Quantcast
PplWare Mobile

Eis o momento esperado… UEFA Euro 2016 anunciado

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Paulo Silva


  1. RenatoNismo says:

    o pes da konami promete o sol e entrega-nos asteróides, simplesmente mais do mesmo e com engine sem grandes melhorias há 1 década.

  2. Go says:

    Isto é marketing ja gasto e vomitado ainda por cima quem percebe de programação vêm valorizar uma programação recauchetada ja usada de raiz na ps3 e Xbox 360 que foi optimizada paras as novas consolas alguma vez terá um potencial de se destacar das versões anteriores???
    Claro que não seja o pes ou fifa os monopólios da bola ja habituaram a lançar updates e mais uns pixels na tela a preço de ouro…
    Quando fizerem críticas à sequelas por favor tenham em conta ao que já foi feito antriormente é que infelizmente tal como acontece em jogos de fórmula 1 alternativas nos tempos de hoje simplesmente não existe!

    • Paulo Silva says:

      Então pode-se depreender das tuas palavras que não acreditas no jogo UEFA Euro 2016???

      E já agora, permite-me adensar um pouco mais o assunto …
      Pelas tuas palavras dá para perceber que consideras que, tanto a Konami (PES) como a Electronic Arts (FIFA), deveriam pensar em desenvolver novos motores de jogo para os seus jogos futuros de futebol… é isso?
      Permite-me perguntar-te … em que outros aspectos poderiam/deveriam ainda investir?
      (atenção que esta minha questão é no sentido de promover um diálogo saudável sobre o assunto)

      • Go says:

        Caro Paulo Silva, vamos ver se me faço perceber por texto, mas terei que recuar para me fazer entender e escrever um testamento 😀 pois sou um apaixonado pelo trabalho já efetuado e leva me a ser um pouco exigente nos tempos de hoje.

        Pela minha (alguma) experiência ( acompanhei a industria nas consolas em 1996 com a minha playstation sem nunca ter tido a possibilidade de ter outras consolas) mas principalmente desde 1998 que a industria dos jogos era algo realmente fresco e inovador, é difícil de contar esse sentimento, pois claro que havia o PC que tinha aquela qualidade gráfica bem superior e (invejável) lá em casa, mas o pc na altura era mais para o pai trabalhar do que para jogos…

        Talvez pela quantidade de empresas que se aventuraram nas consolas, quase todas elas tiveram títulos que realmente eram viciantes tenho a certeza que o segredo primava por realmente ter um produto com qualidade, fresco, inovador, sem copiar muito os outros e com o mínimo de bugs pois se bem te lembras se fosse um jogo que na sua sequela fosse pior traria uma má receção logo más vendas o que levaria a que provavelmente fechasse.

        Estou me a lembrar por exemplo o viciante e ambicioso Formula 1 97 que tinha o motor do primeiro F1 mas em alta resolução que infelizmente não se fala mas foi um estrondo de vendas com muito sucesso incluido no nosso pais esteve meses no top 1, mas com com a mudança para a VS o resultado foi catastrófico e todos eles eram muito maus jogos sem sucesso algum mesmo depois apoiado dela sony.
        Comprei uma dreamcast adorei a consola mas claro quando saiu a ps2
        foi inevitável pois as revistas fixeram marketing agressivo e claro na altura fiquei encantado, mas depois adquiri a xbox era horrorosa mas em qualidade era muito supreior á da sony, o grande problema e é ai que queria chegar era o raio das conversões!!
        Pois achei estranho muitos jogos que eram feitos, eram igualinhos aos da ps2, pois claro comecei a procurar informação em revistas sem ser da propria playstation e xbox e logo percebi que ter 2 consolas de topo tinha coisas boas, e más pois eles apostam e programam de raiz na consola que sai primeiro e a que dá mais garantias de vendas.

        Mas o curioso é por exemplo nunca saiu nenhu, jogo que se jogava na psx 1 com o mesmo motor de jogo para uma ps2 pois além de eles realmente quererem impressionar e mudar a consola era realmente muito mais poderosa que a anterior.
        Na Xbox/ps2 para ps3/xbox60 já começaram a usar os mesmos motores e tanto fifa e pes eram pouco diferentes no inicio.
        Claro que assim que fizeram de raiz o jogo melhorou, mas a diversidade ai parou fazendo excertos a pixeis refinar a jogabilidade e actualização de informação, mas sempre sem inovar o motor por completo.
        Hoje mantenho a psx a ps3 e a X360 e claro que já joguei numa One e na Ps4 e dou conta que realmente os jogos a solo estão a perder espaço e aposta clara é online e remasters, a maior parte dos jogos são melhores graficamente mas não impressiona tanto como as anteriores mudanças e achei um leque bem mais vazio tanto de empresas a lançar jogos novos, mas sim as mesmas a trazer mais sequelas do mesmo.
        O que quero dizer é que este titulo de futebol poderá ser bom ser programado de raiz para a consola eu defendo isso porque o mercado se não tivesse já ganho com toda a certeza ai isso não aconteceria como antes agora já que isso acontece não devemos estar impressionados com imagens imóveis ou vídeos de apresentação, pois isso é irrelevante o jogo vale sim por se jogar e sentir o jogo.
        Infelizmente só existe a EA e a Konami a lançar jogos de futebol e antes havia muito mais concorrência e foi graças a ela que eles se diferenciaram deles mas no momento isso já não acontece e ficamos limitados a essas duas dai ser crucial quando se fixar uma critica fazer comparação não só ao rival mas sim ao anterior que foi feito e ai encontramos muitas desilusões e falta de empenho por não ser realmente diferente do anterior.

        Faltaria me acrescentar inúmeras situações e não só mas penso que me fiz entender e sim sem duvida que os gráficos agora conseguem camuflar um mau jogo, mas se há jogos que realmente tem um modo carreira real sao os de futebol apesar de achar estranho como é que a nossa liga es´ta tão mal representada até o sencible soccer 2006 tem a segunda liga tudo direitinho 😉

        Desculpa este testamento, mas tinha que ser ,grande abraço e alguma duvida responderei sempre que aqui vier!

        • Paulo Silva says:

          Obrigado Go. É sempre bom ouvir (neste caso, ler) palavras de, quem sabe o que diz e que em simultâneo também se sabe pronunciar!

          Realmente a indústria, com a urgência de lançar todos os anos produtos novos (independentemente de serem efectivamente novos) acaba muitas vezes por lançar para o mercado, actualizações … ou camuflagens de jogos novos.
          Há quem diga que é o mercado …

          Obrigado e abraço!

          • Go says:

            Peço desculpa é a falta de pontuação e os erros ortográficos, mas escrever no telemóvel numa caixa de texto minúscula enquanto se trabalha é muito complicado 😉

            O mercado sem dúvida que está saudável mas é como tudo na vida nesta altura do campeonato o marketing e Merchandising agressivo está saudável com lucros bem altos, mas penso que tal como na Europa o capitalismo está em profundo colapso, a industria dos jogos terá também ela que a curto prazo mudar de rumo a não ser que a gente feixe os olhos ao passado…

            Grande abraço Paulo Silva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.