PplWare Mobile

Roubos de caixas multibanco? Medidas estão há 5 anos na gaveta


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Adriaan says:

    Tendo em conta que o governo ofereceu 630 milhões à banca, é preciso ter muita lata dizer que 22 milhões de euros para as máquinas ATM são excessivos.

  2. mlopes says:

    na minha perspetiva não nutro qualquer simpatia pelo setor bancário, antes pelo contrário), o problema das tentativas de assalto, concretizadas ou não, envolvendo explosões são os danos causados a terceiros proprietários ou locatários de espaços de comércio serviços ou habitacionais contíguos ou próximos das caixas multibanco.
    a menos que tenham seguros que prevejam atos de vandalismo, não estou a ver como podem ver ressarcidos dos prejuízos que as explosões lhes causam

  3. falcaobranco says:

    Se acabassem com o dinheiro propriamente vivo, como quer fazer a Suecia e Finlândia… isso acabava!!

  4. David Guerreiro says:

    Deviam era meter detetores de gás nas ATM, se fosse detetado gás, iniciava um protocolo de emergência.

  5. poiou says:

    Só 5 anos na gaveta? Têm a certeza que isso é Portugal?
    E que tal os donos das caixas (bancos) fazerem análises de risco antes de instalarem as caixas?
    E que tal as caixas terem seguro contra estas coisas?
    E que tal as caixas serem carregadas em horas e dias aleatórios? (não venham com coisas que eu vivi 3 anos ao pé de uma, e no último ano, a um certo dia, qunado saia de casa, sempre à mesma hora, lá estava a carrinha de valores a carregar a caixa)
    E será que as caixas “móveis” (aquelas caixas mais pequenas que normalmente estão ligadas à rede por 4g) quando são roubadas são “banidas” da rede ou o sr ladrão podia juntar-lhe uns bits a mais e aceder a outros atms na rede?

  6. Robin dos Bosques says:

    Ladrão que rouba a ladrão tem cem anos de perdão

  7. Greenshines says:

    Os seguros pagam 😉

  8. Joao ptt says:

    – Sistema de tinta, desde que funcione, parece-me óptimo.
    – Reforçar a estrutura dos cofres, para serem muito mais resistentes… como já foram em tempos antes de terem decidido trocar por uns com estrutura mais fina e menos segura para caber mais dinheiro!

    E é claro que tem de ser o estado a obrigar, porque se têm custo é claro que não vai acontecer a menos que sejam obrigados a isso.

  9. Carlos Alto says:

    Quem é que fica prejudicado com os roubos nas Caixas mulbibanco? ou seja…quem repõe o valor roubado?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.