Spotify passou a barreira dos 50 milhões de utilizadores


Destaques PPLWARE

29 Respostas

  1. Alvim says:

    Agora celebrem isso com uma aplicação mobile decente.

    • Goncalo says:

      Concordo. A aplicacao do Spotify ainda tem muito que andar para ser fiavel. Cancelei a minha subscricao porque ja estava farto que a musica parasse e a aplicacao se fechasse de vez em quando. A aplicacao para Smart TV Android nao passa de uma anedota de mau gosto, muito fraca mesmo.

      • Marco says:

        Para IOS isso nunca acontece…mas isso sao problemas tipicos do android infelizmente.

        • Marco says:

          Pois a mim que tenho subscrição e android nunca aconteceu….nao me quer parecer que seja problema da aplicação mas sim do tlm. Ja no iphone da esposa nem sempre faz login….mas isso sao problemas típicos de IOS infelizmente.

      • Alvim says:

        Não me refiro a problemas desse género. Isso pode ser to telemóvel em si. Refiro-me a UX, por exemplo. Quando entro no carro, só os passos para ir à minha playlist e fazer shuffle… E, no android, como uso o Tasker para fazer auto-play quando ligo o bluetooth, sem ligação à internet nem o deixa fazer mesmo tendo as musicas offline.

  2. rfonz says:

    O grande trunfo do spotify é permitir escutar musica de forma gratuita com os anúncios, uma pessoa começa a gostar, o que leva a pagar subscrição. Alias eu sempre fiz download ilegal de musica da internet, desde que saiu o spotify em portugal é raro e contam-se pelos dedos das mão as musicas que voltei a fazer download da internet. Penso que se um dia a netflix decidir implementar o mesmo modelo de negocio do spotify a pirataria poderia cair mais de 50%. Mas de todas as formas parabens ao spotify

  3. Luís says:

    Mas quem que paga para ouvir música no formato digital?!?!?!

  4. ze ninguem says:

    a minha e pirata e gratuita sou um Felizardo

    • APereira says:

      Nao desejo mal a ninguém, mas pessoas com esse tipo de comentários…

      Deviam pura e simplesmente chegar ao final do mes e nao serem pagos pelo seu trabalho e o teu patrao ainda te dar a folha de vencimento com valor Zero e uma nota a dizer “Trabalhas para mim deborla, sou um felizardo”.

      Por alguma razao te intitulas de Zé ninguém e pelo que parece disso nao irás passar.

    • Cortano says:

      Estes comentários não deviam ser aceites. Isto é gozar com os outros e gozar com quem trabalha

    • Diogo says:

      Parabéns, tu és o maior!

    • 111111a says:

      Não querendo concordar ou discordar com o comentario inicial, quero so dizer que acho piada aos paladinos todos que aqui vêm todos indignados, eles proprios se calhar (muito provavel) com coisas piratas no computador 😀

      • Nope says:

        No meu caso não sou paladino. É uma questão puramente prática ter as músicas sempre disponíveis em streaming. Além de, no caso das Apple Music (não difere por aí além do Spotify) com o “recomendado para si”, rádios e listas, acabo por conhecer músicas e artistas que não fazia nem ideia. Não se gosta …passa-se à frente. O streaming é outra música.

  5. Joao says:

    tesla model s/x tem isto à borla na europa.

  6. Marco says:

    O Spotify para mim é a app mais indispensável no smartphone. Desde que uso a versao premium nunca mais andei a transferir musicas de um lado para outro ou fazer downloads “ilegais”.
    Concordo que a app apesar de ter bastantes updates poderia levar com um facelift.

  7. Cortano says:

    Isto tem uma explicação muito rápida:
    Eles no final do ano passado ofereciam 3 meses por 99 centimos. Eu e uns milhões aderimos. Eu e uns milhões vamos deixar de aderir em final de Março

  8. 111111a says:

    é um bom serviço para quem gosta de coisas mais mainstream, mas ainda existe muita muita musica que o serviço não tem.

  9. Nope says:

    O Spotify em Junho tinha 30 milhões de pagantes e passou para 50 milhões? Bastante estranho.
    O mais certo é a explicação da subscrição do serviço pago – com oferta do período gratuito – e somam os pagantes com os do período gratuito.

    Um serviço que já percebi que torna dispensáveis o Spotify e o Apple Music pagos é o MEO.

    • Nope says:

      Já agora, tinha interesse comparar os “pagantes-pagantes” do Spotify com os pagantes da Apple Music (20 milhões em Dezembro).

    • Vítor M. says:

      Isto é o que eles dizem: Para chegar a estes 50 milhões de utilizadores pagantes, o Spotify cresceu de forma expressiva. Em março do ano passado o Spotify indicou ter 30 milhões de utilizadores e em Setembro comunicou tinha 40 milhões.

      Portanto, há um ano atrás tinham 30 milhões, hoje têm 50 milhões. Boa taxa de crescimento.

  10. Delta says:

    Os iFãs que pensavam que a esta hora já não existiria Spotify a espumarem-se todos…

    • José Rodrigues says:

      Para quem tem música própria já comprada o iTunes Match não tem rival, de resto o Spotify está uns furos acima, até porque tem mais escolha.
      Para mim deveria ter ainda mais escolha e já devia cá estar fora o streaming lossless que já tarda, com isto o Tidal anda a comer fatia de mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.