PplWare Mobile

O que podemos fazer com um Windows Server 2003? Parte I


Autor: Pedro Pinto


  1. Ricardo Ramos says:

    Boas,

    Muito bom Post… Como fui utilizador do Win 2003 Server, vou acompanhar de perto os próximos Post´s.

    Continuem no bom caminho.

  2. Jobsxl says:

    Muito bom. Fico aguardar as próximas partes.

  3. Bruno says:

    Bom Post…boa continuação.

  4. Carlos B. says:

    Bom post! A aguardar as restantes partes 😉

    Uma pequena pergunta/sugestão para adicionar ao tutorial:

    – Na parte em que se indica o número de licenças, qual a diferença entre cada uma das opções existentes e o que implica cada uma delas.

    Abraço,

    • Fredrf says:

      Carlos,

      A diferença, de forma muito simples prende-se com a utilização que vais fazer do servidor.

      Escolher licença por device, significa que tens uma licença por cada dispositivo que se vai ligar a esse servidor (tlf, PC, etc)

      Licença por user, significa que tens uma licença por utilizador, independentemente do número de dispositivos com que este está ligado ao servidor.

      Isto há muitos mais detalhes e pormenores que não estou aqui a revelar. Mas na net, para teres uma noção básica da coisa podes procurar por MS Volume Licencing e encontras informação.

      Mas qualquer coisa, apita.

  5. bacano says:

    Desculpem o off-topic, mas penso que toda esta publicidade no site veio “estragar” a imagem do PPLWARE.
    Esperemos que não aconteça o mesmo com os artigos!
    Continuem com o excelente trabalho!

    VMD

    • Legion says:

      Deixa lá os homens terem algum retorno pelo trabalho!

      Aposto que se fossem umas tipas descascadas já ias gostar mais! eheheheh 😀

    • Redin says:

      …Sem comentários…

      • Pedro Pinto says:

        O @bacano

        Parece-me que o teu comentário também causou “ruído” neste artigo. Actualmente vivemos com publicidade em todo o lado e não nos queixamos. Ainda por cima a publicidade está numa parte onde normalmente apenas tens um azul….os conteúdos continuam “intocáveis”….por isso não vejo razão para tal birrice

        • Redin says:

          Eh pá. Espera lá.
          Não estas a dar resposta ao meu coment pois não? Eu estava justamente a dizer que o comentário do Legion é que não merecia ser comentado tamanha seria a asneira que eu achava que ele estava a cometer.
          Não te enganaste nem nada a responder?

          • Redin says:

            Raios, já fiz asneira. Não queria dizer Legion. Com esse eu estou de acordo.
            Eu queria dizer do “bacano” e pelos vistos estou a cometer outro erro mas agora por “simpatia”. Apesar de teres respondido hierarquicamente abaixo do meu tens lá bem explicito o nome do “bacano”.
            Também tenho telhados de vidro. sabiam? LOL

    • Xospa says:

      Publicidade? Que publicidade? Nao vejo nada, o layout continua bonito como sempre foi.

      Por acaso ja me tinha interregogado, como é possivel manter um blog destes no ar sem publicidade na pagina.

  6. Legion says:

    Boa ideia e bom post Shiftwere!!

    Apesar de já ter saído uma nova versão a verdade é que quem trabalha no meio ainda vai continuar a encontrar o 2003 espalhado por empresas fora.

    Na minha opinião poderias entrar na parte de configurações domínio e AD já a abrir.

    Continua que serão posts muito bem-vindos e cá estarei para dar os meu 5 cêntimos ^^

  7. Redin says:

    Quando chegares a explicação sobre as permissões, tenta dizer-me como é possível fazer com que uma estrutura de pastas fique protegida de forma a não poder ser apagada pelos users e apenas ser possível criarem novas pastas e ficheiros.
    Acho que uma grande falha dos sistemas windows nas permissões é que não é possível proteger pastas nestas condições.
    Existem protecções de pastas de outro tipo mas não me interessam porque pretendo que os users continuem a poder criarem conteúdos dentro deles.

      • Redin says:

        Também já experimentei e não funciona. Parece que implicitamente estando a dar permissões para criar novos conteúdos, estou na mesma ordem de ideias a permitir que seja apagada a pasta que o administrador criou para estrutura.

        • Legion says:

          Hum.. vou ver isso amanhã e se chegar a alguma conclusão meto aqui um reply.

        • Legion says:

          Boas Redin, tenta isto. Comigo funciona.
          Cria um ficheiro/pasta, adiciona no “nome de grupo ou de utilizador” – TODOS. Dás permissões ler, executar e modificar.
          De seguida vais a “Avançadas”, “Editar” e retiras a opção “Eliminar” e “Eliminar subpastas e ficheiros”, escolhes se queres aplicar só na raíz ou em elementos filhos.

          Creio que tens resposta para o teu problema.
          No entanto não te esqueças de gerir o owner. Também podes como administrator do dominio retirar essas permissões ao owner fazendo com que um user cria um ficheiro, modifica-o mas não o consegue eliminar.

          • Redin says:

            Vou testar e logo que tenha resposta deixo aqui mensagem. Pena que este blog tenha perdido a capacidade de avisar novas entradas das subscrições. Assim temos de vir cá só quando nos lembrar-mos.
            Vamos aguardar e muito obrigado.

    • gl says:

      O NTFS a nível de permissões funciona muito bem. É preciso conhece-lo a fundo. Dá praticamente para fazer tudo ao nível de segurança de ficheiros e pastas. Não te esqueças que o NTFS funciona de uma maneira hierárquica, ou seja tudo o que está dentro de uma pasta (pasta e ficheiros) herdam as permissões da pasta acima. Obviamente esta opção dá para ser desactivada. No teu caso suponho que precisas de dar permissões só de leitura na pasta principal e descativar a opção “incluir permissões herdáveis do principal deste objecto”. Depois tens de ir as permissões avançadas e adicionar o CREATER OWNER e aplicar as permissões (criar, alterar apagar, etc…) apenas as Subpastas e ficheiros. Com esta solução vais conseguir que os teus utilizadores consigam apenas ler o conteúdo da pasta principal mas só têm acesso de leitura e escrita a pasta que eles criaram. Obviamente que dá para refinar muito mais o controlo de acesso as pasta e aos ficheiros de acordo com as nossas necessidades.

  8. Manuel Serol says:

    Se for como a serie de posts de comandos para linux vai ser excelente!!

  9. Parece que adivinharam o que eu andava à procura. LOL.

    Obrigado!

  10. Batman says:

    Vou instalar no meu Bat-Móvel!

  11. M.Manuelito says:

    Boa aposta esta de abordar os servidores windows, podem continuar …. a todo o vapor 🙂

  12. Michaek says:

    Gostaria que dentro dos artigos postado sobre o Windows Server 2003, tivesse algo com VPN e Conexão Remota, via ip estático. Pois tive que montar uma pequena rede para um Cliente, onde o mesmo tem um escritório, e um notebook, o qual leva sempre com ele para fazer visitas nas empresas que ele presta serviço contábil e não consegui fazer, uma conexão VPN descente, e pedir para que eles procurassem outro técnico.
    Grato!

  13. Michael says:

    Prevejo ótimos artigos, assim como sempre foi o site.
    Gostaria que dentro dos artigos postado sobre o Windows Server 2003, tivesse algo com VPN e Conexão Remota, via ip estático. Pois tive que montar uma pequena rede para um Cliente, onde o mesmo tem um escritório, e dois notebook, os quais leva sempre com ele para fazer visitas nas empresas que ele presta serviço contábil e não consegui fazer, uma conexão VPN descente, e pedi para que ele procurasse outro técnico.
    Grato!

  14. vdias says:

    Alguém me pode explicar qual a utilidade deste post???

    Como instalar um 2003 em Novembro de 2011?!?!?!?!?!?!?!?!?

    • Pedro Pinto says:

      Boas vdias,

      Bem depois do Windows 2003 só saiu o WIndows 2008…,. No entanto a maioria dos serviços das empresas que usam Windows ainda funcionam em cima do 2003 e alguns até em cima do NT e 2000.
      Como existe mais know how em 2003 daí a nossa escolha por essa versão. Se alguém quiser colaborar com windows 2008 é só entrar em contacto connosco 🙂

      • Rui says:

        Depois do W2008 saiu o W2008 R2 … já trabalho com o 2008 R2 hà dois anos…de qq forma parabéns aos criadores deste forum…o tecido empresarial portugues ainda usa e muito o 2003 server…Aloha

    • Carlos Lima says:

      Onde eu trabalho, houve uma tentativa de instalar o Windows 2008, mas tivemos que optar por continuar com o 2003, por diversas razões.
      As empresas que ainda não migraram para o 2008 são mais das que tu imaginas…

    • Legion says:

      Pelo teu comentário vou assumir que não trabalhas no ramo IT. Caso esteja enganado, *coff*.

      Concordo com o Pinto. O WNT2003 está enraizado nas empresas espalhadas por esse país fora e se pensas que vai tudo migrar para o 2008 a correr só porque é novo estás enganado. Daqui a 5 anos ainda vou encontrar esta versão a correr em muito sitio. Em equipa que ganha não se mexe.

      Por esta razão existe muito boa gente com conhecimento vasto neste SO.
      Para quem nunca trabalhou em server side e está interessado em aprender e começar a dar uns toques nada melhor que espalhar o conhecimento já que o core da tecnologia NT vai continuar no 2008. Não vais deixar de configurar DHCP, DNS, AD, etc etc etc.

      Está explicado?
      Cuidado com os !! e ?? que isso vai começar a ser taxado pelo governo.

      Aquele abraço

  15. Notliz says:

    Pplware atendendo a todos os gostos!
    Lin e Win andam de mãos dadas, nada dessa mítica batalha dos SO´s que alguns insistem em fomentar.
    Necessitamos conhecer diversos ambientes, tutos como este são sempre bem vindos!

    Muito bom o post.

  16. Luizzz says:

    Veio mesmo a calhar, ando a estudar para a certificação “Configuring Windows Server 2008 Active Directory” pelo que esta parte das configurações poderá ajudar bastante. Bom trabalho 😉

    • Gabriel Martínez says:

      Não me leves a mal, mas se andas a tentar uma certificação Microsoft e estás a tentar aprender pelo Pplware não creio que vás conseguir. Aconselho que procures por Labs Microsoft ou cbtnuggets. Boa Sorte.

  17. Isto é-me muito familiar loool continuem com artigos sobre o server que irei andar debaixo de olho :p

  18. joao says:

    nada que nao se possa fazer com o CentOS, mas com uma pequena diferença, é a pagar

  19. Hugo Cura says:

    Para quem quiser conhecer um pouco mais deste Windows (e eventualmente de outros), deixo um link de um artigo de uma grande rubrica:
    O Windows desde… sempre! – Parte #10 (Windows Server 2003)

  20. bacano says:

    @ Pedro Pinto
    ok Pedro. Foi só mesmo um comentário e a intenção não era desvalorizar o artigo.

    VMD

  21. Ricardo R. says:

    Bom tutorial!

    Gostaria de saber se é possível numa próxima, colocar o Windows Server 2003, como um servidor de actualizações.
    Ou seja utilizar a funcionalidade do wsus.

    Cumps

  22. Alex says:

    Vou seguir atentamente estes tuturiais

  23. Carlos says:

    Para quem pergunta porquê o Windows Server 2003 quando já há o 2008 e para o ano vem o Windows Server “8”, vale lembrar que montes de empresas ainda o usam porque é um sistema operativo bem robusto e extremamente fiável.

    Aliás, a própria Microsoft o usa em abundância, grande parte dos servidores em que o Azure e os vários serviços Live (SkyDrive, Hotmail, etc.) assentam correm o 2003 porque dá para encaixar aproximadamente 2 vezes mais VMs de 32 bits num servidor que VMs de 64bits.

  24. jpng81 says:

    Uma pergunta para todos…. alguém tem o server2003 virtualizado a funcionar mesmo a nível empresarial??
    Eu no outro dia fiz um teste de virtualizar um server fisico para uma máquina virtual “virtualbox” e funcionou 5 estrelas e arrancava que nem um foguete, aliás o server2003 acabou por ficar mais rápido com o que ele é.
    Estou a pensar virtualizar o server2003 e queria saber se mais alguém se meteu na aventura de virtualizar um servidor fisíco.

    • Pedro Pinto says:

      Boas @jpng81

      Bem, o virtualbox não é propriamente o melhor software para virtualizares um servidor isto porque esse software faz virtualização total (Fullvirtualization) em vez de paravirtualização. Experimenta por exemplo o XEN.

    • JV says:

      Eu tenho umas quantas máquinas vistuais com windows 2003 server em cima de VMWARE ESXi, e estão a funcionar sem stress!

    • gl says:

      Os melhores softwares para virtualizar servidores, na minha opinião é o Vmware ESXi e o Xen. O VirtualBox serve para fazermos uns testes mas nunca para colocar um servidor virtual em produção.

      Hoje em dia os mais recentes datacenters não fazem sentido sem virtualização. É daquelas tecnologias que nem se questiona se vai utilizar ou não. As vantagens de usar virtualização de servidores, e também de storage, são tão grandes que se não fossem utilizadas, serviços como o azure, icloud, Amazon EC2, Dropbox, etc simplesmente não eram possíveis.

    • Rui says:

      Aloha, JPNG81…eu tenho numa das minhas escolas em que q faço Admin um w2003 virtualizado …a partir de um HP G4 fisico , está agora ML350 G6 a correr virtualmente no Hyper-V….

    • Ewerton says:

      Amigo, falo do país vizinho ao de vocês brasil. Trabalho em uma empresa que tem mais de 200 servidores virtualizados em sua maioria linux Red Hat, porém uns 50 com Windows Server 2003 e alguns 2008 temos AD, File Server, Lotus Notes tudo virtualizado.

      Quanto ao amigo acima que reclamou do post ser do 2003 concordo com o comentário do outro amigo ele não deve trabalhar em TI aqui no Brasil temos 2003 dos montes lembrando os custos de licenciamento absurdos.

      Abs

  25. Tekku says:

    E uma rúbrica semelhante mas com centos? ^^

  26. Paxe says:

    Muito boa abordagem esta uma vez que arriscava que 80% das empresas ainda usam este fantástico sistema operativo, agora era ainda melhor se usassem a versão sbs e fazer a configuração de todos os serviços incluindo exchange server e isa server.

  27. Milhafre says:

    Conhecem alguma forma de fazer um backup do system state sem ser pelo ntbackup? (windows server 2003). Obrigado

  28. “Format the partition using NTFS File System” -> pq formato lento? algum motivo especial?

    Eu pessoalmente sempre fiz formato rápido, alem se ser mais rápido poupa-se o disco.

    • Gabriel Martínez says:

      Formato Lento é um Quick Format, o disco vai informar que os sectores estão livres, no entanto, a informação continua lá, se tentares recuperar com um software próprio para o efeito vais conseguir recuperar tudo o que ainda não teve o seu sector reescrito por nova informação. Com um formato lento o disco vai ser corrido sector a sector para apagar a informação existente, além de ser mais seguro, caso hajam sectores danificados ou problemas com o disco são logo detetados.

  29. Tiago Ferreira says:

    “Espero que tenham gostado deste primeiro tutorial. Para irmos de encontro as necessidades dos utilizadores, gostaríamos de saber quais os serviços que gostariam de ver abordados nesta rubrica. Até ao próximo tutorial.”

    – Criar um domain
    – Adicionar users ao domain
    – Instalar impressoras em rede
    – Policies (muito importante)
    – FTP

    Ou então mandão a rapaziada ir fazer as certificações da microsoft lol

  30. Filipe Moreira says:

    Bom dia,

    A utilização de uma versão “200X server” será mais num âmbito empresarial. Não vejo utilidade de maior para uma ambiente doméstico, pelo que o artigo, do meu ponto de vista, contribui para o conhecimento geral.

    Como contributo coloco a sugestão de uma publicação semelhante, mas para o Windows Home Server. Esse sim já com algumas funcionalidade interessantes para ambientes domésticos.

    Bom trabalho.

    Abraço

  31. Nuno says:

    ola
    muito bom começo…. espero por desenvolvimentos
    tenho um WS2003 e um 2008 em funcionamento (mas ja pensei + vezes passar o 2008 para 2003 do que actualizar este)
    gostava de mais artigos sobre AD, politicas de gestão de utilizadores e computadores.

    • Kevin Guerreiro says:

      Qual a razão para quereres passar o 2008 para o 2003 ?

    • Gabriel Martínez says:

      Se vais passar de 2003 para um SO mais recente aconselho o 2008 R2, ou até o 2012. O 2008 R2 é o melhor Sistema Operativo Server (na minha opinião obviamente). Muitas mais funções que oo 2003 e o 2008 e melhor suporte de hardware e recuperação Baremetal (hardware diferente). Já que falas em AD, se colocares o nível de funcionalidade do domínio em 2008 R2 (no mínimo todos os DCs têm de ser 2008 R2) tens uma funcionalidade muito útil que se chama “AD Recycle Bin”, como o nome indica permite recuperar Users ou OUs apagadas da AD. Claro que existem muitas mais mas isso só mesmo explorando conforme a necessidade.

  32. Nuno José says:

    Partilhando alguns comentários, gostaria imenso de ver paralelamente UBUNTU Server.

  33. Redin says:

    Felizmente, voltaram as notificações.
    Obrigado PPlware.

  34. Paulo Paixão says:

    Gostaria que publicassem algo sobre o Active Directory

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.