PplWare Mobile

Análise iPhone 5 + iOS 6


Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.

Destaques PPLWARE

  1. Alex says:

    Vídeo sem SOM.

    • Vítor M. says:

      Sim, a ideia é não perturbar a atenção no que se está a apresentar 😉

    • killerAie says:

      Este iphone é uma anedota não percebo como pessoal Fã da Apple anda tão ceginho deve iphone 3g que evolução do ios é praticamente zero e pior a ainda o iphone 5 não passa dum iphone 4 esticado se nada de novo ….
      A apple devia era deixar-se de tretas e prestar atenção a concorrência que tem muito melhor e de melhor qualidade …
      A apple actualmente é engana tolos lol

      • Vítor M. says:

        Pelo teu dircurso logo se vê que andas enganado, tolo nas tuas palavras. O ideal, na minha prespectiva, era um dia pedires um emprestado e usares no teu dia a dia, então verás o quanto estás enganado, o quanto de inovador existe desde o iPhone 3G até aos dias de hoje, fiabilidade, usabilidade, inovação nas ferramentas oferecidas aos seus utilizadores.

        Depois, não é por nada, que os grandes developers apostam cada vez mais em desenvolver para as plataformas Apple: se hoje tens a maior colecção de aplicações para iOS e com isso, tens grandes editoras de jogos e software houses a investir nesses segmento… é porque há nesta tua conversa apenas um tolo… um só!

        A concorrência tem muito bom material… mas é sempre concorrência e nunca a primeira opção, isto em muitos dos segmentos Apple, as vendas de cada produto mostram essa realidade.

        No futuro, como em tudo, pode haver uma inversão da tendência, mas no hoje, no chamado “presente”, o conceito ganhador é oq ue a Apple usa, tanto nos iPhones, como iPads, iMacs, MacBooks e tantos outros dispositivos.

        Um tolo… 😉

        • killerAie says:

          Para não falar em ipads que não passam de iphones gigantes e mais nada lol
          Os Macbooks são uma aberração tecnológica assim como qualqer produto Apple com preços ridiculos e disparatados para hardware barato e fraço …
          Mais vale um portátil Asus com dobro das caracteristicas de hardware e feito para jogos que um Macbook oco por dentro e que para correr jogos medíocres é praticante obrigatório instalar o windows lol

          • Vítor M. says:

            Hehehe… estás de facto apresentado e ok. É a tua opinião, capada de razão factual. Nunca fales do que não sabes, ficas sempre prostrado perante a seriedade das conversas.

          • Mrs. PeaceXDA says:

            Sou um autentico windows fan, mas tens uma perspectiva errada… Estás correcto que um produto apple não irá correr jogos como um desktop ou portátil windows de valor superior ou equivalente, mas noentanto tens que reparar que quem compra um OSX não esta propriamente a pensar em jogar 🙂 Apesar de discutivel, o OSX tem uma grande capacidade para grande aplicaçoes no mundo de trabalho, para uns mais para outros menos, por exemplo eu que trabalho com 3D um OSX não me esta tão em conta, pois preciso de poder de Hardware, algo que um produto apple de momento não me consegue atribuir… seja a nível de preço seja a nível de hardware… consegue-se ter sempre poder gráfico superior e por um preço mais acessível num windows… mas no entanto há outras áreas que um OSX é extremamente eficiente e que aconselho o seu uso… áreas que não dependam tanto do poder gráfico como Design, edição de video etc… muitas outras apenas estou familiarizado com estas… Para além disso é verdade que um macbook tem um poder de construção superior a qualquer portátil windows com o seu alumínio… até que ai seria discutível pois sou apologista do plástico na parte inferior do portátil, pois o plástico aquece menos… no entanto ganham completamente na sua simplicidade e construção 5*

          • DanielC says:

            Ridículo o que escreves, primeiro acho um portátil dedicado para jogos ridículo, pois maioritariamente uso geral das pessoas para trabalho e foi para isso que foi concebido, e neste momento estou a usar um iPad 3 para escrever este comentário, e sem duvida da me muito mais jeito que um portátil para a faculdade, Ando no isep e uso-o para ter toda a matéria que preciso nele, aceder a internet, pequenas edições de office, email e uns joguitos para lazer, muito pratico e útil …

          • Angra says:

            CAda consumidor escolhe o aparelho que lhe seja mais indicado seja apple, seja da microsoft, android, etc… E cada consumidor compra aquilo que pode “pagar”, independentemente do uso que lhe vá dar, seja para trabalho ou lazer!
            Sou utilizador de win, ios e linux em desktops e portáteis.

          • Jarda do Demonio says:

            E dai se vê o fanboyismo….
            Xiça…
            “Primeiro acho um portátil dedicado para jogos ridículo”

            Acho completamente ridículo um Ipod fazer mais do que ler MP3 pois foi para isso que foi concebido.
            Consegues perceber o fanboyismo?

            Porque não um portátil gaming?
            Somos obrigados a usar consolas portateis com ecrã pequenos????

          • blz says:

            @killerAie
            inacreditável a tua ignorância! Não te dou mais do que 14 anos!

        • “Depois, não é por nada, que os grandes developers apostam cada vez mais em desenvolver para as plataformas Apple”

          Talvez seja porque existe muito mais possibilidade de crackares uma APP Android do que uma APP IOS…
          Digo eu…
          Quem quer ganhar dinheiro com Apps, mete sem IOS sem sombra de dúvida…
          Just my two cents…

          • Vítor M. says:

            Provavelmente é um “mundo” mais apelativo. Até porque vemos, além das aplicações, serviços muito mais virados para o iOS (equipamentos que são criados logo com suporte para iOS) que para outras plataformas.

            O NFC está, por outro lado, a trazer um novo mercado, como vimos recentemente nas apostas da PT com parceria de terceiros, mas, nos Estados Unidos, Japão, Inglaterra, Austrália… vemos a aparecer muitos projectos extremamente focados sobretudo no iOS e Mac OS X. Por algum motivo o mercado dos iPads e cada vez mais o mercado dos iMacs, MacBook Air, MacBook Pro e Mac Pro… ganham preponderância e preferência entre os utilizadores no mundo, chegando mesmo a ser o computador mais vendido no Estados Unidos.

          • kekes says:

            Os EUA não são referencia para ninguém. Toda a gente sabe que desde que seja ou tenha comida desenhada eles compram tudo. Por isso e que e que tem o volume que tem.

          • Vítor M. says:

            kekes, só não é porque vai contra a tua opinião, só por isso!

        • André Sousa says:

          Estranhamente as notícias hoje referem que o iOS está cada vez mais a ser menos apelativo pros developers… Coincidencias digo eu…

        • Carlos says:

          Quem nao e appla fan boy como tu e tolo ja vi…

      • Joel Pinto says:

        Curto a moral da maioria das pessoas contra os fanboys.
        É depois engraçado de se ver nos centros comercias e semelhantes, tudo em torno dos iPhone’s e iPad’s, como se de meninos com brinquedos novos se tratassem.
        Falam falam, mas no fundo, roiem-se por não ter um

  2. José Alves says:

    Excelente artigo. Estão mais uma vez de parabéns.
    Abraço,
    Zé Pedro.

  3. Vítor M. says:

    Quero agradecer ao Rui Sousa o fantástico trabalho que apresentou, muito pormenorizado, muito construído de forma exemplar na “pele” do utilizador devidamente munido de informação.

  4. Daniel Gomes says:

    Grande análise… Sem dúvida excelente

  5. Cris. says:

    iPhone 5 64 GB = 919 € -> Oucchhh !!!!!!

  6. João Rodrigues says:

    ja actualizavam a aplicação do pplware para o ecrã de 4 polegadas 🙂

  7. Gilberto Pereira says:

    Fantástica análise… das melhores que vi sobre o iPhone 5.

    Muitos parabéns pelo vosso trabalho.

    E para quando do iPad mini?

  8. Pedro Pinto says:

    Provavelmente a melhor análise já uma alguma vez apresentada no Pplware. O trabalho e dedicação do Vitor eu já conheço de há muitos anos mas quero felicitar o excelente e profissional trabalho realizado pelo Rui Sousa.

    Muitos parabéns aos dois!

  9. Rui Silva says:

    Muito boa análise. Parabéns! 😉

    • JP (djlinux) says:

      Diria mais, esta análise esta capaz de meter inveja a muitos sites especializados no assunto.

      Já tinha lido/visto outras análises nos sites fanáticos da maça e nem metade do profissionalismo conseguiram obter a comparar com a análise do Pplware.

      Muitos parabéns aos autores.

  10. Paulo Cunha says:

    Grande análise, muito completa e informativa. Muitos parabéns pelo excelente trabalho.

  11. Re0 says:

    De uma análise parcial retiram a conclusão que o iPhone tem o melhor ecrã do mercado?
    Puro desconhecimento ou parcialidade cega,

    • Rui "ALL" Sousa says:

      É a interpretação que nós fazemos dos resultados de quem percebe e estudou o assunto.

      Com os valores do estudo que eu usei como referencia (http://www.displaymate.com/Smartphone_ShootOut_2.htm) esteja à vontade para refutar essa minha afirmação. Aguardo…

      • JPedrosa says:

        Rui,
        não interpretes isto como uma critica negativa atenção. Porque a análise está excelente.

        Mas, com a leveza que dizem que os mapas no iOS se nota que são incompletos, e imaturos, mas “damos o desconto porque é novo”

        Podiam, dizer a mesma forma de ver “a coisa” ao nível do ecrã.
        Porque enquanto a Apple usa LCD’s tecnologia super amadurecida, e no mercado à 20 anos … a Samsung tomou um caminho mais inovador, o OLED, e já quase toda a gente admitiu que no tempo, irá obliterar o LCD.

        Faço-me entender?
        Quando o prod Apple é imaturo “dá-se o desconto” e não se considera desvantagem, quando é do lado do “concorrente” … escrevem isto: “Todavia, uma grande diferença com que nos deparamos, foi o seu comportamento quando exposto à luz do sol, se a diminuição do reflexo no ecrã foi algo que vimos com muito bons olhos quando comparado com o iPhone 4S, as melhorias nesse aspecto em contraste com o Galaxy S3 é abismal”

        Não há referencia à inovação por parte da Samsung, e à imaturidade de tecnologia …

        E repara que a trapalhada nos mapas é muito mais severa, porque só têm como parceiro a TomTom … não é exactamente um rookie enquanto que o OLED … ninguém faz melhor nem pior … é inovação pura.

        • Rui "ALL" Sousa says:

          O S3 não deixa de ter um ecra melhor no que a “pretos” e contraste diz respeito, todavia numa visão geral o do iP5 sai por cima.

          Mas sim, foi falha minha não ter sido mais benevolente com o ecrã do S3, face a ter arriscado numa nova tecnologia e todo o avanço tecnológico que isso implica e não ter optado por jogar por o seguro.

      • Re0 says:

        Não é uma questão de opinião ou de interpretação. Há ecrãs melhores, não é a primeira vez que isso é aqui dito, e escolhem continuar esse discurso planfletário que não corresponde minimanete à verdade.

        Ao dares esse link como fundamento só estás a dar-me razão. Esse estudo só comparou iphone e galaxy s3. A partir desse estudo como é que podes dizer que o ecrã do iphone 5 é o melhor do MERCADO? É errado e mentira. Não é uma questão de interpretação, mas sim de induzir as pessoas em erro.

        • Vítor M. says:

          Re0. estás errado, podes dizer mas estás errado. Tecnologicamente e ergonomicamente não há. E podes rodar em volta da mesa à vontade.

          Estás a enganar-te a ti, estás apenas a tentar acalmar a tua consciência por teres feito, provavelmente, escolhas erradas.

          • nuno says:

            bom dia pedro! tenho uma proposta de um iphone 5 em troca de um 4s 16 gb! onde ainda tenho que dar 250 euros! sera que é uma boa compra? estive a comparar os telemoveis e as diferencas sao: o 5 nao faz video chamada e tambem é apenas o tamanho!!!! o que me diz? de m a sua ajuda. obrigado

        • Rui "ALL" Sousa says:

          Eu já percebi a tua opinião, já a tinha percebido antes, mas eu quero que me apresentes números, estudos/testes/comparações reais de outros ecrãs em contraste com o do iP5, pq “Há ecrãs melhores” isso para mim não me basta.

    • André Sousa says:

      A palavra chave foi “parcial”. Apartir daí a incongruência no discurso é medonha, mas fazer aqui uma lista seria trabalhoso.

      E quanto ao ecrã, melhor do mercado? Pelos números apresentados nem é o melhor. E depois há mais ecrãs dos que foram testados. E de notar que este é um ecrã da LG! Sim, LG, há coisas incríveis, mas referência a isso é inexistente.

      O discurso da camera também é “parcial”. And on and on.

      Mas como disse antes, foi completamente “parcial”.

      De qualquer maneira, muitos parabéns pelo trabalho apresentado.

      • Vítor M. says:

        É a tua opinião. Os que testamos, iPhone 4, iPhone 4 S, Galaxy S3, Nokia Lumia 800, Nolia Lumia 900, LG Maximum 2x P990, Galaxy S2, etc… o do iPhone 5 é o que apresentou melhor qualidade. Depois, segundo informações de sites especializados em “ecrãs”, este é o melhor ecrã do mercado.

        Como nenhum LG tem o hype que tem um Samsung Galaxy S3, não foi mencionado, até porque todos sabemos que o Galaxy S3 é, actualmente, um dos melhores equipamentos do mercado, capaz, e, muitos parâmetros, de bater o iPhone 5. Por isso consideramos… os melhores!

        Nunca, jamais, alguém que conhece, usa e percebe, de equipamentos fará uma análise ou dará uma opinião imparcial… isso não existe (até porque há sempre um grego e meia dúzia de troianos que nunca estão satisfeitos).

        • Rui says:

          Off topic 🙂
          Acho que neste momento, poucos gregos andarão satisfeitos.

        • André Sousa says:

          Vitor, não leves a mal a resposta, mas o teu discurso agora não bate com o que dizem no artigo, pois querem transparecer que o ecrã do iPhone 5 é o melhor mas nem os números que apresentam são coincidentes com essa afirmação. E agora tentas descalçar a bota, apresentando outros modelos, isso não é argumento válido.

          Quando falei de LG, não falei de telemóveis LG, falei do fabricante do ecrã em si.

          Imparcialidade não existe? Bem com esta fiquei deveras impressionado e sem argumentos, pois revela muito essa afirmação.

          Adiante, como disse, felicito o trabalho feito e apresentado.

          • Vítor M. says:

            É a tua opinião, respeito mas não concordo, mesmo que lá estivesse que estamos a ser totalmente imparciais… tu ias desenterrar um argumento falacioso para contrariar. Portanto, nunca conseguimos agradar a gregos e a troianos e é utópico quem assim pensar, como tu, revela uma grande dose de ingenuidade.

            Quanto aos ecrãs LG… é a tua opinião novamente, mas há outras contrarias. Portanto… são opiniões!

          • André Sousa says:

            Obviamente se dissessem que seriam imparciais e colocassem um artigo destes seria a mesma coisa, pois de imparcial o artigo não tem nada.

            Vitor, ou não entendeste o que eu disse ou queres “fazer-me de burro” ou possivelmente serás tu o “burro” aqui. Atenção às aspas, não te estou a querer ofender, entende como uma expressão que tanto gostamos de usar.

            Este ecrã é fabricado por quem diz-me lá? É da Apple? Ou será da LG?
            A melhor coisa, tecnologicamente falando, deste ecrã é a tecnologia que o permite ser tão fino, mas isso nem é referido.

            E quanto ao melhor do mercado, ficaria melhor, “o melhor ecrã que já testamos” e mesmo assim afirmem que é muito subjectivo, pois são opiniões.

            Faz-me lembrar as discussões de LCD’s vs Plasmas. Coitadinhos dos LCD’s, sejam LED’s ou não.

          • André Sousa says:

            Imagino o “orgasmo” que irão ter então quando meterem as mãos num Lumia 920. Esse sim, é um grande ecrã, tanto visual como tecnologicamente. Fico a aguardar 😉

        • Re0 says:

          O problema, Vítor, é que para dizeres que é o melhor do mercado tens de te assegurar que assim é. Esta parcialidade (e imprecisão nas conclusões, que infelizmente começa a ser habitual) é injustificável, tanto mais que há uns tempos houve um post do género deste, a dizer que o ecrã do iphone 5 era o melhor, e foram colocados links para outros equipamentos com ecrãs melhores. Escolheste ignorá-los…

          • Vítor M. says:

            Re0 isso dizes tu, mas sei claramenet que falas falas… mas dados é que não apresentas.

            Eu, além de utilizador de ambas as tecnologias, ao contario de ti pelo que vens dizendo, baseie-me também em vários outros artigos sobe o assunto, além de conjugar vários factores.

            Vê este por exemplo

            Como tu não tens esses conhecimentos sólidos do que estás a tentar dizer, se não deixavas algo, para além de apenas as tuas considerações e parcos argumentos, não podes, não tens essa bagagem toda para dizeres que sou impreciso, tu não tens como dizer isso, simplesmente… não tens bases, como tal… os teus argumentos valem o que valem.

            Existem várias vertentes sobre este assunto, eu não tenho que me seguir pelo que a ti te justifica as tuas más opções, nem pensar.

            São apenas AS TUAS OPÇÕES. Não as obrigues aos outros.

        • Re0 says:

          A tua conclusão é de que tem hype então é esse que deve ser comparado? lol sem comentários.
          Sites da especialidade? Que sites? Só se forem do género do pplware… E mais não digo.

          • Vítor M. says:

            Sim, não dizes porque não sabes, mas isso, meu caro, não te permite obrigares outros a partilhar a tua opinião mal formada, ou dá?

            Não 😉 nem pensar.

            Baseia-te em dados, usa, tira as tuas conclusões, fala na primeira pessoa.

            Tens andado a referir argumentos que “te mandam dizer”, logo não tens como contrariar que estás apenas a referir-te a opiniões deformadas.

  12. Sergio says:

    Tenho uma duvida relativamente ao ios6, que se calhar até já existia no ios5.
    Uma das coisas que reparei é que as configurações do 3G e do gps estão mais escondidas. A forma como o serviço se liga parecia-me pouco logica. Então pus-me a explorar melhor e a reflectir um bocado. Nao sei se estou certo mas gostaria de ouvir opinião de terceiros.
    Nos 2 anos que estive com o android e os 6 meses que estive com o iPhone habituei-me a desligar o gps por causa da bateria. No android essa tarefa estava facilitada primeiro por causa dos widgets do sense (tive 2 htc e gostava muito do sense) e depois o menu nas notificações. No iPhone como tinha jailbreak usava primeiro o sbsettings e depois o ncsettings.
    Agora que tenho o oos6 essas tarefas passaram a ser uma seca. Ha 2 ou 3 semanas comecei a pensar sobre a funcionalidade find my iPhone e que esta so faria sentido se o serviço de localização estivesse sempre ligado. Mas havia o problema da bateria. Depois de ter pensado nisso e na forma escondida como a habilitação/desabilitacao esta implementada comecei a achar que se calhar os meus pressupostos estão errados. De facto nesse menu além de ligar ou desligar o gps tem opções para definir que Apps podem aceder ao gps. Além de mais o indicador do gps so liga quando estamos por exemplo a usar os mapas.
    então pensei será que nao devemos desligar o serviço de localização e sim configurar convenientemente quem usa o gps? Por exemplo a App da meteorologia esta configurada por defeito para usar o gps. Se tivermos o gps ligado ela vai estar constantemente a ligar o gps para poder-nos dar a meteorologia. Ora se temos sempre o gps desligado isso nao serve para nada e usamos apenas localizações predefinidas. facebook, email e outras apps tb fazem pouco sentido se realmente queremos poupar bateria
    Desta forma posso deixar o serviço de localização ligado que o gps será apenas ligado quando uso o Tomtom, qd tiro fotografias e em mais uma ou duas situações. E neste caso caso perca o iPhone sei que tenho um excelente meio de o encontrar
    comecei a fazer testes de bateria no domingo à noite mas como vim para Lisboa toda a semana tenho usado muito o 3G e o Tomtom portanto nao posso ainda tirar as primeiras conclusões. Mas fará isto sentido?

    • Rui "ALL" Sousa says:

      De facto a não implementação de atalhos na barra de notificações é gd falha por parte da Apple, ou temos JB ou ardeu, eu agora no iOS6 sinto exatamente o mesmo. A Apple que copie à bruta o Android ou as tweaks q existem para JB (não seria a primeira vez), desde que eu como utilizador final fique a ganhar é o q me interessa.

      Eu nunca percebi a logica de desligar o GPS, ele só se liga qd a aplicação o solicita, isso são manias q eu vejo os meus amigos com Android a ter, desligam tudo lol e nunca percebi mt bem pq. Btw o painel de personalizar as apps q usam o GPS é algo q nunca encontrei no Android 😡

      • JPedrosa says:

        Viva Rui,
        creio que esses hábitos são “resquícios” de problemas antigos no Android.
        Nas versões 1.6, e 2.*, ter o GPS ligado gastava de facto bateria.
        Não tanto como ter o 3G ligado (isso não gastava … torrava).

      • Sergio says:

        Obrigado pelo feedback.
        A Apple se quisesse poderia implementar de forma diferente. O ios tem uma outra zona com widgets que é aquela área em baixo quando se carrega duas vezes no home button. , por exemplo já lá o auto rotate.

        Já agora outro mito. Push mail ou polling? Nao consigo entender como é que podem dizer que polling gasta menos bateria

      • Carlos Ferreira says:

        Desligar o GPS faz sentido para aplicações mal desenvolvidas, que mesmo depois de pararmos de utilizar, o developer quer continuar a obter informações em background. Peço desculpa aos developers (eu também sou), mas o telemóvel é meu, assim como a bateria dele. 🙂

        P.S.: Tenho um iPhone 4S e nunca tive Android 🙂

        Que me dizes Rui? Não é argumento?

        • Rui "ALL" Sousa says:

          Eu uso mt o menu que me deixa seleccionar qual as apps q usam o GPS de forma ter a certeza que o mesmo apenas é ligado de forma correcta. Todavia o utilizador comum por vezes tem a app a usar o GPS e nem dá fé disso (foursquare no iP de uma amiga minha).

          Acredito que seja um argumento valido, todavia é de esperar que essas apps tenham tendência a deixar de ter esse comportamento.

          Qt ao comentário do JPedrosa, eu estava com o S3 e nunca tive essa necessidade de desligar o GPS, e o 3G tb estava sempre ligado, coisas do passado que hoje em dia não afectam o Android nas suas versões mais recentes felizmente 🙂

  13. Mrs. PeaceXDA says:

    Gostava de ter visto a mesma coêrencia no Galaxy S3….

    • Vítor M. says:

      Estou certo que não leste a análise do Galaxy S 3, tenho total certeza disso, isto porque quem a fez foi um fantástico conhecedor do assunto Android.

      Está uma análise muito conseguida, das melhores que se fez para aquele smartphone (deixo o desafio para me contradizeres).

      Portanto, depreendo das tuas palavras que não tiveste ainda oportunidade, tempo ou disponibilidade de ler ambas.

      Logo que o faças, verás que… não tens razão.

      • Mrs. PeaceXDA says:

        Vitor, li as duas senão nao estava a dizer que não se obteve a mesma coerência e minuciosidade. Esta review está mais completa e mais minuciosa que a do Galaxy S3, quando o Galaxy S3 tem muito mais por onde falar, muitas opções e características tal como foi feito aqui na do iphone 5. Não estou a por em causa a pessoa que o fez pois tenho a certeza que é um excelente profissional… mas não deixo de achar a review incompleta. Vitor não queria muito entrar aqui em detalhes mas só para referencia coisas como o poderoso ecrã do galaxy S3 não foi muito abordado… quando este é uma das características mais fortes do telemóvel… a câmara também foi deixada um pouco de lado… (gostei da review da camera do iphone 5, é um ponto muito importante, faltou falar do poder do verdadeiro multitasking que o S3 permite… O trafego de dados também esteve em falta, e algumas comparações de velocidades de trafego entre alguns dos smartphones mais poderosos… O browsing em termos de flash e html5, comparando o stock browser com um chrome por exemplo… mostrando não só a capacidade do telemóvel como também mais uma vez grande ecrã do S3… Abordar um pouco de 3D Graphics também era bom, pois há quem compre para este fim… (acho que também poderia ter sido mostrado no iphone 5. Entre outros… Muito completa este review do iphone 5… só acho que faltou um resumo com os pontos negativos e positivos…

        • Vítor M. says:

          Mas viste quantos posts foram feitos e referidos à cerca do Galaxy S3?

          Olha que demos uma cobertura muito interessante ao fantástico Galaxy S3, não fica nada aquém. Em termos de análise, bom o Hugo tem factores diferenciadores, por ser um conhecedor profundo do mundo Android e, naquela altura, estender, por exemplo, comparativos aos iPhone 4 S ficava aquém do desejado e, o iPhone 5, ainda não estava oficialmente conhecido.

          O novo Galaxy S 3 está aí, em breve já iremos colocar mais informação sobre as novidades. 😉

          Há curiosidades que falas que, embora abordadas de forma sintetizada… dizem tudo! O ecrã está explicado e foi falado nos vários posts, e a câmara diz lá que é excelente e tem as características. O que pode faltar à qualidade de excelente?

          Mas, repara, o Hugo, que é um defensor Android (daqueles que vale a pena discutir forte) não deixa os seus créditos por mãos alheias… no entanto a tua reacção agrada-me, pelo trabalho que fizemos (eu e o Rui) nesta análise.

        • Hugo Cura says:

          Concordo com alguns pontos que referes em relação à análise do Galaxy S3, mas tudo tem o seu propósito.
          Tocando nos pontos que referiste e começando pelo ecrã, partindo do princípio que já experimentaste o Galaxy S3, já reparaste que com densidade de píxeis acima de 300, ainda é possível notá-los facilmente?! O ecrã é de facto bom, mas poderia ser melhor, não fosse a matriz pen-tile (suponho que abordei isso, igualmente para o contraste) e o reflexo pouco atenuado.

          Depois pontos como multitasking… bem, falei do vídeo popup e à parte disso notei um grande problema relativo a memória e à sua gestão: o browser por exemplo, muitas vezes fechava só porque sim, aparentemente por um overflow de memória e em vez de fechar apps em background e afins, decide fechar a que está em utilização no momento (uns dias depois da publicação da análise, começou a ocorrer com bastante mais incidência, eventualmente devido a ter mais aplicações/serviços instalados).
          A câmara poderia ter sido testada um pouco mais minuciosamente, em situações onde é comum um smartphone não “se safar” (porque tem essa capacidade), mas o timing da publicação assim o ditou.

          Os outros pontos mereciam destaque num segundo artigo, no seguimento da análise, são de facto de muita importância mas a Samsung não deixa os smartphones “ganhar pó” na posse a quem os empresta. Estive também limitado em termos de tráfego de dados 3G pois o cartão em utilização foi o meu SIM pessoal.
          É uma pena estes factos/limitações condicionarem e colidirem com a apresentação de conteúdos e resultados relativos a equipamentos, mas as marcas (estranhamente) assim o definem. Flagships têm sempre que falar, novidades a publicar e novas coisas a testar, mas desta forma não nos é fácil suportar tanto quanto desejamos.

          Obrigado pela tua opinião.

          • Mrs. PeaceXDA says:

            Claro Claro, concordo 🙂 não estava a criticar o conteúdo daquilo que foi referido mas sim que poderia ter tido mais, não precisavas de me explicar alguns dos pontos que mencionei 🙂 Alguns dos pontos que referis-te já agora, em relação ao ecrã um tanto verdade, poderia ter mais densidade mas também não reparo assim tão bem nos pixeis a não ser que esteja mesmo á procura e mesmo atento… em relação aos problemas do multitasking tenho pena que tenhas tido esses problemas… no meu uso diário nunca tive esse problema. (mas também estou no jelly bean e suponho que tenhas feito os testes no ICS). Compreendo essas limitações que tiveste e tal como o Vitor referiu o S3 foi abordado noutros posts que depois fui á procura… No entanto acho que se calhar uma review do jelly bean no S3 em comparação ao IOS 6 agradava-me pois ainda não há nada formado em relação a isso e acho que seria interessante ver estes dois grandes sistemas “toe to toe”.

            Obrigado e apaguem o comentário acima que ficou incompleto.

            Continuação de um bom trabalho Hugo e obrigado pela mini review aqui.

  14. JPedrosa says:

    Vitor,
    análise bem feita, a um dispositivo excelente.

    Corrige só um errito de “tuguês”:
    “a Apple neste iOS6 resolver cortar os laços e seguir o seu próprio caminho.”
    resolver -> resolveu

    Há alguns reportes de agora só se poder sacar do iTunes Match Library álbuns inteiros e haver dificuldades em os remover depois.
    Confirmas?

    • Rui "ALL" Sousa says:

      No iP5 com iOS6 no que download de musicas diz respeito é o seguinte. Podemos entrar no álbum e carregar na nuvem e sakar o álbum todo ou então optar por sakar apenas 1 ou 2 musicas, a forma de fazer isso é iniciando a musica, ele por defeito faz download da mesma para o iPhone nessa altura. Todavia não é apresentado um icon para download da mesma e como tal é nos difícil de perceber quais as musicas q estão na nossa livraria e podemos sakar e quais as que já se encontram no dispositivo.
      A única maneira que vejo de ter essa percepção é desactivando nas opções “mostrar todas as musicas” ficando a mostrar apenas as musicas que fizemos download.

      Fica uma imagem que pode eventualmente esclarecer.
      http://i.imgur.com/AexKK.jpg

      Espero que não tenha sido mt confusa a explicação.

  15. Serva says:

    Boa tarde ,

    Na minha opinião o artigo apesar de se mostrar bastante parcial , não deixa de referir os aspectos negativos ,chegando mesmo a coloca-los como críticos para o sucesso do IOS caso a Apple não faça nada para inverter esta tendência , considero que no seu conjunto está feito um excelente trabalho , parabéns ao Pplware .

    Cumprimentos

    Serva

  16. Cristiano says:

    Esta frase nao está mal?
    Diminuição de qualidade mas é melhor?
    Abraço

    Notamos uma diminuição da qualidade do som (distorção) quando estamos a ouvir música com o volume no máximo (de vários testados o iPhone é o que apresenta menos distorção), sendo que a óptima ressonância da estrutura do iPhone ajuda a não haver um ruído maior.

    • Vítor M. says:

      Lê tudo. Se truncares uma conversa, chegas ao fim e não sabes do que estávamos a falar.

      Em relação ao iPhone 4 S, o som das colunas quando o volume está no máximo, pareceu-nos que está ligeiramente pior, tem mais distorção, no entanto, em termos médios, o som está mais “limpo”, provavelmente isso deve-se à nova estrutura de alumínio e à coluna que foi redesenhada e melhorada.

      Já ao nível do som no máximo do volume com auscultadores, o som agora está mais baixo, o máximo é mais baixo que no iPhone 4 S.

      Percebeste?

  17. Vitor says:

    Acho engraçado que escreveu a crónica dizer por diversas vezes “temos de dar desconto” a isto, dar “desconto” aquilo…. Então um telefone que custa 600 € e ainda temos que dar desconto de alguma coisa????

    Ah e tal não tem USB 3.0, os mapas são péssimos, etc., etc.

    • Vítor M. says:

      Sabes que nenhum equipamento, por mais caro que seja, é perfeito e sei que o encaramos sempre como perfeito, e lá está, temos de ter a consciência que nada é perfeito e, este ou qualquer outro, esse desconto temos de o dar.

      Nada é perfeito, mesmo que custe 600 euros ou mesmo que seja um Galaxy S3 de 500 euros.

  18. Power says:

    Con isto tudo fiquei sem perceber se recomendam a troca de um 4 ou 4s por este equipamento…

    • Vítor M. says:

      Nunca essa decisão será simples, deixamos as diferenças, mostramos as novidades e passamos o ónus da escolha para o consumidor.

      Pessoalmente e agora aqui, numa resposta directa, não trocaria se estivesse bem servido com o iPhone 4S, se, por outro lado, tivesse um iPhone 4, ou outro qualquer no mercado, aí sim, o iPhone 5 será uma escolha acertada.

  19. golias17 says:

    Boa analise, gostei muito.

    Acho bastante engraçado os utilizadores do iphone tanto criticaram o facto de no android ás vezes termos de recorrer a certos truques para termos o telemóvel com a ultima versão de SO ou com melhor desempenho, cada vez mais terem de recorrer ao JB para ter um SO mais funcional.

    À anos não se recorria tanto estas ferramentas, o android realmente abriu horizontes depois IOS ter tido o trabalho fenomenal a mostrar o quão funcionais os smartphones poderiam ser.

    Cumnprimentos

  20. Augusto Cruz says:

    “Dando um passo atrás no iOS6 o Safari volta a poder gravar logins em redes Wi-Fi sem segurança (capacidade removido no iOS5), tal será muito benéfico para os utilizadores Portugueses que usam os hotspot FON_ZON_FREE ou PT-WIFI o qual agora evitam ter que realizar o login todas as vezes que se ligam a uma destas redes.”

    Alguém me pode dizer como?

    • Bruno F says:

      Boas!! Grande analise!! Mas também fiquei curioso em relação a este aspecto… Tenho um iPhone 4 e um iPad 3ª geração e por muito que tente não consigo com que ele grave as credenciais da zon nem da PT, guia precisa-se com imagens de preferencia. Lol Continuem o bom trabalho!!

      • Rui "ALL" Sousa says:

        Antes tínhamos que ir a Wi-Fi, seleccionar a rede, dp abria uma janela e tinhamos que colocar as credenciais indiferentemente de termos colocado anteriormente gravar ou n. Agora entra-se na rede wi-fi e ele ou ja apresenta as credenciais nos respectivos campos e apenas basta carregar em “ok/login” whatever ou então salta logo para a pagina de bem-vindo, pode começar a usar a internet da fon-zon.

        Se ainda houver duvidas eu faço um video e coloca aqui.

        Para quem esta no iOS5 o meu conselho é usar esta app q faz o mesmo efeito: https://itunes.apple.com/us/app/easy-wifi/id478875185?mt=8

        • Augusto Cruz says:

          Olá Rui,

          Eu seleciono para ele guardar as credenciais, mas sempre que vou para outra rede FON sou obrigado a ir ao WI-FI e voltar a escrever as credenciais. Devo ter alguma opção desativada, não sei.

          Se puderes fornecer uns screenshots das tuas definições penso que deve dar para tirar alguma conclusão.

          Obrigado

    • Rui "ALL" Sousa says:

      Colocamos o login/password e fazer check na box onde refere para gravar as credenciais. Da proxima vez ele ou apresenta já os dados no login/password ou então passa logo para o ecrã de bem-vindo (pode começar a usar a internet)

  21. Gonçalo says:

    Não li todos os comentários pelo que espero não estar a repetir, mas…

    Foi uma boa análise, mas há (pelo menos) uma incorrecção.

    “Uma das opções mais solicitada por os utilizadores e que a Apple já deveria ter implementado há muito tempo (é nestas coisas que o Android faz a diferença), é a opção de na própria aplicação de Email podermos adicionar anexos (Imagens/Vídeos).”

    Isto é possível, e se bem me lembro já era possível no iOS5.

    Como se faz:
    – No texto do email pressiona-se durante algum tempo até aparecer a lupa e larga-se.
    – Aparece o menu Select/Select All/Paste/etc…
    – Carrega-se na seta para a direita, onde entre outras coisas aparece “Insert photo or Video”.

    • Rui "ALL" Sousa says:

      Essa opção que falas não existe no iOS5, apenas existe no iOS6. Como tal é possível tal como eu referi no artigo, todavia é impossivel no iOS5.

      P.S.: O pessoal que usa Android o que se deve rir à custa disto LOL. Novidade no iOS6 -> podemos adicionar fotos ou imagens directamente no cliente de email… enfim o degredo do iOS no seu melhor xD

  22. Pedro says:

    Satisfaz-me a curiosidade….
    A foto da página 5, à noite, não é em Guimarães?

    Obrigado 🙂

  23. Dachau says:

    Digam o que quiserem, mas se me dessem um SII era para vender e comprar este. E antes que me insultam, digo-vos que fui um dos 1ºs portugueses a ter um iphone (o 2G, o pai dos smartphones) que ainda uso, só nos ultimos meses é que tenho reparado que realmente estar a ficar velhinho.

    Não tenho é dinheiro para compra-lo…

  24. Não li os comentários todos por falta de tempo, mas um bocado offtopic, vou desenvolver uma aplicação para iOS como projecto final do meu curso, e precisava de saber como contornar a questão do tamanho do ecrã entre este iphone 5 por exemplo e o 4, existe alguma libraria existente ou algo do genero “auto-size” para me fazer contornar esta situação?

    Obrigado, e já agora bela análise.

  25. Nfonseca says:

    Quero dar os meus parabéns por esta review, sem dúvida que foi profissional, no entanto e isto é apenas a minha opinião claro, acho que denota-se uma grande queda pela marca da maçã.
    Existem n testes por exemplo aos cpu´s do S3 e Iphone5 pela internet fora e de longe o do S3 arrebenta com o A6, não vale a pena colocar aqui nenhum link, basta fazer uma pesquisa na net para encontrar essa informação.
    Houve também um comentário de um leitor a referir a questão de se dar o desconto aos mapas da apple por ser uma coisa nova!! quando que concorrência é logo apontado como desvantage, concordo plenamento com esse leito, sinceramente este tipo de comentários não podem constar numa review… A critica ou será boa ou mã e não deixa de ser uma critíca de “alguém”
    Em resumo, para mim estas reviews devem permitir ao leitor poder tomar uma escolha informada e acho que esse objectivo é cumprido, por isso mais uma vez os meus parabéns.

  26. Icecube says:

    Este artigo é como a apple… Nada de novo mas há quem ache fantástico

  27. ruben silva says:

    Parabens, li tudo! Bom artigo, continuem com este trabalho!

  28. belz says:

    Bem, adoro as pessoas que tentam com “comentários”, descredibilizar um artigo (do melhor site tech em Portugal). É preciso ter mais do que 2 dedos de testa para perceberem que “ler” na internet não é o suficiente!?

    • IceCube says:

      É preciso mais de dois dedos de testa para perceberes que o melhor site tech de Portugal, segundo a tua classificação, é tudo menos idependente e é altamente tendenciosa.
      De ceteza que te deves lembrar da barracada do “iPhone vence o GS naquilo que é mais importante” que era ter mais trafego de internet realizado pelo iPhone 5 em menos tempo que o GS 3… afinal depois o Sr. Vitor teve que publicar que o trafego que dava a victoria ao iPhone 5 é trafego de PUBLICIDADE !!!!
      Lindo!

  29. Bom artigo. Concordo com muita coisa, com base na experiência que tive no meu. Acredito que o iPhone em termos de inovação não esteja tão distante da concorrência como teve em anos, mas o DNA da apple faz com que em algumas coisas vá sempre estar a anos luz da concorrência, a nível de design industrial, qualidade de materiais, etc. Claro que isto são aspectos que a muita gente não diz nada.

  30. Filipe Monteiro says:

    Artigo muito bom, bem escrito e bastante descritivo. No entanto para mim há uma coisa que foi esquecida, onde estão os prós e contras finais deste produto? Li que se fazem constantes comparações com o Galaxy S3 mas no resumo deveria constar os prós e contras do produto.
    Ou estarei errado sr. Vítor 😉 ?

  31. fjcpires says:

    “Actualmente para quem quer um smartphone com um equilíbrio entre hardware, software e serviços, o iPhone 5 é das melhores opções de compra.” Só podes estar a brincar, como podes justificar 700 euros por telemóvel… e isto vai para o galaxy S3 e outros iguais… não existe equilíbrio possível quando se pede um preço destes… não discuto a qualidade do produto ou o facto de provavelmente ser uns dos melhores telemóveis do mercado, mas o preço é completamente proibitivo….

  32. Ricardo says:

    Um artigo que se auto caracteriza inicialmente como “parcial” e que pelo meio refere termos como “desconto” tem tanta importância como cada comentário aqui inserido. Não passa disso mesmo, um mero comentário, uma mera opinião… chamem-lhe o que quiserem mas um conjunto de palavras “parciais” não formam um ARTIGO.
    Mas pronto, aqui deixo uma “palmadinha nas costas” pelo esforço.

  33. Francisco Pinto says:

    Parece que vem ai novidades referente ao LTE! Segundo parece o ios 6.1 desbloqueia a freq 1800mhz passando o iphone 5 a ter lte em Portugal! 🙂
    http://forum.vodafone.pt/t5/iPhone/iPhone-5-e-seu-funcionamento-em-LTE-1800/td-p/84296

  34. Diogo Sottomayor says:

    Boa noite,

    Em primeiro ligar quero dar os parabéns ao Vitor pelo excelente trabalhado aqui conseguido nesta tão boa analise deste telefone. Sou utilizador de iPod 4 e iPad 4 e fiquei rendido pela forma como é sublime nas aplicações e sobretudo pela rapidez e nitidez de todos e qualquer função que precisamos dele. Já tive oportunidade de utilizar tablets de outras marcas e de facto o ecrã e a forma como o software actua deixa muito a desejar. Sou utilizador de blackberry desde 2009 e pela primeira vez estou a ponderar o iPhone e acho que este artigo ajudou-me a entender que é a melhor opção a tomar.
    Li na diagonal as varias criticas que foram apontadas à Apple, mas só me surge um pensamento, é caro? É. Vale a pena? Vale. É para qualquer bolso? Não.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.