Quantcast
PplWare Mobile

Análise Samsung Omnia 7 I8700

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Vítor M.


  1. Fox says:

    Acho que no campo em que vocês abordaram as limitações do WP7 ficou tudo muito claro que este não é o sistema operativo que eu quero quando comprar um smartphone…

    • Vítor M. says:

      Tinha de o fazer, sob pena de não estar a passar a realidade aos possíveis compradores.

      Pessoalmente e posicionando-me na óptica do utilizador “profissional” gostei da máquina.

      Se eu utilizar mail, for à internet, receber e enviar mensagens, fazer e receber chamadas…. ouvir música eventualmente… bom está bom sem ser fenomenal… mas está bom.

      Para o restante… está verde e muito incompleto.

      Para pagar este preço… bom, neste caso teria de ter a confiança que a Microsoft, em breve, irá capacitar este sistema operativo com tudo o que falta e aí sim, esta máquina poderá valer o que pedem por ela.

      • Porto says:

        seria possível ter uma grelha do tipo “WP7 limitações especificas” para os 3 sistemas operativos para ter o leitor normal ter o mesmo termo de comparação? Digo isto porque parece-me que algumas das limitações são comuns a outros sistemas operativos. Acho que daria um artigo interessante e mais abrangente.
        Por exemplo: Super dependente do software Zune para gerir ficheiros e sincronizar com o computador…
        ou ainda O seu browser não suporta Flash nem Silverlight Não se passa o mesmo com os outros? Por isso a minha pergunta, não será possível um artigo que comparasse numa forma de tabela os três sistemas quando analisados sobre os mesmos pontos? Um abraç

        • hackero says:

          3 sistemas operativos? quais? os smartphones hoje em dia disponíveis no mercado têm bem mais que 3 SO’s… alem do mais os menos falados podem ser os melhores…

          • Porto says:

            Exactamente! Deste uma boa sugestão. De facto puseste o dedo na ferida. Uma tabela comparativa com todos os sistemas ajudaria o consumidor para uma tabela que fizesse a análise às mesmas funções e mesmas possibilidades. Importante importante é uma análise na mesma base como termo de comparação. Obviamente esta análise do Vitor é excelente e tem um objectivo especifico a apresentação deste modelo. Mas agora a grelha está lá, seria só colocar os outros sistemas e perceber de facto as realidades e as possibilidades de cada um. Melhores cumprimentos.

  2. Manuel Costa says:

    Segundo se diz em vários sites “por essa internet fora” está prevista uma actualização para o WP7 (Janeiro ou Fevereiro) que devem incluir o seguinte: Copy-Paste, VoIP, Visual Voicemail, Navegação Bing Turn-by-turn, entre outras… A meu ver apenas fica a faltar o suporte MultiTasking a aplicações de terceiros (sim, porque o MultiTasking está presente nas aplicações de raíz do SO – Zune Player, etc.).

    O meu Omnia 7 deve estar quase a chegar… PT Negócios, despachem-se a enviá-lo 😉

    • Vítor M. says:

      Sim, não é oficial mas “consta” que sim.

      Com esse “update” o WP7 posiciona-se mais perto dos concorrentes… vamos ver, era importante que viesse com a mesma fluidez mas com retro-compatibilidade para certas ferramentas profissionais 😉

      • Manuel Costa says:

        @Vítor M.
        Ainda no seguimento das falhas do WP7 que enumeraste, devias corrigir a parte do MultiTasking. Este só não está presente para aplicações de terceiros. Ou seja, é possível ouvir música enquanto se escreve um documento de Word ou se edita uma folha de Excel 😉

        • Vítor M. says:

          Digamos que não é um multitasking no verdadeiro termo da palavra.

          Faz-me lembrar o iPhone, podíamos fazer a passagem para algumas aplicações, sem desligar o iPod mas não tinha verdadeiramente uma função multi-tarefas.

          Penso que isso não deve ser visto dessa forma, para não “enganar” o utilizador.

          Um dia terá e, com base no que já conseguiram no passado, será com outro tipo de “tentacularidade”, aí sim será um multi-tarefas, percebes?

          • Manuel Costa says:

            Sim percebo… Mas experimenta dizer isso a alguém da Microsoft 😉

          • RF says:

            Lançarem o WM7 sem multitasking a meu ver só mostra a incompetência da Miscrosoft! Onde já se viu tal coisa.. um OS para profissionais, onde falta quase tudo, e depois ainda falavam mal do iOS, Bada, android entre outros!

          • Vítor M. says:

            Ontem, quando estava a finalizar o post, tinha no messenger o Luís Martins, o responsável pelo IE da Microsoft Portugal e numa troca de ideia, submeti essa lista para ele dar a opinião. Basicamente ele, concordava na generalidade.

            Mas para ser mais objectivo mandei a mesma lista para o Nuno, o champ WP7 da Microsoft, pedi para ele “criticar” essa lista. Se ainda vier a tempo a sua apreciação eu coloco no post.

          • Manuel Rocha says:

            @Manuel Costa

            Respondendo à tua resposta: “Sim percebo… Mas experimenta dizer isso a alguém da Microsoft”

            Não sei se o Vitor se lembra, mas quando fomos ao webdays esse foi um aspecto de limitação enumerado pela Microsoft por isso não precisamos experimentar porque eles próprios o dizem.

            Outra limitação enumerada nesse mesmo evento é o caso das notificações em que eles não garantem que as notificações das aplicações e do próprio equipamento cheguem ao utilizador final.

            Cumprimentos,
            Manuel Rocha

      • kekes says:

        Muita coisa já foi de facto oficializada de certo modo, tambem li que ja vêm um segundo update a caminho em Fevereiro ou algo assim.

        O que faz com quenão compre esta maquina de facto é os novos dispositivos previstos para breve, comprar agora um aparelho é comprar algo que vai ficar desactualizado numa questão de meses.

        • Bruno Silva says:

          O Update e muitas novidades serão anunciadas este sábado em Lisboa!

          Eu inclusive estarei presente e irei apresentar uma loucura de projecto que irá valer umas boas coroas assim que finalizada!

          Em primeiro iremos pagar as patentes na Europa, US e China e depois será certamente lançado!

  3. jgrade says:

    Gostei do review mas acho que no video em vez da musica irritante podiam falar um pouco sobre o smartphone e as suas caracteristicas!

    • Vítor M. says:

      Concordo contigo. Meti um som muito porreiro que o Youtube fez o favor de dizer que não era possível reproduzir no nosso país. Lá tive de escolher um som dos deles.

      Mas vou fazer o que sugeres no próximo.

    • Hugo Cura says:

      Sim, sem dúvida que é “outra coisa”. Nas análises que fiz, já experimentei fazer o que dizes e é preciso alguma (bastante) destreza e seguimento nas ideias… não é tarefa fácil, ainda por cima para mostrar a milhares de leitores…
      Mas com prática e trabalho, tudo se consegue 🙂

  4. Pedro Pinto says:

    Excelente análise Vítor (como sempre)!

    Parabens

    Pedro Pinto

  5. Bruno R Santos says:

    Vi uns segundos do vídeo… até ter visto o IE.
    Já não bastava ter essa porcaria no OS, vinha agora para o telemóvel? Não faltava mais nada.

    Acho que a MS já perdeu [mais] esta guerra; já veio tarde, muito tarde. Sem nada de interessante.
    Apaixonados pelo Jobs vão p/ iPhone.
    Apaixonados por gadgets e tecnologia vão p/ Android, independentemente do HW e do preço do investimento.
    Não há espaço para terceiros, quanto mais para quartos ou quintos.

    • Manuel Costa says:

      Não fales do que não sabes pois és capaz de ficar surpreendido. É óbvio que o IE para WP7 ainda não está ao nível dos outros browsers Mobile mas está no bom caminho. Aliás, basta relembrar como era o anterior IE para Windows Mobile 6.x e ver como é agora. Mas nada como evr um comprtaivo entre os três SO (WP7, iOS e Android): http://pocketnow.com/windows-phone/exclusive-windows-phone-7-web-browser-comparison

      Cumprimentos,
      Manuel Costa

      • Vítor M. says:

        Concordo. Quando comparei, a título de curiosidade, os 3 browsers dos smartphones que tinha comigo, respectivamente o Safari do IPhone 4, o browser Andróide do Galaxy S e o IE mobile deste Omnia… Este, o IE mobile, abriu muito mais rápido o http://www.Pplware.com que qualquer um dos outros.

        Por isso… Não devem falar sem testar. Fica a sugestão.

    • Manuel Costa says:

      A Microsoft está no bom caminho, acredita…

      Vê estes vídeos que comparam os browsers em diferents SO:

      WP7 vs Android & Bada: https://www.youtube.com/watch?v=I-zuLyleJps

      WP7 vs Android vs iOS: https://www.youtube.com/watch?v=zgvphQx9MY8 (atenção que neste vídeo o WP7 é uma versão de teste, não um equipamento final 😉 )

    • RickyA says:

      O fanatismo pode ser pior do que a cegueira…. na minha opinião deve ser dado o benefício da dúvida à M$ e testar antes de criticar….

    • Bruno Silva says:

      Android é exploração barata!

      • FGomes says:

        Android é exploração barata! Não atingi essa, mas será exploração de café, cacau, banana…? Não pertenço ao clube dos fanáticos de SO’s, browser’s & Compª., e a prova é que tenho Galaxy S II, Galaxy Tab onde instalei Firefox Mobile (porque é o que utilizo mais no PC – versão Aurora), no PC utilizo IE10 (na versão Developer Preview), IE9 no Seven, Opera 11.6, Chrome 16.0, de acordo com o que pretendo fazer pois todos sabem que cada browser tem particularidades mais afinadas que outros não têm e penso que não é por isso que se deve afirmar que o browser X é melhor que o Y porque isto, porque aquilo… Estava para comprar esse Omnia 7 (I8700) mas ainda não tinha lido nenhuma review em concreto mas, apesar de todas as “limitações” aqui mencionadas, até vou arriscar dado que consegui um preço excelente de € 199,90 para a máquina… Boas Festas!

  6. Excelente trabalho Vitor.
    Depois desta Review e como já tinha em mente, quando sair a próxima actualização, vou trocar o meu Android por um destes.

    Cumprimentos.

  7. jp says:

    É certamente e não sertamente.

  8. Valter says:

    Com estas limitações faz-me lembrar o velho comparativo de quando o iphone saiu em que era comparado uma pedra, o iphone e o windows mobile e que deixo o link abaixo.

    http://t.co/MHTSF2x

    Hoje em dia a microsoft já perdeu a corrida e faz-me lembrar a pedra do respectivo comparativo. Como é que puderam ficar tanto tempo a dormir e ver os seus concorrentes a evoluir e depois lançar um SO com tantas limitações.
    Eu sou utilizador de Windows Mobile, mas quando tiver que mudar de pda a minha escolha irá recair sobre android.

    • Valter says:

      Esqueci-me de referir que os telemoveis com Windows phone 7 só carregam se estiverem ligados. O sistema operativo é que controla o carregamento do terminal.
      Se tentarem carregar o telemovel desligado ele liga-se automaticamente e arranca o windows e depois é que carrega.

      • Marco Magalhães says:

        E isso é uma vantagem ou desvantagem?

        Certamente deve ser mau por não dar para carregar com o telemóvel desligado, mas por outro lado, sendo o SO a controlar o carregamento da bateria, talvez nunca seja preciso nenhum tipo de calibração, a mesma apresentará sempre a percentagem de bateria restante correctamente. Estou correcto?

        Pelo menos é a única coisa que estou a ver assim de repente, fora isso não vejo qual a lógica de não carregar desligado (talvez possa ser uma outra limitação).

        • Valter says:

          Sinceramente não sei se é uma vantagem ou desvantagem.
          Imagina se o sistema operativo fica corrompido e não arranca totalmente ou crasha, não podemos carregar o dispositivo.

          Penso também que em casos de emergência em que precisamos de carregar a bateria pra fazer uma chamada, esta carrega mais rapidamente se o dispositivo tiver desligado em vez de ligado.

  9. a Friend® says:

    Boa review… completa e esclarecedora!

    O WindowsPhone7 para ficar maduro ainda tem muito framework e api para adaptar e é aí que será o desafio enorme da MS, para conseguir adaptar essas novas “feactures” mantendo uma boa estabilidade e velocidade…

    Para já, dado o preço não é um produto que compensaria, é preciso ainda mais garantias que as funções mais completas sejam adaptadas de forma adequada.

    Forte critica, só tenho a fazer à interface.. embora seja adepto do minimalismo, a MS excedeu-se na simplicidade e o design “Metro” não é um design neutro… é um design que fácilmente enjoa a curto-medio prazo e a personalização menos fácil será num futuro, porque wallpapers.. um dia que queiram implementar possivelmente não irá dar..

    Mais uma vez, Parabéns pelo trabalho, está mesmo excelente.

  10. Numa frase consigo descrever o WP7:
    “Deus me livre e guarde!”

    Já não gostava, mas depois de ler isto e tomar conhecimento das limitações absurdas tenho a dizer que odeio!

    O Android inova e traz cada vez coisas mais interessantes. O WP7 limita, 10x mais do que um iPhone. Que coisa estúpida este sistema operativo.

    Só um burro chapado é que se mete a gastar 470€ num telefone destes.

    • Vítor M. says:

      Cuidado. O Android, quando apareceu, estava muito limitado também. As coisas necessitam de um tempo de maturação até atingirem um patamar de satisfação.

      O mesmo se passou com o iOS e o mesmo se passará com todos os projectos que queiram ter um desenvolvimento sustentado.

      Como disse no post, a máquina é cara e vale pela máquina, claro que com o próximo update do WP7 esta máquina e outro como esta, serão melhor aproveitadas.

      No entanto há aqui um factor que importa salientar: esta máquina para quem usa apenas algumas funções comuns, como ver mail, ir à Internet, fazer e receber chamadas e SMS… chega e sobra e é grande máquina em termos de fluidez.

      É pouco complexa em termos de interface e intuitiva para pessoas com menos “skills” tecnológicas… ao contrario do Android, por exemplo.

      A máquina e o sistema operativo têm uma excelente compromisso preço qualidade e longevidade… ao contrario de outras com outros sistema operativo.

      No meio profissional, poderá ser uma óptima oferta… mas cada um deverá identificar as suas necessidades e comprar conforme a carteira, necessidades e condições de utilização 🙂

    • a Friend® says:

      Então a selecção de texto, via multi-touch, só agora é que o Android vai ter na versão 2.3 … os sistemas crescem e adaptam-se às necessidades… se tudo for feito com pés e cabeça atinge-se a qualidade.

      O Android tanto correu, quis crescer tão rápido que agora sofre de fragmentação, coisa que claramente a MS está a evitar, uma vez que o seu molde “multi-marca” poderia dar asas a isso…

      Neste momento vejo-o em terceiro lugar, como é obvio, mas perpectivas de futuro acho que tem boas pernas para andar e possivelmente cativar o GRANDE publico, que quer as coisas simples, descomplicadas e com qualidade.

    • FGomes says:

      Olá Filipe. Embora só hoje tenha “descoberto” este site/blog e ter reparado que estes comentários são de há um ano atrás, é engraçado como pessoas como você chamam de burros chapados a quem pretende adquirir uma máquina, seja ela qual for, tenha que sistema tiver…

      Será que tenho de ser obrigado a ter os mesmos esclarecimentos que você, os mesmos gostos, as mesmas manias, os mesmos fundamentalismos?

      Burro Chapado

  11. maxim says:

    vai ser difícil bate o Android, onde a Google mete o pe é difícil ultrapassar, apenas fico com o meu FF porque de resto é toodo Google

  12. Alexandre says:

    Cópia do HTC Diamond 2 🙂

  13. João says:

    A Microsoft na tentativa de não perder terreno no campo dos smartphones apressou-se a criar um software que poderia ter tido, ou que ainda pode vir a ser um SO de sucesso. Sem duvida que o telemovel a nivel de harware é fantástico… o problema é as limitações existentes a nivel de um software que merece muitas melhorias. Fui concebido as 3 pancadas!

  14. Pedro says:

    Gostaria de realçar que este omnia tem um visor “Gorilla Glass”, é anti-riscos! Acho que até é o mesmo que é usado no novo iphone!

  15. cris says:

    Gostei bastante da review e do smartphone em analise. Óbvio que não compraria por achar caro pro que é, agora que o SO é promissor, é. Android já fui mais fã, isto do enfiar em qualquer chaço e vender por maquinão em todo o lado, tem seus defeitos.
    Ultimamente tenho andado com a sensação que já não nos vendem smartphone mas sistemas operativos, talvez porque o mercado dos telemóveis está-se a converter a um mercado de venda de conteúdos.

  16. João Ramiro says:

    yay, meu riquinho Omnia HD i8910, isso sim é um bom smartphone que ninguem lhe dá o devido valor… com um HX-firmware…

    boa analise Vítor, esclarecedora 😀

  17. Hugo Cura says:

    Gostei bastante da análise e de conhecer, agora, mais um pouco acerca do “novito” WP7. Melhores dias virão, vamos ver o que irão melhorar os updates que aí vêm.

  18. Um says:

    Com tantas limitações parece mais um FeaturePhone que um SmartPhone…

    Quando as funcionalidades atingirem a maturidade de outros sistemas operativos mobile, vai ser preciso um processador dual core e 1 um giga de ram para que a utilização seja fluida…

  19. SamC says:

    Excelente análise. Após isto continuo com a mesma opinião:

    Estão a “imitar” a Apple incluindo nos pontos negativos. Notem que não sou daqueles que fazem simplesmente aqueles comentários: “o tlm X é cópia do Y”, “a empresa X não inova nada, copia das outras”

    Esta cópia da Microsoft é um elogio até para a Apple porque percebeu um bom modelo de negócio e está a utilizá-lo. Até algumas limitações iniciais também existiram no iPhone (copy-paste, multitasking, etc.), o que admira-me já que parecia que iriam lançar um produto mais maduro e com todas as features principais.

    No entanto, é pena parecer que está a copiar inclusive até os pormenores que eu tanto odeio no meu iPhone como as limitações a nível do bluetooth, o multitasking, a ligação ao PC, etc.

    Acho que será um concorrente muito directo do iPhone, peca por vir muito tarde. Mas não nos podemos esquecer que o que se começa a vender mais é uma plataforma e não um dispositivo. A Microsoft também entrou tarde no mercado das consolas domésticas com a XBOX (onde na altura a Sony dominava completamente) e conseguiu criar uma plataforma de sucesso que rivaliza com os outros gigantes no mercado.

    Falta comentar com respeito ao design ou interface, isto é uma questão pessoal mas acho-o muito bem conseguido e moderno. Muito superior ao iOS. Até mesmo a navegação dos menus tem um estilo mais moderno se compararmos com os do iPhone (os famosos interruptores azuis e linhas redondas). A homescreen dá muito jeito, a do iPhone é simples, mas sinto falta de uma homescreen como no nokia com a integração do calendário e de outras informações.
    A simplicidade é uma grande marca de um bom design. Quem olhava dantes para um iPod que era um rectângulo com um circulo no meio podia dizer que estava demasiado simples, mas o seu design na altura estava super bem conseguido.

  20. MySeLf says:

    “este será sertamente um equipamento”

    Sertamente?! really?!

  21. Ricardo Antunes says:

    Quando se referem às limitações do Omnia e falam na inexistência de slot para cartões, posso estar enganado mas tenho a ideia que isso é limitação (protecção) do SO, não foi a Samsung que o quis 😛

  22. .mechanism says:

    Este seria sem dúvida o única smartphone pelo qual abriria a carteira. O Design exterior é para mim o melhor no mercado, e gosto muito do estilo do WP7.

  23. isa says:

    Poderia dizer me por favor quanto tempo dura a carga da bateria do omnia 7? carreguei uma noite inteira e so me durou a bateria 48h.
    Obrigado desde ja

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.