PplWare Mobile

Tianhe-2: A máquina mais poderosa do mundo tem GNU/Linux


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. DoContra says:

    Uiuiui!!! Vou já buscar as pipocas. 😀

    • gFan says:

      Não é necessário, a apple não entra neste tópico. lolol

      • DoContra says:

        Mas vai “haver sangue” entre os defensores da “sua” distro. 😉

      • Not an iDiot says:

        Apple? Ha estas a falar daqueles pc’s que compram o mesmo hardware que as outras marcas tambem compram, e que se utilizam do unix escrito por dennis ritchie?
        Ainda estou para perceber porque esses pc’s custam 3 vezes se o hardware e igual aos outros e o sistema operativo foi escrito para ser distribuído de graça…

        Iam no iDiot…

  2. TeArs says:

    Será que corre Minecraft ?

  3. raul leal says:

    Não me espanta nada, afinal de contas esta super-maquinas não são para andar a fazer um Word ou consultar um Excell. são para fazer processamentos específicos e se calhar muitas vezes o Linux usado é compilado a medida pra lidar com o HW existente.

  4. Vlad says:

    Por favor utilizem o sistema de escalas do nosso país. Um peta não é um quadrilhão mas sim um milhar de bilião. Já não basta termos países a usar um sistema de escalas que não faz sentido nenhum, infelizmente temos os blog dos países que utilizam um sistema lógico de escalas a espalhar o sistema anterior.

  5. Mikes says:

    Acho que vocês podiam melhorar a informação e não apenas despejarem estes dados.
    Algumas informações que podiam meter no artigo:
    – Para que serve um supercomputador?
    – Podiam explicar esta frase “e obviamente tem como sistema operativo o Linux.” Porque é que se usa Linux nos supercomputadores?
    – Podiam inclusivamente tentar explicar porque é que se usa Linux nos supercomputadores e não nos computadores?
    Isto sim, podia ser um bom artigo. Agora virem com uma lista que a 99% das pessoas não diz nada, não adianta grande coisa como informação.
    É tipo: hum… ok… que giro… next.

    • Pedro Pinto says:

      Boas Mikes,

      Este não é um tema de hoje, Já no passado falamos sobre isto. O facto de usarem Linux, na minha opinião, deve-se à flexibilidade. Nos computadores…lá está, a Microsoft lidera o mercado

      • Mikes says:

        Eu percebo porque usam Linux e faz todo o sentido, já que estamos a falar de máquinas de processamento bruto e de software feito à medida para os trabalhos (não dão para jogar, como sugere um comentário mais abaixo, eheheh).
        Apenas deixei a ideia que podia ser útil para enquadrar a utilidade destes “bixos”.

  6. JJ says:

    Este artigo esta um pouco confuso.
    Então o Linux tem 71.8%… mas o que esta em segundo lugar tem 8.4% é o “Cray Linux”… então os dois não são Linux? Isto para não falar dos outros…
    Entendo quando falam em “Linux” falam nos mais variadas distro/adaptações classificadas ou não. Mas o Linux, com um todo, é muito mais do que os tais 71%.

    Agora, quando ao Windows não ser um SO para super computadores, é algo lógico. Enquanto o Linux é um SO totalmente personalizado, adaptando-se as características pretendidas neste caso super computadores. O Windows é um SO para os utilizadores em geral para terem uma boa utilização, com a menor necessidade de adaptações.

  7. Charles says:

    …ter descido de 71% para 76%…. ?!

  8. Nuno Santos says:

    Queria um destes para jogar!! Se as gráficas condizem com o número de cores…

  9. Sérgio J says:

    Estes supercomputadores tem hardware e necessidades especificas. Windows é um sistema fechado. A escolha é óbvia. Depois o software que aí é excecutado também é muito especifico.

  10. Sérgio J says:

    a HP é a grande lider, mas sem colocar nenhum num top 10. Na realidade apenas tem 5 maquinas no top 100 e a primeira aparece em 33º lugar.

  11. censo says:

    Fantastico! Pplware hoje está imparavel. É só noticias a deitar abaixo o windows. Limitem-se à notícia. Deixem-se de comparacoes absurdas.

  12. Paulo Gonçalves says:

    Certamente que não usam windows da mesma forma que não usam nenhuma das distros linux disponiveis para o público.

    • rand says:

      RHEL 6.2, CentOS, SUSE Linux Enterprise, Scientific Linux e RHEL 6.4 encontram-se disponiceis para o público (são distribuições Linux que não se encontram na fatia verde) o Cray Linux Environment tabém o podes obter se adquirires um sistema da empresa Cray.

  13. DEVAXTATOR says:

    bem so posso dizer uma coisa ja viram os consumos de energia? o segundo consome metade da energia e tem um terço dos cores… pue guys P.U.E mas isso sao outras conversas.

  14. kokoloko says:

    O Linux é uma maravilha! 🙂 Tanto funciona nos microcomputadores como nos supercomputadores. Eu uso-o nos meus computadores: um Pentium IV 3.2 Ghz e num outro
    novo acabadinho de comprar, um Intel Core i5 3.2 Ghz! Neste último, o Linux corre a uma velocidade incrível! Por isso, e porque gosto de ver as coisas a acontecer no ecrã não o tenho utilizado muito. Sem dúvida nenhuma que prefiro o Pentium IV para Linux e posso dizer que um óptimo processador para este sistema operativo e bastam 2 GB de RAM. É claro que os 4 GB seriam muito bem vindos. Eu usei o meu intel i5 para correr o programa FDUPES a fim de encontrar ficheiros duplicados numa pasta de 5 GB ! Bastou escrever o comando e carregar no Enter e já está! Eu nem queria acreditar!
    É claro que para o mundo corporativo – supercomputadores – quanto maior for a potência do processador, melhor! Mas os 33.86 petaflops (mil biliões de cálculos por segundo) devem ser uma autêntica vertigem! 🙂

  15. ww55 says:

    Estou pensando!! o windows parece ser mais um gerenciador de janelas assim como o KDE XFCE GNOME etc…

  16. Rui Castro says:

    Nunca se usa Windows porque a licença do Windows é paga por core se não estou em erro. Ficava um balúrdio. Normalmente estes super computadores são custers e Linux é o ideal para isto, ate mesmo para afinar o sistema às maquinas. Quando saiu a Playstation 3 e como era barato para o que tinha, US Air Force criou um cluster com 1760 PS3, claro teria que ser com Linux, não só pelas vantagens que mencionei mas porque o processador não é suportado pelo Windows. Já agora, não poderam utilizar a versão slim porque este já vinha bloqueado para não ter Linux (A Sony não ganhava dinheiro em jogos com estes LOL).

    • Carlos says:

      É né, pelo barato uma licença do Windows Server custa 200 dólares por core. Num computador com 3 milhões de cores, como dizia o outro, é só fazer as contas.
      (mesmo tendo em conta que não se trata efetivamente dum só computador, é um cluster de computadores)

  17. int3 says:

    Esqueçam lá o Azure. Mesmo assim, o azure, corre maior parte em Linux o que é interessante. Mesmo assim não fica na lista 😀

    • Carlos says:

      Acho que estás a confundir serviços de computação na cloud com supercomputadores.

      Um supercomputador é um cluster de computadores que basicamente apenas realizam uma tarefas altamente especializadas, e só uma de cada vez, por isso se considera ser apenas *uma* máquina.

      Um serviço de computação na cloud é um cluster de computadores que realizam milhares de tarefas não necessariamente especializadas, que vão desde coisas como cálculos matemáticos complexos a fazer combinações de equipas no TitanFall passando pelo alojamento de sites, servir de infraestrutura para os vários serviços online da Microsoft (OneDrive, Outlook.com, Office 365, etc, etc) e não só da Microsoft: a Nós, por exemplo, usa os serviços de streaming de video do Azure para fazer as “gravações”.

      São coisas bem diferentes.

      Por isso os serviços de could computing da Amazon, da IBM, da VMWare ou da RackSpace também não aparecem na lista.

  18. sakura says:

    o gnu/linux não está só nos “”SuperPCS””
    https://www.youtube.com/watch?v=yVpbFMhOAwE (2012).
    a MS deveria ofrecer o windows10…..

  19. VC says:

    GNU/Linux sem dúvida o melhor SO alguma vez criado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.