Sysprep: Criar uma instalação personalizada do Windows 10 #1

Por Fábio Teles para Pplware.com

Destaques PPLWARE

21 Respostas

  1. Cristiano Venâncio says:

    excelente ferramenta e muito útil para migração. Aconselho antes de o fazer copiar os drivers para depois instalar.

  2. Afonso Gonçalves says:

    Qual a diferença para o MSMG Tookit e o NTLite?

  3. MLopes says:

    peço desde já desculpa se está no texto e me passou, mas todo o processo pode ser feito com uma instalação inicial em cima de uma máquina virtual, tipo virtualbox?
    se sim, poderá depois a imagem ser utilizada apenas em máquinas virtuais idênticas ou poderemos utilizá-la em qualquer máquina física?
    obrigado

    • Fabio Teles says:

      Boa tarde. Poderá utilizar uma máquina virtual. Eu cheguei a fazer dessa forma, estando apenas limitado no processamento que tinha disponível na altura, pelo que opto por fazer numa máquina fisica.

      Será compatível com qualquer sistema visto que os drivers, IDs, etc, são todos limpos. Terá depois de instalar os drivers na nova instalação, mas se usar o System Center isso é automatico, e como mencionei, o Windows irá instalar os drivers que tem próprios (como acontece numa instalação normal do Windows 10).

      Dependendo da virtualização pode ligar ou não depois uma unidade USB para capturar a imagem, mas no próximo artigo descreveremos como o fazer.

      • MLopes says:

        muito obrigado @Fabio Teles.
        a questão dos drivers, IDs, etc tinha percebido, a dúvida era mesmo sobre a dualidade máquina virtual/máquina física.
        poderia haver algum problema (algum nuance entre virtual/fisica) que me estivesse a escapar mas agora já estou esclarecido

        • Pedro Matos says:

          Boa Noite MLopes,

          Quando é feita uma instalação de Windows numa máquina (virtual ou física), essa instalação irá adaptar-se ao hardware dessa máquina, impossibilitando assim a sua utilização em máquinas com determinado hardware diferente (nomeadamente a motherboard).
          Se reparar, o Fábio Teles colocou o visto na opção Generalize (opção logo abaixo do OOBE), opção essa que serve mesmo para “desagarrar” a instalação do hardware original, sendo desse modo possível usar a instalação noutras máquinas diferentes, sejam elas físicas ou virtuais.

          Cumprimentos.

          • Lemos JLM says:

            Pedro Matos, blz!
            Fazia algum tempo que procurava a definição para o ato de marcar essas opções. Recordara-me: visto.
            Obrigado.
            [ ]s, td d bom
            Jorge Lemos

  4. Hugo Gomes says:

    Ja faço isso ao tempo com o acronis

  5. José Rodrigues says:

    Algo incompleto o artigo, devia ter sido mencionado que o principal motivo para se fazer sysprep pode ser para gerar novos SIDs para associação de uma máquina a um domínio.
    Também deviam ter falado como se pode fazer o processo para Hardware Indepent Imaging ou para posterior injecção de drivers ou software.

    • Mauro Siqueira says:

      Importante sua contribuicao mas ao invéz da critica, faça um adendo a matéria com seu conhecimento. Todos compartilhando teremos o conhecimento pleno. A materia e basica mas essencial para quem vai comecar com implantacao. Mesmo a documentacao oficial no technet e incompleta.

  6. Davi says:

    Senhores, outra opção é sem comando nenhum, depois de pronta a instalação do Windows com office, pdf e etc. O pulo do gato é não ativar nada e antes de rodar o Sysprep desligue o cabo de rede. Assim não vai dar erro nenhum. Quando acabar pode fazer uma imagem com Acronis, para posterior voltar em qualquer maquina e ativar conforme sua serial.

    • PL says:

      Se o destino for uma máquina de características iguais … ou a mesma máquina, sim basta clonar, mas se estiveres a mudar de máquina para outra recente e talvez um ano mais nova, então boa sorte com isso.

      • Davi says:

        Não clonar se faz apenas imagem. No meu caso crio em Hyper-v uma instalação do windows de 32 bit e uma 64 bit, boot Legacy para maquina antigas, uma UEFI ai só em 64 bit, faço a instalação do office e outros programas de minha preferência, não ativo nada, deixo para fazer isso após a instalação na maquina para não dar erro ao executar o Sysprep. Nesse caso quando volto a imagem e não o clone o windows cria nova id na instalação, e não tenho problemas nenhum posso usar em qualquer maquina intel e AMD, o único cuidado é ver o Boot qual vai ser legacy ou UEFI e se o sistema vai ser de 32 ou 64, hardware ele reconhece na instalação seja ele qual for. Att.

        • Fábio Teles says:

          Sim poderá não correr comando nenhum caso não actualize o Windows, mas com a Internet ligada por vezes isso acontece (já me aconteceu com o Windows 8.1) . Assim pode atualizar o Windows sem qualquer problema, corre o comando e faz o sysprer.

      • zerocoolroot says:

        @PL, para isso existe o Acronis Backup & Recovery com Universal Restore. Justamente para destino com máquinas diferentes. Na verdade utilizo-a diariamente em meu trabalho, com Hardwares completamente diferentes e sem qualquer problema. Basta certificar-se que o Acronis possui o Universal Restore..!!
        Abraços..!!

  7. Tiago Alexandre Marques says:

    Boa tarde,
    O artigo vai ter conclusão?

  8. Raul says:

    Bom dia,
    Antes deste artigo ser feito já tinha feito uma instalação destas para o meu projeto final de curso que por acaso tive 19. O que me acontece é que quando vou instalar o windows numa máquina nova (depois de já ter a iso personalizada) depois da conclusão da instalação reparo que fico com 2 utilizadores no Windows, o que usei para criar a iso personalizada e o utilizador que criei no momento de instalação do windows. Alguma maneira de evitar isso?

  9. sebastião says:

    este windows , como funciona

  10. sebastião says:

    este windows funciona mesmo presiso ver

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.