não vejo qualquer falha técnica. Considerando 1 Gbps, aí sim, terias razão.

      • Nunes says:

        O Governo Coreano fala no objectivo de 1Gbps por isso pelo meio houve alguém que não fez bem as contas!
        Para descarregar num segundo teria de ter velocidades superiores a 6Gbps e isso é simplesmente ridículo tendo em conta o salto que é esperado para a próxima geração. Isso só daqui a 2 ou 3 gerações

        • Rui says:

          Tendo em conta que à 15 anos andavamos a 56kb e actualmente vamos com 200Mb (fibra), daqui a 15 anos espero ter net a 300Gb em casa e 10Gb no smartphone

          • Nunes says:

            uma coisa é falar na tecnologia evoluir até a esse ponto, outra coisa é dizer que é já na próxima geração daqui a 6 anos.
            Uma nova geração implica acordos entre fabricantes para estabelecer novos standards e construção de nova infra-estrutura… tudo isso torna o processo mais gradual… Por isso é que digo que é ridículo falar em 6Gbps disponíveis aos clientes wireless em 2020

          • Luis says:

            são pontos de vista. ao ritmo que a tecnologia tem evoluido… tudo é possível.
            acredita que quer 🙂

          • uif35 says:

            Na fibra já há com 1000 mbps/ 1000 mbps (envio/ recepção) por tanto 1 Gbps simétricos… na Google Fiber (por $70 mensais)… cá em Portugal não oferecem 1 Gbps simétrico porque não querem (se eu fizesse uma operadora e começasse a oferecer 1 Gbps simétricos com tráfego ilimitado, ou por exemplo 1000GB, em Castelo Branco por €60 por exemplo exemplo aposto que era um instante enquanto a PT, Zon, cabovisão e outras começavam também a oferecer 1 Gbps… ou isso ou começavam a perder clientes rapidamente para mim).

  9. Araujo says:

    Um filme de 800MB tem muito macrobloco e degradação de qualidade. Ok, mas deu pra entender o ponto. Apenas sendo chato.

  10. Ricardo Pereira says:

    e que tal esta velocidade?? 44 filmes sem compressão em HD por segundo.

    http://www.bbc.co.uk/news/technology-25840502

  11. valente99 says:

    A minha taxa de down/up é zero. Enquanto eles não baixarem os preços dos acessos, não contem comigo para alimentar gulosos. Chega-me a net no trabalho

    • Rui says:

      Tens carro? deixa-o parado o ano inteiro para não alimentares os gulosos das petroliferas.

      Acende umas velas e vende os electrodomésticos para não alimentares os gulosos da EDP

      É só gulosos por aí 😀

    • Big Boss says:

      Ainda bem que não disseste onde trabalhavas pois se o teu empregador lê-se o teu comentário ia fica “extremamente contente” por saber que em vez de estares a trabalhar para mereceres o teu salário usas a internet no trabalho para fins pessoais.

      Eu sei que toda a gente faz isso de vez em quando, mas quando não se tem net em casa só posso imaginar que a tua produtividade deve ser impressionante.

      • valente99 says:

        E quem disse que uso a net no trabalho para fins pessoais? Mas é natural que digas isso, sabes porquè? Porque as pessoas tendem a julgar os outros com base naquilo que elas proprias são.

  12. JS says:

    Boa tarde então não é proibido fazer download de filmes?

  13. André says:

    Internet por cabo de 60Mb
    Download: 60Mbps
    Upload: 3Mbps

  14. B. says:

    1 Gigabit = 128 megabytes! Não sei como foram buscar forma de descarregar um filme de 800MB num segundo!!!!!

  15. David says:

    A Coreia com 1GB/s e eu com 150kB/s, obrigado SAPO/PT.

  16. Moi Meme says:

    Caros, esta notícia é sensacionalista e induz em erro.

    Queiram sff fazer um estudo prévio antes de vir para aqui debitar fantasias e falsas informações, caro(s) jornalista(s).

    1) 1 gigabit por segundo não é a mesma coisa que 1 gigabyte por segundo. O que é dito na notícia é que a velocidade teórica será de 1gbit por segundo, ora isso corresponde a 125 MB (megabytes) por segundo.

    2) Se teóricamente a velocidade será de 1 gbit, haverá sempre overhead (queira o jornalista procurar na internet a explicação), o que se traduz numa perda entre os 10-20% de largura de banda, sendo que na realidade (e dependendo do(s) encapsulamento(s) utilizados), poderá significar uma largura real de 800mbits a 900mbs reais.

    3) Como isto deverá garantidamente ser largura de banda partilhada por área – entenda-se cada BTS deverá partilhar os tais 800-900mbits por x nº de pessoas – dificilmente haverá alguém a trabalhar a essas velocidades numa determinada área geográfica.

    4) Mesmo esquecendo o overhead dos encapsulamentos; latências(dos equipamentos, hops e tudo mais), acreditando que num mundo perfeito tínhamos o tal 1gbit por segundo (ou seja, 125 MB por segundo de escrita em disco), mesmo assim o tal “filme” demoraria 6 segundos e picos a chegar.

    Volto a repetir, deveriam ter feito uma investigação antes de publicar isto.

    • Pedro Pinto says:

      Moi Meme,

      Ninguem refere que é 1 (um) Gibatit por segundo…”na ordem do gigabit por segundo”.

      1) 1 gigabit por segundo não é a mesma coisa que 1 gigabyte por segundo. O que é dito na notícia é que a velocidade teórica será de 1gbit por segundo, ora isso corresponde a 125 MB (megabytes) por segundo. (Ninguem disse o contrário)

      2) Se teóricamente a velocidade será de 1 gbit, haverá sempre overhead (queira o jornalista procurar na internet a explicação), o que se traduz numa perda entre os 10-20% de largura de banda, sendo que na realidade (e dependendo do(s) encapsulamento(s) utilizados), poderá significar uma largura real de 800mbits a 900mbs reais. (não substime quem tem do outro lado, se de facto sabe o que é overhead não escreveria este paragrafo).

      3) Como isto deverá garantidamente ser largura de banda partilhada por área – entenda-se cada BTS deverá partilhar os tais 800-900mbits por x nº de pessoas – dificilmente haverá alguém a trabalhar a essas velocidades numa determinada área geográfica. (isso num caso teórico, falamos apenas o que a tecnologia nos tem para ofercer…cada caso será o seu caso como deve saber)

      4) Mesmo esquecendo o overhead dos encapsulamentos; latências(dos equipamentos, hops e tudo mais), acreditando que num mundo perfeito tínhamos o tal 1gbit por segundo (ou seja, 125 MB por segundo de escrita em disco), mesmo assim o tal “filme” demoraria 6 segundos e picos a chegar.(COnsiderand 1(um) Gigabit, teoricamente sim)

      Agradecemos a sua preocupação de estudo em termos de matéria. Obrigado

  17. Someone says:

    5G.. 800MB ( nao Mb ) a 1 seg? 5G como o conhecemos hoje, com um máximo teórico de 1Gbit não é certamente 800MB/s…mas se fosse digo que era 10Gbits e com recurso a novos discos SSD com capacidade de escrita muito superior ao que encontramos nas placas PCI de SSD. Estavam a falar de teoria e nao da prática?? podiam ser um bocadinho mais próximos da realidade mesmo que seja futura!

    • Nelson says:

      Só para dizeres que tens uma ligação de datacenter ou lá o quê… 😛

    • viperbruno says:

      Se a ONI (que agora é Cabovisão) começasse a tirar partido da rede extensa que tem pelo país para começar a fazer concorrência é que era de valor, mas por enquanto não estou a ver os franceses a investirem mais (e se o fizerem vão fazê-lo em HFC…)

  18. valente99 says:

    Ainda há pouco tempo apareceu um vendedor da optimus a tentar vender um pacote de Net ” ah e tal ficamos a saber que voces procuram velocidades de up superiores a 1Mb, temos uma solução de 4G que vos dará velocidades ate 6Mb(acho que era essa a proposta). Ok vamos la fazer os testes. Conclusão: a zona nao tem cobertura. O que dizia a pagina da optimus? Zona com cobertura, tretas. A cerca de 1km existe uma dependencia bancaria com um link de fibra da PT, nós tambem pedimos, ja la vão quase 2 anos e nada. Mas se quisessemos tv por cabo, acampavam a porta e daqui não saiam até conseguir o contrato. Interesses

    • Rui Costa says:

      valente99, é fácil acontecer. Eu residi numa rua onde a PT me garantia ADSL a 24Mbits/s. A ideia era ter MEO ADSL.
      E tinham razão, olhando ao código postal tinham toda a razão. Esqueceram-se foi que em tempos alguém teve a infeliz ideia de colocar duas linhas de telefone, com origens diferentes, na mesma rua.
      Num lado da rua não se conseguia mais do que 4Mbits e do outro lado atingia-se facilmente os 24Mbits. Resultado, as 4 casas em frente à minha tinham MEO ADSL e a na minha nem sinais.

  19. marco faroia says:

    Moro no Cacem e não me posso queixar

    http://www.speedtest.net/my-result/3253074480

  20. Pedro Azevedo says:

    Daqui a pouco vão ter a ACAPOR a acusar-vos de fazerem incentivo à pirataria de filmes.:-)))

  21. Mane says:

    Não para meter veneno. Mas aqui nos Açores, quem quer meo ADSL tem em TODAS as ilhas, 12 ou 16M de sincronismo em casa.
    A fibroglobal está neste momento a ser implementada em todas a ilhas também… nice 😉

  22. Serginho M says:

    Lá para 2100 temos isso a bombar em Portugal… 😀

  23. Claudio Oliveira says:

    3G funciona mal, em quase todos os locais. Centro de Lisboa inclusive.
    O meu modem 56k era mais rápido em muitas ocasiões.
    4G não sei, nunca utilizei, mas para mim é uma utopia estar a falar de 4G quando o 3G é uma trampa.
    E agora o 5G…

  24. Serginho says:

    Lá para 2100 temos isso a bombar em Portugal… 😀

  25. ZéZé Camarinha says:

    Já agora:

    http://www.speedtest.net/my-result/3253228475

    Isto é no trabalho; se fosse assim em casa.

  26. Paulo Silva says:

    Isso tudo para que… Para depois virem dizer que é proibido fazer downloads e não sei mais o que. Vão ter internet de Gbps para tar a aceder ao mail e ir a Facebook.

  27. Ricardo Santiago says:

    Esta frase não faz qualquer sentido.
    “Com o recurso à utilização de uma largura de banda na frequência dos 28 gigahertz nos seus equipamentos,…”

    28 Ghz parece-me um pouco acima do que seria de esperar para quem quer transmitir a longas distâncias.

  28. Fernando says:

    Nem 3G enm 4G e uns miseros 2mn em adsl… Sonhos… Sonhos…

  29. Nuno Pereira says:

    É preciso também ter uma maquina dos diabos para escrever esses 800MB num único segundo em disco 😉

  30. Telmo M says:

    Eu por cá já consigo fazer downloads a 1 MB por segundo… bem bom 😀

  31. José Braz says:

    Bem! afinal sou um tipo feliz, ao fim de muitos anos a penar com as velocidades de 300 e poucos kbps, depois de muitos emails de reclamações muitas chamadas para a PT, muitas ameças de mudança para outra rede depois de ter arranjado maneira de uma pequena aldeia se mudar de armas e bagagens para a Optimus móvel que nos dava 2 mbps e já eramos felizes, a PT num gesto de bondade colocou uma central nova a estrear a cerca de 300 metros da minha casa com fibra e tudo, mas de lá só sai cobre, só por curiosidade na escola primária a 50 metros da minha casa tem fibra, já lhes disse para alargarem aquilo ao resto do pessoal, mas está de gesso, depois de tudo isto contratei o pacote MEO TV+Net 24 Mbps, nos primeiros dias aquilo chegava a casa ai pelos 20/22 Mbps, depois foi-se degradando e hoje, que até sou feliz depois de ler aqui muitos dos comentários, tenho esta velocidade, mas sem antes ter reclamado e eles como forma de me compensarem passaram dar-me TV+NET+Telefone.

    http://www.speedtest.net/my-result/3253753397

    • José Braz says:

      Ainda ficou por dizer que este test foi feito com uma box a trabalhar que consome cerca de 3/4 Mbps de banda, por isso vou repetir, afinal sou feliz.

  32. pcrat says:

    Ainda há uma semana chegou a electricidade a um monte alentejano, onde não havia luz, e muitos mais existem que não têm electricidade, nem esgotos, e a agua vem do poço… As coisas estão mal? Estão.
    Acesso ha net é lento, pode ser, existe gente quem nem electricidade tem…

    Just my 5 poison!! :))

  33. Marcos Santos says:

    http://www.speedtest.net/my-result/3254059157 não me posso queixar muito, contrato, Meo Total 24, pago 50 euros mês, a minha linha suporta 20Mb, estou a 500 metros da central, mas o suporte não me sobe além dos 16… vivo na zona de Lousada, Porto e tenho LTE da optimus no meu L820 em todo o lado.

  34. Luis says:

    As pessoas tem tendencia a queixarem-se muito em Portugal. Nem comento o 3G. Aqui fica o meu speedtest no centro da cidade. 🙂

    http://www.speedtest.net/my-result/3254126930

  35. César Couto says:

    Ainda antes da Internet eu tinha um modem de 2400kbps. Liguei-me a uma BBS (Bulletin Board System) para fazer download do ARJ na altura que ocupava cerca de 200 e tal K’s. Demorei 2 horas e tal e a conta do telefone… ouch!!!

  36. José Leite says:

    http://www.speedtest.net/my-result/3254195587 Este é o meu resultado.Não me posso queixar.Penso que são 122.65 Mb/s de Download e 7.10 Mb/s de Upload num Ping de 13 ms.Nada mau.Sou cliente Zon com velocidade contratada de 120 Mb/s de Download e 8 Mb/s de Upload.Já agora,se me pudessem explicar como posso fazer testes de velocidade na página da Zon(http://www.zon.pt/net/velocidades/Pages/teste-de-velocidade.aspx),agradecia muito.É que desde que houve uma actualização do Java nunca mais consegui fazer um teste na página,mesmo tendo posto como excepção essa página nos controlos que se podem realizar no Java.Acontece-me o mesmo na página do Qos do Sapo/Portugal Telecom(http://qos.sapo.pt/index.html).Ando com uns nervos por causa disso,Deus me livre!!Se alguém me puder ajudar a contornar este problema agradecia-lhe muito.Muito obrigado.

  37. Alexandre says:

    Sigo não entendendo porquê apenas o 4G disponibiliza boas velocidades de upload, enquanto as ligações por cabo ou fibra teimam em limitá-las nos 10% ou menos relativamente à velocidade de download. Com os serviços Cloud cada vez mais necessários, bem que dava jeito também enfiar por exemplo esse filme no servidor num segundo, ou em 54s (120Mbps), ou em 2 ou 3 minutos… ao invés dos 14 minutos que actualmente tarda na melhor das hipóteses com 8Mbps. Não é preciso muito tempo para fabricar 10GB de ficheiros RAW a 8MP ou mp4 a 1080p mas chateia que ainda leve uma eternidade a copiá-los para a nuvem.

  38. djx says:

    Pedro Pinto, vi que colocaram um link para a notícia da Samsung mas o mesmo é um link do pplware que não contem qualquer referência daquilo que afirmaram. Poderias colocar isso aqui ou enviar-me o link?
    Obrigado

  39. Simão Sá says:

    Uma velocidade de alguns Gb por segundo?
    As redes 4G já emitem uma radiação forte, que pode prejudicar a saúde se uma pessoa ficar muito tempo exposta. Tendo uma rede com uma intensidade 10 vezes superior não causará danos nos utilizadores ou nas pessoas que instalam o equipamento 5G?

    • Rui says:

      As pen’s 5G vão passar a ser vendidas como o tabaco e só a maiores de 18 anos em embalagens que dizem explicitamente:

      “Internet 5G prejudica gravemente a saúde!”

      “5G MATA”

      No final, as pessoas vão ignorar e comprar na mesma as pen’s 😀

  40. Ace says:

    Velocidade do Contrato: ATÉ 12mbps
    Velocidade de sincronização do Router: 4mbps / 512kbps
    Velocidade REAL de transf.: 425kbps / 54kbps
    Mensalidade: 20€

    E 2 em 2 meses tentam me impingir o serviço MEO ou M4O por satélite…

    Sem outra alternativa a não ser 3G muito mau e EXTREMAMENTE caro.

    • Rochita says:

      Deixa-me adivinhar… kanguru? Pago 30€ por essa porcaria que não oferece velocidades acima dos 3mbps e que supostamente era ilimitada… vamos a ver e ao fim de 15gb baixa para 200kbps. Que porcaria é esta? Isto é algo que se faça? Quem defende estes ótarios que volte a ir para o balcão das operadoras dizer mentiras. Isto em Portugal é uma vergonha, serviço caro e qualidade baixa. Já disse e repito: Na suiça pagasse 50 francos (+/- 40€) (internet-tv-telefone) com canais realmente HD, com preços estupidamente baratos de comunicações e internet de 80mbps.

      Caso não achem que as aldeias não têm direito devem ter qualquer coisa a tapar o cérebro. Os lucros existem para se investir. Já que têm tanto lucro porque não investir em mais? Ya… mas coitadas da tmn, optimus, vodafone… numa época onde tudo vai á faléncia eles conseguem chupar ainda mais dinheiro.

  41. Nuno says:

    pplware, ainda vão ter a acapor em cima de voces, por causa da frase “Filmes de 800MB em apenas 1 segundo”

    http://forum.pplware.com/showthread.php?tid=8158

    “Numa queixa recorrente por parte dos representantes das indústrias de conteúdos, Nuno Pereira apontou ainda o dedo aos fornecedores de acesso à Internet. Estes, argumentou, conseguem vender velocidades de acesso elevadas porque os utilizadores podem descarregar conteúdos “pesados”, como filmes. “A pirataria é um negócio, e muito rentável, para os operadores de Internet”. ”

    Já acredito em tudo
    hehe

    • Rochita says:

      Sabes que existem formas de te apopriares de um filme online? Pode simplesmente ter o direito de fazer download e é perfeitamente legal. Não que muita gente o faça claro está.

  42. Miguel says:

    Cá em PT nem vale a pena pensar nisso. Ainda está para demorar …

  43. Alex says:

    Aqui no Brasil, moro em cidade pequena… Um mísero teste desta velocidade só esgotaria a franquia do meu plano de dados… E eu que me achava feliz por ter velocidade de 1MB no meu smartphone!!! KKkkkk!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.