Quantcast
PplWare Mobile

FireChat – Uma nova geração de comunicadores Mesh

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Tiago says:

    Muito interessante.
    E para Android?

  2. David Ferreira says:

    Continuo sem perceber…….é sempre necessário ligar ao wireless?!

      • Mota says:

        Wireless = Ligação sem fios SIM É.

        Wireless Internet = Não é.

        O bluetooth é wireless por exemplo, entendes?

        Cumpz.

        • David Ferreira says:

          na entendo, ainda me faz confusão que raio de protocolo usam para tirar proveito de redes bloqueadas ou ate mesmo de bluethoot sem partilha oO….

          A minha confusão é: Alguém de partilhar o acesso! não conseguem comunicações online a toa…é a mesma coisa que eu pegar numa bola e atirar ao chao e ela nao cai 8-)…..não me interpretem a mal

          • Nelson says:

            O Wifi tem dois modos: infraestrutura e ad hoc.

            O modo infraestrutura, é o “normal”, e o de longe o mais usado.

            Mas também permite o modo ad hoc, que é de comunicação direta entre computadores.

            Esta app, permite usar o modo ad hoc.

            Sim, o teu telemóvel é um AP móvel…

        • Silva says:

          Mota, não tem nada haver…
          è preciso ligar a placa wi-fi ou bluetooth pelo que percebi de uma leitura na diagonal podes usar as duas placas! mas não é preciso estares ligado a uma rede wifi!

  3. André Pereira says:

    Sem querer criticar mas isto faz-me lembrar aquelas aplicações que funcionavam por bluetooth mas agora também liga por wifi e permite mais que dois dispositivos…

    Mas a mim parece-me “apenas” uma versão melhorada dessas aplicações…

    Mas eu sou a favor de quanto mais funcionalidades melhor por isso é bem vinda!

  4. rafael cardoso says:

    Comunicar com alguém que está ao teu lado por mensagem de telemóvel é uma boa ideia?
    devo ser eu apenas eu que não estou a preceber

    • Pedro says:

      Quem disse que tem que estar ao teu lado? Estar ao alcance não é estar ao lado. Mas isto é mais para casos de emergência.

      Imagina que te perdes de um familiar numa multidão e não existe rede. Como disseram, também pode ser uma forma de comunicação quando existem opressões nas redes de comunicações. Penso que foi a Turquia que recentemente não tinha acesso a comunicações porque o governo assim decidiu.

      • rafael cardoso says:

        Eu não quanto às outras pessoas, mas eu não costumo andar com aparelho wi-fi de bom alcance e usar o telemóvel como hotspot é a mesma coisa que bluethooth em termos de distante usável.
        Em relação ao perderem numa multidão, como é que fazias antigamente quando não havia telemóveis?

        • Pedro says:

          Talvez com copos e fios… Ou para si o antigamente é só a partir do bluetooth? É uma área a explorar, ninguém lhe está a prometer uma revolução tecnológica ou a tentar vender algo inovador.

          Tem as suas utilidades. Talvez não para o dia a dia, mas tem.

        • Nelson says:

          Não, não é…

          Em céu aberto, o Wifi tem um alcance de centenas de metros…

          E não é usar o telemóvel como hotspot, não há hotspot.

      • PahAssimTodosJáSabemOmeuNome says:

        Adoro estar a utilizar o telemóvel no meio de multidões.

        • Pedro says:

          Meu amigo, ninguém fala em multidões. Se estiver uma pessoa em Lisboa, e outra no Porto, ligadas por pessoas com a app a menos de 30 metros de distância, a mensagem chega.

          Não precisa de estar propriamente ligado ponto a ponto. É feita uma rede.

        • Nelson says:

          Se calhar não sais de casa, mas muita gente aqui sabe o que costuma acontecer quando há muita gente junta num curto espaço de terreno…

          • João Pereira says:

            Pois sei xD A mais recente foi na PVZ, em que fui ao S.Pedro no último ano e queria encontrar o pessoal e não conseguia ligar nem mandar sms. No entanto, fui ver o I AM Hardwell ao Meo Arena e estavam cerca de 20K e não tive qualquer problema no envio de sms…

  5. roberto t. says:

    Interessante para situações particulares, mas de inovador não tem nada! Numa altura que todos têm pacotes de dados no teu telenovela, dificilmente esta app traz alguma utilidade de grandes massas, noutros tempos poderia se tornar “moda”, penso que não nestes! É mais uma forma positiva de comunicar em situações onde não há rede, mas serão sempre situações particulares. Eu para determinadas situações ainda vou usando radio de frequência UHF.

  6. Cláudio Oliveira says:

    Se funciona num alcance de apenas 30 metros, qual é a utilidade dessa app?
    Porque não utilizar algo como a fala presencial?

    • Nelson says:

      Erro de tradução… na descrição original, diz “funciona melhor” e não 30 metros, mas 30 pés (9mt).

    • KaPutnixZ says:

      Qual foi a parte de REDE que não perceberam ?!?! Tens que ter algum nó da rede nessa distância mas o nó de destino que pretendes pode estar bem mais longe..
      Todos os nós funcionam como APs da rede fazendo “difusão” da comunicação..

    • Rui says:

      É fixe estar na sala a ver a bola e pedir uma jola fresca à mulher que está na cozinha sem ter que gritar… digo eu 😀

    • larterpt says:

      também fico curioso em qual é a utilidade… Em poucas situações esta app terá utilidade, ou muito me engano ou isto só é bom para quem anda na escola e quer mandar uns sms dentro da sala de aula.

  7. TP says:

    Por falar em fantásticas inovações do ios7, tenho aqui no Android uma opção de Wifi-Direct.

  8. Gerardo says:

    Fico com a ideia que uma percentagem grande de pessoas só lê os títulos.

    As rede mesh têm um potencial enorme, é uma internet fora da internet, sem controle de ISP’s e governos. Em teoria, se existirem AP’s suficientes, poderemos ter uma segunda opção de acesso web, uma em que ninguém poderá mandar desligar nenhum servidor, porque ele não estará ligado à “internet”, nem dependente de nenhum ISP

  9. Hélder Marques says:

    Sem duvida, que isto tem um potencial gigante… por acaso em tempos andava a pensar num projecto a apresentar numa/para uma startUp e sem duvida este noticia, fez crescer a chama e realmente a possibilidade de lançar novamente a ideia. Contudo… falta-me o potencial e conhecimento no que toca a desenvolvimento…

    Abraço e boa noticia
    HJM

  10. Joao says:

    Tinha alguma utilidade se não funcionasse apenas e só até 9 metros lol..

  11. Joao Pinto says:

    Acho que ninguem aqui percebeu o conceito de uma rede MESH.

  12. JP says:

    E a julgar pelos posts todos estudam… Quem começou a utilizar os ipads foram os profissionais (designers, arquitectos, etc)será que ninguém se lembrou das vantagens colaborativas a nível profissional/empresarial?

  13. NewEsc says:

    Uma aplicação sem nenhuma utilidade demasiado grande. Além disso, funciona muito mal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.