PplWare Mobile

IFA2016: Chegou o novo Powerline Devolo 550+ WiFi


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. bluedriver@gmail.com says:

    Mas como sempre a ligaçao ao dispositivo powerline que suporta velocidades de transmissao de 500Mbps é de 100Mbps.
    Nao se entende..só é util para transmissao dentro de uma rede doméstica porque se o objectivo é ligar um pc á internet de casa, por exemplo de 200Mbps já só se fica pelos 80% dos 100Mbps.
    Vale o investimento se for essa a utilizaçao? nao me parece

    • Xinuo says:

      Eu tenho um equipamento semelhante da TP-Link,

      Não tenho a resposta para tudo e não sei se entendi a sua pergunta direito, mas vou dizer o que eu acho, já que ninguém lhe respondeu ainda….

      A comunicação pelos cabos elétricos é cheia de percalços, então a velocidade máxima que eles costumam alardear, na prática pode não atingível. Além disso a comunicação se dá num meio que é compartilhado, como o Wi-Fi. Quanto mais clientes simultâneos houver, maiores colisões e a velocidade será comprometida. Fica mais fácil se houver apenas dos equipamentos, que estejam interconectados por esta solução. Na verdade tudo tem competição, inclusive à saída de internet da sua casa, onde todos os computadores, notebooks, telemóveis estão compartilhando essa linha.

      Agora vou dizer que você têm que planejar como será sua rede, para usar racionalmente o equipamento. Digamos que a sua residência possua vários cômodos, alguns distantes do roteador Wi-Fi principal, no qual é ligada a saída internet da casa. Digamos que em alguns cômodos o sinal Wi-Fi, chega fraco. Então há algumas soluções, talvez se colocar a saída de internet ligada num desses equipamento PLC e através do outro PLC, que têm Wi-Fi integrado, colocado na parte central da residência, ele consiga atingir mais igualmente toda a área necessária. Nessa solução um roteador Wi-Fi seria poupado, sendo usando o que vem integrado a um dos PLC’s. Uma outra solução, mais comum, seria usar os PLC’s para estender o Wi-Fi, clonando esta rede e levando-a mais longe através do PLC que ficaria diretamente ligado por cabo ethernet no roteador Wi-Fi principal e o outro PLC, com Wi-Fi integrado, colocado num cômodo no extremo da residência.

      Então têm que planejar e otimizar o uso, para evitar ao máximo perdas de velocidade. Se há muitos acessos, poderia até colocar um computador, ligado ao roteador de saída, fazendo proxy/cache. Um computador ou notebook, com Linux, poderia ser útil para esse fim, também poderia agir como um servidor de arquivos (um NAS) para a rede da residência.

      • Carlos Aguiar says:

        Agradeço o comentário, mas a solução para o que referi será portas Gigabyte em vez de fast ethernet. Ou seja o comentário é simplesmente pelo facto de ligar uma ligação de 200 em uma porta de 100. Pode ter uma transferência máxima de 500 mas só posso injectar 100…certo? As portas são de 100 não de 1000. Só alguns modelos mais caros tem portas Gigabyte, estes permitem velocidades máximas de 500 mas na lan local entre dispositivos, não como extensores de ligação entre o router e um pc em outra divisão. Tenho uns TP link que uso para me ligar ao router q está na sala. Tenho 200Mb de velocidade do meu isp mas se me ligar pelo powerline não chega a 100Mb…

  2. Tribuna says:

    Aconselham algum local para comprar?

  3. Modem says:

    Isto é idêntico ao 1200+?

  4. Paulo says:

    Ou seja este Kit nao terá portas Ethernet 10/100/1000 e apenas será de 10/100 ???

  5. Fagon says:

    Não sei se é aqui que se enquadra a minha questão mas aqui vai:

    Em minha casa tenho internet por cabo cujo router está num extremo da casa. No outro extremo tenho um quarto onde o sinal não chegava por ter várias paredes interpostas.
    Resolvi o problema com um TP-Link a injetar o sinal na rede elétrica e tudo funciona bem.

    Em casa da minha filha não tem rede por cabo e utiliza um pequeno router onde está o cartão do ISP. Mas só num dos extremos da casa tem sinal decente e é aí que coloca o router. Mas como a sala onde gosta de trabalhar é num outro extremo, o sinal perde-se.
    Ela comprou o TL-WA850RE (300Mbps WI-FI Range Extender). Fui lá e pu-lo a funcionar clonando-o ao pequeno router. Mas a melhoria não foi grande.

    Lembrei-me de vir a colocar o TL-WA850RE recebendo o sinal via WI-FI junto ao pequeno router e ligasse por RJ45 o Range Extender a um TP-LINK que injetasse o sinal na rede elétrica.

    Funcionaria? Se sim, que modelo(s) poderia comprar?

    Grato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.