Quantcast
PplWare Mobile

A Google reinventou-se e o Google Maps agora também já é uma rede social

                                    
                                

Fonte: Google

Autor: Pedro Simões


  1. Zé Duarte says:

    E nunca mais vou atualizar o Google Maps.

  2. Ze says:

    O que vale é que há alternativas que chegam.

  3. Miguel says:

    Está na moda, ser tudo “social”.
    Já agora podiam obrigar o pessoal a tirar uma selfie na origem e destino de viagem, senão a app bloqueava. Ainda mais ” social” ficava, e mais info seria recolhida ali pelos americanos.

    • Ci says:

      Diria que o problema não é “estar na moda”. O ser-humano é um ser social.
      O problema está no facto de como as empresas se alimentam dessa caracteristica humana e de como “montam” as redes sociais.

      Penso que, com o tempo, esse problema será detectado pelos utilizadores e será considerado um contra, surgindo outro tipo de redes que garantem o controlo total de privacidade e dados e nas quais será legitimo depositar mais confiança.

  4. Tadeu says:

    Bem vindos à nova era dos mapas, o primeiro vislumbre de como a Google vai ganhar dinheiro directamente com os mapas.

  5. Tuaregue says:

    começo seriamente a pensar em comprar um iphone. O waze ja foi comprado por eles (google), qq dia acabam com ele.
    Pelo menos que nos deem a hipotese de opt-out.

  6. A. M. says:

    A Google já só se preocupa em arranjar forma de nos “vender” aos bocadinhos. E estão sempre à procura, onde podem ir buscar mais “uma parte” de nós, tudo camuflado nos serviços que nos “oferecem” mas onde nós somos o produto.

    • Silvestre says:

      Esse comentário não tem lógica.
      Se não gosta porque é utilizador?
      Pensa que as empresas com tantos colaboradores, serviços, desenvolvimento, infraestruturas globais, custos de energia etc, ganham dinheiro para manter tudo, de que forma?
      Já existe forma de dar ou retirar permissões em relação ao tipo de dados que partilha. É que não é a Google, são todos. Uma empresa que disponibiliza serviços na Internet se não utiliza publicidade, cobra uma mensalidade.

      • A. M. says:

        olha este iluminado!!! Publicidade é uma coisa, venda de dados pessoais é outra!! As duas não têm de estar interligadas!! …e já agora só porque “não é a Google, são todos”, não quer dizer que por serem muitos passa a ser “normal”!!

        • Joca Sousa says:

          Discordo.
          Hoje em dia a publicidade é totalmente gerada com base nos dados pessoais. Ou seja, primeiro vem a venda de dados pessoais e só depois de bem esmiufrados todos os dados é que se criam os ads destinados a cada um.
          Está tudo interligado!

  7. André R. says:

    Já que são donos do Waze, bastava adicionarem o street-view ou mapas de satélite ao Waze, e já ficavam com uma aplicação realmente fenomenal…

  8. Sardinha Enlatada says:

    Realmente parece a coisa mais idiota que a google quer tentar fazer. Tomara que nao tenha sucesso. Muita gente que usa o google maps so para ajudar nas rotas, arrisca-se a clicar em algo que va parar a rede social ou seja la como esse tal google maps vai funcionar no futuro

  9. Digo Eu says:

    Vão é estragar um produto excelente!. Se eu quisesse fazer parte de uma rede social, ativava Facebook, Twitter, Tik Tok, e outras tretas. Espero que o desativar dessa função seja real. Senão é o proprio Google Maps que será “desativado”

  10. Maria says:

    Não não todos.
    Entre “todos” vender dados pessoais e fazer disso o Core Business disfarçado de Serviços Google vai um oceano de distância

  11. Pamilho says:

    Começemos simplesmente pelo nome “WEB”(teia).tudo la fica ..e quem papa é a aranha…..

  12. Rodrigo says:

    A Google criou uma nova rede social e estragou de vez o Maps. Tão simples como isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.