Quantcast
PplWare Mobile

ZenWalk Linux – Um Slackware para substituir o Windows XP

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. Carlos says:

    “Substituir o Windows XP”

    Parece-me boa ideia.

    Claro que todo o software que funciona no Windows XP deixa de funcionar, e não me venham com a conversa do Wine, e isso para não falar dos drivers que já não existem para hardware tão antigo. E, obviamente, ignorando os drivers para hardware especializado, que só existem para o XP (ou pior ainda, para o Windows 98).

    E ignorando ainda o pormenor que muitas das pessoas que usam o XP não tem sequer a opção de o atualizar. Mesmo que quisessem, e não querem.

    E quando foi a última vez que alguém deitou fora um frigorífico que funciona para comprar outro novinho em folha que faz exatamente o mesmo? Com os computadores acontece a mesma coisa. Funciona? Não mexe!

    Mas tirando isso é uma ótima ideia.

    • navyseal says:

      As pessoas podem não se preocupar muito se o velho frigorifico gasta mais ou menos electricidade. Mas o PC com winXP sem suporte oficial é um risco ou uma bomba relógio, a qualquer momento pode ser alvo fácil e sofrer as consequecias .

    • leor says:

      Não atualizas o frigorifico deixas de ter o frio e luz nele. Ou pagas por um novo porque não há mais lampadas vindas do fornecedor para esse tipo de frigorifico ou arranjas uma alternativa, daí vir o Linux no sitio do XP em vez de comprar um computador novo.

      Se não atualizas para o 7 ou 8 acabbas por perder muita funcionalidade para XP, ficas atrás no tempo com material da idade da pedra. Aproveita e instala o LaciOS que é o mais recente sistema operativo português. Funcionalidade e estabilidade 100% garantida.

  2. António Oliveira says:

    Boa tarde.

    Julgo haver algum engano no link de download, já que a versão mais recente é a 7.4 e não a 7.0.

    Cumprimentos

    António Oliveira

  3. ElectroescadaS says:

    Logo agora que instalei o PCLinuxOS no meu Fujitsu Siemens V5515 (chip gráfico SIS 3 Mirage e tinha a funcionar sem problemas o Win7 Profissional) vocês aparecem-me com outra distro de fácil utilização? Vocês são mauzinhos… 😈

  4. jorjão says:

    Pedro Pinto: em relação ao Manjaro, que tenho instalado no Netbook da Asus e que funciona muito bem, achas que este é mais rápido?
    Tenho também acompanhado um projeto lusobrasileiro o LaciOS, baseado em Debian Testing que tenho a correr em máquina virtual, que me parece ser bem levesinho e bem rápido.
    Cumprimentos

  5. Redin says:

    Com o azar que tenho tido no sucesso de utilização de várias distros Linux e a acreditar nesta frase “Uma vez que o processo de instalação não é muito amigável…” não deve ser muito difícil vir a sofrer do mesmo problema.

    • António Rocha says:

      Já não instalo ZenWalk há algum tempo, mas já conheço há vários anos, e já testei varias versões, sempre gostei da performance e aspecto.

      Acabei por troca-lo pelo Elementary OS ainda nas versões beta.

      Alguém sabe quais foram as melhorias implementadas nesta nova versão ?

    • Jorjão says:

      Nada como esperares pelo artigo que vão colocar aqui no pplware.

  6. urko says:

    Ele não é tão amigável para instalar e configurar para quem está acostumado com versões debian,mas cumpre realmente o que promete.Distro rápida e com muitos recursos.

  7. Interessante.
    Eu sou fanático pelo re-aproveitamente de Hardware “obsuleto”.
    O problema que quase sempre me deparo, é que os requisitos das pequenas distribuições de Linux, é que na prática, mesmo com Hardware superior ao que é descrito como necessário, o computador acaba sempre por ser demasiado lento.
    Outro problema com que deparo muitas vezes é com a dificuldade em algumas distros de conseguir colocar som e video a funcionar….
    Ainda não experimentei esta versão, mas vou experimentar estes dias.

  8. lmx says:

    Esta distro parece ser interessante… ha muito que ando para testar…

    By the way…alguém percebeu o que aconteceu ao Pear OS??

    https://plus.google.com/+brendengonzalez/posts/YB5WHv2zRoF

    Segundo aquilo que eu suspeitava, não pode ser feito um Fork do pear…apenas de toda a parte que não é propriedade do Pear…

    ou seja, so pode ser feito um fork, de todo o software que é apenas usado pelo Pear, mas que não defina nada no pear…software não alterado no pear…

    A coisa fica mais estranha..porque brenden gonzalez, fez um fork e chamou-lhe Clementine OS…e derepente eis que recebeu uma intimidação da uma gigante americana, que ele diz não ser a Apple…agora ficou estranho…será que ele não a pode afirmar porque assinou documentação nesse sentido??

    pplware, façam la um artigo sobre isto, que está a ficar de doidos…detesto, quando ha este suspanse todo 😀 , será a google??

    ho my god.

  9. Shynkendo says:

    Boas,já agora, então sobre o kolibriOS com apenas 6Mb alguem sabe o que se pode fazer com esta distro?

  10. Sardinha Enlatada says:

    Para quem gosta do Zenwalk tal como eu foi lancada recentemente uma nova versao, e recomendo. Esta muito boa a distro. Alguem falou que nao era tao facil de instalar ? Pelo contrario e a distro mais facil de instalar do mundo. Nada de complicado. E fica tudo a funcionar apos a instalacao sem ter de se mexer em configuracoes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.