PplWare Mobile

Identificados 42 modelos de smartphones com trojan bancário


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

106 Respostas

  1. Helder says:

    Nenhum é iPhone, que sorte, hein?

    O “barato” sai caro. É que uma fraude de transferência bancária, não é como uma fraude de cartão de crédito, não há “cancelar”, não há seguros.

    • Alberto says:

      Comentário de iPurista.

    • Spoky says:

      Como podes ver, são marcas “desconhecidas” é normal que exista este tipo de malware, uma vez que se tratam de marcas pouco conhecidas, e a verdade seja dita a fama não é muita.

      O que é que o iPhone tem a ver com isto? Assim como não aparece nenhum LG, Samsung ou ASUS. Na lista.

      Aproveitam tudo para se gabar, do iPhone não constar na lista. Mas tu és cego? Não vês que a grande maioria são marcas chinesas? Excepto a BQ

    • LR says:

      Sim, Hélder, já se calculava que nenhum fosse iPhone… ou Samsung, ou SONY, ou Huawei, ou LG, ou NOKIA, etc, etc, etc…

    • Joel Reis says:

      Lol! Comentário ridículo.

      • Helder says:

        Foi o malware que te cortou o justificativo de porque é que o meu comentário é ridículo?

        • Joel Reis says:

          As respostas acima não te chegam? Precisas de outro desenho? Não és nada bom entendedor!

        • Joel Reis says:

          As respostas acima não te chegam? Precisas de outro desenho? Não és nada bom entendedor!

        • Celso says:

          O teu (helder) comentário só tem uma resposta. Enquanto não tiveres acesso ao código fonte do IOS, bem podes andar praí a pregar a missa a dizer que IOS não tem nada disso…é só fanatismo e só um doente pela apple como tu é que acredita no que dizes.

          • Marco António says:

            Sim, realmente, o código fonte do iOS tem um malware que permite à Apple roubar dinheiro às pessoas através das Apps de HomeBanking.

            Em que mundo vives?

          • Celso says:

            E tu, em que mundo vives? A partir do momento que usas código fechado, até pode mandar todas as tuas credenciais que nem dás por isso. Não estou a dizer que a apple faça isso mas se não vês o código, não sabes o que ele faz.
            Nao é por acaso que a china pesiu o código à apple.
            Em que mundo vives?

          • Marco António says:

            O teu telemóvel Android é tão fechado ou mais que Apple.

            Não sabes o que falas, é mesmo ridículo!

            “Nao é por acaso que a china pesiu o código à apple.”

            E depois? Pode ver, só não pode copiar, a Apple não tem nada a esconder, por isso, deixaram-os ver.

          • Celso says:

            Marco, e eu é que não sei do que falo…
            Só por dizeres que o android é tão ou mais fechado que apple só mostra a tua ignorância sobre o assunto.
            Nem vou dar-me ao trabalho de responder-te sobre o resto…
            Abre a pestana…

        • Nuno Oliveira says:

          Para começar, os iphones que a rádio popular vendia usados como novos em que alguns até com jailbreak vinham provam que possível também é na marca da maçã…
          De resto, nada como poupar 600€ e perder 10 minutos a instalar a rom mais recente do fabricante…

    • Toni da Adega says:

      fraude bancária de quê? Já se sabe que quem não tem iPhone, não tem dinheiro, na volta nem conta bancária possuem.

    • Aj says:

      Parece que nunca fez uma trans bancária com homebanking /app,

    • Marcelo says:

      Nao te deves lembrar do hack na iCloud ou ja te esqueceste ?

    • d4rc says:

      Comentario de gente pequenina…. Achas que quê, 95% das pessoas tem capacidade para andar a pagar apples? Nem toda a gente quer tar a vender um rim…

      Mas ja agora, tudo o que se liga a internet por mais que se tente disfarçar é um risco.. Queres segurança? Mais vale nao teres net… nem portas, nem janelas…

      Agora a serio? Vir praqui mandar umas postas de pescada por produtos apple, onde a bem pouco tempo se viu que a cloud da apple foi hackeada é gerar discussão.
      O artigo fala em 42 modelos DESCOBERTOS, fora os que faltam descobrir, e os que nunca se irao saber…

      • Catarino says:

        Tens toda a razão em dizer que apple é cara e dizer que todos os dispositivos tem um risco de segurança, mas não podes dizer que a cloud da apple foi hackeada.
        Aconselho a ler um pouco mais sobre o que aconteceu, para não gerar discussão.

        • Sujeito says:

          Não dá. Isto é um blog de tecnologia mas as pessoas lêem os cabeçalhos, formam a sua ideia e andam a espalhar informação falsa sem se informarem.

    • Mota says:

      Obrigado Helder por esse comentário extremamente inutil.

    • E-Lektro says:

      E o caro continua caro, gastas +500€ num iPhone que tenha updates até o partires e teres de gastar +500€ num novo quando estiver fora de garantia, enquanto tens telemóveis low cost que fazem exactamente o mesmo e são mais fáceis de repor a qualquer bolso.

      Devo recordar o conceito de smartphone? Smart (Algumas coisas mais que o telemóvel não faz ) + Phone (Dispositivo para mandar e receber Mensagens e Chamadas).

      E mais, desafio-te a abrires um iPhone para o reparar, se calhar a ideia de desmontar +500€ pelas tuas mãos já não é uma ideia tão boa hein?

    • paulo g. says:

      Tb podia ter um iphone mas prefiro comer comida biológica… são opções, o dinheiro não chega para tudo. Estou satisfeito com o meu Leaggo de 70€ que também telefona.

    • Diogo Santos says:

      Nenhum dele é Samsung, ou Huawei, ou Xiaomi, ou Asus, ou qualquer marca mais barata e melhor que a Apple.

      • Pérolas says:

        A malta deve meter na cabeça que ao comprar artigos de electrónica, com capacidade para se ligarem à internet, fabricados «numa certa e determinada proveniência», está a arriscar-se que venham com «brinde» (neste caso a fava). Reconheço que não é fácil e dá mais trabalho pensar nisso, pois, quase tudo é fabricado lá. Vou dar ênfase ao QUASE, porque, muitas marcas já reconheceram este problema e estão a mover-se para locais onde podem controlar a produção…, mas, considerem este trabalho de pesquisa como »osso do ofício», pois, mais vale «prevenir que remediar».

  2. DrFrankenDerpen says:

    Estava a ler a noticia e a tentar perceber que tipo de modelos iriam calhar na lista…não fiquei nada admirado quando vi estas marcas chinocas..

    • Rui Gomes says:

      Atenção que muitas marcas que aparecem por aí são rebranding de muitas dessas. Além disso algumas marcas ditas de topo, fabricam os seus componentes nas fábricas de algumas dessas marcas. Até porque no inicio estas marcas do fabricavam componentes.

  3. Belmiro says:

    Nao é culpa das marcas? Mandam fazer sem controlo em fábricas baratas e depois queixam-se que vem com processos “espia” a monitorizar contas bancárias, conversas, etc. Ainda confio nas marcas japonesas, sul-coreanas e Apple, fora isso há que evitar ao máximo. Esta malta se nao ganha dinheiro com os terminais, tem que ganhar doutra forma, direta ou indiretamente.

  4. Hugo Gomes says:

    Fogo e eu aqui a espera de um lumia na lista 😀

  5. Marco says:

    É por essas e por outras que não instalo qualquer merd# que me querem instalar no telefone, nem coisas demasiadas provadas, nem homebanking … nem o boda. Minimizar riscos ao máximo … É como o MBWay … é tudo muito bonito, mas nos termos de utilização eles descartam toda e qualquer responsabilidade mesmo a do software deles …

  6. Pedro Pinto says:

    Bem diz o Trump que não quer telemóveis chineses na América…

    • Belmiro says:

      Não quer, mas em muitíssimos aparelhos que “ele” manda para o resto do mundo vêm programados / buracos para as agências americanas expiarem as pessoas; por muito que acredites que as marcas de PC, software, telemóveis americanas sejam seguras, são principalmente para eles, não para o resto do mundo. Estes países (eua, china, rússia, coreia do norte, etc) têm sede de poder / poder económico e expiando o resto do povo, conseguem ter vantagem nas decisões / acções / compra-venda, etc.

    • Float says:

      Os Iphones são fabricados em New York

  7. Correia says:

    Qualquer banco hoje em dia utiliza dupla/tripla verificação.
    As fraudes bancárias normalmente são muito facilitadas pelas vítimas e são provocadas por pessoas próximas das vitimas.
    Conheço muita gente que utiliza Apps bancárias e não conheço ninguém que tenha sido burlado.
    Claro que é possível e por isso é que tantos génios se dedicam a criar vírus, mas neste aspeto acho que é de dar os parabéns aos informáticos que trabalham para os bancos e instituições bancárias portuguesas.
    Pior burla que estes vírus provocam, são algumas mentes menos escrupulosas que dominam o sistema bancário mundial.
    Milhões e milhões que desaparecem dos bancos sem que sejam encontrados culpados e sem intervenção de trojans ou algo que se pareça.
    A lista vale o que vale. E se houvesse um inquérito das pessoas realmente burladas através de telemóvel se calhar teríamos uma surpresa nas marcas apresentadas.

    • Helder says:

      Não adianta ter 300 verificações se o OS estiver totalmente comprometido.

    • Helder says:

      E PS: a maior parte destes esquemas, eles não roubam muito dinheiro, roubam 1€ aqui, 2€ ali, um mês, outro mês, eles são finos, a maioria não repara e se repara não se queixa.

      • bola says:

        Ai sim, e como fazem a quem tem dupla e tripla verificação de movimentos ó grande Expert de uma marca de telefones que é inviolável ! ?

        Espera parece que os Israelitas entram nos iphones, hummm será ?
        😛

  8. Dinis says:

    Posso dizer já aqui que o Umi Diamond vem com o Trojan heur:trojan.androidos.agent.pac no ficheiro settings.apk, /system/priv-app/settings, conforme resultados da Kaspersky. A própria Kaspersky informou-me que não consegue tirar este virús. Fui forçado a instalar uma ROM existente nos fóruns da UMI.
    Se não souberem como fazê-lo (instalar a ROM) não comprem (apesar da boa relação qualidade-preço na minha opinião).

  9. Joao says:

    “Tenho um telemóvel de 100€ que faz tudo o que um de 1000€ faz, só gasta dinheiro quem quer”

    • Pedro says:

      O que é que uma coisa tem a ver com outra?
      Ainda sobraram muitas marcas e modelos sem problemas.
      E pelo menos não bloqueiam com certos caracteres nem tem um “downgrade” de velocidade para modelos antigos.
      E um iphone nunca pode apanhar virus numa app qualquer…
      É ovelha (a querer mostrar que é rico) quem quer.

      • Helder says:

        Bloquear com certos caracteres não te tira dinheiro da conta.

        E quanto a isso de downgrades de velocidade não passa de teorias da conspiração…

        • Telmo M. says:

          Só que não… A Apple admitiu reduzir performance a troco de mais tempo de bateria… Dizem eles que foi boa intenção.

        • Hugo says:

          A mim ninguém me tira dinheiro da conta e não gastei 1000€. Sou mais inteligente que tu? Provavelmente, mas não é por causa do smartphone que tenho no bolso.

          • Nuno Oliveira says:

            Caro Helder,

            Como não acreditas, aqui fica a informação da própria Apple.
            Espero que consigas perceber que apesar dos termos todos bonitos e toda a boa intenção presente, a Apple torna os telemóveis mais lentos para evitar problemas que eu em 20 anos de telemóveis nunca experienciei…
            https://www.apple.com/iphone-battery-and-performance/

            Quanto a segurança, a Cellebrite afirma já conseguir desbloquear qualquer iphone com ios 11 ou anterior… Tira as tuas conclusões…

    • Migael says:

      Conforme diz no texto do artigo… compra um de €100 mas re-instala o sistema operativo.
      Eu faço sempre isso quer seja um telefone ou um computador.

  10. David Ramos says:

    Normalmente quando se compra um smartphone sem ser na loja oficial da marca, mais vale injectar a rom oficial. Para quem não está mt dentro do assunto é melhor não comprar….Mas para que se safa bem é um bom negócio. A maioria são bem baratos e fazem tudo o que que é necessário

  11. Rui Gomes says:

    Normal, o Android é tão aberto que permite facilmente gamar os seus incautos utilizadores espertos.

    Cada vez parece-se mais com o Windows Vista.

  12. ze da vila says:

    eu é que faço bem não uso internet para movimentar dinheiro, quando andamos na internet nunca estamos sozinhos, nem mesmo com antivírus ou anti spywares…

  13. Miaggy says:

    Já viram imagens do BQ referido? Não parece ser a mesma bq espanhola.

  14. carlos p says:

    os iphones podem não ter isto. mas já teve outras pérolas. boa noite pra vcs ninas

  15. Kroko says:

    Não percebo esta irracionalidade de fan boys, eu pensava que este tipo de irracionalidade era exclusiva de clubes de futebol. Por marcas acho que é mesmo coisa de quem não têm muita vida. Não ha nada perfeito tudo têm vantagens e desvantagens em vez de se preocuparem tanto com o vizinho se se preocuparem mais com voçês talvez talvez consigam ser mais felizes.
    Em relação a noticia convem estar sempre super atento com aplicações mais sensiveis seja qual for o sistema operativo e a marca.
    Obrigado pelo aviso Pplware

    • carlos p says:

      o Helder é o maior fan boy da apple aqui no pplware

      • Hugo says:

        É apenas um troll.
        É ridícula aquela arrogância. Na verdade conheço meia dúzia de pessoas assim e quando as vejo na rua, se possível, finjo que nem as vejo só para não ter de os aturar.
        Se ele for mesmo assim no dia a dia tenho pena (de quem não lhe consegue escapar).

  16. Joel Sousa says:

    Para já, na Xiaomi nada… Em tempos apanhei malware n Umi C1 e num Infocus. Convém ter algum cuidado com o que se compra.

  17. Joao says:

    Já tive um Leagoo e percebi que vinha cheio de Malware, afinal também fazia chamadas de valor acrescentado sozinho..

    Tenho de dizer que apesar da lista apresentada neste artigo existem mais “marcas” afetadas por este tipo de problemas.

    Ainda não tive problemas com a marca Xiaomi.

    Para quem tem €€ qualquer marca de valor acrescentado considerável não deverá apresentar Malware. Incluo o OnePlus nestas marcas.

  18. Ze says:

    Fica a duvida! Quem espia mais?
    América ou China

  19. Pérolas says:

    É tudo made in xina, certo?

  20. rimelixeim says:

    Isso é tudo muito relativo, as vezes nem é a marca do smartphone que injeta o malware, ja se falou no pplware de uma empresa que fabrica o hardware que o injecta sem a marca do tlm saber de nada…
    Os leEco vêm da mesma marca de carcaças e montagem de peças que a xiaomi, vernee, entre outras marcas chinesas… Vem tudo da NewBund, o meu nao tem esse processo trojan, a Xiaomi nao há nada tbm, acho que a marca (leEco) é que meteu o virus….

    • Hugo says:

      Xiaomi vêm muitas vezes com custom roms. E não deve ser de fábrica.
      Quando recebi o meu a primeira coisa que fiz foi instalar uma rom oficial.

  21. falcaobranco says:

    O importante era tentar perceber como se deve fazer para retirar esse trojan pplware, porque pode haver pessoal que tenha alguma dessas marcas… não é o meu caso, mas no meio haver marcas como Doogee, Leagoo e Zopo, certamente deve alguém com esses modelos… 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.