Quantcast
PplWare Mobile

Chromebooks já vendem mais que Macs nos EUA

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. xoxota says:

    Acham mesmo que isto é comparável com qualquer portatil Apple?

  2. Mylittlelife says:

    Ainda não entendi o que se faz com um alem de web Browser, email e estar limitado ao Office da goggle …

    • #facil says:

      ou seja, o tipico mercado dos Macs tem como alvo.

      • Bacalhau says:

        Ainda há patetas destes?

        Vai ver a Keynote da Google, e vê quantos MacBooks é que vês lá, e depois diz quantos Chromebooks e Windows vês!

        Diz tudo…

        • LG says:

          Sim uma audiência onde a maioria são developers… Programar em Chromebook faz sentido sim… Windows ainda naquela

          • Henrique says:

            Para que é que serve o Chromebook?

            Não serve para programadores!

            Não tem Microsoft Office verdadeiro!

            Não tem Photoshop!

            Não tem AutoCad!

            Não tem Matlab!

            Não tem GarageBand!

            Não tem Final Cut Pro!

            Não tem nada!

            Nem sequer jogos minimamente decentes têm!

            Serve para ir ao facebook…

          • Daniel says:

            @Henrique, em suma, serve para mais de 90% dos utilizadores de computador actualmente.

          • Hugo says:

            Já lhe tentei explicar que diferentes produtos servem diferentes propósitos, mas não sei que raio de paranoia é a dele LOL

    • LG says:

      Se tu pensas que estar limitado a um browser, email e Office da Google então nunca chegaste a entender o conceito de Cloud…

      • Henrique says:

        Isso é uma vantagem?

        Um Windows ou um Mac, também têm isso, e têm as clouds da MS e Apple.

        Também tem Word e Pages, versão on-line, também têm os dois colaboração, etc.

        • LG says:

          Concordo. Mas duvido que quem tenha um Chromebook não tenha outro PC… Vejo o Chromebook como aquele portátil prático para coisas mais simples e uma exelente portabilidade…

          • Henrique says:

            iPad.

          • LG says:

            Escreve um artigo longo num blog como este… Vê o tempo que demoras num iPad…

            Adicionas teclado? Agora vê o custo total… A portabilidade é quase a mesma…

          • Henrique says:

            Qual é o problema, o teclado do iPad é do mesmo tamanho que um MacBook…

            Não sabes do que falas, e sim, os teclados da Apple são caros, mas os normais, há para todos os preços…

            Vê quanto é que custa um CB com a duração de bateria, performance, memória, espessura, ecrã, design do iPad… Fica mais caro!

            É o iOS é mais completo que o ChromeOS, de longe!

          • Marco says:

            @henrique: mete na cabeça e muda o discurso, o Chromebook não compete com iPad, compete com o macbook. Se é um produto em desenvolvimento é, e por isso ainda está incompleto, mas para um produto que está incompleto já começa fazer danos.

          • Bacalhau says:

            Começa a fazer danos quando custar 1500€ para cim, e não 200 ou 250€!

            É um produto da treta, pelo mesmo preço, compra-se um Pc, e ninguém quer saber de um browser quando pode ter um PC completo que corre iTunes, que corre jogos, que podes fazer backup, etc.

            Essa porcaria não serve nem para ligar uma impressora!

            A tristeza!

            É bom para escolas, mas só isso!

            Nem podes usar como uma caneta como podes usar o iPad e o Surface!

            Aposto que a Google andou a oferece-los!

          • Marco says:

            @bacalhau Chrome Pixel, não custa 200 euros.

          • Portimão says:

            E Surface.

        • OPateta says:

          O futuro é a cloud, o futuro é voltar ao passado, mainframe escreve o que te digo.
          Onde vamos pagar pro serviços, aplicações são executadas em grandes computadores e a nossa maquina é o interface entre nós e o servidor.

          Mais real sera com o servidores quanticos.

          • Henrique says:

            iCloud.

          • Filipe Coelho says:

            Concordo. Já há pessoas a jogar jogos muito pesados em portáteis sem gráfica dedicada, estando o jogo a correr num servidor da Amazon EC2. Só se paga à medida que se usa, na altura que vi o blogue rondava os 20/30$ por mês, o que se contarmos com o que se poupa em não comprar um computador topo de gama, até que pode compensar. Para não falar que à medida que o hardware for evoluindo, podemos dar upgrade às specs do servidor em vez de ser do PC. Os únicos senãos para agora era precisar de ligação à Internet constante quando se joga (quase sempre se verifica nos dias de hoje) e ter Ping em single-player, mas que era menor do que quando jogava multiplayer no computador normal dele

          • Zéi says:

            iCloud?
            Se falarem em Google Cloud platform ou Windows Azure ai sim já dá para fazer muita coisa
            O iCloud é para armazenamento e pouco mais.

  3. Marco says:

    Pois, ainda acham que isto não é o inicio do fim do reinado Apple/Microsoft?
    Deixem que saia o update que permite instalar app’s do android no chromeOS e depois vamos ver como ficam o nrs das vendas.

    A Apple tem de seguir o mesmo caminho, desenvolver uma vez e correr em todas as plataformas.

  4. Ezequiel56 says:

    Se a Google cair matando em cima de uma versão desktop do Android, a microsoft vai passar por sérios apuros! ate porque, a microsoft não tem muita criatividade, tanto que o que gerou lucros para empresa sempre foi licenças windows, office e agora serviços em nuvem… mas, a fragilidade da empresa (Microsoft) é grande, tanto que as politicas do xbox one no começo da geração foram ridículas, mostrando o despreparo da empresa para lidar com os fãs. Outra fragilidade e desrespeito da Microsoft: foi nunca ter se preocupado em ter uma loja de aplicativos, para seu sistema operacional. O que deixava seus usuários na mão de empresas como: baixaki, softonic, super download, etc… O que acabou tornando o windows o rei dos adwares, como hao 123, baidu, my search. etc…

    todavia, a microsoft veio trazer uma loja apenas com a chegada do windows 8, olha a fragilidade da empresa e a falta de criatividade! outro despreparo da empresa foi mostrado ao longo dos anos, onde o windows que é a maior plataforma game do mundo, mas a microsoft deixou a oportunidade de ser a dona da maior loja virtual de jogos do mundo, sabe por que, galera? pela falta de criatividade, pelo desrespeito com seus usuários, por ser uma empresa que só pensa em lucros; acaba deixando os seus usuários de lado, onde a mesma acabou sendo dizimada pela steam. Ou alguém aqui acha que a microsoft tem alguma chance contra a steam?

    Agora, com essa noticia (Chrome OS vai correr apps do Android e já ultrapassou o mac ) vamos ver noque vai dar, até porque o android é muito mais leve que o windows desktop!

    • Paulo says:

      Trocar um PC com Windows e por Android…?Conta uma mais engraçada.

      • Pérolas says:

        Era o que dizia o internet Explore quando apareceu o Google Chrome, right?

      • Paulo Martins says:

        Não creio que seja, é claro que terão que haver alterações profundas na interface do Android de forma a o adaptar para desktop depois disso qual é o mal?
        Para o utilizador comum tens tudo disponível: office, multimédia, browsers, mails e alguns jogos, só para hardcore gaming e situações específicas relacionadas com trabalho é que não serviria…

      • Mylittlelife says:

        A nível de capacidades para casa/trabalho (ligar dispositivos e periféricos, compatibilidade, material 3rd party, Apps “full-size” como desktop, etc etc) ChromeOS < iOS < Android < OSX/Linux < Windows.

        Quando unificarem o ChromeOS (provavelmente só em novos dispositivos) com o Android aí estes dispositivos sobem mais um par de patamares. De resto chegar a um nível elevado de OSX/Linux/Windows… ainda falta comer muitos "bolinhos".

    • #facil says:

      Depois admiram-se da fama que tem.

    • KingDi says:

      Tenta contar algo real e não algo da tua fraca imaginação, que essa sim, é de uma fragilidade e pêras e de falta de criatividade nem se fala, tá cara???
      E essa da Microsoft e da Steam… ahahah, WTF… aliás, não disseste algo que fizesse sentido!
      Ah, e já agora, qualquer empresa no mundo só pensa em lucros. Ou pensas que alguém que ter prejuízo???

      • Xinuo says:

        As empresa precisam de lucro, mas para tê-los precisam mostrar serviços/produtos, além de estratégias para garantir o lucro no futuro, o que pode gerar até prejuízos no presente. Vide Microsoft tentando emplacar no mercado mobile, até agora a divisão só dá prejuízos.

        Mas creio que o Ezequiel56 está dizendo é que se a empresa trata mal seus consumidores, só pensando no lucro, poderá perdê-los.

    • Filipe Coelho says:

      A Microsoft já se apercebeu disso, não só a Google como também Linux, porque no momento que as Android apps forem suportadas no chromebook quase certo que também serão no linux.

      Todas as empresas só pensam em lucros, e achas que a Microsoft perdeu a oportunidade nos jogos? Acredita que o DirectX foi a melhor coisa que podiam ter feito para eles próprios. Foi isso e ainda é isso que continua a prender os Devs no Windows. Prova é que opengl existe há anos e ainda não chegou ao nível do DirectX. Pode ser que mude agora com a Vulkan.

      Ainda assim, e como estava a dizer no início, a Microsoft está bem ciente disso e não é por acaso que expandiu os seus serviços por todo o lado. Empresas como a Microsoft e a Google são grandes demais para agora desaparecerem. Mesmo que o Windows e o Office e até a Xbox desaparecessem de um ano para o outro, ela tinha ainda muito por onde se agarrar

  5. Paulo Vieira says:

    É possível correr W10 nos Chromebooks?

    • EC says:

      É possível, mas depende dos modelos em causa e mesmo assim podem ter algumas limitações de funcionamento. Mas no meu ver é uma parvoíce tal como pedir um cheeseburger mas sem queijo…
      Veja aqui uma espécie de tutorial: http://www.digitaltrends.com/computing/how-to-install-windows-chromebook/
      Existem tantos models low cost no mercado que trazem Windows e até há lojas que vendem portáteis antigos/usados com garantia que, se quiseres, instalas algo semelhante ao ChromeOS (ex: CloudReady ou Cub Linux) e ficas com um chromebook a maneira, com a possibilidade de também correr Windows sem problemas ou artimanhas.

    • Marco B. says:

      Sim, é tbm é possível fazer hackingtosh em alguns modelos.

    • Portimão says:

      Não acho uma ideia descabida, até porque os Chromebooks são mais bonitos que a maioria dos portáteis Windows. A beleza conta muito.
      Claro que há sempre aqueles que podem ter um charuto horrível, desde que funcione bem.

  6. Migueldias says:

    Achavam o Windows 10 gratuito obra do Esposito Santo?

    Os numeros sao assustadores, e a Microsoft percebeu isso, por isso preparem-se para mais uma jogada da Microsoft # extender o prazo da oferta do windows 10

    • KingDi says:

      És ignorante ou quê??? Contem lá onde isto bate o Windows…
      E de tão bom que isto deve ser, só deve de rodar os joguinhos de Android

      • Ricardo says:

        Sim, a Microsoft a certo ponto ficou assustada. Acredito que os que apoiam os monopólios a 100% e não compreendem o principio capitalista da concorrência como algo benéfico para os mercados não o consigam compreender pela sua natureza de negação profundamente falaciosa, mas a verdade é que a supremacia de 85%~ dos PCs do mundo da Microsoft na próxima década vai tremer.

        Nada contra a Microsoft, adoro praticamente tudo quanto é produto Microsoft acima de qualquer um, apenas sou um cidadão preocupado e que reconhece que precisamos de concorrência para os produtos evoluirem. Como aliás, é um dos fundamentos capitalistas no qual a nossa sociedade assenta.

        • Portimão says:

          A concorrência é, de facto, benéfico para nós, clientes. Mas é verdade que os ChromeBooks nem de perto nem de longe assusta a Microsoft. Tão cedo o Windows não deixa de ser o mais usado. As pessoas são muito resistentes à mudança, além de que o Windows está em todo o lado. Vais a uma loja, vês 3 ou 4 macs, 20 ou 30 Windows, 0 Linux e 0 ChromeBooks. Só por isso já faz co que o Windows tenha um grande destaque, depois é o facto de estar enraizado nas pessoas.

          Eu não dava a mínima pelo Windows, uso Mac desde 2011 e comprei há pouco mais um, contudo o Windows começou a chamar-me à atenção desde o 8. O 10 então está fantástico! Estou a escrever este comentário através de um Insys de 200eur que comprei, com 2GB de ram e 32GB de memória interna e a fluidez do sistema é incrível! Antes o Windows era pesado, feio, agora está muito belo e bem optimizado. Estou impressionado, não pensei que desse esta volta de 180º.

          Leiam bem, nem daqui a uns 15/20 anos o ChromeOS vai ultrapassar o Windows. Nem o próprio OSx, que é o meu sistema operativo preferido para desktops.

          A Microsoft pode ser bastante incompetente com a divisão mobile, que o é, infelizmente, pois o Windows Phone é um sistema fantástico e com muito para aproveitar, mas na vertente desktop está sempre a evoluir. Aliás, na vertente desktop e nos serviços. O Outlook, OneDrive, Skype, Microsoft Edge, Office são serviços muito, muito bons.

          • Portimão says:

            Queria dizer: Nem o próprio OSx, que é o meu sistema operativo preferido para desktops, irá ultrapassar o Windows, a nível de quota de mercado.

      • Marco says:

        Mas tu achas que a maioria dos utilizadores apenas jogam? se calhar são uma das minoria.

      • Miguel says:

        Ignorante, deves ser tu. Os numeros falam por si. Existe chromebooks com i5 que não chegam a 300€ com 11 horas de autonomia.

        Acredito que a microsoft e a apple devem andar um pouco assustadas, já vimos isto no passado de um momento para o outro a google ficou numero 1 nos smartphones…

    • Augusto says:

      Desde quando o win10 é gratuíto? Deixam atualizar o win7 e win8 para o win10 mas a microsoft sabe que os pcs com win7 estão em fim de vida.

  7. Ricardo says:

    Os updates deste SO segue o mesmo paradigma dos smartphone? “Novo sistema operativo e é quase preciso comprar um smartphone novo”

  8. KingDi says:

    “Chromebooks low cost da Google já vendem mais que Macs nos EUA.” Isso para mim só que dizer uma coisa: São pessoas que simplesmente querem algo com um ecrã de maiores de dimensões para navegar pele Internet e, acima de tudo, que seja de baixo custo.
    Eu se também só quisesse navegar pele “net”, fazia o mesmo!

  9. Bacalhau says:

    Estupido!

    1.o as pessoas não estão a comprar, a IDC diz que foram quase todos comparados por escolas

    2.o o Mac não compete com Chromebooks, o iPad, sim!

  10. judas iscariotes says:

    a propaganda da apple está-se ver nos números sempre a descer

    • LG says:

      A bolsa não mente…

      Apple subiu durante o lançamento do iPhone SE agora já está mais baixo que antes do lançamento.
      Apple está igual como esteve em meados 2014. Teve sempre a subir até meados 2015 e de repende em descida… Espero que mudem as suas estratégias “inovadores”.

      Apple so se tem preocupado melhorar o seu mercado na China…
      Preocupou-se demasiado em criar braceletes para os relogios…
      Preocupam-se a fazer marketing para mostrar que a camera dos iPhone de 16GB é melhor que outros smartphones 500$ mais baratos…
      Mandam bocas indiretas às concorrententes nas Keynotes… “There are over 600 million PCs in use today that are over five years old. This is really sad, it really is.” — Phil Schiller

      Está mais que atrasado em ter um carro elétrico (e/ou) autónomo…

      A única coisa que ainda lhes salva são as vendas na Store… Para isso devem pagar bem à Taylor Swift para lhes fazer as publicidades visto que esta artista criticou bastante o Apple Music no lançamento. xDDDDDD

      • Henrique says:

        Tanto fanboysmo, que até mete nojo.

        Estás contente agora?

      • Marco says:

        “Está mais que atrasado em ter um carro elétrico (e/ou) autónomo…”
        E tem de ter pq?

        • LG says:

          Porque está no interesse deles e tem sido o sucesso das outras marcas. A Apple poderia enquadrar-se bem nisso tenho fé

          • Henrique says:

            A Google não tem nenhum carro autónomo, muito menos eléctrico, e nunca vai ter, eles não fazem nada que o cliente tenha de pagar, para defender a imagem de que é de borla, e não fabricam, porque são incompetentes.

          • Hugo says:

            Ainda com todos esses defeitos (ainda que alguns dos que apresentaste sejam completamente inventados), conseguem fazer mais que tu.
            Eles fazem tu criticas. Isso tem um nome…

          • Bacalhau says:

            Não sei…

            Com 100 mil engenheiros, não fazem nada.

            Eu sozinho sempre faço mais!

        • Bacalhau says:

          Porque a Google tem um, não é?

          Onde anda o carro da Google?

          Quanto custa?

          Ainda não vi nenhum!

          • Zéi says:

            Se fazes mais que o pessoal que lá está pq nao vais trabalhar para lá (ou empresas do tipo) para ires ensinar como é. Ainda dava para ganhar uns trocos

      • sómaisum says:

        As cameras dos iPhones de 64Gb ainda são melhores que do 16gb? OH REALLY?! NO WAY!
        E eu a pensar que era tudo igual 😮

      • Filipe Coelho says:

        A bolsa não mente? Ahah, essa foi boa, o que não faltam são histórias de como a bolsa mostrava uma coisa e a realidade outra, e quando se descobriu veio a crise.

  11. Henrique says:

    Nunca vi ninguém a usar um Chromebook, e essa fonte é tudo menos isenta…

    Só acredita quem quer.

  12. Mendes says:

    Mas afinal, o que é que não vende mais que a Apple?
    Produto da moda para hipsters com a mania….
    Qualquer laptop Windows vendido ao preço dos macbooks, é de longe superior em tudo…. Aliás, mesmo por metade do preço, arranjam-se muito melhores. A Apple tem vindo a reduzir a performance,tamanho e acima de tudo, a capacidade de modificar hardware… Apenas os preços sobem, e não é pouco.
    Chromebook… Para quem passa o dia no Facebook a jogar, para ler mails e navegar, chega e sobra.

    • Henrique says:

      50 biliões de receitas por trimestre.

      Mais que a Google, Microsoft e Facebook juntas.

      • Pedro Pedrosa says:

        Boa 😀 Só estás a mostrar o quanto overpriced os produtos deles são 🙂 Deves estar cheio de orgulho disso quando te cai na conta ao fim do ano 🙂 Sim, porque com a força que defendes a apple deves ter uma cambada de ações lá 😉

        • Henrique says:

          Chama-lhe o que quiseres.

          • Mylittlelife says:

            Ele tem razão: é quase como dizeres que ficas contente por pagar 80.000 por um Mercedes (caso hipotético) e que a Mercedes está à grande de finanças (dahhh) tendo a BMW um modelo equivalente por 60.000

      • Xinuo says:

        Tu és um fanboy. Se a Apple lucra muito é porque cobra dos consumidores mais do que os produtos valem.

        Se não ganhas nada com isso, pelo contrário, aumenta teus gastos, eu acho que é burrice se vangloriar.

  13. James says:

    As pessoas já vão percebendo que se arranja algo semelhante e melhor por metade do preço, a Apple quer e dinheiro,pouca evolução Trazem nos produtos de ano para ano, o que vão mudando e o processador e as pessoas ficam contentes, outras marcas arriscam e vão arriscando e teem sucesso,a Apple num ano com Steve Jobs inovou mais que o Tim Cook estes anos todos,a Apple ta em queda porque as pessoas tão fartas sempre dos mesmos design ,interface, portas de entrada que na maioria não existe nos produtos apple, armazenamento e pouco e depois gastase mais 100 ou 200 euros para ter mais e ainda por cima sem sd card etc etc,eu fui uma das pessoas que se fartou,depois do iPhone 5 abri os olhos, não tenho agora que andar a comprar acessórios para ter porta USB, armazenamento não tenho que me preocupar,
    se quiser meto macacos a saltar no meu Android, foi para uma piscina esta semana fotos e vídeos dentro de água fantástico e ainda assustei uns amigos com uns filmes de terror com óculos vr,se tivesse um iPhone estaria era a jogar candy crush

  14. Hugo says:

    O que se passa com a Apple? Bem Pplware vou te dizer o que se passa, possivelmente já deves saber, a Apple faz produtos incríveis, o hardware + software é o casal perfeito foram feitos um para o outro e isso tudo num design incrivelmente bonito… mas o preço é um absurdo… O Macbook é praticamente o netbook dos dias de hoje e é vendido a um preço que dá para comprar um PC muito melhor de outra marca… o iPhone sem dúvida alguma um grande smartphone, mas será ‘grande’ o suficiente para ser vendido àquele preço?? eu tenho a certeza que não.

    resumindo.. eu admiro muito a Apple, mas existem outras marcas que fazem produtos tão bons quanto os dela e com preço muito mais acessíveis…

    • Vítor M. says:

      Verdade, mas as restantes marcas, com specs idênticas, também não são baratas. Mostra-me uma máquina equivalente a um Mac que seja 200 euros mais barato 😉

    • Luís W. says:

      O preço não é absurdo dado a qualidade. Ora vamos ver nos iphones por exemplo.
      Portugal:
      iPhone 6S 4.7′ – 759€
      UK:
      iPhone 6S 4.7′ – 539£

      Em Portugal com o ordenado mínimo mensal não dá para comprar 1. Num mês os britânicos recebem o suficiente para comprar 2.
      Mas lá está o portuga é aquela raça especial que se queixa de tudo menos do que deve.

      E quanto ao macbook, bom ele aguenta transmissão de vídeo 8-10h seguidas sem dar erros no sistema ou software e nem se queixa, já o outro portátil da empresa que tem “specs superiores” e custou 100€ a menos, já foi posto de parte. Era “bom demais” segundo o chefe.
      A qualidade paga-se.

      • Hugo says:

        Caro amigo ambos sabemos que o iPhone e qualquer outro produto da Apple têm grande qualidade… mas os preço são um absurdo…

        Já que falaste em preços, um iPhone 6S custa menos de 200 dólares para ser construído e é vendido 4/5x mais que esse valor… mas não vamos entrar nesses detalhes de lucros e etc… a Apple abusa nos preço e toda a gente sabe disso…

  15. Limbus says:

    Sai mais uma palete de rennie…

  16. iSad says:

    POIS, POIS. Mas quem tem maior margem de lucro entre nas máquinas?

    Noticias da treta. Cromebooks são para reformados andarem na Net, Facebook e etc.

    • Hugo says:

      Ui..pelo teu comentário deves fazer maravilhas no teu Mac.

      • iSad says:

        Quem sabe faz muito. Mas quem tem dores de cotovelo so diz asneiras!

        • Hugo says:

          E tu que o digas “Cromebooks são para reformados andarem na Net, Facebook e etc.”
          Quem sabe faz mais num raspberry do que quem pouco sabe num Mac de 5000€.
          Essa da dor de cotovelo não percebi. É que se era pra mim falhaste redondamente.

          • James says:

            Para ele, ter mais margem de lucro quer dizer que é melhor,ainda por cima produtos da apple em que toda a gente sabe que nem valem metade do preço daquilo que vendem, acho que estás a falar para uma parede

          • iSad says:

            Sem lucro para pagar overheads e pagar investidores as empresas fecham.
            Muitas empresas de PC´s rebentam vejam o exemplo da Sony divisão Vaio a Apple quase desapareceu anos atras. Mais nunca disse que este e melhor que aquele. Por acaso uso a cloud da Google por isso sei a capacidade limitada do Crome.

          • iSad says:

            Pelos teus varios comentários acima nota-se que és um troll e sabes muito pouco sobre Macs e respectivos softwares disponiveis. Deves te sentir bem a responder aos comentários aqui com tretas mas se calhar és brilhante a construir PC´S mas para isso existe milhões de chineses nas fabricas. Mas fica com a bicicleta que vou para casa com a gaja de t’shirt molhada. OVER AND OUT.

          • james says:

            Falas tanto e nao dizes nada, eu aponto factos que ate nao sao do desconhecimento dos iphones e mac lovers, a maioria dos fanboys da marca nos pontos que referi a cima gostariam de ver no seu mac ou iphone,tenho a certeza por mais que te custe a engolir tenho a certeza que gostarias de ver um iphone com sd card ou ah prova de agua , ou um mac com umas portas mais jeitosas ou uma placa grafica mais jeitosa, porque se pagas preços estonteantes esperas ter coisas que no minimo sao necessarias e ah altura da concorrençia em produtos como um telefone ou um portatil, quanto ah tua teoria que sei menos e tu sabes mais e que sou assim e assado e softwares, secalhar digote que ja tive iphone e mac, e tu secalhar nunca tiveste um mac, fica aqui a minha resposta.

  17. jAugusto says:

    São baratos e podemos instalar-lhe um linux levezito, para a maior parte do pessoal chega perfeitamente…

  18. Douglas Ferreira says:

    A questão principal é o preço. Uma boa parcela dos usuários usam o computador para tarefas simples, e principalmente para acessar a internet, então, por que pagar mais caro?

    Quanto à Apple, acho melhor baixar os preços… Tem muita marca chinesa aparecendo com um acabamento/hardware bem parecido pela metade do custo.

  19. Iluminati! says:

    Onde em Portugal posso adquirir um computador destes? É mais barato que os que correm o Windows? E dá para trabalhar em Office (ou algo equivalente)?

    Obrigado

    Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.