Quantcast
PplWare Mobile

COVID-19: Espanha quer tratar a doença como se fosse uma gripe

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Meireles says:

    eh uma gripezinha vei

  2. Bill says:

    Espanha Reino unido França Servia Rep. Checa etc etc…
    Qual a dúvida?

    Se virem os gráficos oficiais do ministério da saúde reparam que não há excesso de mortalidade pelo contrário morre-se metade do valor do que se morria em anos pré paNdemica…

    Não conheço ninguém doente…
    Só positivos.. em casa com espirros durante 2 dias …

    Vejam https://evm.min-saude.pt/

  3. Jonny says:

    O mundo todo é que deveria tratar essa doença como uma gripe.

  4. Marco Duarte says:

    Portanto Espanha está a entrar nas teorias dos negacionistas LOL

    • Ochinês says:

      Não, pelo contrário. Lê o post:
      Na próxima vaga (falta passar esta) com mais de 90% da população com mais de 12 anos vacinada, a infeção pelo coronavírus, a Covid poderá ser deixar de ser tratada como uma emergência, como outras doenças como a gripe.
      E também diz, embora o post não refira, que a covid passou de uma pandemia para uma endemia. Por cá há quem defenda isto, mas com o número de casos a aumentar, a generalidade dos especialistas considera que ainda é cedo para se considerar essa transição.

      Por isso entre os negacionistas que dizem que as vacinas não servem para nada, em relação ao Governo de Espanha que diz que a forma de encarar a doença – com mais de 90% da população com mais de 12 anos vacinada – vai uma diferença, muito grande.

    • Samuel says:

      Uma coisa é negar que existe, outra é saber que existe mas viver com isso para não morrermos todos sem €

      • Luís Costa says:

        Havia alguns que eram chamados de negacionistas por isto mesmo.. que mais dia menos dia iamos ter de saber lidar com o vírus e deixar circular normalmente.. mas isto é só pensar um pouco pela cabeça e perceber o ciclo dos vírus para se manterem vivos no hospedeiro

    • Zed says:

      Qual foi a parte da ciência ou dos factos que a Espanha negou?

  5. David Guerreiro says:

    Com a quantidade de pessoas infetadas, por este andar até ao final do inverno temos a maioria da população já infetada com o vírus, e portanto a disseminação vai reduzir. Acho que aí, a não ser que apareça alguma variante maluca, poderemos pensar nisso.

  6. Luis says:

    Mas com vacina.

  7. Ironi5 says:

    Gripe? Toca a fechar tudo! Tudo em casa 6 meses va enquanto eu aqui no estrangeiro ando na rua a vontade e depois vou ai a Portugal sem mascara curtir a grande e como turista todos me lambem os pes

    • LR says:

      És um tretas. Mas, caso estejas mesmo fora do país, faz um favor à malta cá do burgo: não venhas. Deixa-te estar ai sossegadinho, seja onde for que estejas, que não fazes cá falta.

      • Ironi5 says:

        Claro que vou, era mesmo um borra botas como tu que me ia dizer o que fazer. Adoro ir a paises de mansos onde faco tudo o que quero, ate isencao de reforma da a estrangeiros e depois admiram se que os tugas ai sejam totos e papam tudo

  8. Ricardo says:

    Os casos só estão a aumentar porque fazem mais testes agora, teste por tudo e por nada, antigamente, em janeiro de 2021 por exemplo, nem autotestes havia, e só se fazia testes a quem aparecia no hospital e centros de saúde com sintomas.

    O vírus sempre afetou apenas uma pequena parte da população distribuído por idades. Fizessem teste para tudo como o ano passado e ia ver o número de casos semelhante ou aproximado.

  9. Night1991 says:

    E uma boa forma de eliminar da população quem tem problemas de saúde. E quem não tem e rezar para não morrer pois o covid e imprevisível, as vacinas conseguem reduzir o risco de morte mas não elimina totalmente. Conheço gente vacina com 2 vacinas e com reforço que morreu porque tinha problemas de saúde. Não dizem é que os assintomáticos e quem teve sintomas leves fica com sequelas.

    • Zed says:

      TODAS as doenças podem matar, sobretudo quem tem outras doenças de base, mas não podemo, por isso, deixar de vivier com medo de morrer, certo? Matam mais pessoas os acidentes rodoviários e não é por isso que as pessoas deixam de andar nas estradas.

  10. Zed says:

    A Espanha e todos os países, à medida que a pandemia vai dando lugar à endemia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.