Quantcast
PplWare Mobile

AMD prevê placas gráficas com uma potência de 700W em 2025

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. SteveRobs says:

    Está a chegar a hora de haver regulamentação para travar o consumo energético das gráficas.
    Está a tornar-se ridiculo.

  2. Jota says:

    Simplesmente devia ser proibido um tamanho gasto de energia numa placa gráfica!

    • Paulo Martins says:

      Eu também acho que os valores que estão a ser atingidos começam-se a tornar ridículos, não tarda será necessário ter um disjuntor em casa apenas para o PC, mas daí a proibir?
      Desde que o aumento de performance justifique o consumo não vale a pena proibir, digamos que se a gráfica gastar 750W mas for 4x mais potente que a geração actual que gasta metade, então a gráfica é mais eficiente…

      Proibir tais consumos apenas só no caso de imaginemos existir um processo de fabrico que permitisse a mesma performance com um consumo mais baixo que não tivesse a ser usado por ser mais caro o fabrico, caso contrário não há grande vantagem. Porque digamos que estás a fazer um render de uma animação, se a gráfica consumir 750W mas terminar o projecto em 10 min, e uma gráfica de 350W demorar 30 min a concluir o mesmo processo, na realidade consomes mais energia com a gráfica de 350W.

      A mesma coisa para gaming, porque teoricamente se limitares o FPS da gráfica de 750W para o máximo que a gráfica de 350W atinge, em princípio a gráfica mais potente deve consumir menos energia, porque não estará a trabalhar a 100%.

  3. gambuzino says:

    700 W !! Que Abuso ! Consome mais que todas as luzes acesas da minha vivenda.

    • andy says:

      Um microndas também consome 700W e ainda não vi ninguém a queixar-se disso…
      Se está projetado para ser mais potente, é natural que tenha maior consumo energético.

      • ItsMeMikey says:

        Não concordo, o natural é ser projetado para ser mais potente e eficiente. Quanto mais eficiente energicamente menos calor é expelido, sucessivamente não é necessário uma solução termina muito complexa e volumosa.
        O problema que se está a verificar é que no mundo da tecnologia estamos prestes a transbordar a lei de Moore e atualmente só aumentado o consumo de energia e criar soluções térmicas que são autenticos monos dentro das caixas que consegue-se tirar uma performance marginal em comparação com a tecnologia anterior.
        E a tendência será ser cada vez mais marginal conforme se avançar no processo da criação da wafers para os chips.

      • J says:

        Se te queixasses do forno, mas o microondas que apenas está ligado por 3-5 minutos.
        E comparar com uma gráfica que pode estar horas

      • Castro says:

        Quer dizer que vai começar a cozinhar com a placa gráfica?

      • Sabe-se lá says:

        Se estão cada vez mais a reduzir as litografias, a fazer menor e melhor, devia consumir menos!…
        Nos processadores, por exemplo: um i5 gen 11 tem quase o mesmo poder que um i9 gen 9…com menos de metade do consumo…
        Ou está algo a falhar nas minhas contas, ou falha é nas contas deles 😉

      • Toni da Adega says:

        Aquecedor ou Ar condicionado consome ainda mais.

      • Mouro says:

        O microondas usas durante uns minutos no maximo. Um pc usas durante HORAS.

      • gambuzino says:

        Mas quem é que está a falar de microndas ? este artigo é de uma gráfica dããããã …

  4. freakonaleash says:

    Dá para jogar durante o inverno e ir aquecendo a divisão!
    Para comparação, do que apurei, uma Nintendo Switch não gastará mais de 20W enquanto roda um jogo!

  5. Sérgio says:

    Mais vale as gráficas trazerem trazerem um cabo elétrico que liga diretamente a tomada da parede.
    Assim era já não tínhamos de comprar uma fonte alimentação xpto de 750W que custa mais 80€

  6. Wilson says:

    Agora que o Bitcoin decola.

  7. Honorato says:

    Nvidia vs AMD quem aquece mais rapidamente a casa no inverno

  8. Daniel says:

    Na compra da proxima grafica oferecemos uma baixada de alta tensão e posto de tranformação a porta de casa , os primeiros 100 a encomendar, recebem uma assinatura de um ano para reserva de potência num gurpo gerador que uma qualquer central electrica a esolha!

  9. Ricardo Costa says:

    Tanta gente a queixar se de 700W e dps tem tvs que gastam mais de 10000 w como as da samsung, ou aspiradores rowenda com quase 15000 W de potencia !!

    • Daniel says:

      Uma TV de 10KW, isso é que modelo? Os ecrãs gigantes do Rock in Rio?
      Um aspirador de 15KW? A 230V? É se for monofásico São mais de 40A. Se calhar era melhor pensar e pesquisar um pouco antes de disparar bujardas desse género!

      • Sabe-se lá says:

        +1
        São equipamentos industriais os dele 🙂
        Só para constatar:
        – TV Samsung Neo QLED UHD 8K 85QN900B
        – Consumo de energia em 1000h (HDR) – 565 kWh

        Ora, não chega aos 1000W (quanto mais 10kW), e mesmo assim, nem toda a gente tem capacidade de ter uma TV em casa de 12mil €…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.