Quantcast
PplWare Mobile

Youtube vai transmitir desportos em directo

                                    
                                

Autor: João Campinhos


  1. Leonardo says:

    Tomara que chegue ao futebol e acabem com monopolio da sportv…

    • Tiago Sá says:

      Eu já acabei com ele há muito tempo, não vejo e ponto final.

      E isso e formula 1. Eu cá é tudo sacadinho da net que é uma beleza.

      E já agora, o YouTube não deve andar muito mal (e escreve-se com o T maiúsculo!!!) porque para o ano vai patrocinar uma equipa de formula 1 com muitos milhões. Se calhar isso até tem a ver com esta cena dos desportos, não sei.

      • Jorge Rodrigues says:

        ahm de onde é que vês a F1 ? é que eu sigo no site oficial, não ando com pachorra pra largar 30 euros para a sport tv.

        • BlinZK says:

          Ouvi dizer que por aqui és capaz de te safar 😉
          http://www.myp2p.eu/

        • BlinZK says:

          www myp2p eu

        • Tiago Sá says:

          @ Jorge Rodrigues
          Eu saco por torrent, cobertura de BBC, e vejo as practice sessions de sexta e de sábado, qualificação e tudo, tudo tal e qual como na BBC. É mesmo altamente! E quinhentas vezes melhor que a porcaria da SportTV. Tem grid walk e o carago, o Eddie Jordan, David Coulthard, Martin Brundle e uma equipa espetacular. Dá para sacar as corridas todas se quiseres ver agora. É só procurar no pirate bay ou assim.

          Tem um inconveniente: as torrents saem cerca de 5 a 8 horas depois do evento. Mas isso não é problema para mim porque não há pressa nenhuma de ver bom desporto. E claro, tem os convenientes todos de poderes andar para a frente como quiser e saltar as partes chatas, poderes ver quando quiseres e por aí fora. Para mim não há nada melhor.

          E a SportTV que se cuide! Porque mesmo que não houvesse estas torrents eu nunca pagava dinheiro para ver F1. Passo muito bem sem ver, muito obrigado. Onde é que já se viu pagar dinheiro para perder tempo a ver televisão?! Ao dinheiro que gastava na sportTV apanhava o autocarro e ia ver a corrida a Valência ou os treinos ao Jerez! Já viste?!

          São tolos os gajos!

          É como comprar telemóveis de 500€! Por esse dinheiro vou de férias para o Hawaii!

  2. João Henriques says:

    que óptima notícia!

  3. Ele Diz says:

    É mais um passo para encurtar o espaço que separa a televisão deste tipo de site de vídeos.
    As televisões tentam captar visitas com vídeos, estes tentam captar visitas com televisão…
    Está visto que a aposta a fazer é num conceito híbrido…

  4. DoContra says:

    Se transmitissem as corridas do Campeonato do Mundo de Fórmula 1 é que era uma grande ideia! Mas duvido muito. Há tanto dinheiro e interesses comerciais por trás… 🙁

    • Fernando Jorge says:

      Foi exactamente o que eu pensei!!!! 😀

    • FuhFuh MacMoragh says:

      A Sporttv tem direito sobre a Formula 1 em Portugal, por isso não me cheira (pelo menos em Portugal)

    • Lu Parhan says:

      No Brasil a F1 é transmitida pela Globo em sinal aberto. Deve dar para assistir aí. Só precisa de paciência pra suportar o Galvão Bueno narrando!

      • DoContra says:

        Aqui os operadores de cabo são uns F&%$%$#!!

        Até recebem o sinal de outras TVs (lembro-me, por exemplo, do caso da RTL) que emitem F1 em sinal aberto. Mas curiosamente (coincidências do caraças!!!) quando há corridas o sinal desses canais “cai” misteriosamente!

        Neste momento tenho ZON (tinha TvTel que estes compraram) e a RTL é sempre sinal aberto excepto… quando não transmite Fórmula 1!

        Estranho, não é? Ainda pensei em reclamar, pois eu PAGO para ver TODOS os canais QUANDO me apetecer, mas para quê? Ainda recebo alguma carta de algum Oliveira mal disposto. E não me refiro ao falecido de Santa Comba Dão… 😉

  5. Era bom que chega-se ao futebol e que toda a gente tivesse livre acesso a ver pois acho que todos temos direito a tal… Acho um abuso ter de pagar tanto pela sporttv

    cumps

  6. Paulo Silva says:

    É uma opção estratégica interessante e bem pensada.

    Optando por um desporto importante para uma das maiores comunidades do Mundo (actualmente presente em todos os continentes do Globo), o Youtube consegue também, além da notoriedade óbvia, um grande número de acessos e interessados que por arrasto talvez atraiam mais e novos patrocínios, conforme afirmado no texto.
    Com esse eventual aumento de capital injectado na Companhia (se as coisas correrem bem), talvez consigam reequilibrar a balança financeira (conforme no post, está francamente mal) a seu favor, e conseguir competir com as cadeias de TV pelos campeonatos mais importantes e mediáticos dos restantes desportos.

    É um passo em frente sim senhor, a ver vamos se bem-sucedido.

    E vai contribuir, sem dúvida para a evolução da Internet como Meio de Comunicação de ainda maior relevo.

  7. Bónus says:

    Era excelente que transmitissem F1 e motoGP, para acabar com a chulisse da SportTV.

  8. Ryan says:

    Nos desportos americanos tudo bem vai ter sucesso chega-se a Europa e vao ver como sera com o futebol. Sempre a mesma coisa. Os canais pagos vao fazer o habitual lobby para continuarem com a sua galinha dos ovos de ouro. Obviamente eu faria o mesmo se fosse homem de negocios. Mas como sou apenas utilizador posso continuar a sonhar para ver futebol e outros desportos mediaticos na internet sem ter de ser de uma forma alternativa…

  9. Tuga says:

    Acho que o início deste post é enganatório. O sucesso da transmissão do concerto dos U2 deveu-se essencialmente à Akamai, pois o Youtube não tinha, nem tem, capacidade para fazer streaming em massa como o concerto dos U2.

    Quanto ao streaming dos jogos de Críquete, a audiência será claramente inferior e, mesmo assim, não acredito que o façam sem recorrer a uma CDN tipo Akamai ou Conviva, ou seja, O Youtube/Google tb vai pagar para o fazer…

  10. a Friend® says:

    Por eles transmitem tudo… o problema está nos países que recebem as emissões, ou seja, cá.. já sabem.

    Querem um conselho? Boitote à SportTV.. 😆

  11. Fábio Maia says:

    Meu deus, isto era lindo! Era logo adeus à SportTV. Mas penso que ainda demore uns meses até chegar a Portugal, e transmitir jogos portugueses.

    • darth_paul says:

      meses? anos, ou ate nunca. nao interessa à sporttv vender pay-per-views (pagar-so-pelo-que-se-ve), mas sim vender o pacote inteiro, que neste momento é 1 mes inteiro 😛 esquece, vais la so por torrents ou streaming

  12. Fernando Pinto says:

    Esta malta quer tudo de graça e à borla.

    Para aqueles que trabalham por contra de outrem, se calhar os vossos patrões pensam o mesmo. E que tal não vos pagar o salário? Trabalhem de graça.

    O que precisámos é de concorrência, não é esse pensamento de tudo à borlix.

    • darh_paul says:

      pois… dai ter mencionado pay-per-view, que seria o mais justo (so se paga o que se quer). obviamente que não é expectavel que as coisas sejam a borla… so que tambem nao sejam um roubo.

      • Tiago Sá says:

        Não é expectável? Tem muita lógica de mercado! Quanto mais pessoas a ver, mais lucros há para as empresas patrocinadoras da formula 1, e mais lucros para a publicidade incluída nos programas (se alguma). Se for a pagar, há menos pessoas a ver, e numa sociedade em que cada vez mais se acentua a diferença entre os pobres e os ricos, é do interesse deles fazer com que os pobres paguem sem que lhes saia do bolso, porque se for sós os ricos a pagar, já são muito poucos para sustentar o negócio.

        Ou podem ser.

  13. Tiseac says:

    Uma proposta interessante mas resta saber a qualidade da transmissão…
    Terá opção HD como os novos videos do YouTube?
    Isso era fantastico

  14. Era bom sim que transmitissem todos os desportos e mais alguns mesmo os mais parvos que haja há sempre alguém que gosta e a net sempre mesmo para agradar a todos há sempre algo para ver na net que alguém goste eu por exemplo gostava que passagem campeonatos de ginástica que existe uma cobertura de outras de competições menores que são bem interessantes e tem pouca visibilidade era tudo isso de valor e iria criar emprego a muita gente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.