Nougat tem o 2º lugar e vai assumir liderança do Android em breve


Destaques PPLWARE

17 Respostas

  1. PL says:

    Pra mim o verdadeiro problema do android nao e o android, sao os fabricantes, como e possivel o 6.0 que ja em 2015, ainda ser o mais usado.

    claro que a google nao tem culpa, porque as marcas deveriam dar suporte pelo menos a todos os dispositivos que custassem mais de 250 dolares na entrada de mercado, pelo menos nos dois anos seguintes com obrigatoriadade de atualizar os seus dispositivos.

    • Joel Reis says:

      E quantos users estariam dispostos a pagar por isso? Qual a percentagem de users que dão importância a isso ou que sabem sequer a versão de Android que têm?

  2. Não Interessa says:

    A evolução do Oreo devem ter sido todos os Xiaomi Mi A1 que fizeram update (meu caso) 😛

  3. sss says:

    Como developer, duvido que vá aumentar o “minSdkVersion” para maior de 19 durante mais um ano ou dois 😀

    • Belmiro says:

      Tirando box de TV que mesmo muitas estão na 4.4 para sempre, de resto a grande maioria dos terminais (e daí dependendo do objetivo da aplicação, adequar) já estão em Android 5 e 6.

      É uma tristeza ver este panorama, mas enquanto as marcas virem que são recompensadas mesmo não atualizando o software (leiam-se a maioria das marcas fracas de lojas online ou as mais baratas das grandes superfícies), então para quê? A Google também não se mata demasiado… Se tivesse imposto que todo e qualquer terminal a partir já da 6 era obrigado a receber updates mensais e a evoluir até à 8 … Mas não.

      Pior, mesmo os modelos de muitas centenas de euros que recebem a 8 não suportam o projeto de updates, salvo os da Google. Escandaloso.

  4. V.T. says:

    E houve “Obsolescência Programada”??? Ahahahah…

    • Vítor M. says:

      Obsolescência Programada? Depende das marcas. Há marcas que não têm intenção de evoluir os seus equipamentos passando estes a um estado de Obsolescência natural, tendo em conta e evolução dos sistemas operativos. Há outras que querem e bem, do meu ponto de vista, levar o mais longe possível a evolução dos sistemas operativos dentro dos seus equipamentos, havendo uma Obsolescência Programada porque as empresas sabem que os equipamentos irão ficar lentos com os novos recursos, faz parte do mercado.

      O que entendes tu por Obsolescência Programada?

    • Jorge Carvalho says:

      Estás a referir a todos os Android cujo kernel não vai receber updates para combater o Spectre ?
      Incluindo o meu … 🙁

      Abc

  5. Elkido says:

    Eu comprei um Doogee Mix 2 em Dezembro de 2017 com Android 7.1.1 Nougat e eles disseram que provavelmente iam actualizar para OREO….a ver vamos…

    • Jardas says:

      O meu velhinho iPhone 5s mesmo passado 4 anos rola a última versão de iOS , deveria haver mais rigor e preocupação de parte dos fabricantes de dispositivos Android , pois muitos dos equipamentos por mais potentes que sejam a nível de hardware, em pouco tempo ficam obsoletos a nível de software.

      • Belmiro says:

        Jardas, isso nao é verdade. Um Android 4.4 corre a grande maioria das Apps existentes, assim como um Android 5 ou 6 correm quase 100% das Apps e tem quase todas das funcoes dum Android 7 ou 8, salvo coisas pontuais. Isso no iOS nao é assim e cada versao de iOS traz várias alteracoes importantes (e outras nem toca…e deviam).

        Ainda assim o mais grave é que muitas marcas nem nos 18-24 meses dao atualizacoes de seguranca ou mudam para outras versoes novas. Vendem o hardware, dao um par de updates e já está. Se nos modelos abaixo de 200€ é compreensível, nos 200-1000€ devia ser obrigatório dar TODOS os updates de seguranca e versoes dentro de 24 meses que o hardware aguente com fluidez. Infelizmente nao é assim.

        Daí que eu já resolvi estagnar o barco. Tenho um S8 e vou parar os desinvestimentos em terminais: até 2019-2020 há muitos problemas a colmatar:
        – ARM tem que ter o patch resolvido por hardware (os SoC de 2018 ainda nao estarao corrigidos)
        – Oreo com projeto Treble. A ver o que fazem as marcas, como fazem, quando fazem, etc
        – que novidades trazem os novos modelos. Parece-me “mais do mesmo”…

    • Roger says:

      Eu também estou na espera…

    • Sergio says:

      A doogee nao atualiza os seus aparelhos .
      Obrigado pela a atenção

  6. Eduardo Pais says:

    Boa tarde
    Tenho um Blackberry android 6.0.1 do modelo dtk50. Como não sou um expert na matéria, gostaria que me informassem, se será possível instalar, via google play store, versão android mais atualizada, como marshemellow ou nought??

    cumprimentos.

    Jorge Pais

  7. Jorge says:

    Eu tenho Nougat graças ao root. E tenho as permissões abusivas das apps bloqueadas também graças ao root. Tenho ainda a publicidade excessiva “built-in-apps” bloqueada graças ao root. E tenho acesso a todas as configurações possíveis, como acelerar ou desacelerar a CPU, graças ao root.

    O problema dos smartphones não é a fragmebtação. É a ESTUPIDEZ da Google, associada à das fabricantes, de não deixar os donos serem de facto donos daquilo que compram, tal como somos donos dos PC que compramos.

    É um problema de OBSOLESCÊNCIA PROGRAMADA, um risco de segurança, uma violação dos direitos dos consumidores. ROOT NATIVO JÁ!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.