Zabbix – O próximo passo em monitorização de Redes


Destaques PPLWARE

35 Respostas

  1. António Ferreira says:

    bom artigo, 5 estrelas, apenas o link do site nao esta a funcionar. abraço

  2. Paulo Cruz says:

    Muito bom! Parabéns Déo.

  3. Vasco Silva says:

    Já uso Zabbix à bastante tempo e considero uma ferramenta poderosa e muito útil 🙂

  4. Diogo Almeida says:

    Sugiro que o autor e os leitores vejam o PandoraFMS. Ao nível do open-source e gratuito, após experimentar diversas soluções, para mim nada bate a que referi.

    • Tiago Ribeiro says:

      Fiquei com curiosidade e posso dizer que ao fim de 3horas a usar numa maquina virtual estou a adorar.
      O agent é super fácil de configurar, relatórios interessantes e uma excelente procura de dispositivos na rede.

      Eu que estava numa face inicial do zabbix, acho que vou migrar para este.

      Excelente sugestão

    • André Déo says:

      Diogo já dei uma olhada nele, mas nada a fundo, pq não escreve um artigo destacando as vantagens??? O bom do Open Source é exatamente a diversidade 😉

      Abraços,

  5. TiagoF. says:

    Ando a utilizar o Zabbix actualmente, e depois de utilizar como referido o Nagios, Cacti, sem duvida alguma posso afirmar que o Zabbix em termos de monitorização e eficiencia, é o melhor.
    E ganha muito em termos de ser user friendly. Excelente artigo.

  6. Tiago Carvalho says:

    Também trabalho nesta área e numa das empresas onde estive foi-me pedido para implementar o Zenoss. Não tinha ouvido falar mas quando comecei a mexer naquilo… fiquei “apaixonado”.

  7. Bruno F. Cantante says:

    Aqui explico como instalar no Instalar o Zabbix 2.0.0rc3 com PostgreSQL no CentOS 5.4
    http://doidastec.blogspot.pt/2012/06/instalando-zabbix-200rc3-com-posgresql.html#more

    E aqui explico como configurar Zabbix com alertas por email com Autenticação
    http://doidastec.blogspot.pt/2012/06/zabbix-alertas-por-email-com.html#more

    E aqui explico como converter em sms (vodafone)
    http://doidastec.blogspot.pt/2012/06/converter-notificacao-de-email-numa-sms.html#more

  8. Paulo says:

    Pode ser instalado num servidor já existente ou deve ter uma VPS só para ele ?

  9. Paulo says:

    Vi esta indicação https://chhost.net/zabbix-installation-guide/

    Qual a vantagem entre as 2 abordagens ?

  10. Paulo Costa says:

    Boas

    Muito bom o Zabbix, já usei o OpenNMS e agora uso o Icinga e não mudarei. Este é basicamente um fork do Nagios, desenvolvido na comunidade deste e tendo aparecido para colmatar algumas falhas que o mesmo tinha e melhorá-lo. É também excelente mas a instalação base tem uma interface demasiado…básica, não sendo possível configurar nada via interface web. Dá para adicionar temas mais sóbrios e limpos como o Vautour para apenas melhorar o aspecto e principalmente aplicar o “add-on” Icinga-Web que é um completo facelift com capacidade para elaborar relatórios com o Icinga-Reports, tudo com MySQL.

    Para quem tiver dificuldades em configurar os hosts/services etc por SSH em SIEMs com base Nagios/Icinga, use o NConf que é open-source, depois de configurado é esquecer os ficheiros cfg para tudo…há quem use o LConf para integração com LDAP em grandes estruturas distribuídas ou o Puppet para deployment automation.

    Também é possível adicionar mais aplicações 3rd party úteis para integrar ou adicionar funcionalidades paralelas ao Icinga, tais como o NagVis, NagMap, Business Process, dashboards não-oficiais como a Merlin-Dashboard (que dá para adaptar para MySQL) útil para usar em monitores de controle rápido. Também dá para adicionar os plugins do próprio Nagios e muitos outros scripts para executar funções e comandos específicos em hosts, agents por NRPE e NSClient++ (Windows), aplicar servidores “satélite” (proxy) em redes remotas com um servidor “monitor” central. Integrar PNP4NAGIOS para criar gráficos por RRD (tipo MRTG), InGraph, SmokePing ou Smokegios, adicionar templates HTML para alertas de email muito mais informativos e visualmente apelativos. Enfim, existe muita coisa mesmo, dado o core do Icinga ser Nagios, daí também a flexibilidade.

    Só não tem de base nenhum serviço de monitorização central de Syslog e SNMP, apesar de fazer checks SNMP a hosts não faz nenhuma gestão das traps que recebe. Tem de se instalar separadamente o snmpd e rsyslog de base ou syslog-ng, splunk, kibana, logstash, graylog2, etc…

    Claro que isto tudo não vem num “pacote” pré-feito como o ZenOSS ou o AlienVault OSSIM e outros, dá imenso trabalho de raíz mas compensa pela estabilidade (se tudo bem configurado) e por não ser um sistema proprietário por ter já tudo feito e em alguns casos limitado às funcionalidades básicas das versões Community Edition. Ou se despendem recursos para construir de base e adaptar às necessidades uma plataforma totalmente funcional, ou paga-se pelas versões “pro” e suporte de plataformas pré-feitas completas.

    Abraços

  11. dajosova says:

    Vou experimentar mas gostaria de saber se alguem conhece o ManageEngine. Preciso duma solução urgente que seja workflow, helpdesk, gestao e monitorização de redes, traffic shapping, controlo de acesso à web e que seja simples de implementar numa rede de 100 PCs e mais alguns equipamentos ligados à rede.
    Ah… grátis ou vitaminado.

    É pedir o mundo ou é possível?!

    Obg 😉

    • Tiago Ribeiro says:

      Tudo na mesma aplicação é capaz de ser, mas aparentemente o ManageEngine será uma excelente aplicação contudo é paga.

      Podes ter menos trabalho mas arranjas tudo o que precisas em plataformas opensource

    • Luís Nabais says:

      A empresa onde trabalho usa muito o AppManager da ManageEngine, a versão enterprise, para monitorizar centenas de máquinas, serviços, bases de dados, queries, URLs, entre outros.
      Posso desde já desaconselhar-te, dá bastantes falsos positivos, é um pouco mal feito em termos de database queries e tem algumas limitações.
      Não é mau, mas não é o mais fiável. Tem a vantagem da facilidade de utilização.

      • dajosova says:

        Nesse caso Luís, o que me recomendarias tendo em conta que dificilmente o patrão irá querer gastar dinheiro; porque sei que é caro implementar uma solução all-in-one.
        Tenho andado às voltas com o Zentyal mas só agora tenho um servidor novo disponível.

        Na verdade tenho duas necessidades:
        a) software inter-departamental (workflow) que, caso faça integração com os programas de Gestão (SAGE Retail e PHC) que temos será ouro sobre azul [aqui já sei que é preciso abrir os cordões à bolsa]

        b) software de gestão IT. (Firewall, gateway, redes; enfim.. de tudo um pouco para pôr ordem aqui na rede da empresa)… pois ando sempre a tapar buracos!!!

        Obg! 😉

        • Luís Nabais says:

          Pessoalmente gosto de icinga (baseado em Nagios e 100% compatível – e tem módulo web) com o plugin check_mk.
          Para automatização podes integrar com o Puppet.

          Ambos são Open Source. Requerem alguma aprendizagem, mas depois de embalares ficas com tudo bem configurado e com uma monitorização perfeitamente funcional e controlada.

  12. João Ildefonso says:

    Recomendo OPSVIEW http://www.opsview.com é também um “fork” do NAGIOS, mas com um visual muito “limpo”, atrativo e robusto. Para os mais “apressados” existe versão Core (free) já em VMWARE.

  13. Tiago Ribeiro says:

    Deixo também uma sugestão do FAN http://www.fullyautomatednagios.org/
    É um 4 em 1, que com a base do nagios permite tudo

  14. Nuno Silva says:

    Bom dia.

    Uso actualmente o FANAGIOS, como diz o Tiago Ribeiro, é um 4 em 1…já tinha há uns anos usado o Nagios com o Cacti, mas há 3 anos decidi experimentar este Fanagios…agora tenho uma duvida:

    É possível partilhar um hostgroup ou servicegroup num site (seja por iframe, seja embebido em joomla, usando o URL completo) sem permitir que os links funcionem correctamente? O objectivo seria apenas mostrar o estado desse grupo, sem permitir aos utilizadores clicarem nos links (e por exemplo desactivar notificações )

  15. Francisco Alarico says:

    Boa tarde,
    Estou a fazer um estudo de mercado sobre sistemas de monitorização ao nível da bilhética, “ticketing”.
    Apesar de um sistema de bilhética ser baseado em equipamentos standard, a sua monitorização envolve um conjunto alargado e muito específico de periféricos, especialmente no caso das máquinas automáticas: dispensadores de bilhetes, aceitadores de moedas e notas, painéis de supervisão, leitores de cartões, etc.
    Relativamente a essa área a informação na inernet sobre quais os sistemas de monitorização mais usados são escassos ou inexistentes. O Zabbix é utilizado na bilhética? Têm conhecimento de mais algum sistema de monitorização ligado à bilhética?
    Desde já grato pela atenção
    Francisco Alarico

    • Vítor Moreira says:

      Boas Francisco.

      Eu trabalho na área da monitorização e tenho alguns equipamentos semelhantes aos que dizes para monitorizar. 🙂
      A grande questão que coloco é se é possível monitorizar os periféricos de forma simples. Se souberes como se monitoriza, então sim, podes passar para a parte do servidor central de monitorização. A experiência que tenho é em OpenNMS e não em Zabbix.

      Se quiseres trocar algumas ideas, manda email para: vitor.rui.moreira#gmail.com

  16. Jorge Marques says:

    Para uma solucao facil de instalar, rapida, windows based e gratuita tenho utilizado o Spiceworks que ainda por cima tambem disponibiliza ticketing.

    Este é o meu favorito 🙂

    J

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.