Quantcast
PplWare Mobile

Dica: Como aumentar o tamanho de um disco virtual

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Francisco Aragão


  1. abc says:

    Bom tutorial !
    Por acaso já tinha procurado sobre este assunto, mas deparei-me que eram precisos muitos passos 😛
    Já neste tutorial e graças a esta ferramenta torna-se simples o procedimento.
    Quero só referir 3 coisas, o nome dos ficheiros tem que ficar entre aspas (alguem pode nao saber) e o comando existing tem de ser –existing (com dois traços) e o tamanho do novo disco tem de ser o tamanho pretendido (ja incluindo a extensao, se não estou em erro).

    No final de fazermos a cópia do disco virtual é necessário criar outro disco no virtualbox, mas usando a nossa nova imagem (leia-se vdi). (o virtualbox já define o disco como primário)

    Bom trabalho 😉

    • Só é preciso por entre aspas se o nome do ficheiro contiver espaços,vou referir como nota, quanto ao existing com os 2 traços, eu pus lá, mas o parser não gostou. lol

      Sim, mas já criamos o disco novo com o tamanho pretendido no 1o passo.

      Obrigado 🙂

  2. Pedro Pinto says:

    Isto dá realmente muito jeito. Boas descoberta Francisco!

  3. abc says:

    Boa dica, por acaso no outro dia pesquisei sobre este assunto, mas os passos envolvidos eram mais trabalhosos.
    Queria só referir 3 pontos:
    O novo disco virtual criado tem que incluir o tamanho do disco que pretendemos expandir (incluindo o novo espaço extra, caso contrario não seria uma expansão).
    Os nomes dos discos na linha de comandos têm de ficar entre aspas, caso tenham espaços (alguém pode não saber).
    O comando existing para ser usado necessita de ser escrito na forma –existing (com 2 traços)
    Após criarmos o novo disco (já com maior espaço) é necessário “inseri-lo” no virtualbox, como se fossemos criar um disco vazio, mas com a opção “use existing hard disk” e seleccionando o novo disco.

    Bom trabalho 😉

  4. MobileAppS says:

    Boa dica…. com certeza que vai dar bastante jeito..:D

  5. Manuel Silva says:

    A propósito de disco do VirtualBox… recentemente precisei de aceder a um disco no modo RAW – ou seja, usar um disco inteiro numa máquina virtual.

    Usar o 2º disco (inteiro) de um sistema Windows (testado):

    VBoxManage.exe internalcommands createrawvmdk -filename ligacao.vmdk -rawdisk \\.\PhysicalDrive1 -register

    Usar a 2ª partição do único disco de um sistema Windows (não testado!):

    VBoxManage.exe internalcommands createrawvmdk -filename ligacao.vmdk -rawdisk \\.\PhysicalDrive0 -partitions 2 -register

    Para mais sobre o assunto (nomeadamente a identificação de disco no Linux): http://www.virtualbox.org/manual/ch09.html#rawdisk

  6. phoenux says:

    Ainda não conhecia esta opção de clone do VBoxManage. De facto muito útil.

    Quando precisei de expandir uma imagem virtual utilizei o gparted para fazer todo o processo, utilizando o copy-paste de partições do gparted. O processo é descrito neste link http://www.my-guides.net/en/content/view/122/26/.

  7. Hawk says:

    Excelente dica! Muito obrigado.

  8. Hawk says:

    Tem como fazer um novo post com as dicas do GParted?
    Obrigado.

  9. Rui_ says:

    O mesmo se aplica com SATA?

  10. Exkalius says:

    Francisco, em poucas palavras resolves o que muitos decidem complicar!!!

    Bom tutorial, resolveu o meu problema.
    Após o clone com sucesso o GParted trata do resto…

    Obrigado

  11. Flávio says:

    Muito obrigado pelo post, me poupou bastante tempo!

  12. Denis says:

    Foi de grande ajuda o tutorial….valew ai….muito obrigado…

  13. Cícero M says:

    Amigo, belo tutorial. Simples, rápido e prático.
    Me ajudou aqui! Um abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.