PplWare Mobile

iPhone 2018: a chegada do Apple Pencil, 512GB de armazenamento e preços


A tecnologia e aquilo que é possível fazer com ela sempre foi algo que me cativou bastante. Estudo Ciência de Computadores na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto. É a escrever para o Pplware que partilho os meus conhecimentos e a paixão que tenho pelos computadores.

Destaques PPLWARE

  1. Oscar says:

    Se o preço do modelo LCD for mais baixo, vai vender milhões de unidades.
    Em Portugal o preço é sempre um pouco superior, mas acredito que vá vender muito bem.
    Os restantes modelos ficam acima da mítica barreira dos mil euros e deverão vender menos.

  2. DON orelhone says:

    o pior mesmo e o preco

  3. mik says:

    apple pencil no iphone??? estão a fazer coisas que o steve jobs não queria.

    • EacHTimE says:

      isso já começou no tamanho dos ecras.
      são maiores que alguma o steve jobs queria mas os tempos mudam e o mercado dita as regras e a apple tem que ceder ao que o mercado quer como todos os outros

    • AAA says:

      E o Steve Jobs tem razão. Uma Pencil num smartphone, para o propósito comum que é um smartphone, não faz sentido, simplesmente é completamente desnecessario. Só faz sentido para quem pretende aproveitar o smartphone mais para produtividade o que representa uma percentagem muito reduzida do propósito das pessoas que compram um smartphone.

    • Miguel says:

      o Steve Jobs disse isso
      mas dos palitos de plástico que eram obrigatórios na altura

  4. JOSE says:

    1000euros por um telemovel com specs de 2010…

  5. Moneldr says:

    Pencil no iPhone?! Que chapada! 😀

  6. Phoenix says:

    Este galaxy note 3 já saiu aos anos! Apple sempre atrasada, paga para ter mais uns pontozecos nos benchmarks e na pratica ninguém nota diferenças conta um verdadeiro topo de gama android, a única diferença são os atrasos, limites e preço.
    Bem vinda a 2013 Apple!

  7. eu says:

    Pela primeira vez, um iPhone que me parece interessante.
    Este ano lançaram o MacBook Pro com as melhores specs de sentro (um salto enorme) e agora isto.
    Go, Go Apple.

    • Pedro Alexandre Costa Arantes says:

      Com as melhores specs de sempre?? Não achas isso uma anedota?
      Dizer que a Apple vai lançar o iPhone mais poderoso de sempre é ser apenas um idiota sensacionalista.. desculpem as virgens ofendidas mas é verdade.
      A cada novo lançamento, seja Apple Samsung ou Huawei, os pseudo jornalistas dizem sempre que a marca vai lançar o seu sma mais poderoso de sempre…. Mas isso não é o que todos esperamos? Se começarem a fabricar telemóveis inferiores ao do ano anterior então em 2025 voltaremos a ter a venda o Nokia 3210 ou até mesmo o 5110!? (Espero que a HMD não aproveite a ideia realmente)

  8. AAA says:

    Pelo que percebi desta notícia é que a Apple vai dar suporte á Apple Pencil ( que já existe para iPad) para o iPhone deste ano, o que poderá aumentar as vendas da Apple Pencil e em nada tem haver com o facto de o iPhone vir a trazer uma Apple Pencil incorporada ao estilo do galaxy note, que é extremamente improvável.
    Simplesmente vai dar suporte a um acessório visto que com um iPhone de 6,5 polegadas poderá ser para certas pessoas uma alternativa a um iPad mini e ser mais aproveitado para produtividade.

  9. d4rkw3b says:

    Pencil? LCD?
    Bem vindos a 2013.

  10. Filipe F says:

    Finalmente um concorrente para o Note e o reconhecimento até da Apple como uma pen num. Telemovel de grandes dimensoes pode ser aproveitada para mais funcionalidades. Aos que criticavam no note 9 ter pen ser coisa do passado agora vamos ver o que dizem aqui

    • Marco says:

      não não é a forma da Apple vender mais uns pencil. Ao Tim só lhe interessa os $$$ e formas de como maximar os lucros e aumentar as vendas. se eu fosse acionista queria-o ver por lá muitos anos.

  11. pb23 says:

    iPhone 2018: a chegada do Apple Pencil, 512GB de armazenamento e preços ABSURDOS

  12. pb23 says:

    o ideal seria um samsung com ios.

  13. Renato Nismo says:

    opa o S Pen sempre foi uma bosta dito por todos os ifans, desta vez é uma inovação e será só maravilhas.

  14. pedro oliveira says:

    Não deixa de ter alguma piada o facto de que os portugueses após terem passado e vivenciado uma crise económica forte, andarem actualmente a contrair empréstimos absolutamente incríveis com coisas de consumo.Depois queixem-se que as vossas contas estão em desequilíbrio…Se uma pessoa ganha 100, a meu ver deveria tentar não gastar mais do que 80.

    • 365 says:

      Pior é andarem a gastar em tabaco e álcool. Qual é o problema de gastar em tecnologia?

    • Marco says:

      mas tu podes ganhar 100, gastar 80 mesmo com créditos, basta saberes gerir a tua conta.

      • DrJorgeMiguel says:

        É por essa ordem de pensamento que Portugal em primeiro lugar ficou em crise por culpa do povo e não apenas políticos. Enquanto a mentalidade retardada se prende ao consumismo elevado (ter as coisas sem poder, créditos a torto e a direito) outros tiveram cabeça tendo sempre dinheiro salvaguardado!

        Muitos gostam e vivem da aparência. Eu acho piada quando falam em gerir dinheiro com créditos. Se ganhares 5000€ e tiveres um crédito de 4000€.. sim podes bem viver (conheço um caso exactamente igual)… mas tem trabalho garantido para o resto da vida, é a vantagem de ser médico MAS… um trabalho normal tens garantias? a vida não dá voltas grandes até a milionários?

        A crise bateu forte porque o povo português não sabe poupar nem cabeça tinha ou tem!
        Um Emigrante lá fora por vezes tem os luxos porque se sacrifica e mesmo assim pensa duas vezes em comprar, cá, bem, é escusado dizer que chegamos a mudar 1 ou 2 vez de telemóvel ao ano.

        Puro consumismo desnecessário. Por isso que Portugal não sai do buraco vicioso de dividas!!

  15. alex says:

    O engraçado é q os fãs falavam q o Iphone só precisava de um giga de RAM, q muitos gigas não tinha necessidade nem uma e agora vão falar o q já q o Iphone tá aumentando a quantidade de memória RAM?

    • Magnum Sandwich says:

      E continua a não precisar.

      Funciona bem o iOS 12 no iPhone 5s e 6.

      “Engraçado” é quando os Android fans, especialmente Samsung fans dizem que é necessário baterias removíveis e depois a Samsung tira isso e bota fazer o que a Apple faz…

  16. informado says:

    continuo com o meu iphone 4 que funciona muito bem 🙂 Para o resto tenho um android bom e barato

    • joao magalhaes says:

      Eu continuo com um Z2 com 4 anos que funciona muito bem, qualquer telefone destes mais antigos chega para o que a maioria das pessoas usa mas o marketing serve para isto, por um lado o Iphone recebe atualizações para 10 anos, por outro ,todos os anos lança algo “novo” que em termos de utilização não serve para nada mas toda a gente quer para dizer que tem ( falo de todos os topos de gama de todas as marcas ). O meu espero que se aguente pelo menos mais uns 2 anos

  17. Ana says:

    Eu tenho um 6s Plus (saiu em 2015), está prestes a fazer 3 anos, ainda funciona bem (tirando os momentos em que sobreaquece imenso sem motivo aparente), mas acho que está na altura de comprar um novo! iPhone X Plus 512 GB, aqui vou eu.

  18. V.T. says:

    Mais uma vez a Apple a copiar a Samsung!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.