Sabe o que é e para que serve uma VPN?


Destaques PPLWARE

43 Respostas

  1. Miguel Sousa says:

    Sim utilizo. Indispensável para utilização remota ao escritorio. Utilizamos Routers Draytek no nosso caso.

  2. Spoky says:

    Rir é quem usa serviços gratuitos como CyberGhost, hotspot shield, zenmate etc.. E diz que está anónimo e pensa que ninguém sabe o que ele faz

    Esse tipo de gente é que dá gozo… Pensarem que um serviço gratuito não guarda logs 😉

    Se querem privacidade e boas velocidades fujam das VPN Gratuitas, quem usa nem sabe o que está por detrás do negócio pois alguém tem de pagar os servidores… Então aquelas gratuitas e sem publicidade são ainda piores

  3. ARod says:

    Usei o Private Internet Access durante um ano, para quem está a começar serve bem pois é barato e muito fácil utilizar, cheguei a instalar nos pcs de familiares e eles até hoje ainda nem repararam, sendo para mim o único e grande senão o ser sediado no USA.
    Actualmente uso ProtonVPN pese embora ainda tenha muitos glitches a nível de interface, apoio a equipa Proton.

    • Spoky says:

      O PIA já provou não guardar logs em Tribunal pesquisa no torrentfrrak

      IPVanish, NordVPN são excelentes também e o ipredator.se (serviço de VPN do co fundador do piratebay)

  4. Joel Carneiro says:

    Eu uso a VPN da Faculdade para ter acesso a artigos e material de pesquisa

  5. retlaw1973 says:

    A VPN serve tb para eu poder utilizar o excelente BBC Iplayer em Portugal. Ligo-me a um servidor UK e já a bombar…

  6. Diesequan34 says:

    VPN é mandatory para aceder à deep web…

  7. Nuno Pereira says:

    Então e utilizando a pure VPN posso aceder ao catálogo Netflix dos usa ou é detectado como sendo uma VPN?

  8. Jorge says:

    Neste momento uso a VPNarea. Pesquisem … é muito boa. Relativamente á PureVPN é das piorsinhas que existem. Já usei e tem buracos por todo o lado. Não bloqueia webrtc automaticamente e nem ipv6. Não tem servidores de DNS proprios e nem mesmo de terceiros (daqueles que não guardam logs)…
    O VPNarea tem tudo isto e muito mais. Os utilizadores ARod e Spoky falaram de alguns bastante bons também.
    Façam as vossas pesquisas. Os serviçoes de VPN pagos não são todos bons.

  9. Pedro Fernando Luzolo says:

    VPN é muito bom para segurança na rede, para que uma empresa seja seguro a utilização de VPN é muito interessante.

  10. Shakan says:

    Estive a ver os serviços disponibilizados pelo PureVPN e parecem-me bastante completos. No entanto não consegui descobrir se os diferentes planos são multiplataforma e para quantos dispositivos dão ao mesmo tempo, ou seja, será que posso ter com a mesma conta 3 telemóveis e dois PC’s ligados ao mesmo tempo?

  11. Alberto Jesus says:

    Existem outras soluções que permitem a utilização de uma VPN, protecção de antivirus, firewall, etc. Para quem queira apenas um browser com essa funcionalidade pode experimentar o Opera.

  12. Néné says:

    Browser opera com vpn, simples e gratuíto

  13. Joao ptt says:

    Para quem está a utilizar VPN para simplesmente aceder à Internet, não se deve esquecer de utilizar uma firewall de software, já que a VPN ultrapassa as firewall’s físicas locais… muitos prestadores destes serviços alertam para isto.
    Na lista falta o: “Homem de negócios” porque este tipo de pessoas tendem a ser alvos de espionagem em algumas situações (banqueiros, indústria automóvel, indústria de aviação, indústria naval, etc.) e ter uma VPN SEMPRE activa pode realmente dificultar a espionagem tanto em redes locais como até feitas no operador local.

    Uma VPN ser partilhada e gratuita não têm de ser necessariamente má! Já identifiquei uma VPN que é gerida por uma empresa de segurança física (alarmes, vigilância, etc.)… parece-me simples encontrar uma explicação para isto: se muitas pessoas não clientes estiverem ligadas ao mesmo servidor VPN partilhado que os seus clientes torna-se mais difícil identificar os seus clientes VIP e assim mantê-los mais seguros na Internet quando ter algum anonimato é importante para os mesmos.
    Naturalmente que o caso acima da empresa de segurança não é certamente o caso da maioria dos serviços VPN gratuitos, e até porque a empresa que refiro acima não fornece programas mas apenas os ficheiros “ovpn” para as pessoas se ligarem por programas à sua escolha que suportem OpenVPN.

    Embora existam diversos tipos de VPN’s as mais seguras utilizam o OpenVPN, mas mesmo nessas já tenho reparado que muitos prestadores não tomam as medidas mínimas necessárias para prevenir ataques simples, coisas como: proteger o canal de dados e o canal de controlo com cifragem; colocar um algoritmo seguro de autenticação; verificar que o certificado do servidor é mesmo o correcto; não bloquear DNS exterior à VPN; não utilizar a versão mais recente TLS 1.2; não se ligarem ao servidor remoto por endereço IP; não bloquear ligações IPv6 ou melhor ainda não fornecerem endereçamento IPv6.

    Normalmente quantos mais anos tem o operador de VPN pior tende a ser a sua segurança, infelizmente, pelo que tenho visto, com poucas excepções… e normalmente as poucas excepções são fáceis de identificar porque eles fazem questão de anunciar todos os novos métodos de segurança introduzidos e alguns vão até mais longe ao ponto de tomarem medidas para prevenir que os web sites e outros consigam identificar facilmente que se trata de uma ligação VPN só pela análise do tipo de ligação (útil para prevenir que certos web sites bloqueiem a ligação e para prevenir que determinadas firewall’s empresariais/ governamentais bloqueiem a ligação).

    Como saber se o operador regista as ligações normalmente é mais simples do que muitos pensam, basta ler os termos e condições e ainda políticas de privacidade e de abuso… se em algum lugar disserem que podem bloqueá-lo se decidir utilizar o serviço para coisas erradas então é porque registam ou está num servidor só utilizado por si! Independentemente de dizerem que não registam… se o podem bloquear por utilizar o serviço para coisas erradas só existe essas duas hipóteses que é registá-lo ou estar num servidor dedicado só para si.

    Se utilizar um servidor VPN partilhado com mais utilizadores, tal serviço só será confiável se o prestador de serviços disser que como não têm como identificar os abusadores que a forma como respondem a avisos de abuso é bloqueando toda a gente nesse servidor VPN àquele serviço do qual receberam reclamação de utilização abusiva.

    É relativamente fácil de verificar se o operador toma as medidas mais simples de segurança ou não analisando por exemplo o ficheiro ovpn (para OpenVPN):

    block-outside-dns
    remote-cert-tls server
    remote-cert-eku “TLS Web Server Authentication”
    verify-x509-name vpn.yourbestvpn.example name
    tls-version-min 1.2
    tls-cipher TLS-DHE-RSA-WITH-AES-256-GCM-SHA384
    cipher AES-256-CBC
    auth SHA512

    Devem ainda ter:
    Uma chave “tls-auth” ou melhor ainda “tls-crypt”

    E as ligações ao servidor devem parecer-se mais com isto:
    remote 185.100.86.100 443 udp

    do que com isto:
    remote vpn.qualquercoisa.example 443 udp

  14. Lunatic says:

    Bom dia.

    Alguém sabe se é possível ter uma VPN para quem fizer mining com máquinas que trabalhem com o sistema EthOS?

  15. XYZ says:

    “Em traços gerais é criada uma “rede virtual” entre o nosso PC e a máquina de destino, sendo que todo o tráfego passa a ser cifrado ponto a ponto.”

    não é bem assim…
    é cifrado ponto a ponto se ambos os computadores tiverem a mesma VPN… caso contrario é cifrado até ao servidor da VPN, aí vira uma ligação normalissima como as outras…

  16. Bernardo Faustino says:

    o que acham do tunnel bear?

  17. PeterSnows says:

    Bom dia ando fora disto das vpns ha algum tempo.
    Comp+rei agora por 2 anos.
    Tenho algumas questoes em relacao ao PureVPN:
    – posso usar outro cliente, correcto openPVN, … ?
    – posso fazer split VPN ?
    – posso enviar so o trafego de uma dada app pelo OpenVPN ?

    Pedro

  18. Hefesto,o Grande says:

    Excelente artigo,Mário Sousa.É uma coisa que me interessa muito.Só queria perguntar ao autor ou a quem me possa dizer se existe alguma VPN sem ser paga(sem ser aquela da Hola).O meu muito obrigado. 🙂

  19. Alexandre Duarte says:

    já usei a Astrill agora estou a usar a IPVanish

  20. Zinco says:

    A PureVPN enquadra-se no conceito de VPN’s ?! Parece-me mais uma coisa tipo TOR.

  21. Informático Amador says:

    A PureVPN parece funcionar bem em Windows e em Android. Já em Linux Mint… Não funciona tão bem. Apesar de ter seguido o guia deles, passo a passo, a PureVPN PPTP nunca funcionou. Configurei uma PureVPN OpenVPN e essa já deu, mas à noite praticamente é impossivel ligar e em termos de P2P é inutil. Eu pelo menos não consegui por o qbittorrent a funcionar, nem de dia nem de noite. Falo em termos de Linux Mint. Posso ter escolhido mal o servidor, não sei, sou um bocado novato nisto das VPN’s. Bom 2018 para todos

  22. Severus says:

    Desaconselho o uso do PureVPN, é de uma empresa da China, e muitos servidores que tem são virtuais e nao se localizam nesses mesmos locais.
    Aconselho entretanto, AzireVPN, e Windscribe. Isso sim, simples e eficaz.

    • Severus says:

      –Muitos servidores não são “reais”, apenas virtuais, o que abrandam, em muito a velocidade do download.

      Eu estou muito infeliz com essa empresa pois eu tenho uma conta vitalicia, e oferece velocidades muito pobrezinhas. Tive que mudar para windscribe.

  23. KI says:

    Uso a Windscribe paga, tendo comprado uma versão em promoção com assinatura lifetime. Tem servidor em PT e não sendo uma velocidade grande 60mb não me queixo. A nível de segurança não sei se é das melhores, mas deve ser pelo menos melhor do que não ter nada.
    Nunca li se guarda logs, se alguem tiver mais feedback que diga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.