Quantcast
PplWare Mobile

Buraco misterioso continua a aumentar na Antártida

                                    
                                

Imagem: SD

Fonte: Science Alert

Autor: Vítor M.


  1. Wishmaster says:

    Até estava a estranhar os cientistas não darem o seu toque alarmista…mas vem no final: “existe o risco elevado deles ocorrerem com mais frequência”.

    • Nuno V says:

      Leste os comentários dos cientistas ou do pplware?

      • Wishmaster says:

        Li o artigo aqui e as afirmações da cientista.
        Agora que impregnaram as cabeças das pessoas com as alterações climáticas e que as mesmas são causadas pelo Homem (errado), basta falarem em “mais frequente” e “aquecimento”.
        Estes buracos sempre existiram provavelmente, não podem afirmar quantos pois não há medições anteriores a 1970…o que interessa é focar no aspecto de que serão mais frequentes e que alteram o clima a nível global, o que muito provavelmente ela não poderá afirmar com certeza….mas enfim….Rapidamente encontras estudos contraditórios no que respeita à Antárctida, por exemplo, uns dizem que tem perdido gelo, outros afirmam que tem ganho, etc…..
        Uma paródia.

        • Diogo says:

          Ainda bem que consegues destinguir a informação verdadeira da falsa. Os cientistas só nos querem tramar guiados pela ganância e pelos interesses económicos. Já a indústria petrolífera e de gás bem nos tenta mostrar a verdade mas é difícil lutar contra o lobby cientista.

  2. miguel says:

    Deve ser o do antigo BES!

  3. Silvas says:

    Tava com medo de ser o Lavos!

  4. Asdrubal says:

    Pensava que eram os aliens, após milhões de anos a hibernar numa nave nas profundezas do gelo da antártida, acordavam para vir conquistar o planeta.

  5. martins says:

    Espreita lá bem a imagem na origem, bem aumentada e vês lá uma piramide.

  6. Rui says:

    Será que vão sair de lá os anjos do abismo

  7. Hugo Cunha says:

    Ainda vão dizer que essa é prova de que a terra é redonda…

  8. Nuno V says:

    Se faz o favor, então cita-me a afirmação alarmista deste cientista.

    Coloca-me então artigos contraditórios no que toda ao degelo da Antártida. Se fores citar o estudo de Jay Zwally, lamento mas este estudo é inconclusivo, pois não separou o gelo continental do oceânico. Já há muito que se sabe que o lado oeste da Antártida tem aumentado a sua quantidade de gelo. O problema é que o lado este tem perdido gelo a um nível superior que o lado oeste ganha. No geral o gelo continental na Antártida tem diminuído. O que tem aumentado é o gelo oceânico. Em vez de obteres a tua informação dos media lê os estudos científicos antes, bem como os comentários de outros cientistas referentes ao processo de revisão de pares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.