Quantcast
PplWare Mobile

Altice colocará mesmo um fim às marcas MEO e PT

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Maria Inês Coelho


  1. R!cardo says:

    Para quando um texto a falar sobre o que se passou na madrugada com os serviços de internet da Meo?

  2. Alexandre Miguel Carlos says:

    E assim desaparece aquela que era uma das ultimas grandes empresas nacionais…

  3. José Carlos da Silva says:

    E assim se perde o nome de uma das maiores marcas portuguesas.

  4. Kabuki says:

    Tudo isto era desnecessário, políticos rascas, empresários sem escrúpulos e banqueiros merecedores de não respirar a culpa é vossa!
    Na desculpa da unificação da marca, pedem ao governo licença e ajuda dos fundos (dinheiro público), segurança social para despedir 6000 pessoas. Não era se agarrar num pau e desancar tudo pelo caminho? Aqui era comunismo puro, retirar a empresa das mãos da Alice. Esses “gajos” em nome das ajudas no processo de comprar, comprometem se em não despedir (ajudas = impostos).

    • Pedro Coelho says:

      Como na Coreia do Norte, Cuba e Venezuela ontem têm uma internet e um modelo de funcionamento de economia espetacular….

      • Vlad says:

        A Coreia do Norte, bem como Cuba, Venezuela,… não são regimes comunistas. Bem como a União Soviética não foi um regime comunista. Na realidade, na história do nosso mundo nunca houve uma sociedade comunista. Isto porque nesta não existe capital (ie. dinheiro), classes sociais, ou até mesmo um governo. Portugal também nunca foi Socialista só porque temos e tivemos várias vezes no passado um governo do Partido Socialista. Bem como Passos, Barroso não defenderam um sociedade Social Democrata, mas sim Neo-Liberalista, o mesmo como o PS. A Social Democracia é uma ideologia de, para surpresa de muita gente, esquerda.

        • Pedro says:

          Só é surpresa para quem não segue a política. Sim, social democracia é de esquerda e aplicada nos países nórdicos (há uns anos atrás porque agora até esses estão a mudar). Venezuela é Socialista, não comunista. São coisas diferentes. De facto o comunismo nunca existiu em nenhum desses países. O comunismo seria o passo final em todos estes que mencionas e o processo ficou a meio porque ainda antes do final do processo já estava tudo na miséria, perseguições políticas, sem libedade de expressão e uma classe elitista que controlava tudo. Ainda bem que não chegámos aí!

          • MLopes says:

            O comunismo não é um regime político mas sim um modo de produção tal como o esclavagismo ou o liberalismo.

          • zé manel says:

            em que é que os nórdicos estão a mudar??

          • Vlad says:

            Irónico começares com o teu comentário com :”Só é surpresa para quem não segue a política.” E depois dizeres uma barbaridade em referência à Venezuela como se fosse liderada por uma classe elitista. Liderada por uma classe elitista era antes de se ter dado a revolução bolivariana, quando era governada pela oligarquia, a mesma oligarquia que quer tentar recuperar o que lhes foi retirado. Em vez de ligares à propaganda que vês na TV, se calhar o melhor mesmo que tens a fazer é veres as estudos publicados por vários organismos, como pela ONU, que confirmam um aumento da literacia (maior que o nosso), em % do PIB gasta-se mais em educação do que nós, confirma-se uma diminuição da morte infantil, da taxa de mortalidade, da mal-nutrição de crianças,… Isto num país que sofre pressões, sanções e intervenções externas para reverter o que foi conseguido. Por alguma razão a TV foca-se agora nos manifestantes “pacíficos” da oposição (pacíficos entre aspas porque estamos a falar de manifestantes que destroem propriedade, e não têm problema qualquer em matar, linchar, e até pegar fogo a pessoas), no entanto não dá foco às variadas manifestações de pessoas em defesa do atual presidente. Ainda no dia 20 de Abril de 2017, a televisão basicamente ignorou a manifestação realizada por toda a Venezuela que tenta travar as intenções golpistas da oposição que juntou mais de 3 milhões de pessoas apenas em Caracas.

        • NT says:

          para mim socialismo, comunismo e outros ismos… hoje em dia nada serve. Temos que nos livrar disso, podem dizer que é impossível mas no tempo dos Afonsinhos também não se sonhava em acabar com o “Reino” e começar com a “Democracia”.
          O que vem depois, não sei mas já chega do “Politicamente correto”

          • Vlad says:

            Sabes o que é o Socialismo, Comunismo, Capitalismo, Liberalismo, e outros sistemas políticos, sociais e económicos? Pela tua conversa, não me parece! Posso também perguntar se sabes o que é uma Democracia?

    • José Rodrigues says:

      Agradece ao Socras e ao Bava.

    • int3 says:

      Ninguém vai ser despedido idiota.

    • Cortano says:

      Tens a noção que um dos grandes problemas da PT foi o facto de ter sido uma empresa pública.
      A PT sempre teve excedente de pessoal e porque os empregados sempre estiveram protegidos, a produtividade de mais de metade da empresa era nula.
      A isto juntou-se a má gestão, os amigalhaços, as jogadas de bastidores, as más apostas de crescimento, etc…. e lá se foi a PT.
      Mas relembro, o primeiro problema histórico sempre foi o facto de ter sido uma empresa pública no passado.

      • Joao 2348 says:

        O problema não está em ser público, mas em ser mal gerido.
        Os trabalhadores podem ser despedidos se não atingirem os patamares de qualidade exigidos… mas para exigir qualidade é preciso ser um bom gestor e dar as ferramentas necessárias (formação, incentivos monetários, etc.) e definir objectivos concretos, realistas e realizáveis.

      • Alex says:

        Deve ter sido como o BES, o BPN, … Espera essas não eram privadas!
        A Portugal telecom chegou a ser uma das empresas maiores de Portugal, o que a destruio foi a corrupção com a ajuda da gestão desse mega, super giga, brutal, … Bava.

      • Um gajo que está a par says:

        portanto chamas-te de Cortano e depois dizes “A PT sempre teve excedente de pessoal e porque os empregados sempre estiveram protegidos”, pelo menos és consistente na estupidez.

  5. pokemonMaster says:

    Obrigado Zeinal Bava

  6. André says:

    Agora pensem nos novos nomes: Altice Arena, Altice Sudoeste, Altice Marés Vivas, Altice Drive, Altice Music, Rádio Altice Music, Altice Cloud… Bem, sempre é melhor que “NOS”! 🙂

  7. Pedro Coelho says:

    Conheço um tipo que já foi cliente da TV Cabo, da Zon e da Nos (que se lê Nós) e nunca mudou de operador… O mesmo se aplica à TMN, Meo e futuramente Altice…. Com estas marcas todas até parece que temos uma oferta concorrencial em Portugal 🙂

    • Ricardo says:

      Nesse aspeto eu discordo zon para nos Não é algo tão chocante e fica bem… Agora a PT MEO com tudo o que tem o peso que esse nome tem em Portugal e a maneira como em termos de marketing fica bem… Passar para altice? Para mim é a coisa mais rasca que parece há primeira vista.. Apesar de ser meo passar a dizer que uso serviços altice? Por amor da santa para mim é um marco extremamente negativo na marca.

      • Gerardo says:

        Ninguém conhecia a Vodafone mas toda a gente conhecia a Telecel. Agora a marca Vodafone está presente em toda a Europa. É exactamente o que a Altice quer fazer, criar uma marca internacional. PT e Meo podem ser muito conceituadas aqui, mas para um Alemão ou Austríaco nada dizem. Já Vodafone é reconhecida em toda a Europa.

  8. Asdrubal says:

    Agora o novo lema será:

    “Altice, grande aldrabice”.

  9. Delfim Mota says:

    E a pplware como fica em relação com a sapo???

    • Vítor M. says:

      O que tem o Sapo e o Pplware a ver com isso? O vínculo do Sapo é com a Altice, o do Pplware é com o Sapo e a marca Sapo continua (Sapo, Moche e Uzo) porque é forte e o pplware faz parte da força dessa marca, mesmo sendo uma entidade independente, é um parceiro estratégico. Os donos da PT Portugal vão abandonar a marca PT e Meo e assumir uma única identidade global: Altice. A mudança irá acontecer dentro dos próximos 12 meses. A apresentação da nova imagem da empresa está a ser feita esta terça-feira, em Nova Iorque.

      • Homo Erectíssimo says:

        Exactamente,Vítor Martins.Apesar da marca MEO/PT levar um novo “rebranding” a partir da 2ª metade do próximo ano de 2018(para se passar a chamar Altice),as marcas Sapo,Moche e UZO continuarão assim designadas,sem nenhuma alteração.Isto vem na imprensa de ontem,Terça-feira.

  10. Manuel says:

    Independentemente de estarmos num mercado global a PT deveria ter dido mantida como operador de referência nacional. O problema esteve nestes energumenos que estiveram na gestão da empresa, e claro, nos governos. As grandes empresas nacionais tornaram-se reféns dos partidos políticos. Todo o ex deputado, ministro, acessor… Vão parar a cargos diretivos. Claro que qualquer empresa internacional não quer compactuar com isto. Despedem milhares e os nossos impostos vão pagar subsídios, o capital vai para fora e os impostos… Não pagam

  11. CMatomic says:

    Agora o Pavilhão Alântico vai se passar a chamar Altice arena ?

    • Homo Erectíssimo says:

      Não me admirava,”CMatomic”.Mas o Pavilhão Atlântico já se passou a denominar de MEO Arena já há 4 anos,no ano de 2013.Anda um pouco desactualizado. 🙂

  12. Jorge Manuel Pires Ferreira says:

    Agora querem despedir 3000!! F D P!!

    Altice?? WTF is that?! VF ou NOS será o caminho a ir.

    • Luís says:

      Hmm, e qual é a diferença? Seja como for todas elas só pensam em números e não em relação-cliente, a NOWO ainda tentou faz isso, mas não está a ir por um bom caminho devido à sua infrestutura.

    • Cortano says:

      Os outros nunca precisaram de despedir 3000 porque nunca atingiram números ridiculos de trabalhadores em que uma boa percentagem eram desnecessários, que só lá estão porque vieram do tempo em que a PT era do Estado, ou estão lá porque são amigos do amigo, etc.

  13. André says:

    StarAddict 6

    se forem ver esse telemóvel na meo já diz “altice” na parte de trás, e já não é de agora

  14. T0PL0ser says:

    Negócios da China.pt
    1º A PT vendeu 50% da vivo por 7.500.000.000,00 € a Telefónica. (para quem não tem noção isto é um décimo do empréstimo do FMI a Portugal.)
    2º A PT comprou 22% da Oi por 3.500.000.000,00 €
    3º Fusão entre a PT(empresa 5* ao momento) e a Oi(empresa com um passivo 18.000.000.000,00)
    4º PT perde 900.000.000,00 € na Rioforte.
    5º Brasileiros fazem barulho
    6º PT em falência iminente
    7º Altice compra pt e quer recuperar o seu investimento e garantir que não há mais trapalhices.

    Eu não acredito que os responsáveis, quer pela PT, Oi, BES, não estivessem cientes do que iria acontecer. No meu ver foi um assalto do lado tuga a uma empresa com uma boa liquidez e um assalto do lado Brasileiro a uma empresa onde o estado esta sempre a injectar dinheiro. Mas como é óbvio, enquanto os suíços lucrarem todos se safam!

  15. Alvega says:

    FINALMENTE. Lenta mas inexoravelmente, o pais vai avançando.
    Leva tempo, muito tempo, mas o regime e as suas empresas (protegidas), vai entrando no mercado.
    Qual o problema do rebranding ?
    Nenhum, o problema é que MUITOS (NAO TODOS , CLARO), dos arrogantes e situacionistas dos empregados, vao “descer” há terra, alguns perdem mordomias, outros vao finalmente saber o que é competir e ter de mostrar trabalho, outros ainda vao te rde ganhar bons modos no atendimento ao publico, alternativa…é conhecida,,,,de viola.
    Isto de ser os “maiores”, quando a concorrência era posta em “sentido” pelas regras emanadas, nao do governo, como era suposto, mas sim das Picoas, foi chao que deu uvas, habituem-se.
    Se a PT era apontada como exemplo de empreendedorismo e inovação tecnológica, porque nao continuar a mostrar o que valem ?
    Nao é a marca ou o nome que vai tirar o valor \ conhecimento \ habilidade, aos funcionários dignos desse nome, nao será o que se vai passar claro com todos os que entraram ao longo dos anos, usando o método instituído em Portugal do amigismo e da cunha, com intuitos políticos ou outros.
    Sou cliente Pt desde sempre, e tenho muito bem e muito mal a dizer, como em tudo na vida existe o bom e o mal, mas na antiga PT o mal era branqueado de forma despudorada, vicios da posiçao dominante do mercado.

    • TudoDito says:

      +1
      ora nem mais… Alvega, aqui está uma excelente conclusão! acredito sim na PT, agora Altice, assim como sei que muitos do que por lá andaram a pastar vão agora começar a ter de dar o litro. ou alguém acredita que não há gente a mais…? há e não é pouco! Por mim, longa vida à Altice!

  16. Ricardo says:

    Ora bem, tenho uma questão: Sendo cliente da MEO e tendo a questão da fidelização por 24 meses quer dizer que ao mudar o nome da operadora eu deixarei de ter a fidelização? É porque eu assinei um contrato com a MEO e não com a Altice. Será que me conseguem esclarecer sobre o assunto?

    Obrigado, desde já.

    • Gomes says:

      Se decidires mudar o teu Próprio Nome amanhã, deixas de receber o salário todos os meses e de estar contratualmente ligado a todos os teus beneficios? Deixas de ter a tua casa? Deixas de ter o teu carro? etc.

    • Gervásio Palha says:

      Perguntas destas logo de manhã fazem um gajo ficar logo bem disposto.

    • Cortano says:

      Não deixas de ser fidelizado. Vais continuar fidelizado seja lá qual for o nome.
      Tu contrataste um serviço e a tua fidelização é ao produto/serviço, que por sua vez tem um dono, mas o nome do dono é indiferente desde que o serviço não sofra alterações.
      Só podes rescindir caso a Altice te mude as condições contratadas, como não deverá fazer isso, o nome do dono para ti não interessa nada.

  17. Mel says:

    A mim parece-me lógico, porque agora dos donos são a Altice.
    E aqueles criminosos que estragaram um grande grupo (PT) vão passar impunes… Grandes gestores, grandes banqueiros, grandes políticos… até atrás das grades davam despesa. Deviam era governar-se com uma pensão de 300euros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.