PplWare Mobile

TOP 5 das melhores aplicações para trabalhar no iPad


Destaques PPLWARE

40 Respostas

  1. leoni costa Martini says:

    Faltou: iworks da apple e pacote de aplicativos do google (google drive, doc, sheets e apresentação).

  2. Tó Madeira says:

    O Notability não é gratuito e está a 10,99€ 🙁

  3. Hidilberto says:

    Evernote ja morreu ha mto tempo…Documents da Readdle e o pdfExpert sao fundamentais e deviam estar na vossa lista. Coda para programar é outra

  4. Cortano says:

    Quem usa o Office acaba por usar o OneNote.

  5. Mateus says:

    Falta dizer que infelizmente o iPad (Pro 2018) ainda é muito incompatível com HDD/SSD/Maquinas fotográficas externas e que rara vez conseguem aceder a ficheiros destes meios (ou entao tem que tirar o SD e meter num adaptador). Também não tem um Sistema de ficheiros acessível ao utilizador que seja comum às Apps de modo que se use como um desktop; E no final com excepção de algumas Apps de 2019 que são equivalentes às de desktop, muitas (ex: Office) apenas são versões “mobile e cortadas” do equivalente desktop.

    Há trabalhos que dão para fazer num iPad mas não se compara ao trabalho possível num Surface Go / Pro. Os iPad Pro podem debitar numeros no Geekbench mas isso não os faz correr as Apps de desktop.

    • Hidilberto says:

      Num surface go/pro nao consegues editar videos 4k, trabalhar com software de musica a serio como no ipad. Surface é um produto mal feito e overpriced pois w10 é uma dor de cabeca

      • Mateus says:

        Não sei onde é que vais buscar essas ideias mirabolantes mas és uma pessoa com muita imaginação…lol dizes que em híbridos com software e arquitectura de desktop não posso fazer isso e dizes que é caro; por outro pegas num tablet com software móvel que custa quase 1000€ na versão base e dizes que está bem…

        • Pinto da Costa says:

          O ipad de 900 euros faz 18500 no geekbench, e o surface pro i7 de 2300 euros faz 12000 geekbench. Percebeste agora Matus?

          • Mateus says:

            Ahhh então as capacidades dum aparelho são dadas por um número no geekbench… fizeste -me rir pintus

          • toni da adega says:

            +1
            Nas lojas deviam ter a pontuação geekbench junto às definições das máquinas para se escolher o que realmente importa

            Estava para comprar um macbook, as depois de ver a pontuação vi que é a pior compra que se pode fazer. Mais vale um iPad Pro, mais barato e maior pontuação, sem dúvida superior em tudo.

          • Cortano says:

            O benchmark, na vida real, de pouco valem. É giro para servir de conversa, mas não servem para mais.

      • Cortano says:

        Tu ouviste alguém dizer essas barbaridades e assumiste que eram verdade?

        Claro que num Surface Go não editas videos 4k! O objectivo do Go não é esse!!!
        Porque te dás ao trabalho de comentar se nem conheces os equipamentos que falas?!

  6. FugaparaVigo says:

    Era bom saber quantos novos iPads chegaram “a casa dos Portugueses” antes de fazer este tipo de afirmação

  7. censo says:

    Aí ao pacote do Office e em vez do Evernote eu juntava-lhe o OneNote da Microsoft.

  8. Orange says:

    Com a arquitetura que têm, com a mísera RAM que tem, com o sistema operativo fechado que têm, com as típicas limitações tão básicas que até doi, éml uma máquina de trabalho e tanto.
    Ainda bem que chegaram montes deles á casa dos portugueses, assim a produtividade vai subir e muito.

  9. Tiago says:

    hummm photoshop CC? nao me aparece. Apenas o EXPRESS: EDITOR. é este? …estamos a falar do mesmo photoshop?

  10. ToFerreira says:

    Então a Microsoft sempre passou a Apple?

  11. Tiago C says:

    Ou seja o link que está lá presente não é aquele que se diz ser o Photoshop. Já agora, só vai dar no novo iPad Pro? No vai dar no anterior ?

  12. Tiago says:

    Só no novo Ipad Pro, a porta USB -C também é uma vantagem para acessar ficheiros pesados.

    • Cortano says:

      Como vais “acessar” a ficheiros pesados se o ipad não reconhece discos externos?!

      • Tiago says:

        É o Ipad que não reconhece ou as Apps que não reconhecem? Se a Adobe vai lançar o Photoshop CC para Ipad, não é pela nuvem que vais trabalhar um ficheiro de 3GB. 😉

        • Cortano says:

          O sistema operativo não reconhece discos externos. Não reconhece folders.
          Como é que vais trabalhar ficheiros de 3GB? Pergunta à Apple.

          Basta ver no youtube as reviews de designers sobre o ipad pro para veres que todos se queixam do mesmo:
          – Não aceita mouse
          – Não lê discos externos

          • Tiago says:

            A Apple não disponibilizou uma porta usb-c para embelezar o Ipad mas sim por um motivo, permitir numa futura actualização as softwares houses como a Adobe desenvolverem apps em que permita uma ligação externa directa à app e não ao sistema. Por exemplo um software de video só irá ler discos ou pens se tiverem configuradas de uma certa forma, leitores de cartões (cidadão) só funcionará com a app do cartão. Etc etc etc. Se quiseres saber mais, aconcelho a aprender swift com xcode e não ligar aos youtubers.

          • Tiago says:

            Actualmente dá para ligar a monitores 4k, Máquinas Fotográficas, carregar equipamentos como o Iphone, etc

        • Cortano says:

          Tiago, da para ligar em modo espelho

          Acorda, iPad é limitado e vai continuar a ser.

  13. Tiago says:

    Mais limitado que um portatil é… Se um dia vai substituir, sim (talvez daqui a 10 anos), se consigo fazer tudo à excepção de compilar código… consigo (posso demorar mais tempo e com um resultado mais “amador”). Por isso quem é limitado? O Ipad ou o utilizador?

    • Cortano says:

      Dos dois.
      Do ipad porque a Apple apregoa que substitui um Laptop.
      Do utilizador porque vai na conversa fiada da apple e acha que comprou um canivete suiço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.