Quantcast
PplWare Mobile

Vídeolog Pplware – Descubra a senha de uma rede Wi-Fi pública

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Maria Inês Coelho


  1. A.Mendes says:

    Muito bom! Parabéns pelo video

  2. Carlinhos says:

    É necessário que o gps esteja ligado?

  3. Joao Fernandes says:

    Esta aplicacao devia ser proibida, nao tenho nada contra os developers so nao aceito o conceito de partilha de segredos.

    • Pedro says:

      Bem vindo ao futuro. Bem vindo ao mundo da informação partilhada que não deveria ser partilhada.

    • Ricardo Gonçalves says:

      Discordo! São este tipo de aplicação que fazem com que os sistemas evoluam com mais segurança. Cabe a cada pessoa ser responsável pelas suas acções.

      • justanotherone says:

        Resumindo, eu confio a minha pass da net a alguém, esse alguém publica a pass, logo, a segurança do meu sistema pode ser inevitavelmente melhorada.

        Nice, a tua lógica é espetacular!

        O máximo que isto pode fazer, era fazer com que as operadoras móveis baixem-se os custos dos planos de internet, visto “haver por ai à solta” tantos pontos wi-fi..

        • paulo says:

          Então e tu vais dar a tua pass a alguem que não seja de confiança?????
          Mesmo que hipoteticamente um amigo teu te “traísse” dessa forma seria simples resolver… alteravas a pass!!!!!!!

        • quimkaos says:

          concordo que isto pode ser polémico ou até perigoso, se se começar a partilhar pontos de acesso que não são livres, como por exemplo a casa do vizinho. Se isto for limitado a estabelecimentos comerciais onde o acesso é livre não vejo onde está o problema. E se o dono de um estabelecimento comercial pretende que o acesso só seja permitido após consumo, terá que ter um programa de gestão (tipo cybercafé) que faça gestão de passwords de wifi, porque ter uma password para toda a gente que frequenta o estabelecimento pode acabar em abusos.

        • Bruno says:

          “eu confio a minha pass da net a alguém, esse alguém publica a pass”, sendo assim o problema não tem nada a ver com a aplicação em questão, que me parece bastante útil pois permite-nos saber a password de uma rede aberta.

      • Raimysson says:

        Falou tudo nesse comentário…

    • Nuno Agonia says:

      Acabo por perceber um pouco o que queres dizer…mas…hehehehe

    • Vasco Oliveira says:

      A ideia é só partilhar chaves de redes publicas, tais como cafés, restaurantes e centros comerciais. Chaves essas que são acessíveis ao clientes ou perguntando ou estando afixadas em algum lado. Não vejo mal nisso.

      Claro que também se podem divulgar passwords que não devíamos, mas pegando nesse principio teríamos de acabar com toda a internet.

  4. Paulo Caeiro says:

    Excelente dica, muito obrigado.

  5. Joao says:

    Boa aplicação. Também existe uma que é o “instabridge”, faz esse processo de partilha de logins e marcação no mapa automaticamente, mas ainda não tem muitos hotspots em Portugal.

    • Nuno Agonia says:

      Boas!

      O Instabridge também é uma solução que no fundo acaba por ter o mesmo “princípio”. Sendo um aplicação realizada por uma empresa da mesma terra do IKEA, acaba por perder um pouco em relação ao Mandic Magic porque tal como referes, tem menos utilizadores em Portugal. Isso também acontece porque o Mandic tem como base o FourSquare, e isso é logo uma grande vantagem em termos de informação nos pontos.

  6. Joao says:

    como se chama aquelas coisas que aprecem no video tipo na TV, que diz sobre o youtube e o ppware?
    como faço um assim tipo a mexer?

  7. Pric says:

    Para que isso funcione é necessária também uma ligação à internet certo?

  8. CARLOS says:

    esqueceram dizer é que lhes damos permissao para efectuar chamadas directamente para numeros de telefone…lol

  9. Sérgio Soares says:

    Bom video, mas essa aplicação também dá para registam “sinais particulares”? Como vi uma rede chamada Thomoson no video, será que não se vai tornar um meio de propagar as redes privadas? Ou seja usar para o mal? Desculpem se percebi mal. Mesmo assim uma boa aplicação para quando vamos algum sitio sabermos se existe internet gratis ou não.

    [Off Topic]

    Falando de redes, tenho um Acess Point ligado em rede ao router da MEO, tendo tudo bem configurado, tinha um problema. Passo a explicar:

    Quando tenho a box (a que grava) em stand by (ligada a corrente mas desligada), posso aceder via smartphone, portátil, pc, consolas, etc, normalmente a partir do segundo sinal wireless (Acess Point) sem qualquer problema. Mas quando ligo a box deixo simplesmente de ter internet/acesso de rede, mas tendo na mesma a atribuição de IP. Andando às turras com este problema, descobri que se mudar a frequência de sinal de “b/g” para somente “g” o problema fica resolvido, se deixo só “b” aparece o problema.

    Agora queria era saber qual a diferença entre “b” e “g”. Também tentei desligar o Wireless do router deixando só o do Acess Point, mas continua o problema se deixar em “b/g” ou “b”.

    Obrigado a todos e continuação de um bom trabalho.

  10. Nuno Agonia says:

    Boas!

    Sim, também podes colocar redes privadas e para isso basta acrescentar o local.
    Em relação à outra questão que colocaste não sou a pessoa indicada para te responder da melhor forma e mais acertada. O que posso te responder é unicamente aos “standards” das redes Wireless, que são as letras que falaste, A,B,G e N. Que servem para limitar e associar os “defaults” para largura de banda, frequência dos canais, etc…

    De certeza que irá aparecer alguém a dar-te uma resposta em relativamente à BOX!

    • Sérgio Soares says:

      Obrigado Nuno Agonia por responderes. Ou seja uma pessoa com más intenções pode registar a rede do vizinho ou de outra pessoa na aplicação?

      Quanto a resposta do problema, falaste em frequência de canais, por acaso tenho o Acess Point como 1 de canal e no router da MEO como 6 de canal. Mas acho que não deve ser por aí, visto que se desligo a função Wireless do Router da MEO, o problema continua. Só queria era entender o porquê da BOX que está ligada por cabo, afecta o funcionamento do Acess Point estando com a letra “b” ou misto “b/g” e quando esta com a letra “g” não afecta.

      Mais uma vez obrigado.

  11. claro que se gravares a pass dum router de um Thompson e partilhares …. todos com a aplicação vao saber .

  12. Osiris1 says:

    very convenient about sharing passwords 🙁

  13. Hugo Santos says:

    Praticamente só para as grandes cidades. 😉

  14. viperbruno says:

    Prefiro muito mais o FreeZone. Um projecto com muito mais adesão em Portugal e com colaboradores sempre disponíveis do Brasil.

  15. GothicX says:

    Sinceramente também me parece ser mais uma “daquelas” apps que tem acesso a toda a nossa informação e depois ainda a partilham publicamente.
    Pelas permissões dadas a esta app, nada os impede de “legalmente” terem acesso as passwords das redes wireless configuradas num dispositivo, entre outros dados…como poderem efetuar chamadas telefónicas, tal como o “Carlos” referiu.
    Thx…but no thx!

  16. João Próspero Luís says:

    Mas a que propósito é que a aplicação precisa de poder fazer chamadas?

  17. Um à parte:
    – Se queremos uma pass wireless de algum estabelecimento, é porque não temos acesso à internet, logo como podemos obter a tal password? (Sem gravar em modo offline).

    – Num local, com uma password ja definida, como a podemos alterar? (Caso o estabelecimento altere de novo a password).

  18. ANDROID +1 says:

    Uau!!! O nelson ainda não disse nada!!

  19. André says:

    Só uma pergunta esta aplicaçao para funcionar nao é preciso de estar ligado a internet ??? Se sim entao é completamente inutil, é mais simples perguntar ao garçon.

    • Vítor M. says:

      Errado, podes logo à partida nem ter de perguntar e se eu tiver acesso e partilhar, quando lá chegares já não precisas de perguntar, que ao detectar a rede ela já está gravada.

      Depois é uma questão também de podermos aumentar a informação, de percebermos onde estão as redes que muitas vezes não são tão explicitas, mas se as partilharmos desta forma, o acesso está garantido.

      De inútil não tem nada!

    • Nuno Agonia says:

      Acho bem mais prático ver a palavra-passe numa aplicação num smartphone por números e letras de fácil compreensão. Digo isto porque a quem já não aconteceu o empregado trazer um papel “manhoso” com umas inscrições ainda mais “manhosas”? E depois é tentar perceber se é um zero ou se é um Ó, e muitas outras combinações possíveis devido a uma escrita de difícil compreensão.

      😉

  20. A. Mendes says:

    Resumindo e baralhando, isto nada tem haver com segurança (ou falta dela). Aqui não se trata de fazer um crack ao dispositivo ou coisa semelhante para se descobrir a pass, simplesmente alguem a sabe e disponibiliza-a. Um metodo que me parece interessante e util, e se à partida foi disponibilizada e porque alguem do espaço a forneceu, logo não é mais do que evitar a comum e sempre chata chamada de alguem do estabelecimento e pedir a pass.

  21. zeca says:

    “… se alguem souber palavras passe de um vizinho mande praki, toca a partilhar informação…” muita bom! ;D
    já agora, se souberem os pins mb do meu vizinho toca a mandar praki tambem sff, obrigado!

  22. Pode ser realmente útil 🙂

  23. Armando says:

    Boa. 🙂 Toca a usar e a acrescentar passwords, pessoal.

  24. A. Pereira says:

    Questiono seriamente a legalidade desta aplicação. Como já foi dito, muitas vezes os estabelecimentos cedem a palavra-chave apenas para os seus clientes, não para quem se senta lá fora na rua sem estar a consumir.

    Se isto tiver adesão, parece-me que vai ser uma questão de tempo até os que os proprietários se apercebam e começem a reportar as situações. O meu conselho para quem partilha palavras-chave sem a permissão dos proprietários: Cuidado com as consequências na partilha de informação privada. Peçam permissão antes de partilhar uma palavra-chave privada.

    Sem mais.

    • A. Pereira says:

      PS: Não experimentei a aplicação mas, quase que aposto que nos Termos e Condições de utilização, os criadores da aplicação já salvaguardaram a parte deles, responsabilizando somente os utilizadores pelo conteúdo submetido no caso de isto dar +ara o torto. Parece-me…

      • Armando says:

        Ui, sem stress. A minha opinião é que só seria ilegal se existisse legislação a respeito a sancionar estas condutas. Como não há, é mais uma questão ética do que outra coisa. Se não te sentes confortável a usar a app, ok, é compreensível. De qualquer forma, um cliente pode sempre frequentar o estabelecimento uma ou mais do que uma vez, obter a password e usufruir da internet daí em diante sem voltar a consumir. É sempre um risco, mas convenhamos que a esmagadora maioria das pessoas só irá usar a internet pontualmente, de passagem, uns kbs e pouco mais. Só com muito azar é que irão surgir uns abusadores de tenda montada em frente ao café a sacar torrents dias a fio… digo eu! 🙂
        Entretanto, o que eu verifiquei foi que a nova versão da app não permite gravar as passwords, ou seja, o botão de salvar o mapa desapareceu, a pedido da Google, segundo a explicação dada pelos desenvolvedores. No entanto, o mesmo botão continua funcional nas versões anteriores. É só sacar um apk do Mandic Magic anterior à v.1.9.3, aqui fica a dica. 😛

  25. Welbersom says:

    Por que nao aparece todos o wi-fi da cidade so alguns ????

  26. danilo paixão says:

    e metira nem aparece a senha de verdade senha errada

  27. Shake says:

    Isso é treta não advinha nada a senha,, isto funciona assim, eu por exemplo vou a um bar e peço a senha e meto a senha no mandic magic e assim quando outra pessoa for a esse bar e ligar o mandic magic aparece a senha desse bar,mas pk foi outra pessoa k lá a pôs,pk s ninguém a por no mandic magic ninguém a descobre

  28. Dave says:

    Bom bom, mas para quem tem o tlm q o gps n funciona n da

  29. Paulo says:

    Olá eu costumo utilizador o instabridge e acho muito bom 😉

  30. Hugo Figueiredo says:

    Ja uso “WiFi Map” a algum tempo, e gosto bastante..
    Tem uma base de dados ja razoavelmente composta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.