Quantcast
PplWare Mobile

AUTOvoucher: Desconto de 10 cêntimos por litro de combustível

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Ze says:

    Nao vejo nada….é areias que me atiraram aos olhos….quem fez isso? Quem? Malandros.

  2. Mitra says:

    Por família, só nos postos aderentes, máximo 5€ por mês.

    Met@m isso num sitio que eu sei, este governo goza forte e feio com o tuga que adora de ter areia nos olhos…

  3. Fernando Jorge says:

    Mais um joguinho, estilo jogos de aventura, para se conseguir reaver algum dinheiro que o estado nos leva…

  4. Carlos Silva says:

    E quem não aderir, o valor vai para benefício do IRS como o IVAucher? Isso é que ainda ninguém soube explicar.

  5. lopes says:

    ainda à pouco fui ali à bomba do hiper e já tinha desconto muito maior que os 10ct sem andar com esses estratagemas da treta.

    • Zé Fonseca A. says:

      E em vez de combustivel a sério puseste combustivel simples e cheio de agua.

      • Test User says:

        Vem todos da mesmas refinarias. Se têm aditivos ou não e se compensa, isso é outra discussão.

        São dois modelos de negocio diferentes:
        Se vendes mais, podes comprar mais barato.
        Se optares vender por margens mais altas porque vais vender mais barato

        • Zé Fonseca A. says:

          A questão não é onde são refinados mas sim o que os postos lhes metem em cima.
          O que não falta é misturas com água ou biocombustíveis.

          • Mais1ComentarioCensurado says:

            A agua não se mistura com o combustivel lolol

          • Zé Fonseca A. says:

            É isso, vai lá então ver quantos postos não são fechados por venderem combustivel misturado com agua e isso danificar motores ou ser apanhado em inspecções. Maioria são alves bandeira ou de super mercado.

          • Ricardo Silva says:

            Isso é treta. A diferença é que os da Galp e afins trazem aditivos e outras €@#_leirises. De resto é combustivel na mesma. Eles têm que cumprir normas no que concerne o combustível que comprarm e vendem.

            Coloco combustível “low cost” à mais de 20 anos do mesmo local em dois carros e uma moto (gasolina e gasóleo) e nunca tive um único problema.

            Tretas.

      • Mitra says:

        Não percebo a mais de 25 anos a colocar combustível do mais barato, desses do hipermercado e os carros andam bem, um deles já tem 220K sempre desse tipo de combustível.
        Na volta é o mesmo que tu pagas mais caro 🙂

        • Há cada gajo says:

          Nem todos tem a mesma experiencia que a tua com combustíveis low-cost.

          • Ricardo Silva says:

            Não de facto. Faço o mesmo à mais de 20 anos e um dos veiculos que aqui tenho conta com 317 mil quilometros. Um pouqinho mais ainda que os 220 mil de facto. Problemas relacionados com o combustível? = 0

            O combustível é igual. Os da Galp e afins levam uns aditivos mais para justificar o roubo and that’s it.

        • Ze says:

          É tipo apple vs outras marcas, todos fazem o mesmo, mas ha quem queira pagar mais pelo mesmo

        • Zé Fonseca A. says:

          Experimenta ter um carro com 3000 cc de cilindrada e vai meter gasóleo simples, nos meus carros nem simples nem “normal”, é sempre o combustível com mais octanas, não só faço mais kms como tenho maior rendimento do motor e o estimo mais.
          Ainda no fim de semana atestei e foram 115€, não me faz diferença o preço do combustível, dás-me diferença produtos de qualidade inferior, poupar não é a minha cena.

          • Sortudo says:

            Tenho um e320 de 2005 3200cc com 523 mil KM sempre com combustivel low-cost.
            E tenho um astra 1.7 125cv de 2007 com 403 mil Km sempre com combustiveis low-cost.
            Além disso temos empresa cá em casa com carrinhas de trabalho (5) e é sempre low-cost, até ver não tive problemas.

            Nunca levaram nada a nao ser material de desgaste (pneus, suspensão, etc) em ambos os casos.

          • Ricardo Silva says:

            Que confusão aí vai.

            Colocas o combustível que for recomendado para o motor em questão. Ponto. Não adianta colocares “mais octanas” num motor cuja compressão não faça uso dessa especificidade. Assim como não vais ter mais rendimento com combustível “98”num motor que leve “95” com recomendação do fabricante.

            Essas cabecinhas andam todas baralhadas e depois dizem asneiras…

      • Zed says:

        Ahahah! Mostra aí os resultados das análises que fizeste aos combustíveis. Ou então mostra aí as irregularidades já detectadas pela ASAE ou por quem seja.

        • Hugo says:

          A verdade é que os motores mais antigos queimam qualquer coisa sem problemas, daí talvez ele não notar. Acontece-me o mesmo e enquanto puder mantenho-me com carros mais antigos. Para as volto hás é só vantagens.

      • eu says:

        Se vem cheio de água então o problema é do tubo da refinaria de Sines que é exatamente o mesmo que enche o auto-tanque para a todas as gasolineiras. O que muda é o aditivo que é injetado aquando do enchimento. E que pelos testes feitos nem justificam assim tanto o preço.

      • lopes says:

        Pois é mas o que é certo que estou farto de fazer km’s e nunca fiquei a pé.

        Se o combustível vem todo do mesmo local não sei para quê esse comentário, só revela desconhecimento na matéria, mas pronto se gostas de pagar premium só porque sim é porque podes, logo, não precisas de descontos, até te podem cobrar 1000€ o litro, é te igual.

        • Zé Fonseca A. says:

          Cerveja e refrigerantes também são todos feitos em 2/3 fábricas nacionais, mais de 70 marcas diferentes, quer isso dizer que é tudo o mesmo? Devo inclusive dizer-te que não muda apenas o aditivo, são linhas de refino diferente e tipicamente para os combustíveis não aditivados são usados crudes mais grossos e mais arenosos e por isso com menor qualidade pós refino.

  6. Samuel MGor says:

    Estes partidos e governo só sabem atirar areia para os olhos dos portugueses!! O problema é que não existe ninguém que os pare!!

  7. JPSOC says:

    …e o desconto vai para o NIF associado ao cartão bancário utilizado para a compra, tal como está na FAQ deles.. quem não tenha um cartão bancário (contas conjuntas apenas com um MB, para poupar custos), não pode beneficiar (confirmado por um pedido de esclarecimento).

  8. David Guerreiro says:

    Sabem que país é que tem vouchers para tudo? A Venezuela… São vouchers para alimentação, são vouchers para medicamentos, etc. Para lá caminhamos…

    • Há cada gajo says:

      Sim, isto está mesmo muito parecido com a Venezuela. Há com cada comparação…

      • Sujeito says:

        Portanto, tens uns gajos à tua frente a serem comidos por crododilos. E a tua justificação para continuar no mesmo caminho é de que aconteceu aos outros, que são completamente diferentes de ti. Exceto que estás a caminhar atrás deles.

        Boa lógica sim.

  9. Pedro says:

    Aqui se vê a forma de gestão do nosso governo.
    Numa noticia temos “Lisboa investiu 2,142 milhões de euros na aquisição de 41 radares de controlo de velocidade de veículos”… na outra o governo está disposto a dar uma esmola de 10 centimos por litro até um máximo de 50 litros por mês… isso dá quanto? 5 euros por mês durante 3 ou 4 meses… Em França dão vales de 100 euros por condutor… enfim…

    • Sujeito says:

      Querer *mais* subsídios é o que engata isto tudo.

      A ideia é não querer nem precisar de subsídios alguns e não reconhecer o papá Estado de estocolmo.

  10. . says:

    Na minha modesta opiniao O Estado erra quando obriga o povo a efectuar um contrato com uma entidade privada para exercer um direito ou dever…

    No caso temos que gastar N em telecomunicações e mais N no hardware …

    Em ambos estamos a enviar dinheiro para os offshores …

    Depois temos mais impostos e menos de tudo…

    Parece que as politicas abusivas e praticas abusivas e injustas vem de quem as devia combater.

    Se evoluir é isto vou ali e nao volto.

    • Sujeito says:

      Parece que vem de quem as devia combater? Não parece não senhor. É mesmo.

      Basta veres os donos e a quem têm dever fiduciário. É só fazer as contas.

      As pessoas é que acreditam que não pode ser. Isso é só uma crença. Essa sim, é a verdadeira religião do negacionismo.

  11. Luís Costa says:

    5€ em 50L por mês? uau estou maravilhado! Na Repsol tenho desconto de 0.12€ por L sempre que eu quiser, estes querem dar uma esmola para alegrar o povo a ver se votam neles.. e assim vai Portugal, a Venezuela e Cuba também tem destes tipos de “Vaucher”

  12. Ricardo says:

    Entretanto se és um profissional com empresa ficas só a olhar e a pagar sem este desconto de treta.

    Este governo mete nojo.

  13. Zed says:

    Areia para os olhos dos palerminhas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.