Quantcast
PplWare Mobile

LibreOffice 7.0 com 400 mil downloads numa semana

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Stalin says:

    “em apenas uma semana o LibreOffice 7.0 foi descarregado 422 938 vezes.”
    Uiiii, que fartura … Destes quantos são actualizações da versão ou versões anteriores?
    Mesmo a pagar, prefiro o MS Office.

    • Hugo Barreiros says:

      Sim, hoje em dia com 15€ tens o essencial do Office.

      • Mapril says:

        Se você pode ter o MS Office a 15 € é graças a produtos como o LibreOffice que ameaçam o monopólio da Microsoft. Por mim, acho que o LibreOffice é já melhor que o MS Office – mas eu experimentei ambos, ao contrário de muita gente que vem aqui deitar abaixo sem sequer ter usado o produto.

      • Spoky says:

        Onde é que andas a ver isso Hugo? No Ebay? Lojas de Keys? Isso é contra os termos de serviço da Microsoft, logo não podes dizer que existe a 15€ o que é mentira, a menos que estejas a falar da subscrição mensal de 4,90€ com fidelização.

        https: //i.postimg.cc/wjV3C3c6/Annotation-2020-04-16-104551.jpg

        Posto isto, podes comprar no Ebay, ou nas lojas de keys, no entanto só parceiros autorizados é que podem vender licenças. Caso contrário é ilegal, embora funcione sem problemas.

    • Mapril says:

      Aposto que nem o experimentou.

  2. Luis A says:

    Até o usaria se não fosse o menu da impressora surgir com caracteres estranhos e sem possibilidade de selecionar as várias opções do menu. Até cheguei a pedir ajuda à comunidade do LO mas nada. Já agora alguém tem uma possível solução? Tenho o W10 e o drive da impressora é o mais atual.

  3. Isabel says:

    Com o office da microsoft a ter 4M de downloads por dia, estes contentam se com 1% disso num mes.

  4. J. C. Lopes says:

    Bem. Dizer que o Base é um estilo de Microsoft Access é ir um bocadinho longe de mais.

  5. jorge says:

    Embora, esteja habituado ao microft office, por necessidade de alternativa, presentemente uso o libreoffice.
    estou a aprender e estou satisfeito.
    abraços

  6. Spoky says:

    Gosto de ver gente aqui a espumar de ódio, ofensas e críticas. Não podem ver uma ALTERNATIVA, isso mesmo uma alternativa leram bem, ao Microsoft Office que já vêm logo criticar

    Que não funciona, não presta, não serve, não ganha, não da, não é bom, não tem nada de especial, é mau etc etc etc, o típico argumento do ódio contra soluções gratuitas e open-source.

    Acordem para a vida, ninguem vós obriga a utilizar LibreOffice ou qualquer outra solução gratuita ou open-source. É e trata-se de uma alternativa ao Microsoft Office.

    Tem todas as funcionalidades? Não, talvez não tenha
    É melhor que o Office? Talvez não, talvez sim. Depende e varia das pessoas e das suas necessidades e dai?
    Não é completo? Talvez não seja, mas é gratuito e mais uma vez é uma alternativa.
    Ninguem usa? Mentira, existe quem use! E dê valor a isso. É uma alternativa a quem não quer pagar ou não pode pagar!

    Sempre a criticar, ninguem usa isso bla blah blah. Há sempre alguem que usa, há malta que tem de por na cabeça. São alternativas para quem pretende utilizar ou não pode pagar ou não quer pagar. São boas e excelentes alternativas.

    Não são completos? Paciência, ao menos existe! E muitos dos que estão ai, só críticam e de certeza que nunca chegaram a experimentar, experimentem e dêem uma oportunidade antes de criticar e explorem bem a coisa, só assim poderão criticar (isto para aquelas pessoas que só sabem dizer mal, mas nunca experimentaram o que quer que fosse).

    Por terem experimentado nas primeiras versões, não significa que seja mau. A cada actualização é melhorada e adicionado novas funcionalidades, não é como algumas pessoas que experimentaram versões de 2015 de X ou Y produto e existe uma versão a cada ano, como podem dizer que é mau se não experimentaram?

    E é isto, ganhem juizo. É open-source e é uma mais valia. Assim a Microsoft não anda com o monopólio nas mãos, pagar 50-150€ por uma solução office? Talvez viaveis para alguns que utilizam diariamente / semanalmente, mas não é viavel para quem usa 1x por mês ou nem isso!

    Não me venham com tretas, podem criticar e dizerem o que lhes apetecer. A minha opinião irá se MANTER.

  7. Rui says:

    Olá a todos
    Creio que seria interessante sempre que alguém faz um comentário a favor ou contra, acrescentar se têm uma utilização profissional ou não!
    Dito isto, compreendo que a maioria de utilizadores profissionais utilizam o Office por várias questões de compatibilidades e/ou funcionalidades; agora a maioria das pessoas que usa o Office em casa para abrir umas simples folhas de Excel ou Word, meus amigos, o libreoffice é mais do que suficiente!
    Eu sou um utilizador não profissional e estou muito satisfeito com o libreoffice

    • Joao says:

      Bom comentário.
      Eu uso o libre office profissionalmente em projetos de engenharia. Uso o Calc para os meus ficheiros com tabelas e formulas de cálculos que estou sempre a atualizar e a melhorar, o Writer uso para as memórias descritivas. Uso alguns ficheiros .xls de entidades oficiais, há alguns problemas de formatações, mas nada que não se resolva. Há muito tempo que não uso MS Office Word e Excell. Posso estar enganado mas na altura, a ideia que eu tenho é que eram mais lentos e consumiam mais memória que o Libre Office. O MS Office é sem dúvida a solução mais popular e possivelmente mais completa, mas eu dou-me bem com o Libre Office.

      • Rui says:

        Concordo João, o Office será sem dúvida mais completo, mas o libre será suficiente para muita gente, cabe a cada um experimentar e ver se satisfaz, simples! não esquecer ainda as constantes actualizações e melhorias que vão sendo feitas

    • jose says:

      Eu utilizo de forma profissional. Comecei no LIBREOFFICE por ter maior universalidade e compatibilidade de formatos (sempre gravou em PDF, sempre utilizou os formatos da microsoft, sempre utilizou todos os formatos de gravação libre). Além disso, utilizava vários sistemas operativos sempre com o mesmo office. As funcionalidade são mais do que suficientes, isto é, tudo o que o MS office faz o LIBREOFFICE também faz mais facilmente.

      • Rui says:

        Sem dúvida José, é tão simples a gravação em PDF, um grande ponto a favor do libreoffice!

        • Joao says:

          Por acaso também uso muito a funcionalidade de exportação para pdf. Um dos requisitos com o qual eu trabalho é a criação em formato pdf A, o Libre Office cria na boa, já o MS Office acho que não faz nada disso.

  8. silva says:

    Pelo menos não se paga.
    A Microsoft agora empurra para o 365 para ter sempre uma renda.
    Não preciso tenho o office 2010 e 2013 mas se precisar alternativa é na boa Libre Office

  9. Jmaia says:

    Para mim chega o Only Office

  10. jack says:

    Tenho uma Harley-Davidson, mas isso é para quem pode, e vocês não têm, Isto é conversa de meninos de escola primária que querem ter tudo igual aos outros. O libre office acredito que para 90 por cento das pessoas é bem suficiente. Obrigado aos desenvolvedores que gastam o seu tempo a desenvolver algo, até muito bom, e disponibilizam-no de graça.

  11. Sardinha Enlatada says:

    Bem nao devem ser tao poucos a usar, uma vez que o mundo linux e bastante vasto entao nao acredito que alguem que use linux esteja a usar o M$office ao inves do libreoffice. Salvo raras excepcoes. E realmente nao uso com muita frequencia o libreoffice mas gosto dele, e como falam e gratuito nao devemos nada a ninguem e ainda e legal. Ninguem do FBI precisa de bater a porta hehe. Obrigado equipa do libreoffice.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.