PplWare Mobile

Sabia que há uma máquina de lavar roupa que não gasta energia?


Vítor M.

Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.

Destaques PPLWARE

42 Respostas

  1. bom senso says:

    sim senhora pelo preço compro uma máquina tradicional e lavo a roupa toda de uma vez e não tenho o trabalho de dar ao pedal…

  2. Botelho says:

    300 dólares por esta trampa? Mas que barrete!

  3. Ricardo says:

    os banqueiros usam disto em casa deles? e os gajos das petrolíferas, também?

  4. João says:

    Estupidez!

    E aquecer a água, não se gasta energia?

    • Vítor M. says:

      Pode não gastar energia elétrica. Pode ser energia solar, dependendo do tipo de sistema. Podes lavar também a frio e, como tal, podes nem sequer ter necessidade de ter energia a aquecer a água. A única, a que é gerada no pedal, é cinética. 😉 Não é estupidez, são conceitos modernos com tecnologias de outros tempos. Habitua-te que é para aí que se caminha.

      • Costa says:

        Energia gasta sempre, o ser humano não gera espontaneamente energia, converte do adquire.
        Há obviamente um gasto de energia, não vem é da tomada que está na parede.

      • Adolfo Dias says:

        Então e uma máquina elétrica que se alimente de energia solar?
        O problema aqui são os 24 litro de água que gasta esta miniatura para lavar meia dúzia de peças. Que exagero comparado com as novas máquinas económicas que lavam mais de 8 kg de roupa com a mesma água que esta.

        • Vítor M. says:

          Estamos a falar de coisas e conceitos diferentes 😉 porque essa máquina no artigo funciona também com água fria.

        • ZeTolas says:

          “A sua máquina de lavar roupa pode gastar cerca de 124 litros de água quente, apenas num programa de lavagem. É a mesma quantidade que é gasta em 4 duches!
          Estes são valores alarmantes, tanto no que respeita à quantidade de água potável desperdiçada, como na energia que é consumida para o aquecimento dessa água.” fonte APEA… agora faz as contas outra vez…

      • Joao says:

        Eu diria que é mais ao contrário. Conceitos de outros tempos com tecnologia moderna 🙂

      • Nadadenovo says:

        Sabes que para seres levado a sério convém que a arrogância venha de algo palpável como conhecimento. O que não é o caso por isso trata de ser mais humilde que só te faz bem.

  5. Hugo Gomes says:

    Ja vi isto a cerca de 2 anos, no blog da tecmundo. Ta giro naqueles paises em que nao tem electricidade.

  6. Hugo Gomes says:

    Achei giro o último paragrafo. Ai da tenho 2 desses ca em casa, um de dar a corda de parede e outro de pulso, eram do meu avô.

  7. Miguel Silva says:

    Quem quiser apostar no futuro pode comprar uma destas e depois mete o robot a dar ao pedal 😛

  8. Marco says:

    Mas afinal não gasta energia ? … 😛 …

  9. Rodrigo says:

    Isto não resulta para o tuga. O tuga não gosta muito de fazer esforço e gasta mais energias a criticar tudo e todos do que gastar em algo útil. A maioria deixaria a lavagem a meio.

  10. António Ferreira says:

    A ser verdade, é muito melhor que as tradicionais: lava mais rápido (2 Kg em 5 minutos, o que equivale a 8 Kg em 25/30 min, quando numa máquina normal gastas 2h ou mais), sem gastar electricidade, ´bastando para tal “dar só ao pé”. Não sei é como é que conseguirá lavar bem em tão pouco tempo, se as “normais” não o conseguem fazer. Quanto ao preço, este será mais elevado inicialmente, como em todas as inovações, mas com a produção em massa (e as cópias chinesas), os preços hão-de baixar bastante. E nessa altura será particularmente interessante para os países subdesenvolvidos com problemas de acesso à energia eléctrica (desde que consigam deitar a mão aos detergentes, né).

    • Adolfo Dias says:

      E a água que gasta? 24 litros?

      • ZeTolas says:

        “A sua máquina de lavar roupa pode gastar cerca de 124 litros de água quente, apenas num programa de lavagem. É a mesma quantidade que é gasta em 4 duches!
        Estes são valores alarmantes, tanto no que respeita à quantidade de água potável desperdiçada, como na energia que é consumida para o aquecimento dessa água.” fonte APEA… agora faz as contas outra vez…

  11. Joao says:

    Relógios de dar à corda??? Uau! Isso seria uma inovação inovadoramente inovadora!………Não escrevam a seguir que teria de se utilizar os dedos, eventualmente, o indicador e o polegar para fazer rodar uma pequena roda ou isso durante umas 20 voltas..Mas mais inovador será, certamente, um relógio cuja “corda” venha do movimento do utilizador…Uma pequena nota, tudo isto já foi inventado há uns anitos…. Keep having fun!

    • Vítor M. says:

      A parte da ironia… era para ser consumida como tal, com boa disposição, dada a aposta em tecnologias do passado com roupagem moderna. Percebeste para que serviu a última frase? 😀

  12. Nelson Costa says:

    Portugueses já criam isso há mais tempo, chamasse TANQUE de PEDRA!

  13. Lumia535 says:

    Deve ficar muito “bem lavada” nesta Drumi… xD
    O tanque continua a ser o mais barato 😀

  14. Filipe F. says:

    Ideia gira para campismo selvagem ou festivais mas muito caro para algo analogico. Nao justifica o preço

  15. Costa says:

    Reparem que no primeiro video, há uma fuga, a maquina pinga ao segundo 20 +/-.
    Má construção e plásticos fraquinhos portanto 😉
    O titulo da noticia é basicamente uma ironia, pois é claro que há gasto de energia.
    Fazendo uma analogia, e em estilo também de brincadeira, antigamente quando em Portugal se lavrava a terra com animais, também não se gastava energia 😉 infelizmente para o agricultor, a “energia” que tinha de usar para manter os animais, essa era sentida pelo homem todos os dias, 365 dias ao ano.

  16. Zeze says:

    Que estupidez. É preferível usar um tanque de lavagem manual.

  17. Filipe Cordeiro says:

    Já tinha lido sobre este produto, ou algum semelhante, à mais de 1 ano.
    Penso ser interessante, mas pelo preço anunciado é muito caro, principalmente tendo em conta do consumidor alvo, que penso que seja jovens estudantes em residências, pessoas que moram naqueles apartamentos minúsculos dos grandes centros urbanos e como alguém já referiu para campismo, mas ai penso que mais do que o preço o problema é o peso.

  18. Kekes says:

    A única utilidade que vejo é no campismo, de resto as novas máquinas são muito poupadas em detergente e água.

  19. ZeTolas says:

    “A sua máquina de lavar roupa pode gastar cerca de 124 litros de água quente, apenas num programa de lavagem. É a mesma quantidade que é gasta em 4 duches!
    Estes são valores alarmantes, tanto no que respeita à quantidade de água potável desperdiçada, como na energia que é consumida para o aquecimento dessa água.” fonte APEA… não pensamos agora mas vamos pagar no futuro! E o 240€ (conversão direta) nem é muito alto, se virmos bem tudo o que é inovação e ambientalmente mais correto sai mais caro… infelizmente…

  20. Mr.Antunes says:

    Minhas ricas costas 😀 😀 😀

  21. Luís Nunes says:

    Nada lava em 5 minutos e a frio… Ainda por cima com detergente liquido. As nossas avós e se calhar ainda muitas mães lavavam no tanque, mas antes a roupa ficava de molho e depois ficava a ‘corar’ ao sol na corda e alguém lhes perguntou quanto demoravam a lavar 2kg de roupa? É quando tinham nódoas difíceis utilizavam lixívia… Logo isto não funciona.

  22. darkvoid says:

    A minha máquina de lavar a roupa tradicional moderna (com menos de 2 anos) demora cerca de 2 horas para lavar a roupa. Já testei programas mais rápidos mas não fica tão bem lavada.
    Então e com esta gerigonça damos ao pedal 5 minutos e fica pronta e bem lavada?!
    AHAHAHAHA
    Acredito tanto nisso como no Trump ser um homem fiel!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Blogs do Ano - Nomeado Inovação e Tecnologia