Quantcast
PplWare Mobile

Alemanha, Itália e França também suspendem vacina da AstraZeneca

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. MACnista says:

    Opáááá já são mtos países, bem geralmente onde há fumo…

  2. AJ says:

    aqui a vacinas são tão poucas que vão aproveitar todo que venha, mesmo as sobras dos paises que suspenderam a vacina ,

  3. DS says:

    Pode parecer estúpido para muitos partilhar a minha opinião, mas no meu caso se a vacina não for da Moderna ou Pfizer, pode ficar para outro que não a vou tomar. E pelo que se prevê… é o mais certo.

  4. Gerbazio says:

    Portugal não suspende a vacina porque assim são mais alguns idosos que vão pó galheiro.. e, são menos umas reformas que têm de pagar.

  5. Informático amador says:

    Maravilhoso! agora as doses que iam para esses Países, podem vir para cá e vacinamos os velhadas, a função Pública – excepto os “preciosos políticos”, os oposicionistas, o Sporting, etc e quando todos baterem a bota, ficam a haver muitos lugares para estacionar. Agora a sério, com tantos Países – e Países que não são quaisquer uns – a suspenderem a AstraZeneca, a DGS e o Infarmed continuam à vontade para dizer que a vacina é segura? Não seria preferível jogar pelo segur, suspender também, e reforçar as encomendas de outras vacinas? Para cobaias, já bastou os tempos negros da Troika…

  6. DFS says:

    Se o problema estiver relacionado com um lote que nós não recebemos, faz sentido não suspender a vacina. Se estiverem vários lots em causa, então é melhor suspender e investigar
    Quanto a efeitos secundários da vacina. Até agora por falta da vacina mmorreram mais de 16 mil Portugueses. Se com a vacina morrecem algumas pessoas, o que ainda não ocorreu, o saldo era claramente positivo.

  7. Capiao says:

    Minha mae com 77 anos e cardiaca ia hoje tomar a vacina. Quando soube q era a astrazaneca recusou.
    Fez bem. Sera q todos os pedorosos e governantes
    Em portugal com estes problemas graves tambem
    Dao a astrazaneca?

  8. Pedro says:

    Por cá o Infarmed está na conversa, não faltando o cafezinho com o respectivo cigarrinho

  9. Capiao says:

    Pois a astrazaneca para os velhos e pobres…as boas sao pros ricos… vamos fazer figura triste… a alemanha italia, espanha tambem vao suspender…

  10. Capiao says:

    Totalmente de acordo informatico amador o triste tem q morrer mais pessoas em portugal para depois se suspender… la pro verao…. depois umas desculpas tecno dispares… e a culpa continua a morrer solteira em Portugal…

  11. Euéquesei says:

    Se depois dos portugueses assados nos incêndios a xuxalhada ainda viu as sondagens a subir, então se esta vacina matar mais uns milhares aí é que os xuxas chegam à maioria absoluta.
    Não há outro povo como este…

  12. g0tH1c.X says:

    Parece que o ppl nunca leu a “bula” dos medicamentos…Quase todos, na parte dos efeitos secundários, dizem que 1 em 1000, 1 em 10000, etc, pode provocar reações graves, etc. Esta vacina, é apenas mais um…e se as mortes forem por exemplo 1 em 100.000 ou 1.000.000, não é mesmo nada mau! Lembram-se aí há uns anos, das noticias sobre a “aspirina”, que andava a matar…?! É exactamente a mesma coisa! A parte que me lixa, é ser esta vacina a “menos eficaz”, do lote de vacinas disponíveis, apenas isso.

  13. Manel says:

    É preciso entender que em MILHÕES de pessoas vacinadas é inevitável que apareçam todo o tipo de doenças a dada altura após a toma da vacina, é sim preciso estudar se a incidência dessas doenças é superior nos vacinados do que nos não vacinados, o que até agora NÃO SE VERIFICOU, é com muita pena que continuo a ver decisões políticas baseadas no medo e não na ciência.

    • Manel says:

      Para se ter noção da “dimensão” deste eventual efeito adverso, ocorreu em 30 de 5 milhões de pessoas vacinadas (incidência idêntica aos não vacinados) e morreu uma pessoa, o que dá uma taxa de mortalidade de 0,0000002% (!!). Apanhando covid o risco de morrer (assumindo uma taxa de mortalidade de 1%) é 5 milhões de vezes superior ao risco de morrer desse alegado efeito adverso. É fazer as contas. (Fonte EMA)

      • pH says:

        Mas isto é só o efeito bola de neve. O problema é que começa um a ficar desconfiado, começa logo tudo a ficar desconfiado.
        E apesar de não terem números, ou qualquer tipo de informação relevante para que possam provar que a vacina tem efeitos negativos em toda a gente, dada a desconfiança, já ninguém toma.
        Mas como o Manel diz é uma questão de números…

  14. Nuno Silva says:

    Já suspendeu. Mais umas horas e não tinham perdido tempo a escrever esta notícia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.