PplWare Mobile

Jony Ive: a saída da Apple terá sido motivada pela conduta de Tim Cook


Imagem: The Verge

Fonte: WSJ

Autor: Rui Bacelar

Destaques PPLWARE

  1. Jota says:

    Claro que foi! O Tim Cook queria os dispositivos da apple com 7 cores cada um!

  2. Pedro Rebelo says:

    Toda a gente critica o design da apple que não inova, que não faz nada de novo, que faz raladores de queijo….

    Se calhar foi o melhor para a apple assim podem contratar alguém que tenha ideias novas… hehheh

  3. PC says:

    O processo de desagregação da Apple em curso. Se o Steve Jobs cá voltasse, morria de susto. Passámos de uma empresa de culto do produto a uma empresa de culto do dinheiro, ou, como diz o artigo, de resultados.
    Até pode ser boa estratégia a curto prazo, mas no longo prazo, será o fim da empresa. Capitalismo no seu melhor.

  4. Cortano says:

    Esta saída e possíveis motivos só confirmam o que muita gente diz há anos, a Apple perdeu inovação após a morte do Jobs e que o Tim Cook é outro Balmer.

    Felizmente o Balmer saiu da Microsoft na altura certa… será que o Tim Apple sairá a tempo da Apple?

  5. Cortano says:

    Para o AirPower tenho solução:
    Vender como base de aquecimento de canecas de café ou chá.
    Com o logotipo da Apple podem vender na mesma a 200€ que os iSheeps compram.

  6. Tim says:

    Se isto for verdade, entao ainda bem que saiu. O parolo queria que o Apple Watch não fosse um acessorio de moda!!! Lol, mas alguem ia andar com uma porcaria tecnologica no pulso se não fosse minimamente bonita e tendy? Epa Ive dedica-te à pesca.

  7. Vasco says:

    São dois monstros. Um o CEO de uma multinacional de peso, outro um designer industrial ligado a uma multinacional de peso. Nada mais natural que caminhem cada um para o seu lado, se os objectivos não são coincidentes. É a vida. Nunca tive o fetiche “Apple” na vida, mas reconheço a superioridade tradicional dos seus produtos em termos de design, mas isso por si só não chega nos mercados globais que são o âmbito de actuação da Apple. Empresas abrem, crescem, entram em declínio, abrem outras, etc. É assim o mundo capitalista em que vivemos, que dá a todos a oportunidade de serem diferentes e ganhar ou perder dinheiro com isso. Bem longe do cinzentismo socialista, a isto chama-se diversidade e liberdade, sendo algo intrinsecamente espectacular. Bons voos.

  8. Ze Carlos N says:

    A Apple cada vez mais como a Inditex.

  9. Fixe says:

    “Assim aponta também a Bloomberg [link] na sua peça, com mais pistas sobre o caso. De acordo com a mesma, a presença de Jony Ive na sede da Apple era cada vez mais rara, fruto de um crescente ressentimento com as decisões de Tim Cook”

    Aonde é que a Bloomberg diz isso? Por*a, não inventem. Se querem inventar não ponham o link 😉

    • Rui Bacelar says:

      “Ive still only came to the office a couple of days a week, with many meetings shifting to San Francisco, according the people familiar with the matter. ” ex vi Bloomberg, com a restante peça a ser fundamentada também na publicação do WSJ. Inventar? Só nos comentários.

      • Fixo says:

        Faz-te desentendido 😉
        Onde é que está: “fruto de um crescente ressentimento com as decisões de Tim Cook”?

        • Rui Bacelar says:

          Pelo contrário, o que digo acima, é fruto também da peça do WSJ. É preciso fazer uma interpretação do que se lê, comparar e cruzar fontes. Só no fim, se produz algo que não seja mera transcrição.
          Escrevi essa frase, não só pelo que diz uma fonte, mas por tudo o que as demais também acrescentam. Aí, Cook representa a empresa e o seu “novo” rumo, algo que a meu ver terá sido a grande causa do afastamento. Várias fontes, um mesmo desfecho e causa.

      • Fixo says:

        O que diz o Bloomberg é:

        O que diz o Bloomberg”
        “Ive still only came to the office a couple of days a week, with many meetings shifting to San Francisco, according the people familiar with the matter. That helped him avoid the long commute from his home in the Pacific Heights district of the city to Apple’s headquarters in Cupertino, California. Ive sometimes met with his team at the homes of his employees, at hotels, or other venues. The design executive even set up an office and studio in San Francisco to do much of his work.”

  10. Tony says:

    “Ive also grew frustrated as Apple’s board became increasingly populated by directors with backgrounds in finance and operations rather than technology or other areas of the company’s core business.”

    O problema que quase todas as empresas portuguesas.

  11. Tony says:

    “Ive also grew frustrated as Apple’s board became increasingly populated by directors with backgrounds in finance and operations rather than technology or other areas of the company’s core business.”

    O problema de quase todas as empresas portuguesas (em especial as de IT).

  12. Tiago says:

    Quando uma empresa tecnologica se vira mais para resultados e não para desenvolvimento dá nisto..
    Aproveitam se do culto que existe à volta da marca, como marca da moda, em que confiam de que toda a gente fã da marca irá sempre trocar de iPhone todos os anos, porque são viciados simplesmente, e modelo apos modelo a reter todas as inovaçoes para irem “espalhando-as” ano apos ano para fazerem durar a coisa…

    Como se admite que o iPad que saiu o ano passado conte com carregamento USB-C, e os novos iphones a preços exorbitantes ainda tenham carregamento lightning, carregamento esse que leva nos equipamentos topos de gama XS e XS MAX 3h a 3h e tal o seu total carregamento, estou só a dar um pequeno exemplo, mas foi o que fizeram tambem com os seus ecrans, quando já havia AMOLED’s e etc, a apple continuava a segurar os seus pessimos ecrans no que toca a brilho e qualidade mantendo para isso só a sua boa relaçao de resolução/pixel.
    Enfim… como diz o outro, “pode ser que se f*dam”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.