Quantcast
PplWare Mobile

FIFA 16 confirmado …

                                    
                                

Autor: Paulo Silva


  1. Dc says:

    Hey, vamos meter uma finta nova, uma celebração diferente, actualizar as equipas dizer que o jogo agora é mais imersivo que nunca e yada yada yada yada… *poof* FIFA 16!

  2. Carlos Silva says:

    De valor, era ser multiplataforma, aka Windows + OSX + Linux, mas estamos a falar da EA, portanto, lá para o dia de S. Nunca à tarde…

  3. Paulo says:

    Enquanto não tiverem gráficos realistas e o publico como na tv, que ocupe estilo GTA V, uns 50gbs mas com gráficos absoltamente de babar não compro mais nenhum fifa ou pes pois desde o 4 são todos a mesma coisa..

  4. just a detail... says:

    Espero que o próximo FIFA fale sobre a corrupção que lá anda!!!

  5. joão says:

    Este FIFA 16 corre um grande risco de ficar obsoleto.

    Hoje foi notícia a detenção de altos quadros da FIFA e lideres máximos de confederações nacionais como o Brasil, e a procissão ainda vai no adro. Até a UEFA já entrou em rota de colisão com essa poderosíssima organização de mundialização. Os mundiais na Rússia e no Qatar estão em perigo.
    A própria organização pode vir a mudar de nome porque este acarreta atrás de si um cheiro nauseabundo.

    Na verdade, como é possível que a meio da segunda década do séc. XXI, no desporto mais globalizado do mundo, um espectador de bancada possa, quase em tempo real, rever um fora de jogo, um falta para penalti, um golo irregular, etc., bastando para isso um smartphone , ao contrário dos árbitros para quem a mesma consulta se encontra vedada ( exceptuada a linha de golo e apenas no mundial). Pense-se,a título de exemplo, o que aconteceu recentemente ao clube Mónaco sancionado que foi com um penalti por uma falta ocorrida fora da grande área o que ditou o seu afastamento das meias finais da Liga dos Campeões com um prejuízo de milhões, não só para o clube mas para o valor dos passes dos respectivos jogadores.

    Em contraste com a pobreza tecnológica aplicada ao futebol, compare-se o com o que acontece na NFL, NBA, rugby, ténis, natação, artes marciais etc.

    É certo que os americanos, cujo departamento de justiça comanda as operações de investigação, vão aproveitar para meter a mão na organização mais importante do mundo cujo controlo lhes escapava. Mas estes monarcas absolutos da FIFA agora sob investigação foram longe de mais, ou melhor, longe de menos, menorizando o futebol ao nível de um clube de bairro e viciando os modelos competitivos de tal maneira que, neste momento, um vencedor de uma liga dos campeões só dificilmente escapará de um quarteto de omnipresentes que todos conhecem, assim como em Portugal o título dificilmente escapará a um de dois clubes. Os restantes são aquilo que os brasileiros designam de “fregueses”.

    Que interesse terá um modelo competitivo destes que em vez de FIFA é uma autêntica fífia mais ajustada ao acrónimo QGPP ( Quatro Grandes Papam Pequenotes ) e tecnologicamente recuado às primeiras fotos do final do séc. XIX.

    • Pedro Oliveira says:

      Isto vai ser muito dito num tom de relaxamento e descontração mas o mundo só vai ficar bem quando o futebol for de todos para todos, e as pessoas perceberem que o que importa é ter uma bola, duas balizas e 22 jogadores (no caso de futebol de 11). Árbitro somos todos, Claque somos todos.

      “For the Game, For the World”
      Como se isto fosse verdade…

  6. AlexX says:

    Gostava de ver implementado negócios que vendassem ou iludissem os olhos dos árbitros sempre que conveniente, tornar a coisa mais realista 😀

  7. jose says:

    Trazer os estádios portugueses

  8. R!cardo says:

    A sorte do Fifa 16 é que o PES vai acabar, só espera que seja tudo mentira.

  9. Caio says:

    Vai ser ótimo se coloca brasileirao ou libertadores nessa edição de FIFA 😀

  10. Zé da Feira says:

    Pagar 60€ por um patch! Não obrigado.

  11. Hugo says:

    Falta muita coisa, apesar de ultimamente ser muito melhor que Pro Evolution Soccer, falta uma versão séria para PlayStation Vita e incluir um modo futsal a titulo experimental, com as melhores equipas europeias por exemplo.

  12. Pedro Oliveira says:

    Se eu fizesse jogos de futebol, só lançava um jogo novo (a valer 60€) de 4-4 anos. Um patch faz-se muito bem para atualizar jogadores, equipamentos, equipas, etc…

  13. Ruben says:

    Com tanto jogo vendido acho que podiam seriamente começar por rever os servidores. Lag de bradar os ceus. Estadios Portugueses. Melhorar o sistema online. Enfim. De ha 2 anos para ca que sinto-me enganado pela EA Sports pois o lag deles e surreal nem no UT posso jogar pq tenho centrais a correr mais que wallcots e por ai adiante.

  14. SrBla says:

    https://www.youtube.com/watch?v=siVeBCaYeko

    Esta deve ser a maior novidade do jogo…

  15. TiagoSantos says:

    “Num breve e enigmático comunicado, a EA Sports remete para amanhã (dia 27 de Maio) novidades mais concretas sobre o próximo capitulo de FIFA.”
    Esse amanhã é dia 28 de Maio, não 27 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.