Quantcast
PplWare Mobile

E se existissem PC nos centros comerciais para os homens?

                                    
                                

Autor: Daniel Jesus


  1. Hugo Gomes says:

    Se nao gosta de ir as compras nao vai. Mas é burrice eu quando vou comba maria o que tenho mais é gajas para ver quando ela vai aos provadores

  2. Mr. Wrong says:

    Eu acho que quem escreveu esta noticia é sexista, e nem se quer passei do titulo

    • Daniel Jesus says:

      Muito pelo contrário, até gostei de ir às compras.

      No entanto, e em jeito de brincado, quase todos acabam por gozar com a relação entre o homens e as compras. E para ser sincero, dos casos que conheço, até é verdade em grande parte das vezes.

      No desenvolvimento deste projeto, os próprios proprietários do centro comercial assumem como público-alvo os maridos. Tenho a certeza que não o fizeram porque acordaram de manhã e se lembraram, mas que tomaram uma decisão ponderada e sustentada num “problema” real que tinham. Quanto mais os maridos tiverem ocupados, maior é a probabilidade do casal ficar mais tempo no espaço.

      Por fim resta só dizer que ambos os sexos têm o direito a não gostar de compras como ambos os sexos têm direito a gostar de jogos. Nada contra nesses pontos.

      • Mr. Wrong says:

        Pelo que parece o Daniel não percebeu a questão. Aqui não se trata de quem gosta mais ou menos de ir às compras, ou se o publico alvo é maioritariamente homens, trata-se sim de um título de uma noticia que enfatiza a questão do homem perante a mulher.

        Por fim resta só dizer que “E se existissem PC nos centros comerciais para quem não gosta de ir às compras” . Seria um titulo adulto e não machista. O efeito é o mesmo e sem preconceito.

        • Daniel Jesus says:

          Respeito a opinião. Continuo a dizer que peguei numa “piada de rua” amplamente utilizada no nosso país e além fronteiras e, na minha opinião, não insultei nem desrespeitei ninguém. Especialmente quando são as próprias mulheres a brincar com o assunto.

          Por vezes temos de levar as coisas apenas pela brincadeira que representam. O combate pela igualdade de géneros e o combate ao sexismo é de muito valor para a sociedade, no entanto, quando é levada ao extremo e se perde um pouco daquele sentido de humor para nos rirmos das coisas, é mau.

          Mas mais uma vez, respeito a sua opinião.

      • enemypublic says:

        Precisamente por amos os sexos terem direito a usufruir dos computadores, o artigo é extremamente sexista.

    • Xinuo says:

      Esse tipo de argumento é muito esquerdista ou algo “politicamente correto”. Esse tipo de coisa em doses altas, e até moderadas, causam muito mais problemas do que soluções.

      Eu sou homem, quando ia as compras com minha namorada, muitas vezes me sentia deslocado, muitas vezes me sentia cansado de tanto ir para lá e para acolá, a procura de itens e de preços. Achei uma boa ideia e não uma razão para levantar bandeiras. Eu me identifico com o problema e me agrada a solução. Porque precisa ser algo que não é certo, pois pode ferir sensibilidades. O fato é que se alguma mulher quiser usar, não pode ser impedida, pois a lei é igual para todos, mas os produtores podem dar o nome jocoso que quiser e quem achar ruim que não use ou proíba o marido/namorado/etc. de usar. 🙂

      Politicamente correto = chatice = mi mi mi

  3. Alvega says:

    “Para muitos homens, o facto de ter ir às compras é um pesadelo, uma vez que é associado a longas horas de espera a saltar de loja em loja.”, estimado Daniel Jesus, fala por ti.
    Eu Adoro ir as compras (nao de as pagar), pois enquanto a Maria faz as compras eu dou “pasto á vista….”, dito de outro modo…nao se leva areia para a praia..certo ?
    Quanto a existência de Pc´s nos centros comerciais, isso é corriqueiro, nem que seja nas caixas de pagamentos..ha…ha…
    Podíamos ver o facto da noticia de outro modo,
    “os Viciados em novas tecnologias, que nao conseguem desligar do mundo virtual, nem por um segundo, vao passar a ter um “brinquedo” para entreterem o vicio enquanto as caras metade “estoiram” os parcos rendimentos acumulados com muito sacrifício”, existiam já areas para kids, agora estas cresceram na idade e tamanho…

  4. Jorge says:

    Eis o que faltava ao mundo!
    O Tema não é assunto mas é “noticia”! Heheheheheheh

  5. ze ninguem says:

    espero que essa ideia se propague a todo mundo

  6. rui says:

    no tempo dos centros comerciais propriamente ditos, quase todos tinham um salão de jogos com arcade, dardos e matrecos

    • Goncalo Pinto says:

      Velhos tempos, tambem ja tenho saudades disso.

    • José Rodrigues says:

      Quando os fun centers fecham não há grande hipotesse para arcades, mas nessa altura era diferente, as meninas combinavam ir juntas às compras, os meninos combinavam juntos ir ao fun center do colombo para pelo meio andar de karts e juntavam-se para almoçar todos e conviver, numa altura em que não se via ninguém de telm atrás.

  7. Macela says:

    Se não for para servir de motorista, não vejo por que têm de ir ambos às compras. Será controlo? Pessoalmente nem me sentiria à vontade sabendo estava a impor uma longa espera a alguém. Em todo o caso, nos centros comerciais já há espaços onde as pessoas se podem sentar, usar os próprios tabletes , ler um jornal ou um livro…

    • Goncalo Pinto says:

      Eh pah. Afinal tambem ha “maxismo” do outro lado.
      Afinal parece que ha mulheres que usam os homens como objecto, e tiram partido dos mais dedicados e ompanheiros leais.

      • José Rodrigues says:

        Talvez as mulheres limitadas ou que não têm amigas de compras.
        Depois há aquelas que querem efectivamente a opinião dos respectivos, principalmente na prova de lingerie onde os convidam a entrar no provador, aí já nenhum se importa de ser objectificado 😀

  8. Maximus Javardus says:

    Eu não gosto de compras ela também não. É possivel até que ficassemos os dois nos pcs e as compras ficavam por aguas de bacalhau. Pra mim é uma má ideia 🙂

    • Homo Erectíssimo says:

      “É possivel até que ficassemos os dois nos pcs”—»por amor de Deus,não tire as pessoas do sério.Que seca que você apanhava.E já agora,TODAS as mulheres ADORAM fazer compras.Não terá a sua vindo com algum defeito ?? Esta agora… Ter uma mulher que não gosta de fazer compras e ainda por cima se metia com ele nos PC’s é o cúmulo dos cúmulos !! Ó homem,olhe lá a sua vida.Que sina,f***-se !! 🙂

  9. Marisa Pinto says:

    Tivessem os PCs um bom Age of Mythology ou Unreal Tournament 99 que quem lá se sentava a jogar era eu 😀

  10. MAFF says:

    Acho que o mais provavel é ditos espaços ficaram ocupados por miudagem 24/7

  11. diogo says:

    Eu concordo com a ideia. Há mulheres que passam horas e horas para escolher uma peça, é demais, é loucura.

  12. naotedeou says:

    só mesmo os trolls para achar esta noticia machista.

    quanto há existencial destes dispositivos nos centros comercias acho que é uma forma de marketing para levar mais pessoas aos mesmos logo é uma boa ideia.

  13. Darksantacruz says:

    Excelente iniciativa

  14. Joao ptt says:

    Ir à compra com mulheres tanto pode ser divertido como pode ser uma seca, depende de quem é a mulher, algumas é uma verdadeira alegria passar tempo com elas seja onde for, sempre boa onda e alegres, enquanto que com outras é uma enorme seca.
    Não sou de jogos, mas às vezes um bom WI-FI no centro comercial dava jeito para estar entretido com o smartphone na Internet que o plano de dados é miserável.

    • Homo Erectíssimo says:

      “algumas é uma verdadeira alegria passar tempo com elas seja onde for,sempre boa onda e alegres,…”—»só se for consigo,”Joao ptt”.Foge,nem diga isso a brincar !! É como diz o outro–»”Mulheres ??Tá quieto !!” 😀 😀

  15. Homo Erectíssimo says:

    Eu nem acredito que me retiraram 2 comentários que fiz sobre esta notícia.E um terceiro ainda está pendente.Francamente… Já agora,igualdade dos sexos forever !! Mas as mulheres é que mandam !! Por amor de Deus,só faltava esta. 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.