Quantcast
PplWare Mobile

MB WAY: Burlas geram 388 queixas por mês na GNR e PSP

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Israel Carvalho says:

    para quem sabe trabalhar com estas coisas e façil . MB WAY nao e para toda a gente …..e o que tenho acrescentar como utilizador …

    • Gonçalo says:

      concordo, se não sabem não usem ou se não perguntem a alguem como usar é inacreditavel como é que há tanta gente a cair nisto. A burla é mais do que conhecida apanham alguem que nao percebe do assunto e no metodo de pagamento dizem para ir ao multibanco e meter o numero da outra pessoa ora no multibanco quando se vai aderir ao mbway diz claramente a letras vermelhas “NÃO COLOCAR O NUMERO DE OUTRA PESSOA” mas o tuga é burro ou não sabe ler ? acho incrivel haverem quase 400 queixas por mes

  2. Imf says:

    Espantoso… das 388 podemos a partida multiplicar por 5 ou 6 sem falhar muito.

    Porque por a nossa policia a preecher papelada, não é tarefa facil, a 1° resporta que vão ouvir ” oh minha senhora/senhor não podemos fazer nada”, a 2° que provavelmente vao ouvir sera ” você ate pode vir aqui apresentar queixa, mas isso nao vai dar em nada”, etc…

    Depois ha os mais brutos como eu, que quando tem de ir a esquadra, ( ja com a caso estudado), e começarem com essa lenga lenga, ouvirem uma respota do tipo ” eu nao quero saber da vossa opinião para nada, porque a vossa opinião não da em nada, a única coisa que eu quero é que façam o vosso trabalho”.
    Nesse momento vão todos ficar muitooo ofendidos, resposta ” mas vocês vão ou recusam se a fazee o vosso trabalho, nao tenho nem paciacia nem o dia todo para ouvir as vossas indignações”, nesto momento ja sabemos que vão nos dar uma seca e que para preencher uma folha vao demorar 1h ou mais…
    Mas acreditem que das proximas vezes eles vão ser mais eficientes.
    Se começarem com tentativas de intimidação ou algo do genero, é sair e apresentar queixa dos mesmo!!!
    São todos muito peito inchado e com muita falata de vontade de trabalhar, mas temos de demostrar que eles trabalham para a população e nao ao contrário.

    • B@rão Vermelho says:

      @Imf, não sei a que esquadra de policia vai, mas deve mesmo ter azar, frequentei uma esquadra de policia durante 14 e nunca tratei ninguém assim, nem vi ninguém a ser assim tratado, entristece-me saber que há agentes assim, infelizmente por motivos de saúde, r o meu caminho tomou outro rumo, e choca-me saber que pode haver agentes assim.

      • Imf says:

        Realmente é chocante, normalmente uma pessoa so se apercebe desta realidade quando tem de ir la por algum motivo.

        Desde: ” isso o melhor é ir reportar a esquadra da rua área se residência ” ( carteira perdida)
        Quer dizer eu perco a carteira em Santarém mas vou reportar a almada, faz todo o sentido!!

        ” eu nao vi nada a acontecer ( eram logo 2), nao posso ser destemunha de algo que nao vi, e o meu destemunho nao serve de nada, é por experiência própria melhor provas fotográfica ”
        ” também nao lhe vou fazer aqui uma queixa de danos, va falar com o responsavel da obra, depois se quiser va a esquadra apresentar queixa”

        Os sr agentes estavam a vir do café , em direção a esquadra 15m, quando o meu carro ficou danificado por obras na estrada.

        ” esta aqui escrito, e aponta para a farda”
        Quando pedi para se identicar.
        ( deve ser isso que ele deve dizer ao juiz quando vai a tribunal haha)

        Haaa isto tudo PSP, a GNR nisso é muito mais acessível, nao tem tantas manias.

        Normalmente eles depois querem fazer a folha a um gajo, mas fica facil de lidar com eles quando fica tudo documentado e levam uma queixa de abuso de poder.
        Perdem logo aquela revolta toda e começam a ter respeito, coisa que sempre deviam ter tido por qualquer cidadão

  3. Guilherme Lino says:

    Não usem tecnologia por causa das burlas. Boa recomendação

  4. Carlos says:

    É simples de acabar com estas burlas, bastava o MB WAY só deixar associar o numero de telemóvel que estivesse autorizado na conta bancária.

  5. Str says:

    O MB WAY deixou de ter app para o Windows?

  6. Eu sei lá says:

    Não ê burla no MB Way é phishing a clientes do Novo Banco, noticiada recentemente.
    – Acede-se a uma página que não é a do Novo Banco
    – Pede uma fotografia do cartão de coordenadas e outros dados
    -Quem enviar é contactado por um suposto empregado do NB que diz: “Notámos um movimento suspeito na sua conta, estamos a tratar disso, não se preocupe”.
    O cliente fica tranquilo, quando repara tem a conta a zero.
    Muito cuidado com o phishing.

  7. Joao Ptt says:

    O MBWay deveria ser proibido pelo parlamento, até que a SIBS provasse, para além da dúvida razoável (ex.: através de testes psicológicos apropriados com pessoas de todas as idades e níveis de conhecimento) que o sistema está todo (desde a inscrição à utilização) concebido de tal maneira que ninguém poderá ser levado ao engano, mesmo quando exista alguém a tentar activamente enganá-lo(a)!

    A SIBS tem dinheiro, está na altura de deixarem de ser parvinhos e resolverem o problema de vez, em vez de culparem os utilizadores… que se existem tantos a serem enganados é porque o problema está no sistema e não nas pessoas.

    Isto faz lembrar aqueles “pontos negros” nas estradas onde parece existir dezenas de acidentes ao longos dos anos… claro, a culpa é dos condutores, mas quando alteram significativamente essa mesma zona para funcionar de forma diferente (ex: metem uma rotunda onde antes eram semáforos), e de repente deixam de existir acidentes…. se calhar o problema estava mesmo na infra-estrutura que estava mal concebida para os humanos que iam utilizá-la.

    • Manuel Costa says:

      Mas, a SIBS não pode obrigar alguém a ter 98000 horas de formação para aprender as coisas básicas sobre a app… já basta que 93% dos portugueses não são capazes de reconhecer mais de 10 siglas dos impostos e taxas, ainda pior quando nem sabem para que lado vai cada imposto (foi por isso que 63 membros do PSD e 19 do CDS, tiveram de doar 42000 euros a associações de ajuda animal, porque mentiram sobre o IMI), quanto mais saberem o porquê de uma app ou entenderem que nenhum banco lhes dá nada… sem pagarem.
      99% das burlas são feitas porque o cliente acredita que o banco lhes telefona e lhes paga para usarem o telemóvel, em troca de acabarem com tudo o que é caixa MB, pelas ruas.
      Se as pessoas pensassem que para vender algo é preciso alguém querer comprar… entendiam que não devem ir à caça dos “60000 milhões de euros que já ganhei nas criptomoedas tendo investido 500 euros” que um influencer diz que conseguiu, ao mesmo tempo que lhes cobra 200 euros por uma formação e recebe 25% do valor pago pelo interessado na primeira compra.

      • Joao Ptt says:

        A SIBS não é uma empresa a brincar, eles têm o dinheiro para fazer os testes de usabilidade, junto de grandes grupos de pessoas para ter a certeza que o processo ocorre de tal maneira que não há maneira de os burlões enganarem as pessoas.

        É o mínimo que se exige da SIBS é que tomem as medidas necessárias para garantir que as pessoas estão 100% conscientes do que estão a fazer e que quem as tiver a tentar enganar não o consegue por conta da forma como tudo está desenhado. É uma questão psicológica, têm de encontrar a maneira de parar as burlas! Já ocorrem há anos, e é indesculpável que não o façam. A SIBS têm o dinheiro para isso, não há desculpas.

  8. RatazanaDoPunjab says:

    A SIBBS não consegue impedir que um otário associe um número de telemóvel estranho à sua conta bancária.
    Da mesma forma que ninguém impede um tipo qualquer de mandar foto do cartão matriz e restantes dados para terceiros, sabendo que o banco numa pede fotos de nada.
    Há pessoas que pura e simplesmente não deviam usar meios digitais, ponto.
    Para certas pessoas, só ao balcão e mesmo assim não sei se seria eficaz… Mas ao menos ao balcão há recolha de imagens.
    Já daria para investigar melhor o sucedido..
    É o que é.

  9. Francisco says:

    O problema aqui é que vivemos num pais que qualquer pessoa pode ter quantos cartões de telefone quiser sem estarem registados. Enquanto isto não mudar vale tudo.
    Se cada cliente das operadoras fosse obrigado a registar os cartões de telefone com o CC as coisas mudavam logo de figura

  10. Mauro Costa says:

    MB Way tem um funcionamento pouco claro até par quem percebe de tecnologia. Qualquer pessoa que perceba pouco destas modernices, facilmente é “endrominado”. A melhor opção é sempre: não compreende em pleno a tecnologia e o seu funcionamento, não use. E mesmo assim… Eu já alvo dessa tentativa, do género: “-Você usa MBWay?” “Não, nunca usei…” “Não tem problema, eu explico-lhe…” e é aqui que muitos caiem, principalmente os utilizadores de netbanking e afins, que já ouviram falar do MBWay, mas nunca o utilizaram. Só ficam a saber que cairam na armadilha quando vão consultar o extrato bancário. Como já alguém aqui referiu, sim, o MBWay está muito mal desenhado por facilitar a fraude. A prova disso é a quantidade de denúncias, fora os casos que nem chegam a ser denunciados.

    • Vitolas says:

      O Mbway não esta mal desenhado, nem por sombras, agora, como qualquer ferramenta se não se souber usar existe o risco de correr mal mas como em tudo na vida não se consegue eliminar o factor risco, o que as pessoas têm de aprender é a usar as coisas como deve de ser, estar cientes que tudo na vida envolve risco e não estar só a espera que as coisas corram mal para dizer que a culpa é de tudo e todos menos delas próprias.

    • Gonçalo says:

      Não, o MBWay está muito bem desenhado o problema não é com a app é com a burrice das pessoas primeiro as pessoas não vêm estas noticias todas? ou tambem é culpa da app nao verem as noticias depois quando vao ao multibanco para associar um numero diz em letras vermelhas “não associar o numero de outra pessoa” as coisas sao claras as pessoas sao enganadas porque queres ou tambem é culpa da app as pessoas nao saberem ler ? o principio é basico associar um numero de telemovel a um cartao de mutibanco

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.