Quantcast
PplWare Mobile

Os 20 telemóveis mais vendidos de sempre

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. jorge says:

    Quanto me dão por um nokia 1100 como novo?

  2. Bruno says:

    O The Telegraph devia arranjar outras fontes para os números, o iPhone 5 vendeu mais do que aquele número, e falta o iPhone 5s que vendeu ainda mais.

  3. RuiZ says:

    “iPhone 6 e 6 Plus: lançado em 2014 e foram vendidas 220 milhões de unidades”

    Isto foi só nos primeiros 12 meses, no ano seguinte, a Apple continuou a produzir iPhone 6, duvido muito que não passasse esse número de largo.

    Onde é que está o 5s, que vendeu mais que o 5?

  4. João Silva says:

    Nokia 2710 Navigator

  5. Ricardo Raimundo says:

    Nesta lista estão 21 telemóveis e não 20..

  6. Torres says:

    Imbatível a Nokia, certo que já está novamente no mercado…Mas mesmo estando fora do mercado aquele tempo todo continua a liderar esta lista, e não só lidera como também lidera em modelos nesta lista dos 20 mais vendidos

    • Pedro Pinto says:

      sem dúvida. Dá para tirar algumas conclusões… a Nokia liderou complemente num periodo onde não havia muitas marcas no mercado…daí ter vendido muitoooooo

      • Adamastor says:

        Não havia muitas marcas? Só de repente lembro-me de umas quantas: Siemens/BenqSiemens, Ericson/Sony/Sony-Ericson, Motorola, Sagem, Philips, Samsung, Mitsubishi (Trium), Alcatel, LG, Blackberry.

  7. Rui says:

    Conclusão, a marca que revolucionou o telemóvel foi e continua a ser a …………………NOKIA!!!!!!

  8. dtc86 says:

    Parabéns a apple (utilizador samsung e sem vontade de voltar para a apple), pois consegue posicionar telemóveis a preços exorbitantes na lista. Não um, mas vários.

    Estar a comparar a venda de 250K de unidades de telemóveis de 50€ com 220k de 700€ tem toda a logica…

  9. Nuno Ribeiro says:

    Não compreendo o iPhone 5. Foi um aparelho que um ano depois foi descontinuado e retirado do mercado e mesmo assim vendeu 70 M.

    • Bruno says:

      Até vendeu mais! Nesse ano a Apple vendeu 150 milhões de aparelhos, significativamente mais de metade terá sido iPhone 5. A própria referência dada na fonte para o número aparenta nem sequer englobar 1 ano de vendas.

  10. toni da adega says:

    Desta lista tive:

    Nokia 6600
    Nokia 3310
    iPhone 4S
    Motorola StarTac
    Galaxy S3

    • Hugo Vieira says:

      Só tlms fraquinhos, devias experimentar galaxy s7, htc 10, iphone 7 ou pixel XL.

      • qwerty says:

        6600 grande máquina na altura. Também tive

      • toni da adega says:

        Quando comprei estes ainda procurei por um desses mas como nao estavam disponíveis tive que ir para uns mais fraquinhos

        • Rui says:

          Deixa lá. Muitos nunca devem ter visto os primeiros telemóveis de um carro, do tamanho de um tijolo e que custava entre 500 a 1000 contos!!!!! (2.500 a 5.000€ cada um). Um colega tinha um num Clio Baccara!

          • Rui says:

            Deixa que vais ficar teenager toda a vida! Sabes lá o que uso no dia a dia? Vai estudar! Pago eu impostos para andares a mandriar!!!!!

          • Hugo says:

            Não é um lar, ainda assim o comentário do Rui é informativo, válido e inofensivo, o que não se pode dizer do teu.
            Aponta aí esta dica que vais aprender ao longo da vida: “Podes ter até o Iphone 13, que ninguém te dará mais valor por isso”. Resumindo, usa o iphone da melhor forma que puderes e apenas para teu próprio beneficio e não te dês ao ridículo gratuitamente como acabaste de fazer.

  11. V.T. says:

    Nokia 5230 e iPhone 4S, a partir do 4S nunca mais comprei Apple porque para mim a Apple deixou de ser o que era!

  12. Hugo Cunha says:

    4 (Nokia 3210), 6 (Nokia 6600) e 12 (Nokia 3310) foram os que tive da lista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.