Quantcast
PplWare Mobile

iPhones 2018 trazem nova tecnologia para carregamento sem fios ainda mais rápida

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Renato Nismo says:

    https://www.youtube.com/watch?v=1pIfUq64nAo
    bateria mais pequena de todas e levar mais tempo a carregar que todos, melhor não comentar.

    • Pedro says:

      Deixa de ser fanático, se gostas de Android compra o que quiseres.
      Agora deixa de poluir com coisas pouco relevantes.

    • Artur says:

      Sabes que os novos iphones vão ter baterias maiores certo?
      E também sabes que conseguir os resoltados do X com aqueles mah é surpreendente, só mostra que o sistema está bem optimizado.
      Vai lá comprar os Androids com 10000mah se gostas tanto de bateria.

    • Ricardo says:

      Melhor não comentar, para isso estavas calado.
      Mas também com esses argumentos não vais longe.
      Vai la comprar o Note 7.

    • Renato Nismo says:

      Pedro, outros poluem mais ainda dos androids sem factos nem fundamentos e não vejo muita reclamação,
      espero que não fiques chateado. o iphone x custou 1200€ no lançamento e houve algum hype em torno do carregamento rápido e conseguiu ser pior do que o quickcharge 1.0 de 2013, 5 anos de diferença para um tlm com menor bateria.

      Artur, a apple confirmou que mandou vir baterias grandes ? não sabes, por agora só rumores
      sim 2700mah e fazer um SOT mediano com aquele tamanho de ecrã e poder de processamento é quase igual contra androids banais com à volta de 3200mah, mas para custar aquilo, devia vir uma bateria bem melhor.. pois se fores ao youtube iphone x vs várias concorrências, em quase todos os vídeos o iphone x é o primeiro a morrer. e não te esqueças que o android também tem vindo a ser cada vez mais optimizado em desempenho e autonomia, a bateria a reduzir e autonomia a crescer um pouco.

      Ricardo, com essa tive de responder, já argumentei como deve ser.
      esse Note 7 tem mais autonomia e quick charge mais rápido, mas não preciso.. não gosto de samsung. ainda mantenho o xiaomi de 3 anos que não viu obsolescência programada nenhuma.

      • Cláudio says:

        Ok, consegues ter 30 min-1h extra dependendo do telemóvel que compares (tipo note 9), deixa estar que é outra coisa doutro mundo.
        Se as pessoas que gostam de IOS e quiserem bateria compram o iphone 8 plus.

        Para um telemóvel mais de 1000€, como o note 9 não achas que devia ter melhor CPU (benchmarks), melhor camera para 2018, mais inovações, etc?

        A guerrinha IOS VS Android, Apple Vs Samsung, já nem devia existir.

        Já usei windows Mobile 6.5,7,8,10 (HTC HD2, Lumia 735), Android 2.3,4,5,7,8 (HTC HD2 custom rom, S3 mini, oneplus 3) e IOS 11 e 12 (iPhone X).

        Estou a usar o meu primeiro iPhone e não tenho nada a reclamar até agora (9 meses), o IOS 12 mesmo em beta funciona impecável.

        As pessoas deviam 1º testar e depois falar do assunto, mas gostam muito de falar do que não sabem.

        • Cláudio says:

          E já agora digo as minhas razões para ter optado pelo iPhone X em vez da concorrência:
          4k 60 fps (único telemóvel em 2017)
          1080p 240 fps (idem)
          design novo (bonito na minha opinião, o notch é uma questão de hábito)
          Bom som – dual speakers
          Bom ecrã
          CPU mais potente (logo podemos esperar mais suporte/updates)
          Boas cameras (podiam ser melhor low light, mas ai a Huawei domina)

          • Renato Nismo says:

            opa muitos tlms têm vantagens diferentes,
            o sony xz2 veio depois e tem o 1º 4k HDR e 1080p 960fps
            flagships desde o ano passado ou noutro já começaram a trazer dual speakers como padrão, há bons ecrãs em quase todos os topos de gama, dizem que s9 tem o melhor ecrã do mundo, analistas a sério ou publicidade ?
            quanto a câmara.. claro que meses depois veio outros novos tlms e novas evoluções nas câmaras
            a maioria desses pontos já estão nos flagships do ano passado e deste, se comprou o iphone x no ano do lançamento, então compensou para si que um e outro ponto crucial não existia nos androids de 2017

        • Renato Nismo says:

          não precisas de associar só a samsungs e notes 9, porque há outros tlms com autonomias enormes. fiquei a saber de um topo de gama, o novo xiaomi pocophone f1 com 4000 de bateria e o preço muito baixo, veremos a autonomia nos testes.
          há os huaweis de topo com bateria 4000 também

          quanto a câmaras, tens o p20 pro com tripla lente, melhor câmara do mercado tanto a qualidade, o zoom e nocturnos.. e vê quanto o preço desvalorizou agora no kusta.pt, e o iphone x ? também há tlms de 200€ como o mi a2 que foi feito testes no youtube vs topos de gama e não fica muito atrás.

          quanto a cpu, é a samsung e huawei que deviam produzir melhor os chips para os seus tlms. a qualcomm também.. a mim parece que querem é evoluir ao nível das migalhas ao invés de dar o poder máximo agora
          mas mesmo assim o oneplus 5t com snapdragon 835 desenvolvido no final de 2016 dá uma boa abada ao iphone x com 40 segundos de avanço.. até a aplicação Videoshop estragar a festa com um grande atraso.. e este channel é do apple user
          https://youtu.be/E1besnW-Oww
          é a apple que devia se esmerar mais e bem a rapidez e fluidez de transições e multitaskings no UI e não é só o cpu mais potente dos mobiles.

          • Cláudio says:

            Sim comprei em 2017, eu estou bastante satisfeito com o telemóvel.
            O que conta é a experiência de cada um.

            Já tive um 1+3 e era uma besta (devido ao cpu de topo e praticamente 0 animações), mas depois fica a desejar em outros factores (ecra,som,wireless charging,ip rating, atualizações,etc).

            No futuro a apple vai tirar mais proveito do A11 com o IOS 12, por isso esses testes não valem muito.

      • bs says:

        Isso do ser quase sempre o primeiro a morrer é completamente falso, e já vi uns quantos vídeos disso

    • Rui says:

      O que é que o teu comentário tem haver com a noticia?
      Telemóveis de 2017 != 2018 (caso percebas).

      Para além do que foi dito aqui por outras pessoas, a comparação é injusta.
      Podem argumentar que é o que se tem na caixa, mas como o Paulo disse e bem, a politica da apple é queres paga.

      • Renato Nismo says:

        o ano passado foi o hype do quick charge dos iphones e foi o que se viu..
        é ridículo as notícias a falarem dos pormenores , de como funciona, as bobinas.. o que fez de errado e o que devia ter feito etc.

        isso parece que a apple descobriu a pólvora agora enquanto outros já estão a fazer balas de alto calibre.

  2. Paulo Neves says:

    Não sei se sabes mas o Iphone X não trás na caixa o carregador de fast charge, por isso é natural demorar mais tempo a carregar.
    Com a Apple a politica é se queres paga, por isso se queres wireless ou fast charge compra o carregador à parte.
    Agora vamos ver se estes novos já trazem por default.

    Mandar papayas para o ar sem perceber do assunto é muito bonito, sinceramente já tinham idade para acabar com as guerrinhas mesquinhas.

  3. Ricardo says:

    Note 7 com mais autonomia, deixa-me rir.
    Não consegues comprar porque esse produto foi retirado do mercado devia à boa qualidade da bateria.
    Excepto o pixel 2 xl ,algum dos outros androids apresentados têm a resolução de ecra do X? Digo isto porque a maioria das pessoas que conheço que têm samgsung usam em FHD+, para poupar bateria.

    Resolução maior, cpu mais potente e carregador sem ser o fast charger queres o que?
    Compara com o carregador de fast charge e vais ver que a diferença vai ser menor.

  4. Diogo says:

    ainda mais rapida como se a actual fosse rapida lol

  5. Ricardo says:

    Tens ai uma comparação mais justa.

    https://www.youtube.com/watch?v=L9w8lHlZi8A

    Tendo em conta que é a 1 vez que apple implementou fast charge nos seus equipamentos, não está nada mau.
    Nos androids é fácil basta aplicar qualcomn e pronto.

    • Renato Nismo says:

      cada marca de android utiliza nome diferente de quickcharge com alguma tecnologia ligeiramente diferente, se calhar por causa de patentes ou evitar royalties
      depois da qualcomm, outras marcas implementaram pela primeira vez essa tecnologia como o dash charge e o da huawei e notavam alguma evolução do comum para fast versão 1.0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.