PplWare Mobile

Manjaro Linux – Um Arch Linux fácil de instalar


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Jorge Rodrigues says:

    Mt engraçado, vou testar 🙂

  2. Vitor says:

    Como assim não é uma rolling distro a 100%?

    • Pedro Pinto says:

      “They still have a rolling release but not so fast as Arch-Linux might be. AUR is still usable and you have all features you know from Arch Linux. This way we provide a stable system which is still up to date.

      http://blog.manjaro.org/about/

      • Sérgio Marques says:

        Mas Pedro, o conceito de Rolling distro deve estar um pouco baralhado. Aquilo que disseste “…não tem um ciclo de releases de X em X tempo – como por exemplo o Ubuntu que sai de 6 em 6 meses…” representa o modelo de standard release. As rolling distro são aquelas que não têm um ciclo de disponibilização fixo mas sim ocasional em que as novas versões só são lançadas quando lhes apetece e com todas as atualizações desde a última versão até à data atual. O Ubuntu não é um desses casos. Como exemplo de rolling distro tens o arch, o pclinux, gentoo e com certeza mais. No caso das rolling distros não é necessária a atualização de versões uma vez que através do gestor de pacotes ou linha de comandos atualizas o sistema para as novas versões disponíveis. Por exemplo do ff 15 para 16 e do xfce 4.8 para 4.10. O Ubuntu não tem essas características. Por exemplo no 12.04 a versão xfce é a 4.8. Se quiseres a 4.10 tens que compilar ou utilizar o ppa xubuntu.

        • Pedro Pinto says:

          Boas Sérgio, é isso que disse: “não tem um ciclo de releases de X em X tempo – como por exemplo o Ubuntu que sai de 6 em 6 meses (este é o exemplo do X em X tempo)” ou seja, o Ubuntu não é rolling distro porque tem é uma distro que sai de X em X tempo..talvez o PT dê a entender que o Ubuntu é uma rolling distro.

          Recorrendo aqui a uma artigo que já publicamos:
          Uma rolling distro para quem não sabe é basicamente uma distribuição que não tem um ciclo de releases de X em X tempo(como por exemplo o Ubuntu não é uma rolling distro porque que sai de 6 em 6 meses). Assim, as rolling distros estão sempre com os repositórios super actualizados com as ultimas versões dos pacotes, permitindo um sistema mais bleeding edge.

      • R.Santos says:

        Texto conturbado, interpretação da tradução errada.
        Ciclo de lançamento com período curto, não é rolling release, apenas lançamento de uma nova versão.
        Ele têm rolling release, mas não tão rápido como Arch Linux pode ser. AUR ainda é utilizável e você tem todos os recursos que você conheça entre Arch Linux. Desta forma, nós fornecemos um sistema estável que ainda está atualizado.
        Forever Linux

  3. guerreiro says:

    manjaro, kahelOS, cinnarch, archbang, bridge…. a ubuntização do arch linux, a principal razão pela qual o arch é tão bom é fazer o proprio OS com o que realmente precisamos e não com o que alguns devs acham que precisamos ou seja a capacidade de escolha, o arch instala-se em 10 minutos e realmente não é preciso ser-se “crominho” basta saber ler e ter alguma capacidade de compreensão estes derivados não tem o minimo interesse, não apresentam nada de novo

  4. Francisco says:

    PPLware e que tal um tutorial para instalação e personalização do ArchLinux nativo ? 😀

  5. ElectroescadaS says:

    Aqui o vosso amigo electrificado irá começar a dar os primeiros passos mas é em Ubuntu e Xubuntu. 😀

    Não compliquem mais sff.. :mgreen:

  6. Gonçalves says:

    Um bocadinho Off-topic…
    Não sei se tem acompanhado a evolução do samba 4, mas gostaria que abordassem o tema um dia destes. Finalmente vão lançar a versão 4.0.0 no dia 11 de dezembro.
    Cumprimentos

  7. Luis Martins says:

    Boa tarde

    Se quiser testar pode ser montado numa máquina virtual criada por exemplo pelo VMware?
    Obrigado

  8. Glink says:

    Foi lançada à pouco a beta do elementary os aconselho a dar uma vista de olhos, estou muito inclinado a mudar-me para o elmentary, pois a equipa tem bom gosto e tem algumas inovações na manga para o mundo linux 😉

  9. Willian says:

    Se o Arch fosse menos complicado para instalar com certeza seria bem mais usado, é uma distribuição muito boa.

    Glink, obrigado por avisar sobre o Elementary 😀

  10. monux says:

    – Ja estou com o Manjaro instalado e rodando o xfce.Nao achei muito estranha a instalacao pois e similar a outras distros.Preferi compartilhar a experiencia no Peopleware antes de configura-lo.Como ja devem ter percebido,hehehehehe.
    – Abr;os

  11. sakura says:

    Instalar o archlinux é uma boa maneira de aprender Linux . vou testar este mas agora, suporte para o Steam (versão beta) ver o que dá.

    sorry but. Off-topic :
    OMG……
    # mount /dev/sdb1 /mnt
    # arch-chroot /mnt
    */acabe de configura o systema/* ao seu gosto… #pacman -S xfce4
    # pacman -S xorg-server xorg-xinit xorg-server-utils
    # pacman -S mesa
    # pacman -S xf86-video-ati */(diver video meu ati) /*
    # pacman -S xorg-twm xorg-xclock xterm
    startx */deve dar erro /* fatal s error: no screens found
    ctrl c
    # pacman -S ttf-dejavu
    #pacman -S xfce4 */ mais de 15min I LOVE PT (-_-‘) /*
    #exit
    #reboot

    bot form pen …
    #login:root
    #passe:
    #startxfce4
    ctrl+alt+F2
    login…
    #pkill x
    #startxfce4
    ctrl+alt+F2
    #pkill x
    repetir ate ter rato
    nota: Continuo s/net graças a um sagem 800. Usb 2-2:[ueagle-atm] Reading cmv failed with error -110 e este não é meu. manda para lá Tor.

  12. Pedro A. says:

    “O Arch é uma distribuição desenvolvida com o objectivo de ser o mais simples possível, dando ao utilizador o poder de tomar o maior numero de decisões possíveis quanto à sua configuração.” Acho que são duas coisas incompatíveis… Ou é o mais simples possível, sem grandes opções de configuração, ou então permite ter o maior número de decisões possíveis de customização e aí deixa de ser simples.

    • rand says:

      Aí é que te enganas, tú para teres um sistema arch a funcionar só precias instalar o pacote “base”, se quiseres mais alguns extras acrescebtas a “base-devel” e apartir daí instalas apenas aquilo que queres e configuras como tu quiseres mais simples que isto parece.me impossivel e mais configuravel que isto talvez só mesmo o gentoo. 🙂

  13. monux says:

    – É normal o Uso da CPU permanecer em 100 % neste SO ????
    – Ou o meu PC é que está “estressado”.rsrsrsrs

  14. Luis Martins says:

    Boas

    Instalei de raiz num portátil fujitsu-siemens antigo com xfce e estou bastante contente com a performance gráfica e do cpu.
    Agora é aprender a personalizá-lo e mais algumas coisas que não compreendo bem. Prefiro este ao Zorin que também testei mas não gostei e para já também não troco pelo Fuduntu.
    Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.