Quantcast
PplWare Mobile

Utilizadores do iPhone 6s reclamam que Touch ID é rápido demais

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Rui Rebelo says:

    Se fosse lento reclamavam que era lento, como é rápido reclamam que é rápido. Isto é apenas criticar por criticar. Usem o botão TurnOn/TurnOff que faz o mesmo efeito e não desbloqueia-a o smartphone.

    • Ralk2 says:

      Sim, mas esse é um problema mesmo. Todo mundo usa o botão de home para ver as notificações. Usar os outros botões é desconfortável, principalmente se o smartphone está sobre a mesa e vc só quer ver as notificações mesmo. Seria interessante se fizessem igual aos motos X da motorola, que acendem e mostram as notificações quando vc olha para a tela (funciona muito bem isso), ou mesmo ao passar a mão sobre a tela, os sensores de infravermelho detectam a sua mão e a ativam.
      É provável q as próximas gerações sejam assim.

  2. Tiago Ferreira says:

    Na minha opinião o Touch ID do iPhone 6S está muito melhor pelo que vejo no vídeo não dando lugar a qualquer tipo de reclamação. Eu julgo é que os utilizadores terão que reaprender a usar o Touch ID e não a Apple que terá que lançar uma atualização em que permita controlar o grau de sensibilidade ou o tempo necessário para ativar o Touch ID.

  3. Rui says:

    Comprem um Apple Watch se querem ver as horas ou as notificações no lockscreen!

    Ver as horas no telemovel? Isso é tão 2014!

    • rui says:

      Com um salário mínimo de 535€ (segundo pessoas que há e que quer que assim fique) achas que o pessoal tem pastel para andar a esbanjar assim em coisas inúteis? A lógica do fanático da apple é normalmente esta: compra os produtos todos em prestações, que é para os ter avariados ou estragados (por culpa do próprio aparelho ou mesmo do dono) antes de os acabar de pagar.

      • Silva says:

        Sim os novos droid tambem sao uma pechincha, nexus 6, g4, s6.
        Mas so podem pedir prestacoes de 18 meses, para depois comprarem o nexus 7, g5, s7, etc etc.

      • Eric Mac Fadden says:

        Cazzo, o salário mínimo em Portugal aqui no Brasil (gosto de denominar como Banânia) dá uma bela grana…. já vivi bem com menos…..

        • Safrane says:

          Não venhas para Portugal para ganhar o salário mínimo, ao menos aí podes gozar com os vizinhos do Paraguai, e não te entristeces com estes “tugas” que passam a vida a se queixar, mas acomodam-se à vida que têm mesmo antes dos 20…

      • Safrane says:

        Ai é?

        Então das duas uma: esquece iPhones e Apple Watch e tudo que não seja comer para trabalhar, trabalhar para comer, não é só o iPhone 6S ou o Apple Watch…

        Que mania, parece que só a Apple faz coisas que custam acima do ordenado mínimo… Vi um par de sapatos que custava mais de 3000€ em Paris, e agora? Não tinha ouro ou pedras preciosas.

        Avariados estragados? Compra-se outros…

    • Joao Magalhaes says:

      Looool, aos anos que eu vejo horas no meu relógio de pulso, mas é só mesmo isso que interessa, ver as horas.

  4. Rogerio says:

    Por isso é que acho que o sensor do Mate S está perfeito na posição em que o meteram.

    De qualquer maneira não vejo a “utilidade” desta notícia. É a primeira vez que vejo pessoas a queixarem-se da rápida responsividade do iPhone.

    De qualquer maneira, parabéns à Apple pelas vendas do novo menino.

  5. Benchmark do iPhone 6 says:

    Cheio de problemas o 6s:
    – Post do aquecimento – uma pessoa que escreveu no Reddit que achava que o seu aquecia e perguntava se havia mais alguém. As respostas foram do que podia estar a acontecer – ao dele.
    – Post dos sensores – uma app, Guide Star, ainda não tinha feito a actualização para as APIs do iOS 9. Fez a actualização e o “problema” – supostamente do iOS 9, quiçá dos sensores do 6s – desapareceu.
    – Agora são alguns que se queixam que o Touch ID é rápido demais. 😉

    Deixo um apelo aos fãs do “bendgate” do iPhone 6, depois dos testes de resistência à dobrarem do 6s e à elasticidade na recuperação da forma originas, à quebra do ecrã, riscos e outras avarias, que contribua com links a mostrar os problemas. É que com os três acima a coisa está fraquita;-)

  6. André says:

    “É claro que existem outras formas de ligar o ecrã para aceder às informações que o iOS disponibiliza durante o bloqueio do iPhone, bastando carregar no botão de energia ou num dos botões de volume.”
    Nos botões de volume?! Carregar lá não faz com que o ecrã ligue!

  7. A. Pinto says:

    Não será esta a causa do problema já reconhecido do botão home/leitor de impressão aquecer muito?

    Talvez por estar sempre em constante “leitora”?

    Já tive com um e apercebi-me que efectivamente é quase instantâneo o desbloqueio por impressão, o que me levou a querer que o leitor de impressão esteja “sempre activo”.

    • Safrane says:

      O Touch ID tem um aro metálico, quando tocas nesse aro, ativa logo os sensores…

    • piri_vm says:

      Sei que ele aquece e não é pouco. Mas deve ser ‘feature’.

    • RenatoNismo says:

      é tão fácil de resolver isso com o update e deixar pessoas satisfeitas, é programarem 2 maneiras diferentes:

      – passar apenas o dedo no botão home e este detecta o finger, mostraria o ecrã de desbloqueio apenas.
      – passar o dedo e clicar no botão home desbloquearia o iphone.

      tá feito, dava muito jeito assim.

      • RenatoNismo says:

        a apple bem que podia agradecer a motorola atrix com esta bela ideia 😉

      • RaCcOn says:

        Se nao tivesse lido o teu comentario seguinte a dizer que roubaste a ideia da Motorola ate ia pensar que eras um Genio…

        Por acaso sabes como e que o botao home no iPhone funciona?E que nao parece…

        • Baptista Batos says:

          Ainda não chegou ao Android…

        • RenatoNismo says:

          tu é que não fazes ideia.

          se há androids com fingerprint mas que não fazem click, é passar o dedo e isso desbloqueia.

          e depois há androids sem fingerprint, mas ao ligar o ecrã, no ecrã de bloqueio, o click do botão home físico desbloqueia também.

          e o iphone tem fingerprint que podia funcionar só como touch, passar o dedo e este ligaria o ecrã, e botão home físico com o click desbloquearia o ecrã, então.. tive que bater a mesma tecla pela segunda vez.

        • RenatoNismo says:

          ou então 1 click liga o ecrã de bloqueio ou click + long press para desbloquear o telemóvel.. easy

  8. Safrane says:

    Sim, grande problema… É rápido demais… Porque nem sequer tem o botão de lado…

  9. g0tH1c.X says:

    E que tal passarem a usar o botão do power?!

  10. B@rão Vermelho says:

    Pelos visto já nem a Apple satisfaz esta gente, acho que é novidade, reclamação porque o meu tlf é rápido demais.

  11. Alex says:

    Tenho um 6s. De facto, é bastante rápido. Nada como usar um dedo não registado quando se quer ver o lockscreen…

  12. Ivan says:

    É verdade. É rápido demais. Se dá para usar outras teclas? Dá. Mas estando habituado ao botão home… A solução passa por usar um outro dedo ou então com a unha.. Mas que está demasiado rápido está.

  13. Pedro says:

    Se calhar é por isso que o botão quase que derrete com o calor!

  14. Sergio J says:

    Proximo problema, O Iphone 6S é bom demais e os utilizadores queixam-se que ficam demasiado tempo a zicar nele.

    • says:

      Não esquecer que quem se queixa, que está rápido demaism, são os alegres DONOS de equipamentos com uma maça mordida e que lhes custou $$$$ acima do preço da concorrencia .

      Pelo comentário de uns tantos defensores até parece que esta “Feature” é provocada por terceiros só para dizer mal…

      Mas não senhor, isto vale bem uns 66 eurozitos no contexto geral do hardware…

    • Nome de Campeão ... Zé says:

      Zicar?!

  15. sómaisum says:

    Epá, pelo video exposto na noticia, não é culpa do sensor mas da pessoa..
    Se deixa lá o dedo em cima, é normal que vá ler; se der um click, não tem tempo de ler, por mais rapido que seja.

  16. Gonçalo says:

    usem outro dedo!!!!

  17. david.pt says:

    Por acaso aqui no meu trabalho já comparei um oneplus 2 com o novo iphone 6s e confirma-se. O oneplus é mais rápido

  18. Rui says:

    Precisam é de um glance screen como no WP

  19. Rui Cruz says:

    Queria eu que o do meu 5S fosse assim rápido e eficaz…

  20. FM says:

    eu: “Mãe, o meu ferrari é super rápido… mal meto o pé no travão ele anda demasiado…” ….
    mãe: “Filho, vamos reclamar à loja da FERRARI para não fazer carros desses!!”…
    eu: “Obrigado, mãe”

    cumps

  21. Mota says:

    “É também possível que os utilizadores tenham de reaprender a usar o Touch ID”

    Isto é pra rir certo?! Então as pessoas gastam 700€ num aparelho e têm que se ajustar à máquina e não o contrário?!

  22. Gabriel says:

    “Ao colocarem o dedo no Touch ID os utilizadores desbloqueia logo o iPhone, não tendo tempo de clicar e ligar apenas o ecrã, para verem novas notificações.”

    Para que servem os outros nove dedos ?

    Sendo utilizador do 6s confirmo que extremamente sensível, por isso uso outro dedo para ligar o ecrã..

    Quando se quer implicar, qualquer coisa serve.

  23. Edy says:

    A Apple e o iPhone são aquela liberdade, aquela liberdade de quem paga 1000 Euros por um iPhone 6S bla bla bla GOLD 128 GB e anda atrás da arca congeladora mais próxima para ligar ao wi-fi 🙂

  24. Prim says:

    Que usem outro dedo, queixar só se for de ser demasiado rápido… a aquecer o dedo… diz que… mas também vem aí o Inverno, até dá jeito.

  25. Hugo says:

    Esses utilizadores que reclamam, devem ser preguiçosos. Se querem ver primeiro as notificações usem antes o botão TurnOn/TurnOff ou então outro dedo que não estejas “registado”. Também não seria nada mau se a Apple adiciona-se a função de duplo toque no ecrã para desbloquear, coisa que outros smartphones já têm e que é bastante útil.

  26. Andre says:

    Nao usem o mesmo dedo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.