Quantcast
PplWare Mobile

Adobe Air 2.5 Revelado: Agora tudo é móvel

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Vítor M.


  1. RCS says:

    Esse jogo foi feito com Adobe AIR e é cross platform? Se sim, é impressionante.

  2. Marcos Jahn says:

    o link “Adobe AIR 2.5 Now Available” está quebrado.

    O link correto é http://blogs.adobe.com/air/2010/10/adobe-air-2-is-now-available.html

  3. cool-man says:

    Cross platform…?
    Disponível apenas para as plataformas que eles querem suportar tal como o flash.

  4. L.Mata says:

    O iOS domina? Interessante quando se ve que quem esta a crescer mais é o Android. E vamos lá a ver o que vai acontecer com o WP7. Lá para janeiro já devemos ter estatísticas interessantes.

    • John says:

      Por acaso também achei estranho a afirmação, especialmente quando a previsão para o momento coloca o Android em 1º, seguido da RIM (a descer) e em 3º o IOS.

      Como opinião pessoal, penso que o Seven e o Android acabaram por dominar, embora tal como nos PCs a Apple manterá a sua quota de mercado.

  5. kekes says:

    🙂 porreiro agora com o lançamento de graficas para aparelhos moveis para Adobe Flash e afins… Espetaculo, vai haver um boost em performance e quem sabe talvez a Adobe entre no campeonato em grande 😀 Para quem declarava que estava tramada…

  6. cool-man says:

    No Debian para PPC não dá instalar o adobe flash e imagino que tambem não dá o Adobe air.
    Quem não usa x86 fica logo prejudicado.

  7. phixie says:

    Em relação a telemóveis recordo que já houve tentativas de algo neste sentido…
    Há telemóveis que suportam flash/actionscript, e nem estou a falar de smartphones… O meu penúltimo telemóvel, um sonyericsson w910, já suportava, e mesmo telemóveis de gama média ou média baixa como por exemplo os nokias xpress music…
    O que é certo é que foi muito pouco aproveitado, quase ninguém desenvolveu alguma coisa de jeito…
    Acho que foi pena porque considero que as possibilidades daquilo que se podia (e pode) fazer nessa plataforma são enormes.
    Mas se na altura não “pegou” será que vai ser agora? Receio que não…

  8. hp says:

    foi usado o motor 3d – ALternativa 3D! queria ver isto apenas com flash 🙂

  9. dajosova says:

    Não me quero meter em guerrinhas de palavras acerca de plataformas mas alguém me disse que leu algures que havia uma possibilidade de interesse da Apple comprar a Adobe ou a Sony!!! Achei isso um pouco afastado da realidade… sobretudo no caso da Sony… mas tb me disseram que a Apple tem disponíveis 32 mil milhões de dólares (32 billion dollars) para investir… ouviram ou leram algo sobre isso?

    Em relação à notícia custa a perceber como a Samsung quer entrar em vários campos de batalha, sendo um deles produzir TV’s com Android quando podia (ou não) optar pelo seu próprio sistema Bada. Talvez até tenha planos para ambos, uma vez que o Android abrange muitas marcas de equipamentos móveis !!

    Quanto ao Adobe AIR realmente parece-me bem pelas diferenças/vantagens em relação ao Flash.

  10. ajbadboy says:

    Brevemente em vez de consolas teremos telemóveis ligados à tv para correr os jogos que actualmente as consolas correm.
    Já imaginaram?
    Ligar um telemóvel à tv e correr jogos da playstation2 se um amigo tivesse um telemóvel igual ligavam os dois entre si e depois conectavam-se à televisão e já jogavam jogos da PS3 e por aí fora…
    Como andamos sempre com o telemóvel era só ligar a uma televisão (do vizinho, da avó, dos primos, etc) e tínhamos sempre divertimentos garantido.

  11. LULZ says:

    Isto significa que a partir de agora já posso começar a desenvolver aplicações Air para o meu Android???

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.