Como proteger o vosso computador do malware que o ataca

Por Diogo Gaspar para Pplware.com

Destaques PPLWARE

26 Respostas

  1. Rui Moreira says:

    A sério? Quem é o louco que recomenda o iobit fight malware? Aquilo mão detecta nada é só mais um programa PUP

    E vindo de quem vem.. Iobit advenced cleaner é outro programa para se fugir é mau e inseguro promete coisas que não são verdade

    Cuidado com o iobit prefiram antes o malwarebytes ou hitman pro

    O iobit malware fighter é aquele programa que ocupa apenas memória e nada faz.. Óbvio que detecta os mais simples mas não foge da realidade

    Enfim não sei quem é que recomenda esse programa a alguém (expert) não deve ser

  2. Dope says:

    90% das escolhas de anti malware aqui colocadas, são em si, malware…..

  3. Jatf says:

    O Microsoft Windows Defender nos testes de Março tem boas classificações , neste momento uso o novo Windows Defender juntamente com o iobit Advanced SystemCare Ultimate 10 este ultimo é um excelente programa de protecção, sem grandes níveis de stress e boa protecção,

  4. Miguel Costa says:

    Programas anti-virus são demasiado pesados para os computadores a nível de recursos usados para a protecção que oferecem. Qualquer browser actual (safari não entra nestas contas… porque nem devia ser considerado browser) já possui um sistema que identifica os sites que tentam correr operações suspeitas. Por isso, o anti-virus acaba por ser um peso desnecessário.
    A melhor é mesmo terem cuidado por onde navegam. Mesmo usando a navegação anónima, usem um browser com um adblocker activo e não se ponham a carregar nos prémios todos que o facebook “oferece”. Actualmente a maioria das coisas são ataques dirigidos. Só mesmo se vos quiserem retirar informação é que vão ser sujeito a algo mais avançado. De resto, as operações são para obtenção de dados… coisa que funciona muito mais eficazmente num daqueles inquéritos de qualquer rede social.

  5. J.Frazão says:

    Também utilizo o Defender e não tenho tido problemas. Como o artigo refere, a melhor protecção está no utilizador e nos seus hábitos.

  6. miguel faria says:

    Não há nenhum antivírus que bata o kaspersky e o bitdefender,o resto é pura conversa da treta…Até porque são os únicos com proteção nativa contra ransonware no momento.

    Daí da lista a única ferramenta que presta é o malwarebytes,o qual é um bom software “tira teimas”…

    É só irem ao avtest e ao avcomparatives e verem por vós próprios as classificações de uns e outros.

    Não entendo porque raio confiam nesse Windows Defender que é uma autêntica anedota…

  7. Nuno Santos says:

    Eu uso o Mcafee enterprise no windows 10 e nao tenho tido problemas

  8. Antunes says:

    lol instalar uma aplicação é a melhor protecção, esperava mais um pouco deste artigo.

    Existe tanto que se pode fazer para nos protegermos de malware…

    • Atendendo aos comportamentos da maioria dos utilizadores, esta é mesmo a melhor solução.

      Na maioria dos casos, e mesmo depois de repetidos alertas e avisos, os erros são cometidos e os problemas acontecem.

      Assim, é mesmo a melhor solução ter uma aplicação a tratar de toda a proteção.

      Repara que se assim não fosse os antivírus não existiam.

    • Nuno Santos says:

      Claro que a melhor proteção é o user., mas um bom antivirus sempre ajuda nos descuidos de cada utilizador.

      E quem vier com tretas que com Linux ou Mac Os nao tem destes problemas, entao sao mais noobs que os que disto nada entendem.

  9. Alvega says:

    “Diariamente, os mal-intencionados, procuram desenvolver soluções que se aproveitem das falhas de segurança existentes”….”É caso para dizer, “Um dia da caça, outro do caçador”.”
    Lugares comuns, mas verdadeiros e a ter em conta.

    “Verdade será dizer que o cuidado parte, em primeiro lugar, do utilizador”, concordo, mas assim como um automobilista nao anda sozinho nas estradas, eu igualmente nao ando sozinho na rede. Como me proteger de entidades que gerem essa mesma rede ?
    Se quem gere a rede é “mafioso”, como pode um user comum, com o seus parcos meios, e conhecimentos, obstaculizar a que seja “atacado”, ainda que mantenha um padrão de comportamento, dito “seguro” ?
    Se as noticias revelam que a NSA, empresas, hackers, e outros mais, ESPIAM os utilizadores, COLECTAM os seus dados, com intenções, mais ou menos ILEGAIS, que posso eu fazer contra isso ?
    Nao é “paranóia” da minha pate, se vir “perigo” em todas as “esquinas”, pois os factos, assustam mesmo. Este fenómeno de falta de segurança, é REAL, e se o Guardador do Rebanho, faz parte da matilha, ….

    “Espanha e Brasil planejam cabo de fibra óptica submarino até 2019”
    h..p://br.reuters.com/article/internetNews/idBRKBN17R01N-OBRIN
    “Os governos do Brasil e da Espanha…ressaltando esforços para desviar as comunicações para fora da América do Norte….Europa ao Brasil deve ajudar a melhorar a segurança e a privacidade dos dados, por redirecionar as chamadas e navegação pela internet para longe do alcance dos EUA.”
    Enquanto nós PORTUGUESES, andamos entretidos a jogar Pokemom e a dedilhar smartphones novos, alguém se preocupa com o OBVIO. O pais “irmao”, o tal da carne “estragada”, manda Futebolistas e cantores, mas no que toca a SEGURANÇA, escolhe ESPANHA. Boa malha.

  10. Audigy says:

    Nada como usar uma conta de utilizador limitada(e deixar a de administrador só para instalar software fidedigno + updates). Um pouco de bom senso + Sandboxie para apps mais duvidosas e está feito.

  11. Paulo Santos says:

    deve haver uma razão pela qual não foi “linkado” o linux ……

  12. Luis Borges says:

    Sandbox

  13. andre says:

    Eu só utilizo a ufw no mint e o clamav e até agora não tenho tido problemas, costumo analisar os logs e o trafego e até agora não tenho tido chatices…

  14. Osório da Fonseca says:

    A minha sobrinha também adora a sandbox!! Mas mesmo assim prefere os baloiços…

    Eu cá uso o Xtum, que está linkado ao GPU do XLM do processador, e faz zap aos derivadores do antivirus. Resolvido!

  15. brod56 says:

    Quem quer segurança a sério não confia num antivirus tradicional, mas tira partido de uma solução de default-deny que funciona por whitelisting em vez dos AV que funcionam por blacklist. Experimentem o Voodoshield e testem vocês mesmos, vejam a diferença.

  16. Ricardo says:

    No meu notebook uso o Avast Premier, AdvancedSystemcare 10 Pro, Ccleaner, JetClean e agora baixei o Malwarebytes Anti-Malware Premium e o Iobit Malware Fighter 5.1 Free. Esses dois últimos que trabalham em tempo real poderá ter conflito?
    Agradeço quem puder informar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.